Trabalhador Espírita, vamos Trabalhar?
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Trabalhador Espírita, vamos Trabalhar?

on

  • 5,245 views

Oficina de trabalho realizada, dia 21/04/2012, no TEDCC - Templo Espírita Deus Cristo e Caridade, durante o XIII Encontro de Trabalhadores da Casa.

Oficina de trabalho realizada, dia 21/04/2012, no TEDCC - Templo Espírita Deus Cristo e Caridade, durante o XIII Encontro de Trabalhadores da Casa.

Statistics

Views

Total Views
5,245
Views on SlideShare
4,284
Embed Views
961

Actions

Likes
0
Downloads
81
Comments
0

13 Embeds 961

http://esde2009.blogspot.com.br 886
http://esde2009.blogspot.pt 32
http://esde2009.blogspot.com 26
http://esde2009.blogspot.fr 4
http://esde2009.blogspot.it 3
http://esde2009.blogspot.co.uk 2
http://www.esde2009.blogspot.com.br 2
http://esde2009.blogspot.in 1
http://esde2009.blogspot.nl 1
http://webcache.googleusercontent.com 1
http://esde2009.blogspot.ch 1
http://esde2009.blogspot.cz 1
http://esde2009.blogspot.co.at 1
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Trabalhador Espírita, vamos Trabalhar? Trabalhador Espírita, vamos Trabalhar? Presentation Transcript

  • www.themegallery.com
  • Oficina TEDCCTrabalhador Espírita, Vamos Trabalhar? http://estudosespiritas.tk
  • Antes de Começarmos…  Ninguém é tão pobre que não tenha nada para dar, e não há alguém tão rico que não tenha nada a receber. – Então, ainda não nos reconhecemos na condição de professor para ensinar, antes um facilitador para compartilhar experiências num processo de ensino- aprendizagem…“A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original”http://estudosespiritas.tk
  • “Haja cabeça pra pensar Haja coragem pra aceitar Haja coração pra entender.” (PERFEIÇAO. Ednilson Medeiros)www.themegallery.com
  • Antes de iniciar a Jornada... Perguntas: 2.Qual a sua cor predileta? 3.Qual o seu passatempo predileto? 4.Qual o seu lugar preferido? 5.Qual o seu esporte predileto? 6.Qual o seu autor espiritual predileto? Quem serão os viajantes dessa grande jornada?
  • O Nosso Percurso… ... ... Reflexão Final 5ª Reflexão6ª Reflexão 2ª Reflexão 4ª Reflexão1ª Reflexão 3ª Reflexão
  • 1ª Reflexão: ... ... Reflexão Final 5ª Reflexão6ª Reflexão 2ª Reflexão 4ª Reflexão1ª Reflexão 3ª Reflexão
  • 1. Onde queremos chegar? ...– Será que nós temos claros onde Reflexão Final nós queremos chegar, isto é, os objetivos do nosso trabalho?– Que resultados esperamos ao nos integrarmos às diversas atividades na Casa Espírita? Vamos compartilhar 1ª Reflexão as respostas?
  • 1. Onde queremos chegar? – Vamos pedir a ajuda dos universitários? “Ditosos os que hajam dito a seus irmãos: ‘Trabalhemos juntos e unamos os nossos esforços, a fim de que o Senhor, ao chegar, encontre acabada a obra’, porquanto o Senhor lhes dirá: ‘Vinde a mim, vós que sois bons servidores, vós que soubestes impor silêncio aos vossos ciúmes e às vossas discórdias, a fim de que daí não viesse dano para a obra!’ ” (O Espírito de Verdade, Evangelho Segundo o Espiritismo, cap. XX, item 5 – Os Obreiros do Senhor) “Evangelizado o indivíduo, evangeliza-se a família; regenerada esta, a sociedade estará a caminho de sua purificação, reabilitando-se simultaneamente a vida do mundo.”1ª Reflexão (Emmanuel. Dissertações Mediúnicas)
  • 1. E os objetivos NOSSOS? Adaptado de: Preparação de Trabalhadores para as Atividades Espíritas FEB/CEI. • Compreende a importância da Doutrina e seus benefícios; • Empenha-se em servir na tarefa de promover o estudo, difusão e prática da doutrina, de forma espontânea, voluntária e gratuita; • Procura estudar e conhecer as diretrizes da codificação espírita; • Compreende e respeita as diferenças. Destaca os pontos afins. Fortalece os laços de união; • Busca a união fraternal dos trabalhadores da casa e movimento; • O servidor espírita estará sempre a serviço do Cristo e sob a orientação dos Espíritos Superiores; • Alia-se de humildade e desinteresse, sem outro propósito que não seja a prática da caridade; • Observa que no trabalho de auxílio aos outros, está trabalhando pelo seu próprio aprimoramento; • Relembra o exemplo do Cristo que enfatizou que não veio para ser servido, mas sim para servir; • Avalia permanentemente o seu próprio trabalho; • Procura colocar em prática o lema vivido por Kardec:1ª Reflexão “TRABALHO, SOLIDARIEDADE, TOLERÂNCIA”.
  • “Ajuda sem pensar no que possa vir depois A ação do fazer depende só do querer Desperta e faz despertar, alguém que te estende a mãoE faz retornar o brilho no olhar desse irmão” (DESPERTA. Danilo Costa) www.themegallery.com
  • 2ª Reflexão: ... ... Reflexão Final 5ª Reflexão6ª Reflexão 2ª Reflexão 4ª Reflexão1ª Reflexão 3ª Reflexão
  • 2. Jesus nos chama… “Arme-se a vossa falange de decisão e coragem! Mãos à obra! o arado está pronto; a terra espera; arai!” (Erasto. ESE, Cap. XX – 4 – Missão dos Espíritas)2ª Reflexão
  • 2. Por que Trabalhar? O que nos motiva? – Será que estamos indo trabalhar na Seara Espírita apenas preocupados em “bater o nosso ponto”?2ª Reflexão
  • 2. Por que Trabalhar? – Ou será que na realidade nós estamos é com medo do PANDA? O Panda representa esse nosso medo inconsciente das consequências de negligenciar o trabalho... De não atender ao2ª Reflexão chamado...
  • “Já chove lá fora e as sementes acordam Amanhã será um novo diaSó lembranças das noites sombrias vão ficar” (COMO É BOM. Hércules Bruno)
  • 3ª Reflexão: ... ... Reflexão Final 5ª Reflexão6ª Reflexão 2ª Reflexão 4ª Reflexão1ª Reflexão 3ª Reflexão
  • 3. Como trilhar o caminho? Mas antes eugostaria que vocêsdesenhassem uma paisagemqualquer... Vamos lá? Inspirado na estória, refaça 3ª Reflexão o seu desenho...
  • 3. Como trilhar o caminho? O pai é o símbolo do trabalhador espírita. É tudo que nós devemos nos esforçar para ser. E no esforço de dedicação ao próximo, nós3ª Reflexão acabamos por superar nossas limitações...
  • 3. Como trilhar o caminho? “ (…) Reconhecê-los-eis pelos princípios da verdadeira caridade que eles ensinarão e praticarão. Reconhecê- los-eis pelo número de aflitos a que levem consolo; reconhecê-los-eis pelo seu amor ao próximo, pela sua abnegação, pelo seu desinteresse pessoal; reconhecê- los-eis, finalmente, pelo triunfo de seus princípios, porque Deus quer o triunfo de Sua lei (...). − Erasto” (Evangelho Segundo o Espiritismo, Cap. XX, item 4) AMAR, também significa buscar a preparação necessária para ser o melhor semeador possível! NÃO VAMOS FAZER APENAS ISSO… VAMOS FAZER3ª Reflexão MELHOR!!!
  • “Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aosoutros; assim como eu vos amei, que também vos ameisuns aos outros. Nisto conhecerão todos que sois meusdiscípulos, se tiverdes amor uns aos outros.” Jesus –www.themegallery.com (João: XIII - 34 e 35)
  • 4ª Reflexão: ... ... Reflexão Final 5ª Reflexão6ª Reflexão 2ª Reflexão 4ª Reflexão1ª Reflexão 3ª Reflexão
  • 4. Sou ciente das dificuldades? E que dificuldades são essas, afinal? – Assistidos – Trabalhadores4ª Reflexão
  • 4. Sou ciente das dificuldades? “Ide e agradecei a Deus a gloriosa tarefa que Ele vos confiou; mas, atenção! entre os chamados para o Espiritismo muitos se transviaram; reparai, pois, vosso caminho e segui a verdade..” (Erasto. Evang. seg. Espiritismo, Cap. XX - 4)“Permanecei, desse modo, dedicados e fiéis até o fim, mesmoque as dificuldades repontem em forma ameaçadora de dor esombra. Quem anda na luz não receia a treva e quem faz obem não sofre solidão nem desajuste.” (Francisco Thiesen. Reformador – jan/1997) “Não se deixe induzir pelo desânimo nem imagine que a tarefa não está produzindo efeitos só porque seus frutos não são visíveis de imediato. Insista no trabalho, empenhe-se diariamente.” diariamente 4ª Reflexão (Reformador – Out/1997)
  • 4. Sou ciente das dificuldades? “Reconhece-se o verdadeiro espírita pela sua transformação moral e pelos esforços que emprega para domar suas inclinações más.”− Allan Kardec más (ESE - Cap. XVII - 4)4ª Reflexão
  • “Então Ele Veio E disse já é hora de seguir E indicou o caminho tortuoso Mostrou as pedras e os espinhos” (CHAMADO. Marielza Tiscate)www.themegallery.com
  • 5ª Reflexão: ... ... Reflexão Final 5ª Reflexão6ª Reflexão 2ª Reflexão 4ª Reflexão1ª Reflexão 3ª Reflexão
  • 5. Vamos formar uma Equipe? E quipe EU quipe“Um por todos etodos por um” “Cada um por si e Deus por todos”5ª Reflexão
  • 5. Vamos formar uma equipe? – Que tal ver o resultado de um trabalho em equipe?5ª Reflexão
  • 5. Vamos formar uma equipe? “Reunamo-nos no campo da fraternidade edificante. Não teremos espiritismo unido sem que nos unamos. Debalde ensinaremos amor sem nos amarmos uns aos outros. Não elevaremos a doutrina sem nos elevarmos.” Emmanuel5ª Reflexão
  • 6ª Reflexão: ... ... Reflexão Final 5ª Reflexão 6ª Reflexão 2ª Reflexão 4ª Reflexão1ª Reflexão 3ª Reflexão
  • 6. União de corações… – É claro que poderíamos ter feito tantas outras reflexões! – Por isso, precisamos repetir esses momentos de interação, capacitação, planejamento, multiplicando as reflexões e os esforços para que a tarefa na Seara do Cristo não sofra solução de continuidade! “Filhos, antes de pretenderdes a unificação dos serviços concernentes à fé espírita, pretendei a unificação dos vossos sentimentos na vivência dos6ª Reflexão postulados que abraçastes.”
  • 6. Os novos desafios… – Sabemos que vivemos momentos decisivos na história do nosso planeta. – O mundo de regeneração aponta, mas “o homem jamais mudará o mundo, antes de operar em si, a grande modificação”. – Relembremos o exemplo dos primeiros Cristãos e sejamos firmes no testemunho de nossa Fé e de nosso amor à causa do Cristo.6ª Reflexão
  • 6. Vamos espalhar esse vírus… “Eu preciso ser a mudança que eu espero no mundo. Se eu parar e pensar um segundo não vou6ª Reflexão hesitar em amar” (NÃO VOU HESITAR EM AMAR. Danilo Costa)
  • Ufa! Chegamos… ... ... Reflexão Final 5ª Reflexão6ª Reflexão 2ª Reflexão 4ª Reflexão1ª Reflexão 3ª Reflexão
  • Reflexão Final Reflexão Final “Podemos ser muito mais, basta acreditar!” (INIFINITO. Ednilson Medeiros / Wagner Bastos)
  • MuitoObrigado! Reflexão Final http://estudosespiritas.tk igor.mateus@oi.com.br