• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Antigo_Scrum
 

Antigo_Scrum

on

  • 826 views

trabalho de engenharia de software, 3o semestre de sistemas de informação na unifra, 1o semestre de 2007

trabalho de engenharia de software, 3o semestre de sistemas de informação na unifra, 1o semestre de 2007

Statistics

Views

Total Views
826
Views on SlideShare
824
Embed Views
2

Actions

Likes
0
Downloads
5
Comments
0

2 Embeds 2

http://www.slideshare.net 1
http://www.linkedin.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Antigo_Scrum Antigo_Scrum Presentation Transcript

    • SCRUM
    • Uma Introdução O Scrum é baseado no que se chama de Sprint, um esforço concentrado por um período de 30 dias, buscando alcançar metas pré-fixadas.
    • O Dono do Produto (Product Owner) compila todas as mudanças planejadas para o produto e prioriza as possíveis funcionalidades. O resultado do trabalho do Dono do Produto é o Backlog do Produto (Product Backlog) – uma lista de afazeres que é constantemente repriorizada. Antes de cada Sprint, as tarefas de maior prioridade são transferidas para o Backlog do Sprint (Sprint Backlog). Juntos com o usuário, os membros do projeto formam um Time do Scrum (Scrum Team), composto de 5-9 pessoas. Durantes as discussões com o Dono do Produto, as metas do Sprint são determinadas e as funcionalidades prioritárias são divididas em tarefas detalhadas. O time se auto-organiza e os membros tem uma responsabilidade conjunta pelos resultados. O Mestre do Scrum (Scrum Master) lidera o time de desenvolvimento, remove quaisquer impedimentos e constantemente trabalha para garantir que o time tenha as melhores condições possíveis para alcançar as metas fixadas em cada Sprint. Cada Sprint aumenta o valor de mercado do produto e adiciona novas funcionalidades e melhorias que podem ser entregues ao consumidor.
    • O Time do Scrum ... realiza o trabalho de solucionador de problemas e projetar. O time normalmente consiste de 5-9 pessoas – um tamanho que tanto experiência como pesquisa indicam ser o ideal para esse tipo de trabalho. Os membros do time decidem como o trabalho será organizado e como as tarefas serão distribuídas. Não existem papéis de projeto fixo – cada membro do time deve ser capaz de trocar as tarefas com outro membro do time. Naturalmente isso não impede que alguns membros sejam “experts” em suas áreas.
    • O Dono do Produto ... representa a voz do consumidor e garante que o time do Scrum trabalhe certo de acordo com uma perspectiva dos negócios. O Dono do Produto administra o Backlog do Produto, que é visível para toda a organização garantindo que todo mundo saiba o que esperar de novas atualizações do produto. O Dono do Produto é geramente um consumidor, mas ele também pode ser parte da organização interna. Esse papel requer um conhecimento avançado sobre processos de engenharia, marketing e negócios.
    • O Mestre do Scrum ... é uma combinação de técnico, zelador e porteiro. O Mestre do Scrum se encontra com o time todo dia em reuniões rápidas, chamadas Scrums Diárias. Quando alguém de fora do projeto tem alguma coisa a discutir com os membros do projeto, é responsabilidade do Mestre do Scrum assegurar que os programadores sejam aborrecidos o menos possível em suas tarefas. O Mestre do Scrum sempre adota uma perspectiva de trabalho “aqui-e-agora”. O foco é sempre prover os membros do time com as melhores condições possíveis para a realização de suas metas em cada Sprint. Após cada Sprint, o Mestre do Scrum realiza uma Reunião de Avaliação com os membros do time – chamada Retrospectiva do Sprint – durante a qual experiências e conclusões são trocadas entre os membros do time e o mestre do Scrum. O propósito de tais reuniões é elever o nível de conhecimento e motivação do time para o próximo Sprint.
    • Criando um Backlog O Dono do Produto compila todos os pedidos e especificações que são as bases de mudanças do produto, como novas funcionalidades e correções de bugs. Depois que os objetivos são definidos eles são quebrados em segmentos. Cada segmento deve em parte criar valor de negócio e em parte gerar um sub-produto. Uma lista priorizada é criada ao mesmo tempo – o Dono do Produto pessoalmente toma as decisões nesse ponto. Em que ordem as alterações devem ser feitas e entregues? O resultado é uma lista de afazeres organizada de acordo com as demandas do mercado e as exigências do cliente. Quando chega a hora de começar um novo Sprint, o Dono do Produto “congela” os itens do topo da lista e chama o time do Scrum para uma reunião.
    • A Fase do Sprint Dos 30 dias no calendário do Sprint, os primeiros são reservados para a criação de um Backlog do Sprint. Quando as tarefas e os tempos necessários são determinados, o Dono do Produto dá a largada para o desenvolvimento. A partir desse ponto, o time do Scrum trabalha a seu bel-prazer. Se o time estiver bem afinado, o trabalho será rápido e eficiente.
    • O Scrum Diário (Daily Scrum) Todo dia, no mesmo horário, o Mestre do Scrum e o Time tem uma breve reunião. O propósito é eliminar todos os impedimentos de tempo da equipe. Cada participante deve responder a três perguntas: •O que você fez desde a ultima reunião? •O que você vai fazer a partir de agora e até a próxima reunião? •Existe alguma coisa que o impeça de fazer o que você planejou? As primeiras duas questões dão aos participantes da reunião conhecimento sobre como o projeto está progredindo. A terceira questão prove uma base para a resolução de problemas – variando da troca de um mouse até trocar organizacionais na compania. Qualquer um pode estar presente na reunião, porém apenas o Mestre e os membros do Time podem falar.
    • Quadro de Acompanhamento Diário
    • Demonstração e Avaliação Todo o Sprint termina com uma demonstração na qual o software funcional é executado diante de um grupo maior consistido de, além do Dono do Produto, usuários e representantes da administração, por exemplo. Essa é a base para a Reunião de Avaliação que será realizada no bloco inicial do próximo Sprint.
    • Para saber mais • http://www.implementingscrum.com/ • http://www.scrumalliance.org/ • http://www.crisp.se/henrik.kniberg/ScrumAndXp FromTheTrenches.pdf • http://video.google.co.uk/videoplay?docid=- 7230144396191025011