Logistica
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Logistica

on

  • 2,475 views

Palestra do evento Agenda bahia 2011

Palestra do evento Agenda bahia 2011

Statistics

Views

Total Views
2,475
Views on SlideShare
2,475
Embed Views
0

Actions

Likes
4
Downloads
82
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Logistica Logistica Presentation Transcript

  • Agenda Bahia Infraestrutura Marcello Spinelli – Diretor de Logística de Carga Geral Salvador-BA, 04/08/11
  • Logística da Vale Logística da Vale na Bahia Bahia: Perfil Econômico e Infraestrutura Logística
  • Logística da Vale Logística da Vale na Bahia Bahia: Perfil Econômico e Infraestrutura Logística
  • A Vale tem operações mineradoras, laboratórios de pesquisa, projetos e escritórios em mais de 30 países Participação na Receita de 2010
  • Sistema logístico formado por 10 mil km de malha ferroviária e 12 terminais portuários (8 para carga geral) Estrada de Ferro Carajás - EFC Ferrovia Norte Sul – FNS Ferrovia Norte Sul – FNS em construção Estrada de Ferro Vitória a Minas Ferrovia Centro Atlântica (FCA) ALL – Direito de Passagem FCA MRS Legenda Terminais Marítimos Terminal Marítimo Ponta da Madeira Terminal Marítimo Inacio Barbosa Porto de Aratu Porto de Salvador Complexo Portuário de Tubarão Porto de Sepetiba Porto de Angra dos Reis Porto de Santos 1 2 3 4 5 6 7 8 1 5 6 8 TMPM, Berço 105 TMIB TPM , TPD3 , TPD4 , TGL , Pier MF Valesul , CPBS, TIG TUF 2
  • A Vale desenvolve a infraestrutura do País, apoiando o crescimento de segmentos-chave da economia
    • Investiu US$ 9,6 bilhões em infraestrutura logística entre 2004 e 2010 e em 2011 serão investidos US$ 5 bilhões em logística
    • 10 mil km de malha ferroviária, 12 terminais portuários, sendo 8 para carga geral, 44.853 vagões e 1.059 locomotivas
    • 42% do volume de comércio exterior brasileiro foram movimentados nos portos da Vale em 2010
    • Os ativos ferroviários responderam por 58% do total de cargas transportadas por ferrovia no Brasil em 2009
    • Movimentou em 2010 cerca de 49% do carvão importado e 13% dos grãos (soja,farelo e milho) exportados
    • Criou uma empresa especializada em transporte de contêiner na cabotagem do Brasil, a Log-In, e está investindo R$ 1 bilhão na construção de 7 navios
    • Logística da Vale – A Vale já opera uma robusta plataforma logística com foco em cargas de terceiros
  • Vila do Conde EFC FNS FNS TS FCA EFVM TPD TPM TUF Terminal CSA ValeSul Aratu* TMIB Porto Norte 105 Itaqui TEGRAM Contrato 3º (sub) Concessão vigente Term. Privativo Greenfield Term. Privativo Brownfield Contrato Vale Oportunidades 1 2 3 4 Concessão Vigente Delegação Comercial Direito de Passagem Oportunidades 5 Açu Nordeste : infraestrutura logística (ferrovia e portos) para suportar as exportações de commodities (grãos e minerais) Sudeste : investimentos em capacitação e produtividade para suportar o crescimento da demanda (ferrovias e portos) Norte : infraestrutura logística (ferrovias e portos) para suportar o crescimento das fronteiras agrícolas (MAPITO e parte do Mato Grosso) Minas-Rio : novo corredor de alta capacidade (ferrovia) para suportar a exportação de commodities minerais Paulista : infraestrutura logística (ferrovia e porto) para ampliar a capacidade para grãos, açúcar e fertilizantes no Porto de Santos A Logística da Vale está estruturada em 5 corredores integrados, com foco em carga de terceiros
  • Logística da Vale Logística da Vale na Bahia Bahia: Perfil Econômico e Infraestrutura Logística
  • A Ferrovia Centro-Atlântica (FCA) integra a Bahia a região Sudeste e acessa o porto de Aratu Malha de 1.769 km com foco na movimentação de matérias-primas minerais e commodities agrícolas
    • Principais Mercadorias:
    • Minérios (Cromo, Cobre, Manganês)
    • Magnesita
    • Cal
    • Escória
    • Cimento
    • Produtos Químicos
    • Derivados de Petróleo
    • Principais Clientes:
    Movimentação anual de 1 milhão de toneladas de cargas
  • A FCA trabalha em projetos que poderão agregar um volume adicional de transporte de 7 Mta na Bahia
    • Novos projetos de exploração mineral com escoamento via porto de Aratu
      • Contrato Arc Alfa: 360 mil t/a, com potencial para 1 Mta
      • Outros clientes: até 5 Mta de potencial
    • Transporte de derivados de petróleo para Juazeiro com operação sustentável
    • Aumento de movimentação de insumos para a Dow Química
    • Incremento nos volumes movimentados para a Deten
    • Aumento da movimentação de cargas para a Votorantim Cimentos
    • Aumento do volume transportado para a Magnesita
    • Início do transporte de toretes de madeira para a produção de celulose
  • A configuração de sistemas integrados terminal-ferrovia-porto é fundamental para alavancar esses volumes
  • Na Bahia, uma agenda positiva público-privada deve buscar esse modelo integrado Mil toneladas Portos (1) Restrição de acesso ferroviário (TPC, Salvador, Ilhéus) (2) Limitações de capacidade e integração ferroviária (Aratu) Ferrovias (3) Interferências urbanas na malha do Recôncavo Baiano >> Investimentos (DNIT): R$ 370 milhões (4) Criticidade ambiental para produtos perigosos Crise mundial FCA – Movimentação na Bahia
  • As alternativas para configuração desse sistema integrado estão mapeadas, mas requerem diligência FCA Aratu – acessado por ferrovia e apto para operar com granéis minerais, mas requer investimentos no aumento da capacidade portuária Cotegipe – terminal portuário eficiente, com foco em granéis agrícolas, mas sem ligação ferroviária (projeto em andamento)
  • Logística da Vale Logística da Vale na Bahia Bahia: Perfil Econômico e Infraestrutura Logística
  • Fonte: Seplan-BA A Indústria e Serviços D B Agroindústria e Turismo C Grãos
    • 60% do PIB da Bahia é gerado no entorno da RM de Salvador
      • Salvador
      • S. F. do Conde (RLAM)
      • Camaçari (Polo)
    • Região do turismo e pólos de produção agroindustrial
    • 90% dos investimentos privados previstos para 2007-2011 devem ocorrer nas regiões A e B
    • Uma das principais fronteiras agrícolas do País (grãos)
    • Polos de potencialidades minerais
    D Minerais Bahia: economia concentrada e grande aptidão para a produção de commodities agrícolas e minerais 60% A % PIB A 12% B B 5% C C D FCA
  • FCA Cromo (Ferbasa) Cobre (Caraíba Metais) Magnesita (Magnesita) Fosfato Urânio Rochas Ornamentais Ouro Ferro e Manganês Colomis 2 Porto de Aratu 1 Porto de Salvador 2 1 FCA A FCA está geograficamente bem posicionada para suportar o crescimento da produção mineral na Bahia Fonte: DNPM
    • Alternativa FCA
    • Transporte Rodoviário
    • FCA
    • Terminal (projeto)
    • Investimentos Necessários:
    • Construção de terminal
    • Ligação ferroviária ao porto
    • Capacitação da malha
    • Material rodante
    (*) Barreiras-Salvador=890km Barreiras-Ilhéus=990km 1 2 Na exportação de grãos do Oeste Baiano, a FCA se estrutura para ser alternativa ao escoamento rodoviário FCA Opção Atual Regiões Produtoras Transporte Rodoviário (*) Porto de Aratu 1
  • A FCA poderá complementar a FIOL, principalmente no escoamento da produção mineral FIOL FNS Minerais Grãos Grãos Algodão 1 2 3 4 Colocação do terceiro trilho para bitola mista no trecho Brumado-Ilhéus oferecerá mais uma alternativa de logística para a economia baiana FIOL Fonte: Valec FCA Minerais
  • Outras Ações na Bahia Estudos do Banco Mundial e CODEVASF A FCA tem participado dos estudos que o Banco Mundial está desenvolvendo, em apoio aos Governos da Bahia e Pernambuco para desenvolvimento de corredores logísticos nos estados. Prezado Dr. Clementino Coelho, Presidente em exercício da CODEVASF Gostaria de convidá-los para uma série de reuniões com o Banco Mundial na próxima semana. O Banco pretende realizar um estudo sobre um corredor logístico multimodal interligando o Rio São Francisco às rodovias e ferrovias locais para dar mais eficiência ao transporte da produção da região. Antes de iniciar o estudo, o Banco fará uma série de visitas de campo e encontros com autoridades federais, estaduais e municipais, representantes de indústrias e operadores de infraestrutura de transporte na área de influência do projeto. Andréa Leal The World Bank Latin America and the Caribbean Region Sustainable Development Department Transport Cluster
  • Outras Ações na Bahia A FCA realizou no último mês de junho/2011, 04 trens comemorativos na Bahia, denominados Transbaião. Esses trens fazem parte de projeto que propõe desenvolver estudos de viabilidade da implantação, a partir de 2012, de trens turísticos no eixo Cachoeira a Entre Rios. Trens Comemorativos: Transbaião