DIÁRIO DA REGIÃO                                                                                          Divulgação      ...
2A / Quarta-feira, 23 de novembro de 2011                                                                      OPINIÃO    ...
DIÁRIO DA REGIÃO                        Editor de Política: Alexandre Gama                                        alexandr...
4A / Quarta-feira, 23 de novembro de 2011                                                      POLÍTICA                   ...
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Jornal Diário da Região   23/11/2011
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Jornal Diário da Região 23/11/2011

6,143

Published on

Jornal Diário da Região 23/11/2011

Published in: News & Politics
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
6,143
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Jornal Diário da Região 23/11/2011"

  1. 1. DIÁRIO DA REGIÃO Divulgação www.sxc.hu/Divulgação Rio-pretense Divulgação Com show em Uso inadequado Rio Preto dia 9, faz concerto de forno de carreira ao Diário João Bosco & de violão no micro-ondas Vinícius falam da Carnegie Hall, pode prejudicar em Nova York a saúde VIDA & ARTE 1C VIDA & ARTE 3C VIDA & ARTE 5C FUNDADOR: Euphly Jalles N DIRETOR-PRESIDENTE: Norberto Buzzini Ano 62 Nº 17.726 N São José do Rio Preto N Quarta-feira, 23 de novembro de 2011 N R$ 2,00Vereadoressuspeitam ALA D A EXCLUSÃde corrupção V NA Ona Câmara Marco Rillo e Márcio Sem registro, 102 criançasSansão levantaram suspeitasde existência de um esquemade corrupção na Câmara deRio Preto com relação aosprojetos de inclusão de áreas da região sobrevivem semno perímetro urbano. A sus-peita é de que colegas rece-bam propina para aprovaras leis propostas. Pág. 4A acesso à saúde e à educaçãoCetesb multaPrefeitura porqueimada emponto de apoio A Prefeitura de Rio Pre-to foi multada em R$ 17.450por queimadas registradas Residentes em 97 municípios da região de Rio Preto - uma das mais ricas e desenvolvidas do País -, crianças de até dez anos são vítimas daem ponto de apoio munici- exclusão social imposta pela falta de certidão de nascimento. Sem o documento oficial, elas não existem para o Estado e não podem frequentarpal localizado próximo ao creches e escolas nem obter carteirinha de vacinação. "Elas só passam a existir depois do registro", diz o promotor Cláudio de Moraes Pág. 3Bquilômetro 444 da rodoviaWashington Luís. O mu-nicípio já havia sido adver-tido pela irregularidade emagosto deste ano. Pág. 3A Rio Preto conta Sergio Isso 22/11/2011Golpe de até com trêsR$ 100 mil novos reforçoscontra o Pasep Volante Rafael Rueda epõe 3 na cadeia meias Thiago Vieira e Cacique chegam para A Polícia Civil de Rio defender o Jacaré noPreto prendeu três pessoassuspeitas de sacar R$ 100 mil Paulista A-2 Pág. 9Ado Programa de Formação América trazdo Patrimônio do ServidorPúblico (Pasep) em todo o zagueiro doEstado, mediante fraude. Aquadrilha se passava pelos Vila Nova-GOtitulares das contas parasacar os valores. Pág. 1B Revelado pelo São PauloJustiça condena e com passagem pelaPrever a pagar Seleção Pré-Olímpica, MEDALHISTAS O guia Rogério, Ana Tércia e Claudiney Batista desembarcaram ontem no aeroporto de Álvaro deve chegar naR$ 27,2 mil Rio Preto com as medalhas que conquistaram nos Jogos Parapan-Americanos de Guadalajara Pág. 11A próxima semana Pág. 9Aa mototaxista Têxtil Abril vai PAC 2 concluiu Empresas do A Prever Assistência Fa-miliar, de Rio Preto, foi con- inaugurar loja 10% das obras Simples vãodenada a indenizar PedroÂngelo Santana Sobrinho em Rio Preto da ferrovia poder parcelarpor danos morais. Sobrinhoperdeu 20% da movimen- até o dia 15 Norte-Sul dívida tributáriatação do tornozelo esquerdoapós bater contra um FiatDoblò da empresa paradoem local irregular. Pág. 2B Pág. 7B Pág. 8A Pág. 7A 21.073 32 páginas TELEFONE PABX ASSINATURAS E ENTREGA (CAD) SUGESTÃO DE REPORTAGEM CADERNO CLASSIFICADOS 1.718 OFERTAS 2139-2000 TIRAGEMHOJE CLASSIFICADOS exemplares, 2139-2010 PUBLICIDADE distribuídos em 2139-2046 (fonte: Google COBRANÇA (ASSINATURA) VEÍCULOS IMÓVEIS 2139-2020 Analytics) 960 mil 2139-2054 - 2139-2056 FILIADO AO IVC www.diariomotors.com.br www.diarioimoveis.com.br acessos/mês 2139-2040 88 munIcípios INSTITUTO VERIFICADOR DE CIRCULAÇÃO
  2. 2. 2A / Quarta-feira, 23 de novembro de 2011 OPINIÃO DIÁRIO DA REGIÃO DIÁRIO DA REGIÃO Noticiando ou comentando, nossa preocupação Diretora Superintendente: Rosana Polachini Editor-chefe: Fabrício Carareto ADMINISTRAÇÃO E REDAÇÃO Avenida João Batista Vetorazzo, 50 CEP: 15035-470 - Distrito Industrial IMPRESSO NA GRÁFICA DA REGIÃO Avenida Feliciano Salles Cunha, 1515 SUCURSAL SÃO PAULO Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 2373 Os artigos assinados representam a opinião dos autores. O ponto de vista do jornal é Editora-executiva: CEP: 15035-000 - Distrito Industrial São Paulo - SP -CEP: expresso nos editoriais. há de ser a verdade (Nº 1, Ano 1, 23/7/1950) Rita Magalhães São José do Rio Preto (SP) São José do Rio Preto (SP) O jornal publica textos 01441-002 Fone: (17) 2139-2000 Fone: (17) 2139-2069 Fone: (11) 3546-0300 das agências Estado, Diretor Presidente: Norberto Buzzini Globo e Associated Press Diretora Vice-Presidente: Neuza Castro Buzzinieditorial cartas do leitorA ditadura do crack Democracia Não se concebe a legalidade com a necessária presen- para tão pouca gente é no mínimo antiprofissional e desumano. Em poucos minutos todos os in- gressos estavam vendidos, o que pro- va que se o local fosse no estádio Pesquisa da Confederação Nacional dos Municí- chance de solução para o problema complexo sem a ça da Polícia Mili- Riopretão ou no Teixeirão teríamospios (CNM) revela que 102 cidades da região de Rio união de esforços de todos os poderes - Executivo, Le- tar, pois sempre são mais de 30 mil pessoas, (ou seja, 4 ve- possíveis outras for- zes o público do local escolhido). Po-Preto estão ameaçadas pelo crack. O levantamento ser- gislativo e Judiciário - e esferas públicas - município, mas para a manu- deriam guardar esta noite comove como alerta para os prefeitos, polícias Civil e Mili- Estado e União. tenção desse preceito tão importan- uma das mais inesquecíveis de suastar, Poder Judiciário e toda a sociedade, principal víti- Importante a iniciativa do CNM de desenvolver o te na democracia. Não cabe fiscali- vidas. Não acredito que os organiza-ma do fantasma do crack. Observatório do Crack, um dos maiores bancos de da- zação sobre atos democráticos pra- dores pensaram no lucro, pois em Apontada como a mais perversa de todas as drogas dos criados para monitorar o avanço da droga no País. ticados pela população. As UPPs um lugar grande o lucro seria maior.pela psicóloga Armida Rahd Ja- Como disse o presidente da CNM, são necessárias onde houver, com- Pior, não acredito que eles pensa- provadamente, o “Estado paralelo” ram no rei, pois o local comprovada-cob, devido ao baixo custo e fácil Paulo Ziulkoski, prefeitos devem (sempre administrado pelo narco- mente não tem acústica, e fazer oaquisição em qualquer canto da É preciso uma aproveitar os dados do diagnósti- tráfico) e não num campo universi- show lá será um risco desnecessário.cidade, o crack é ainda o princi- co para estruturar políticas públi- tário. Eventuais repressões de atos Espero que grandes shows ve-pal inimigo humano. O intenso ação integrada, cas e assim vencer a batalha contra ligados à livre expressão de ideias é nham sempre elevar o nome deprazer do primeiro trago é tam- o crack. “Isso é uma guerra. É pre- algo inaceitável. nossa cidade, mas que isso aconte-bém o primeiro passo para o de- uma estratégia de ciso uma ação integrada, uma es- Todo campus universitário deve ça com organizadores centrados e ser pensado como centro de excelên- patrocinadores inteligentes.clínio moral imposto pela droga. enfrentamento tratégia de enfrentamento. É isso cia em geração de ideias. Aliás, não Vavá Toledo, O desejo de consumo compul- que cobramos”, diz Ziulkoski.sivo do crack leva o usuário à per- contra o crack Uma das constatações impor- se lhe concebe tal excelência sem a ocorrência da liberdade, preceito Rio Pretoda da ética e dos padrões sociais e tantes do estudo é que mais da fundamental para a vida social. Co-ao inevitável mergulho no mundo da criminalidade. metade dos municípios da região não oferece ne- turno e liberdade de expressão não se encontram na mesma cartilha. PuniçãoPor uma ‘pedra’, o viciado não hesita em colocar a ca- nhum tipo de prevenção e de combate a essa droga. E Alfio Bogdan, As autoridadesbeça na guilhotina ao se endividar com traficantes, essa inércia permanece, em muitos casos, por total fal- Rio Preto do Rio de Janeiro,em se prostituir, manipular pessoas, furtar a própria ta de definição do que compete à União, aos Estados e paulatinamente, es-família, roubar e até matar o próximo para satisfazer a aos municípios na solução do problema. tão vencendo a bata-fissura que o corrói. Como mostra o Observatório, o crack avança em Agradecimento lha contra os bandi- O levantamento do CNM mostra que os proble- velocidade galopante na região. Medidas urgentes pre- dos e traficantes. Omas resultantes do consumo do crack abrangem to- cisam ser tomadas para que paremos de assistir, de Tivemos a grande honra de ver corretonãoéprendê- publicadas, na coluna In Memo- los, é fuzilá-los. Comdos os setores da sociedade: educação, saúde, seguran- mãos atadas, à vitória do tráfico sobre milhares de jo- riam (13/11), a foto e a vida do meu o mesmo empenho que combatem aça, assistência social. E não há como vislumbrar uma vens e adolescentes. marido Alfredo Najm, nosso gran- bandidagem deveriam combater de exemplo de dignidade, caráter, também os colarinhos brancos. amor e trabalho. Agradecemos pro- A revista Veja, edição 2240, es- fundamente a publicação e quere- creve que furtam do país R$ 850 mi-charge deu no Diário mos dizer ao dr. Norberto Buzzini, lhões anualmente. Além de invadi- a quem Alfredo tinha uma verdadei- rem as favelas cariocas, deveriam fa- ra amizade, grande admiração e esti- zer o mesmo nas câmaras munici- ma, que nós também somos seus ad- pais, assembleias legislativas, prefei- miradores. Que Deus sempre dê turas e no Congresso. Lá se encon- saúde e paz ao dr. Buzzini. tram os graúdos, que deveriam es- Yvette Wady tar nas penitenciárias. Furtam o Najm e família, país, nossos sonhos e o futuro de Rio Preto nossos filhos. Manoel de Souza, “Nestor de Matos Cunha assumiu Rio Preto ontem presidência da Cafealta”, Convênios é a manchete publicada pelo Diário da Região na edição do Em relação à matéria “Escânda- dia 2 de abril de 1969. lo das emendas e burocracia conge- Vagas lam verbas”, a Secretaria de Planeja- “Será criada em Rio Preto mento e Desenvolvimento Regio- Na edição do Diário de 22 de subdiretoria da Associação nal esclarece que o cronograma de novembro o vereador Jorge Abda- Brasileira de Alimentação Escolar”. assinatura de convênios entre o Go- nur volta a falar da lei municipal verno de São Paulo e os municípios 10.890, de 4/3/2011, de sua autoria. “Os longos dias da vingança” e paulistas segue trâmite normal. Foi importante que o nobre verea- “Maldição da caveira”, nos Neste ano, já foram realizados no dor tenha feito a referida lei para cinemas de Rio Preto. Palácio dos Bandeirantes cinco amenizar as dificuldades do defi- eventos nos dias 1º de agosto, 5 de ciente. Se o nobre vereador me per- “Seleção inicia preparativos hoje setembro, 7 e 26 de outubro e 3 de mite uma sugestão, convide para (jogadores se apresentam para novembro para a celebração dos uma reunião os responsáveis por amistoso contra o Peru)”, é o convênios. Somente no âmbito da shoppings, supermercados, e solici- destaque esportivo da edição. Secretaria de Planejamento e De- te a colaboração de todos. Quando senvolvimento Regional foram des- reclamei em um shopping, a respos- tinados neste ano R$ 4.546.703,46 ta que deram é que eles são obriga- para a região de Rio Preto. dos a disponibilizar as vagas, e queartigo Em relação as quatro demandas não são obrigados a fiscalizar. específicas da cidade de Rio Preto ci- Francisco Portilho Netto, tadas pela reportagem todas estão Rio Preto em fase de avaliação pela SecretariaAs três taças de água de Planejamento e Desenvolvimen- to Regional e seguem rito normal. José Roberto Amaral, assessor de imprensa da Secretaria de Planejamento e cartas As correspondências enviadas para■ Taça de água é como do fato de que, em outros tempos, fiz de- atravessa o cérebro: imagine se Deus Desenvolvimento Regional, São Paulo esta seção devem ter o nome legível la e de suas “irmãs” o meu referencial me passasse a tarefa de localizar, re- do autor, RG, foto, profissão, idadecostumo chamar um desses de localização espacial. gistrar e fiscalizar com paciência e e endereço e telefone para confirma-reservatórios de água que Subitamente reparo que os tran- precisão as pomposas taças de água? ção prévia. Para dar oportunidadesaciam a sede da população seuntes, além do andar apressado ou Certamente, eu estaria num sufoco Show a um maior número de leitores, lento demais, vão vendo vagamente para mapear seus “endereços”. as cartas poderão ser resumidas. outras coisas: as casas, os carros, as Entretanto, eu poderia começar con- Lamentável a Os originais não serão devolvidos.Sílvio José Ferreira de Souza pessoas. Enfim, toda essa parafernália tando que o melhor jeito de localizar al- organização do As cartas podem ser enviadas de cimento, ferro, fios e pedras que fa- go no globo terrestre é em termo daqui- show do rei Rober- da seguinte forma: Um amigo, que tam- zem as cidades, ou quem sabe, se ven- lo que chamamos coordenadas geográfi- to Carlos marcar co- 1) Pelo correio, endereçadas àbém faz sua caminhada do; mas só eu vejo a taça, e a sigo, cas. Acrescentaria, exemplificando, mo palco o Centro avenida Feliciano Salles Cunha,matinal, passa ao meu la- com meu passo fiel. que a coordenada geográfica mais famo- Regional de Even- 1.515 - CEP 15035-000,do. Bate-me nas costas, Há uns cem metros, eu a tenho no sa do Brasil é o cruzamento (em São tos. Com capacida- São José do Rio Preto-SPjá perguntando: “Olá, meu campo visual; antes, não sei. Por Paulo) das avenidas Ipiranga e São de para apenas 7 2) Entregues pessoalmente nocomo vai? O que você es- três vezes a perdi de vista, quando ela fi- João; que é típica coordenada geográfi- mil pessoas, a grandeza de um espe- endereço acimatá pensando assim tão cou atrás das árvores, dos telhados, dos ca onde temos a avenida São João como táculo assim mereceria palco maior. 3) Por fax - (0xx17) 2139-2090compenetradamente?”. edifícios. Mas esperei com toda paciên- latitude, pois está no sentido leste-oes- Com certeza esta será a última vez 4) Por e-mail, no seguinteLevei um grande susto, e tive receio cia que ela ressurgisse na minha frente, te, e como longitude a avenida Ipiran- que Roberto Carlos virá à nossa ci- endereço eletrônico:de dizer que estava olhando aquela ta- em sua forma de taça, de tulipa, de triân- ga, pois se encontra no sentido norte- dade e região, e proporcionar isso leitores@diarioweb.com.brça de água em frente - ele poderia che- gulo invertido. Mais uns passos, e a per- sul da cidade. Seria emocionante, masgar à sua casa e dizer: “encontrei o ami- derei de vista. Recordo-me que em ou- eu não seria objetivo.guinho na caminhada e pareceu-me tras épocas conseguia visualizar de uma Mas esta conversa de latitude e lon-que estava caçando taças”. Foi o que só vez as três. Hoje, porém, não mais. gitude, vocês compreendem, é paraimaginei naquele instante. Tive (por Elas se esconderam, atrás das grandes disfarçar a desilusão da minha alma erramosque não admitir?) certa vergonha em obras, que no meu julgamento falo pro- pela perda de mais um referencial: ocontar que estava pensando nas taças priamente mais de (des)obras, pois me sumiço das taças de água. Então, sóde água, sem nenhum objetivo lucrati- tiraram a visão das taças. Sim, era algu- resta-me informar-lhes que as três ta- ■ Diferentemente do que informou a reportagem “Bebêvo. Mas enquanto eu proseava com o ma coisa minha que não vejo mais - ças de água estão no mesmo lugar, abandonado deixa HB e vai para casa abrigo”, publicada na páginaamigo, distraí; e a taça se perdeu. mas como a lei não reconhece o direito quietas como crianças comportadas; 3B, edição de ontem, quem socorreu a criança no bairro Dom Ah! Este negócio de taça de água é de propriedade visual e sentimental, eu guardando com uma ritualística impe- Lafayette foi o Corpo de Bombeiros, e não o Samu.como costumo chamar um desses reser- digo apenas: que pena! cável a sua configuração triangular,vatórios de água que saciam a sede da Penso essas bobagens, enquanto ca- em suas respectivas distâncias. ■ Diferentemente do que foi publicado na página Diário Históriapopulação dessa cidade. Não consigo sa- minho. Infelizmente eu tenho essa ten- (Cidades, pág. 8 de 20/11), sob o título “Para a infância desprotegida”, ober em que reside para mim esta admira- dência compulsiva a imaginar coisas. ■ SÍLVIO JOSÉ FERREIRA DE SOUZA nome correto do construtor do Lar de Fátima é Jesus Vilanova Vidal.ção e respeito à sua beleza; talvez derive Por exemplo, veja a ideia que ora me Professor Unesp/Ibilce
  3. 3. DIÁRIO DA REGIÃO Editor de Política: Alexandre Gama alexandre.gama@diarioweb.com.br / 2139-2166 POLÍTICA Quarta-feira, 23 de novembro de 2011 / 3A■ CRIME - Punição foi imposta após seguidos casos de queimadas em ponto de apoio instalado no local Coluna do DiárioCetesb multa Prefeitura em Alexandre Gama APURAÇÃO JÁ!R$ 17 mil por dano ambiental Edvaldo Santos 22/11/2011 Graves e extremamente contundentes declarações dadas on- tem por pelo menos três vereadores e também pelo ex-prefei- to Liberato Caboclo em que sugeriram o pagamentos de van- tagens indevidas na votação de determinados projetos na Câ- mara de Rio Preto. Principalmente os relacionados à inclusão■ Meio Ambiente diz de áreas no perímetro urbano. Mesmo morto politicamente,que iniciou estudo Caboclo conhece os subterrâneos da política rio-pretense. Por isso afirmou ontem que os “reis magos” visitam a “presepa-para definir destino da” que é Câmara de Rio Preto todos os finais de ano para en-de galhos de árvores tregade“presentes” aos vereadores.Declaraçõesqueforamre- ferendadas por três vereadores, que durante a sessão ocupa-Rodrigo Lima ramatribunaparaacusar “corrupção”e “desplanejamentour-rodrigo.lima@diarioweb.com.br bano.” “Se não rola dinheiro nesse projeto, posso garantir que A Prefeitura de Rio Preto foi emoutrosrolou”, discursouMarcoRillo.“Essa questão dope-multada em R$ 17.450 pela Com- rímetro urbano está me assustando”, continuou Dinho Alah-panhia de Tecnologia de Sanea- mar (PPL). Até o governista Sansão se manifestou sobre o as-mento Ambiental (Cetesb) por sunto, inclusive no Twitter, onde apelou à imprensa para quequeimadas registradas em área sejamdenunciadosos casos de “corrupção.”Se oque osverea-nas proximidades do quilômetro444, na rodovia Washington dores e o ex-prefeito insinuam for verdade, mais do que im-Luís. O município já havia sido prensa, a Câmara de Rio Preto é caso para a polícia.advertido pela irregularidade emagosto deste ano. O valor corres-ponde a mil Unidades Fiscais doEstado de São Paulo (Ufesps) - PAISAGEM OBA OBAcada uma tem valor de R$ 17,45. O gerente regional da Cetesb, Curioso é que mesmo de- A secretária estadual deAntonio Falco Júnior, afirmou Prefeitura despeja galhos de árvore em área ao lado do antigo IPA, próximo ao km 444 da Washington baixo de uma saraivada de Justiça, Eloisa de Sousaque foram registradas queimadasde podas de árvores na área, que críticas e denúncias, inclu- Arruda, lança hoje emé usada como depósito clandesti- sive de corrupção, ne- José Bonifácio pedra consequentemente, prejuízo levando para Catanduva. Ontem nhum vereador que votou fundamental para cons-no de lixo. “É uma área com apro- aos cofres municipais. Ao longo (segunda-feira) tivemos reuniãoximadamente cinco hectares na da recém-inaugurada avenida com uma empresa de Ribeirão Discutimos as a favor da inclusão de on- trução do novo Fórumqual qualquer pessoa tem acesso. Abelardo Menezes, que liga o Preto e discutimos a criação de tem demonstrou senti- da cidade, avaliado emSão feitas queimadas ao ar livre km 444 à zona sul, existem pon- um sistema a ser apresentado ao diretrizes para mento de ofensa ou sequer R$ 6,7 milhões.de podas das árvores e resíduos, tos de despejo de lixo. prefeito. A partir daí, vamos dis- contratação de tentou rebater a acusação.como ocorreu em outros pontos O secretário do Meio Am- cutir se abre licitação para o ser-da cidade”, disse Falco Júnior. uma empresa A Prefeitura pode recorrer biente, Lima Bueno, disse que o viço exclusivo para o recolhimen- para a destinação TRÁFICOda multa junto à própria Cetesb. prefeito Valdomiro Lopes (PSB) determinou a criação de to e destinação final da vegeta- ção”, afirmou Lima Bueno. OFENDIDONo caso de reincidência, o muni- uma comissão formada por re- O secretário de Meio Am- dos galhos. Pode Antes de seguir paracípio fica sujeito ao pagamento presentantes das pastas de Meio biente disse ontem que não ti- haver serviços Quem se manifestou foi o Bonifácio, Eloisa parti-de nova multa, com valor em do- Ambiente e Serviços Gerais pa- nha conhecimento da aplicação loteador Walter Romani cipa de reunião do Co-bro. “O município deve criar al- ra resolver o problema da da multa pela Cetesb. A pasta exclusivo para Calil, que pretende proces- mitê de Enfrentamen-gum controle daquela área”, afir- destinação dos resíduos das po- não soube informar ainda a coleta da sar Marco Rillo pela decla- to ao Tráfico de Pes-mou Falco Júnior. das de árvores no município. quantidade de árvores recolhi- Ontem, o Diário esteve no “Nós discutimos um plano das diariamente nas ruas de Rio vegetação ração de que já “rolou” di- soas, em Rio Preto, on-ponto de apoio e encontrou com diretrizes para contratação Preto. O controle seria feito por nheiro na Câmara na apro- de desembarca por vol-montanhas de galhos secos em- de uma empresa para fazer a intermédio de viagens promovi- Lima Bueno, secretário vação deste tipo de projeto. ta das 9 horas.pilhados no local, o que pode re- destinação dos galhos. Até pouco das pelos caminhões que reco- de Meio Ambientesultar em novos incêndios e, tempo esse material estava sendo lhem o material. FANTASMA ESQUELETO■ BANCADA PAULISTA Em seu discurso, Rillo se re- feriu a um processo que, Que o novo Fórum de Jo- sé Bonifácio não tenha o além de Calil e empresá- mesmo destino do de rios, levou à condenação Rio Preto, que se trans-Emenda da BR-153 é incluída no PPA Thomaz Vita Neto 31/5/2010 em primeira instância dos ex-vereadores Caio Urbina- ti e Fuade Elias. Todos, po- rém acabaram absolvidos formou num esqueleto de R$ 3 milhões que tem como destino provável a demolição.Rodrigo Lima Arlindo Chinaglia (PT) e o coor-rodrigo.lima@diarioweb.com.br denador da bancada paulista De- pelo Tribunal de Justiça. vanir Ribeiro (PT) também parti- A Câmara Federal deu mais ciparam do encontro. NOTÁVEIS...um passo ontem para incluir no Na nota, os deputados lem- VIL METALorçamento da União a obra de du- bram que a obra chegou a ser licita- A Câmara de Rio Pretoplicação dos 17,8 quilômetros do da pela Prefeitura de Rio Preto, Além das denúncias de vai bater todos os recor-trecho urbano da BR-153. Reu- mas a construção não saiu do papel. parte dos vereadores, po- des de homenagens.nião da bancada paulista realiza- “A obra foi licitada, mas com a con- cessão do trecho paulista da rodo- pulares se manifestaram Mais uma está previstada ontem decidiu incluir a obra, durante votação de inclu- para a próxima segunda-orçada em R$ 180 milhões, no Pla- via, o processo foi paralisado, como informa o Departamento Nacional são de área na sessão de feira, quando dez pasto-no Plurianual (PPA), instrumen- de Infraestrutura de Transportes ontem e jogaram dinheiro res vão receber de Oscar-to que prevê as prioridades de in- (Dnit)”, informam os deputados. no plenário como forma zinho Pimentel (PSL) ovestimentos para o governo. Parti- A bancada do Estado de Sãociparam do encontro promovido Paulo já aprovou a inclusão de uma de protesto. Foram retira- “cartão de prata de grati-ontem em Brasília os deputados emenda específica para garantir re- dos a mando de Oscarzi- dão da cidade.”federais da região de Rio Preto - cursos no orçamento da União para nho Pimentel (PSL).Edinho Araújo (PMDB), Eleuses Duplicação do trecho urbano da BR foi incluída no Plano Plurianual a duplicação da rodovia no municí-Paiva (PSD), João Dado (PDT), pio, em 2012. “O valor, no entanto, ...ADULADORESVaz de Lima (PSDB), além deMilton Monti (PR). ridades do governo federal por ta. “Cada bancada estadual tem o será definido após análise da Comis- SÓ BARULHO são Mista de Orçamento da Câma- Se já não fosse bastas- Os parlamentares divulgaram um período de quatro anos e esta- direito de incluir apenas cinco ra dos Deputados”, consta em tre-nota oficial em conjunto para evi- belece a ligação entre elas e a emendas ao Plano Plurianual.” Outra que ameaçou proces- se, o vereador Nelson cho da nota. Para este ano, estavamtar disputa pela paternidade da LOA (Lei Orçamentária O relator da comissão mista reservados R$ 20 milhões, que ain- so foi a secretária da Mulher, Ohno (PSB) quer ain-conquista. “O PPA define as prio- Anual)”, consta em trecho da no- do orçamento do próximo ano, da não foram liberados. Eni Fernandes, expulsa do da dobrar a cota de ho- PT por traição. Apesar da menagens para essa le- promessa, até agora Eni não gislatura. protocolou a ação para recu- Aícro Jújnior/Editoria de Arte ■ DECORAÇÃO NATALINA perar sua filiação partidária. GAVETA OBRIGAÇÃO O Ministério Público ar- Estelar vence licitação A aprovação da emenda que prevê verba para cons- quivou o inquérito que apurava indícios de irre- gularidades na urbaniza- para enfeites de Natal trução de novo Centro de Zoonoses não foi nenhum favor ou concessão de Val- ção das margens do cór- rego Piedadinha, duran- te a administração Edi- domiro. O projeto, aliás, es- nho Araújo (PMDB), Rodrigo Lima 592,1 mil. A Estelar foi a empre- rodrigo.lima@diarioweb.com.br sa que vendeu para a Prefeitura tá atrasado, já que no plano que custou cerca de R$ seis bonecos de Papai Noel por de metas do prefeito consta 5,9 milhões. O caso esta- A Secretaria de Desenvolvi- R$ 12,4 mil cada, além de árvo- que o novo centro estaria va com o promotor Sér- mento Econômico divulgou on- res de Natal que custaram R$ pronto ainda em 2011. gio Clementino. tem que a empresa Estelar, de 16 mil cada. Os enfeites gera- São Paulo, venceu a licitação pa- ram polêmica no ano passado. Colaborou Jocelito Paganelli ra a decoração natalina em Rio Neste ano, o governo de Val- Preto. O valor da proposta ofere- domiro Lopes (PSB) pretende cida pela empresa será divulgada instalar anjos de ferro, com cinco hoje pela Prefeitura. Em 2010, o metros de altura, construídos município havia pagou à empre- com garrafa Pet. O valor do enfei- sa R$ 380 mil para decorar ruas, te não foi revelado. A Secretaria avenidas e praças da cidade. de Comunicação não soube in- Neste ano, o valor de refe- formar o valor apresentado pela rência indicado pela administra- empresa, assim como o secretá- ção para o contrato foi de R$ rio da pasta, Deodoro Moreira.
  4. 4. 4A / Quarta-feira, 23 de novembro de 2011 POLÍTICA DIÁRIO DA REGIÃO■ SUSPEIÇÃO - Vereadores fazem críticas à aprovação de projetos de inclusão de áreas no perímetro; ex-prefeito fala em “reis magos” levando “dinheiro” à CasaVereadores insinuam corrupção na Câmara Fotos: Thomaz Vita Neto 22/11/2011■ Marco Rillo (PT) e Márcio Sansão (DEM) fez uma “obras sociais” de vereadores. espécie de apelo no seu Twit- “É um período em que os cora-Márcio Sansão (DEM) ter: “Quando a imprensa de- ções ficam abertos”, disse.fazem menção à nunciará a corrupção que co- Sansão também criticou a nhece? Os factóides são mais aprovação do projeto. “A câ-corrupção na Casa fáceis e menos comprometedo- mara pode ser responsável res?” procurado pelo Diário por melhorar ou piorar o pla-Rodrigo Lima para apresentar detalhes do nejamento da cidade. Nós es-rodrigo.lima@diarioweb.com.br que sabia dos subterrâneos da tamos piorando o planejamen-Jocelito Paganelli Casa, o parlamentar do DEM to de Rio Preto. Os problemasjocelito.paganelli@diarioweb.com.br se esquivou. estão aumentando. Devería- “Todo mundo sabe o que é. mos estar aqui melhorando a Vereadores lançaram ontem Não tenho como provar. Tem estrutura dos bairros, mas sósuspeita sobre a existência de de investigar”, afirmou Sansão estamos criando outros bair-um suposto esquema de ao dizer que estava apenas “pro- ros que vão ficar sem infra-es-corrupção na Câmara de Rio vocando” o debate. O vereador trutura”, disse. disse que não faria nenhum ti- Dinho Alahmar (PPL) tam-Preto em relação à aprovação po de denúncia por conta do bém se manifestou sobre a apro-de projetos de lei que preveem exemplo do deputado estadual vação de áreas no perímetro ea inclusão de áreas no períme- se disse “assustado” com atro urbano do município. Roque Barbiere (PTB), que acu- sou a existência de um esque- quantidade de propostas do gê-“Aqui não vai nenhuma acusa- nero em tramitação na Câmara. ma de vendas de emendas parla-ção, mas se a população não mentares na Assembleia Legis-quer, a Sociedade dos Enge- Aprovado lativa e não provou. O Ministé-nheiros não quer, a Maçonaria Mesmo com as declarações rio Público investiga o caso.debate e não quer, e a popula- Ainda durante a sessão, dos colegas e do ex-prefeito, ação não quer, por que os verea- Rillo citou a manifestação do maioria dos vereadores apro-dores insistem? Se não rola di- ex-prefeito Liberato Caboclo, vou projeto de inclusão denheiro neste projeto, posso ga- que se referiu ao pagamento de uma área rural de 193 mil me-rantir que em outros projetos propina a parlamentares na ci- tros quadrados no perímetropassados rolou”, discursou dade por intermédio de metáfo- urbano. Só os vereadores Di-Marco Rillo (PT). ra, durante programa no Canal nho Alahmar (PPL), Jorge Ab- O petista disse que não esta- 16. Caboclo disse que no final danur (PSDB), Márcio Sansãova fazendo uma “acusação dire- de ano os “reis magos” iriam à (DEM), Marco Rillo (PT) e Pe-ta” aos colegas, mas afirmou Câmara levar “presentes” para dro Roberto (Psol) votaramque “ninguém é bobo.” “Todo os “cristãos.” contra Polícia Militar retira manifestante do plenário da Câmara a pedido do presidente, Oscarzinho Pimentelmundo sabe o que acontece. O Em entrevista ao Diário, deprefeito (Valdomiro Lopes) sa- acordo com o ex-prefeito, os Editoria de Artebe o que acontece, o Planeja- “reis magos” seriam donos demento sabe o que acontece”, loteamentos que vão levar di-afirmou Rillo. Enquanto isso, nheiro. Ele, porém, não dissepopulares nas galerias do Legis- quem e nem como isso ocorre-lativo gritavam seguidamente a ria. “Não tenho como provar”,palavra: “dinheiro.” afirmou Caboclo ao dizer que o Antes da sessão, à tarde, dinheiro poderia ser para Se não rola Todo dinheiro nesse mundo projeto, posso sabe o que é. garantir que Não tenho em outros como provar.Sansão apelou à imprensa para denunciar casos de corrupção projetos Tem de passados investigar rolou Márcio Sansão, Marco Rillo, vereador vereador Oscarzinho retira manifestantes O presidente da Câmara de Rio Preto, Oscarzinho Pimentel (PSL), usou a força policial para impedir que três manifestantes participassem da sessão. Desde o início dos protestos de estudantes na Câmara, em agosto, é primeira vez que alguns são impedidos de acompanhar a sessão. Os manifestantes Leandro Moyano, Claudinéia Barcelos e Carlos Eduardo Siqueira foram re- tirados das galerias por policiais militares, a pedido de Oscarzi- nho. O presidente redigiu um ofí- cio exigindo que, além de retirar as pessoas, a Polícia Militar deve- ria impedir que eles retornassem às galerias do Legislativo. Em ou- tras ocasiões, o presidente apenas ameaçou retirar os manifestantes. Moradores pressionaram e conseguiram adiar alteração no zoneamento do Jardim Seixas De acordo com Oscarzinho as pessoas estavam na Câmara para “bagunçar”. “As pessoas que foram Câmara aprova orçamento de R$ 1,1 bi retiradas (da Câmara) passaram dos limites”, afirmou o presidente. Siqueira foi o primeiro alvo de Os- Os vereadores aprovaram vereadores. Jabis Busqueti reador Emanuel Tauyr que alte- carzinho. Durante a votação do pro- ontem o orçamento da Prefei- (PTB) votou contra a emenda ra o zoneamento do Jardim Sei- jeto de inclusão de área no períme- tura de Rio Preto para 2012 es- que ele mesmo apresentou pa- xas e libera a instalação de esta- tro urbano do município o manifes- timado em R$ 1,1 bilhão. Das ra a construção de uma pisci- belecimentos comerciais e de tante jogou moedas no plenário em 27 emendas anexadas ao orça- na batismal para evangélicos, prestação de serviços no bairro. protesto contra os vereadores. mento, apenas três foram apro- avaliada em R$ 200 mil. O po- Jabis, que é favorável à mu- Em seguida, Oscarzinho se in- vadas e incorporadas ao proje- sicionamento do vereador foi dança do zoneamento, perce- surgiu contra Moyano e Clau- to original do prefeito Valdo- ironizado pelo vereador Mar- beu que o projeto seria rejeita- dinéia, que seguravam uma faixa miro Lopes (PSB). co Rillo (PT). “Na sessão pas- do, já que não possui o apoio de contra a liberação de comércio no As emendas para a aquisi- sada o senhor (Jabis) disse que 11 vereadores, número míni- Jardim Seixas. Os manifestantes ção de ambulâncias para o Sa- Rio Preto tinha 130 mil evan- mo necessário para a aprovação também pediam a renúncia de Os- gélicos e que eles mereciam es- da proposta. carzinho da presidência da Câma- mu e para a construção de um sa piscina de batismo. Agora, Os vereadores Eduardo Pia- ra. “Estamos sendo perseguidos novo Centro de Zoonoses, dos o senhor vota contra. Onde es- por Oscarzinho”, disse Moyano. centi (PPS), Alessandra Trigo vereadores Emanuel Tauyr tão suas convicções cristãs?”, (PSDB), Márcio Sansão Para retirar os manifestantes (DEM) e Pedro Roberto (Psol), indagou o petista. (DEM), Jorge Abdanur (PS- da Câmara, os policiais militares respectivamente, serão analisa- Apesar de brigar para a DB), Pedro Roberto, Dinho exigiram de Oscarzinho uma reco- das por Valdomiro, que poderá aprovação das emendas, Rillo, Alahmar e Marco Rillo declara- mendação por escrito. De acordo vetar as propostas. A terceira Pedro Roberto e Dinho Alah- ram que votarão contra o proje- com o tenente Danilo Nunes Fer- emenda é do próprio prefeito e mar (PPL) votaram contra o or- to que libera o comércio no Jar- reira, que coordenou o trabalho da foi proposta para corrigir um çamento. dim Seixas. polícia na sessão de ontem, a retira- item orçamentário da Secreta- Moradores favoráveis e con- da dos manifestantes atendeu a ria da Fazenda. Jardim Seixas trários à alteração do zonea- uma exigência do presidente. “Ele Durante a votação da emen- Jabis pediu adiamento da mento do bairro acompanha- (Oscarzinho) tem a função de man- das houve discussão entre os votação do projeto de lei do ve- ram a sessão, ontem. (JP) ter a ordem na Casa.” (JP)

×