Publicidade Como Serviço: Um Novo Paradigma para a Publicidade Digital

879 views
580 views

Published on

Trabalho de Iniciação Científica sobre os impactos da publicidade digital na experiência do usuário. Descoberta chave: Alguns tipos de interação com os usuários são extremamente positivos quando a mensagem publicitária deixa de interromper o fluxo das pessoas a fim de agregar valor quando esta passa a ter um valor intrínseco, levando a um novo paradigma que se forma para o pós-digital: "Publicidade Como Serviço".

For my friends of the world, I made a english version: http://bit.ly/adservice

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
879
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
94
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Publicidade Como Serviço: Um Novo Paradigma para a Publicidade Digital

  1. 1. PUBLICIDADE COMO SERVIÇO O IMPACTO DA PUBLICIDADE DIGITAL NA EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO #273df4 ORIENTAÇÃO: PROF. FÁBIO EDUARDO DIAS IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  2. 2. JUSTIFICATIVA IBRAHIM CESAR @ibrahimcesarOS PROBLEMAS QUE OCUPAM A ATENÇÃO DOS HOMENS MUDAM, NÃO DE UMAFORMA ARBRITÁRIA, MAS, GERALMENTE DE ACORDO COM AS DEMANDAS DA SOCIEDADE E DA ECONOMIA. (LAZARSFELD e MERTON, p. 109, 2000)69)
  3. 3. OBJETIVOENTENDER O IMPACTO DA PUBLICIDADE IBRAHIM CESARDIGITAL NA EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO: @ibrahimcesarCONTEXTOIMPRESSÕESOPINIÕESONDE ESTAMOSPARA ONDE ESTAMOS INDO
  4. 4. ONCE YOU HAD DATA, YOUCOULD BUILD THEORIES. ONCE ALBERT- LÁSZLÓYOU HAD THEORIES, YOU HAVE BARABÁSIPREDICTIVE POWER, YOUCOULD TEST AND THEN THEWHOLE THING FITTED ITSELF.
  5. 5. OLHAMOS PARA O PRESENTEPELO ESPELHO RETORVISOR.MARCHAMOS DE RÉ PARA O FUTURO. (THE MEDIUM IS THE MASSAGE, 1969) MARSHALL McLUHAN
  6. 6. PUBLICIDADE DIGITAL IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  7. 7. PUBLICIDADE DIGITAL IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  8. 8. PUBLICIDADE DIGITAL IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  9. 9. EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  10. 10. USER EXPERIENCE (UX) IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  11. 11. BEM-VINDOS AO PÓS-DIGITAL IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  12. 12. I THINK ABOUT THE DEPENDENCY WE HAVE ON THIS OTHER TECHNOLOGY, CALLED THE ALPHABET AND WRITING. (KELLY, 2010) KEVIN KELLY
  13. 13. RUSSEL DAVIES (2009) IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  14. 14. ... O ESTADO PELO QUAL VOCÊPASSA A ASSUMIR O DIGITAL AO INVÉS DE APENAS ADMIRÁ-LO IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  15. 15. DIGITAL IS NOT A MEDIUM.DIGITAL IS INFRASTRUCTURE. (CANNES, 2012) AMIR KASSAEI @AmirKassaei
  16. 16. IBRAHIM CESAR @ibrahimcesarART & COPY
  17. 17. TOM HIMPE @tomhimpe A FOME DA PUBLICIDADE PORIMPACTO EXPLICA O ALTO USO DE CLICHÉS E PIADAS ATRAVÉS DE SUA HISTÓRIA. (HIMPE, 2008)
  18. 18. IBRAHIM CESAR @ibrahimcesarART+COPY+CODE
  19. 19. IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar OS ELEMENTOS DA EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO
  20. 20. IBRAHIM CESAR MARCA É O SENTIMENTO @ibrahimcesar DE UMA PESSOA EM RELAÇÃO A UM PRODUTO, SERVIÇO OU EMPRESA
  21. 21. MARCA ÉIBRAHIM CESAR @ibrahimcesar EXPERIÊNCIA
  22. 22. JESSE JAMES GARRET @jjg
  23. 23. DISCURSO SOBRE O MÉTODO IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  24. 24. ... COM O OBJETIVO DEEXPLORAR A FUNDO ALGUMADISCURSO SOBRE O MÉTODO EXPERIÊNCIA VIVIDA EM CONDIÇÕES PRECISAS. (GIL, 1999, p.120) ANTÔNIO CARLOS GIL
  25. 25. FOCUS GROUPMÉTODODISCURSO SOBRE O (LAKATOS e MARCONI, 2009, p. 132) TÉCNICAS DE PESQUISA
  26. 26. DESCOBERTASDISCURSO SOBRE O MÉTODO (AGOSTO, 2012) FOCUS GROUP
  27. 27. IBRAHIM CESARCONSIDERAÇÕES @ibrahimcesar FINAIS
  28. 28. PUBLICIDADE COMO SERVIÇO IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar
  29. 29. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICASBELCHIOR, R.K.; BELLATO, F.; FERREIRA, D.F.; SILVA, S.R.; SILVEIRA, C.R.; SOUZA, I.C.N. Segmentação Comportamental ouBehavorial Targeting: o conteúdo certo, na hora certa, para o público certo. Faculdades Integradas Claretianas, 2012.BERLO, D.K. O Processo da Comunicação: introdução a teoria e a pratica. 8 ed. São Paulo: Martins Fontes, 1997.CAMUS, A. O Mito de Sísifo. 1 ed. São Paulo: Editora Record, 2004.DAVIES, R. Post digital: an apology, 2010. Disponível em: http://russelldavies.typepad.com/planning/2010/11/post-digital-an-apology.html<acessado em 30 de agosto de 2012>.GARRET, J.J. The Elements of User Experience. 2 ed. Berkeley: New Riders, 2011.GIL, A.C. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. 5 ed. São Paulo: Editora Atlas, 1999.GOMES, N.D. Publicidade: comunicação persuasiva. 1 ed. Porto Alegre: Editora Sulina, 2008.HIMPE, Tom. Advertising Next.: 150 Winning Campaigns for New Communications Age. 1 ed. New York: Ed. Chronicle Books, 2009.LAZARSFELD;MERTON in ADORNO et al. Teoria da cultura de massa. 3 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1982.JENKINS, H. Cultura da Convergência. 1ª Edição. ed. Aleph: São Paulo, 2008KELLY, K. The Technium, 2010. Disponível em: http://www.kk.org/thetechnium/ <acessado em 30 de março de 2012>.MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Técnicas de Pesquisa. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2009.McLUHAN, M. The Medium Is The Massage. 1ª Edição. Gingko Press: Berkeley, 2012.NIELSEN, J. Banner Blindness: Old and New Findings. Jakob Nielsen’s Alertbox, 2007. Disponível em: http://www.useit.com/alertbox/banner-blindness.html <acessado em 28 de junho de 2012>PINHO, J.B. Publicidade e Vendas na Internet: Técnicas e Estratégias. São Paulo: Summus, 2000.PREECE, J.; ROGERS, Y.; SHARP, H. Interaction Design – Beyond Human-Computer Interaction. Chichester, West Sussex, UK: Wiley, 2011SCHNEIDER, J.; STICKDORN, M. This Is Service Design Thinking. 1 ed. New Jersey: Wiley, 2011.TENNØ, H. 180360720: Marketing in an era of shared values and everyday life, 2011. Disponível em: http://www.180360720.no/ <acessado em 15de agosto de 2012>.
  30. 30. IBRAHIM CESAR @ibrahimcesar OBRIGADO!email@ibrahimcesar.com

×