Aqui não tem Obama - Vitor Guerra

2,993 views

Published on

Apresentação sobre marketing político nas mídias sociais.

Por Vitor Guerra, da Ideia s/a - Agência de Mídias Sociais.

Aqui não tem Obama - Vitor Guerra

  1. 1. Aqui não tem Obama<br />Vitor Guerra<br />Ideia s/a – Agência de mídias sociais<br />
  2. 2. Resumo ultraveloz!<br />Antes de mais nada...<br />
  3. 3. Resumo ultraveloz!<br />Eu não vou apresentar <br />o case do Obama!<br />
  4. 4. Resumo ultraveloz!<br />Mas, para refrescar a <br />memória de quem já esqueceu...<br />...um resumo ultraveloz!<br />
  5. 5. Nos Estados Unidos...<br />
  6. 6. A campanha Obama<br />
  7. 7. Alguns dados<br />55M em doações pela web<br />3M investidos em links patrocinados<br />2 mil vídeos espontâneos no YouTube<br />3M amigos no Facebook<br />10M de e-mails em sua base de dados<br />
  8. 8. Diferenças<br />Por que aqui não <br />teremos “Obamas”?<br />
  9. 9. Nos Estados Unidos...<br />
  10. 10. Nos Estados Unidos...<br />Comprar e realizar doações pela <br />Internet é uma realidade consolidada<br />Eleitor é motivado por uma paixão /ideal, <br />afinal votar não é um ato obrigatório<br />Grande parte da população <br />tem acesso facilitado à Web<br />
  11. 11. Nos Estados Unidos...<br />Obama foi um ícone da mudança <br />do cenário político americano<br />
  12. 12. Movimento antiBush<br />
  13. 13. No Brasil...<br />
  14. 14. No Brasil...<br />Eleitor naturalmente desconfiado <br />da política nacional e de nossos <br />representantes nos governos<br />Muitos dos internautas ainda desconfiam <br />quando o assunto é pagamento/doação<br />pela Internet, mesmo em canais consolidados<br />A maioria da população não <br />é engajada politicamente<br />
  15. 15. No Brasil...<br />Classe C e a Internet<br />
  16. 16. No Brasil...<br />Até bem pouco tempo os eleitores não tinham <br />qualquer contato com os candidatos na web<br />
  17. 17. No Brasil...<br />O Brasil é o 5º país com o maior <br />número de conexões à Internet<br />
  18. 18. No Brasil...<br />67,5 milhões de brasileiros acima de 16 anos<br />86,3% acessam Mídias Sociais<br />  O brasileiro passa 6h20/mês, em alguma rede social<br />80% das pessoas confiam em recomendações <br />feitas por amigos em ambientes de mídias sociais<br />
  19. 19. No Brasil...<br />O Brasil é o quarto país com mais <br />leitores de blogs no mundo<br />Brasileiros são a segunda maior audiência do YouTube<br />O Facebook cresceu 40% em audiência <br />entre maio e junho de 2009<br />O Twitter cresceu, em 2008, mais de 1.300% no Brasil<br />
  20. 20. Comportamento<br />Confiança<br />Vínculo <br />emocional<br />Principal DesafioCriar um vínculo emocional , uma identidadeentre os internautas/eleitores e o candidato paraaumentarmos o engajamento na web.<br />
  21. 21. O “trio Obama”<br />O desafio é entender como conseguir a atenção <br />das pessoas se elas estão olhando para <br />vários lugares ao mesmo tempo.<br />Scott Goodstein<br />Não existe um candidato que<br /> pense em lançar uma campanha <br />sem usar a internet.<br />Ben Self<br />Foram necessárias algumas eleições <br />até chegarmos ao nível de envolvimento <br />da campanha do Obama.<br />Jason Ralston<br />
  22. 22. As novas eleições<br />
  23. 23. Campanha 1.0<br />Planejada, com localização e horário determinados;<br />O discurso é produzido, editado e distribuído;<br />A experiência do contato com o eleitor é previsível;<br />As mesmas soluções são utilizadas <br />com o passar das gerações;<br />O público é um consumidor passivo.<br />
  24. 24. Candidato 2.0<br />Política o ano inteiro<br />
  25. 25. Candidato 2.0<br />Terá que estar aberto ao diálogo com qualquer um, de qualquer lugar (no planeta), a qualquer momento;<br />Boa parte de seu discurso será autogeradoe distribuído gratuitamente;<br />Terá que compreender as novas tecnologias, <br />mesmo que superficialmente, para não fazer feio;<br />
  26. 26. Candidato 2.0<br />Suas experiências como candidato deverão ser colaborativas, baseadas nos interesses e nos relacionamentos dos eleitores e não apenas em suas promessas e plataformas pré-definidas;<br />O candidato terá que ter como lei que o eleitor é agente ativo em sua campanha online e não vai aceitar respostas frias;<br />“Perderá o controle” de suas campanhas.<br />
  27. 27. Criando vínculos<br />Como criar vínculo emocional?<br />
  28. 28. Criando vínculos<br />bom, isso vocês já sabem...<br />
  29. 29. Criando vínculos<br />Não se trata de distribuir brindes!<br />Não adianta distribuir brindes pela Internet.<br />Temos que mapear quem são os usuários das diversas redes sociais que de fato são formadores de opinião. <br />Eles não precisam ser jornalistas. Hoje o formador de opinião é um “blogueiro”, “tuiteiro” e “orkuteiro”. <br />Suas redes possuem milhares de amigos e a importância de tê-los como aliados é vital.<br />Não se trata de “comprarmos” a amizade de ninguém. Isso não funciona na web. Se trata de defender um ideal e compartilhá-lo com outras pessoas que levarão esta causa para seus amigos.<br />
  30. 30. Criando vínculos<br />Compartilhando na Internet e fora dela as paixões e interesses comuns do candidato e de seus potenciais eleitores;<br />Gerando conteúdo relevante para os internautas e eleitores,seja por meio de prestação de serviços ou entretenimento;<br />Oferecendo serviços, benefícios e entretenimentopara aqueles que acompanham os canais oficiais docandidato nas mídias sociais.<br />
  31. 31. Desafio<br />Que venha 03 de outubro!<br />
  32. 32. Obrigado!<br />Contato<br />Vitor Guerra<br />Site<br />www.ideiasa.com<br />E-mail<br />vitorguerra@ideiasa.com <br />Twitter<br />@vitor_guerra / @midias_sociais<br />Me Adiciona<br />www.meadiciona.com.br/vitorguerra<br />

×