• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Aula 1 sig s e si
 

Aula 1 sig s e si

on

  • 448 views

 

Statistics

Views

Total Views
448
Views on SlideShare
448
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
8
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Aula 1 sig s e si Aula 1 sig s e si Presentation Transcript

    • Sistemas de InformaçõesGerenciais (SIG) Juliana Grigol Fonsechi - 5147903 Chang Ming - 4915182 Vanessa Herculano de Oliveira - 5146840 1
    • ContextoReclamações comuns dos executivos: Há muita informação de mercado do tipo inadequada e poucas informações adequadas; As informações ficam tão dispersas dentro da empresa que exigem grande esforço para localizá- la e integrá-las; As informações importantes às vezes são retidas com exclusividade por outros executivos; As informações importantes geralmente chegam tarde; e As informações muitas vezes não são confiáveis. 2
    • Definições Sistema é um conjunto de partes interagentes e interdependentes que, conjuntamente, formam um todo unitário com determinado objetivo e efetuam determinada função. Componentes de um sistema: Objetivos Entradas Saídas Processo de Transformação Controle e Avaliação Retroalimentação 3
    • Definições Ambiente de um sistema é o conjunto de elementos que não pertencem ao sistema, mas qualquer alteração no sistema pode mudar ou alterar os seus elementos e qualquer alteração nos seus elementos pode mudar ou alterar o sistema. Exemplo: Mercado de Mão de obra Governo Concorrência Fornecedores Empresa Consumidores Sistema Comunidade Financeiro Sindicatos Tecnologia 4
    • Definições Folha de São Paulo, 08 de abril de 2001 Folha de São Paulo, 23 de julho de 2003 5 Folha de São Paulo, 02 de novembro de 2005
    • Definições Dado é qualquer elemento identificado em sua forma bruta que por si só não conduz a uma compreensão de determinado fato ou situação; Informação é o dado trabalhado que permite ao executivo tomar decisões. “Sistemas de Infomação Gerenciais”, Laudon, K. C. / Laudon, J. P. 6
    • Definições  Gerencial é o processo administrativo (planejamento, organização, direção e controle) voltado para resultados.  Sistema de Informações Gerenciais (SIG) é o processo de transformação de dados em informações que são utilizadas na estrutura decisória da empresa, bem como proporcionam a sustentação administrativa para otimizar os resultados esperados.  Esquema (interação: informação/processo decisório): Efeito sobre Fontes de ambienteinformação (externo) interna Informação Comparação relevante Tomada com os para de decisão padrões decisões Fontes de Efeitoinformação sobre externa empresa Ação corretiva 7 necessária
    • Taxonomia de Bloom O que é? Sistema de informações gerenciais é uma combinação de pessoas, equipamentos, procedimentos, documentos e comunicações que coleta, valida, executa operações, transforma, armazena, recupera e apresenta informações. Para que serve? Os sistemas informativos através da geração de informações para fins de decisão contribuem para a eficácia do executivo no exercício das funções de planejamento, organização, direção e controle na gestão das empresas. 8
    • Relatórios GerenciaisSão os documentos que consolidam, de forma estruturada, as informações para a tomada de decisões. 9
    • Relatórios GerenciaisOs relatórios gerenciais têm a finalidade de fornecer informações precisas e pontuais, capazes de auxiliar na melhor tomada de decisão, conforme objetivos e estratégias da organização. 10
    • Relatórios GerenciaisOs relatórios gerenciais podem ser apresentados de diversas maneiras: Convencional – relatório físico, dossiê. Moderno – boletim eletrônico via e- mail, página na web, etc. 11
    • Relatórios GerenciaisA estrutura dos relatórios gerenciais pode ser diversificada de acordo com a atividade desenvolvida pela organização e com as informações e tópicos que lhes são relevantes para o processo decisório. 12
    • Relatórios GerenciaisDe modo geral, a estrutura dos relatórios é composta pelos itens: Números:refletem o momento atual e o anterior para fim de análise das evoluções e involuções e apresentam a situação desejada. Gráficos: facilitam o entendimento do cenário atual através da exposição visual. Comentários: minimizam a divergência na interpretação das informações apresentadas. 13
    • Relatórios Gerenciais Decisões/Ações: expressam os procedimentos adotados pelo executivo.Podem representar possibilidades alternativas a serem adotas no desenvolvimento dos trabalhos. Resultados: expressam a meta (ou metas) a ser (serem) alcançada através das ações e decisões com base nas informações representadas pelos números, gráficos, etc. 14
    • Relatórios GerenciaisModelo geral de relatório: DATA PLANOS RELATÓRIO GERENCIAL __/__/__ Nº ÁREA: ASSUNTO: NÚMEROS GRÁFICOS COMENTÁRIOS DECISÕES/AÇÕES: RESULTADOS: 15
    • Informações GerenciaisAs informações gerenciais podem ser tipificadas em : Sistemas de Padrões; Sistemas de Orçamentos; Sistema Contábil. 16
    • Informações GerenciaisSistema de PadrõesModelo de avaliação e informação de eventos econômicos, relativos a um produto ou serviço mensurados em determinada data de mercado.Esse sistema elabora e faz a manutenção da ficha-padrão do orçado e do realizado para cada produto ou serviço, a partir de dados que correspondem a especificações, medições, pesquisas, lavantamentos e outros, efetuados em conjunto pela engenharia e controladoria e que levam em conta diretrizes, políticas, metas e procedimentos estabelecidos pela empresa. 17
    • Informações GerenciaisSistema de orçamentosModelo de mensuração que avalia e demonstra, sob um formato contábil, as projeções de desempenhos econômicos e financeiros periódicos de uma empresa como um todo e das unidades que a compõem, que deveriam resultar da execução dos planos de ação por ela aprovados.Esse sistema associa dados físicos relativos ao volume total de produtos que deverão ser produzidos e vendidos com os padrões das receitas,custos e despesas, elaborando os orçamentos de cada área. 18
    • Informações GerenciaisSistema ContábilModelo de balanceamento entre as relações dinâmicas que mantêm com seu ambiente externo regulado por normas e procedimentos rigidamente estruturados e o equilíbrio requerido por seus subsistemas operacionais.Esse sistema reconhece os dados provenientes dos eventos ocorridos no ambiente externo, mensura cada um física e/ou financeiramente, de acordo com sua natureza operacional, financeira ou econômica, e acumula os dados no banco de dados da empresa. 19
    • Integração entre sistemas C o n tro l a d o ri a C o n ta b i l i d a d e P ro d u ç ã o M a rk e ti n gC o n ta s a R e c e b e r A n á l i s e d e C a rte i r a O rç a m e n to P l a n e j a m e n to d e L u c ro s 20
    • Integração entre sistemas Politícas, metas Procedimentos estabelecidos FichasEspecificações,pesquisas Elabora “Fichas- Padrão Levantamento Padrão”prod./serv Prod. Gestão Econômica Transações Natureza Transações Econômicas Plano de contas mensuradas especificações DestinoSistema de padrões 21
    • Integração entre sistemas Transações Base de dados Plano de mensuradas Classificação contasTransaçõesFinanceiras Mensuração Acumulação Sistemas contábil e Gestão Financeira Sistema de orçamento Análise de Relatórios gerenciais desempenho Banco de Dados Eco/finac Orç/real Análise De resultados Outros relatórios demonstrativos Extrai relatórios Sistema de orçamentos Sistema contábil 22
    • Integração com os demais sistemas de informação HR W SATI SAP É comum que as empresas APO integrem diversos sistemas especializados para compartilhar informações. BW 23
    • Sistema de informação - Utilidades Integrar sistemas Desenvolver processos de negócios consistentes Preparar-se para futuras necessidades de negócios Tempo real Tomada de decisões Acesso a informação “Economia” 24
    • BibliografiaBERTALANFFY, L. V. Teoria geral dos sistemas. 3 ed. Petrópolis: Vozes, 1977.LAUDON, K.C./ LAUDON, J.P. Sistemas de informação gerenciais. 5. ed. São Paulo: Person Brasil, 2003.NAKAGAWA, M. Introdução à controladoria: conceitos, sistemas e implementação. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1993.OLIVEIRA, D. P. R. Sistemas de informações gerenciais: estratégias, táticas, operacionais. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1993. 25