O NOVO FUTURO DO            CRISTIANISMO A ÚLTIMA ESPERANÇA DA HUMANIDADE                        O MESSIAS               R...
No Madison Square Garden, Estados Unidos, em 18 de setembro de 1974 peranteuma multidão de mais de 25.000 pessoas, e onde ...
Conteúdo•   O Reino do Céu na Terra                                  5•   O Reino do Inferno — O Paraíso Perdido          ...
Bíblia — o dia da Segunda Vinda do Senhor.                                                      Uma vez que isto foi prome...
Contudo, Adão e Eva desobedeceram a                     Quando vocês se tornarem unidos comDeus. A consequência foi o peca...
Pertenceríamos todos à única raça de Adão,            multiplicação de filhos do pecado desde Adão,sob a única tradição de...
que há um só poder que é capaz de trazer o                    A PREPARAÇÃO PARA A VINDA DOhomem para a salvação: o próprio...
original de Deus. Este é o único propósito e a                    Hoje, se as igrejas cristãs continuarem aúnica vontade d...
este mundo no Reino dos Céus. Viver e morrer              um Deus derrotado. Derrotado por quem? Porpor Deus e por Cristo;...
final. O cumprimento da Bíblia é a vinda do                    Ao longo da história as pessoas justasSenhor; o regresso de...
poderia ser orientado contra a construção do               JESUS NÃO VEIO PARA MORRERReino de Deus.                       ...
A vontade de Deus era que Seu povo                 Jesus?” Acreditem ou não, a primeira razãoescolhido aceitasse o Messias...
ouvimos nenhum comentário sobre a volta de               se ajoelhariam e o adorariam ali mesmo.Elias.” Sem Elias aparecer...
anos, João Batista era uma pessoa de enorme                           João Batista negou tudo. Ele disse: “Euinfluência, g...
para preparar o caminho do Senhor e dar-lhe                 Jesus tem permanecido misteriosamenteum      povo   preparado....
Os cristãos interpretam estas palavras             méritos. Assim, homens de extrema ecomo prova de que João era verdadeir...
como Filho de Deus. Nesse caso, quem teria             espiritual onde a verdade é como a luz do sol.crucificado o Senhor ...
A profecia de Daniel causou muitas                    Só com a revelação da clara verdade dodificuldades ao ministério de ...
porque isto requeria a cooperação do povo.                              Mesmo depois da morte de Jesus, seusNessa última f...
quando não há doentes para curar. Contudo, a            somente espiritual, porque a redenção dotriste realidade é que Jes...
destinados a servir como pista de aterrissagempara o Messias no século XX. Deus querabraçar o mundo. Mas para conseguir is...
uma só vida para dar pelo meu país.” Ele não disse:                                                           “Afaste de m...
cumprindo minha missão?” Se somos verdadeiros                      Permitam-me chegar ao ápice doseguidores de Cristo deve...
Se você pensa apenas que a vinda do Senhor                 das pessoas pergunta: “A Bíblia diz isso?”será nas nuvens e, no...
O novo futuro do cristianismo
O novo futuro do cristianismo
O novo futuro do cristianismo
O novo futuro do cristianismo
O novo futuro do cristianismo
O novo futuro do cristianismo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

O novo futuro do cristianismo

377

Published on

Discurso do Rev Moon para o reavivamento da fé cristã.

Published in: Spiritual
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
377
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
13
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

O novo futuro do cristianismo

  1. 1. O NOVO FUTURO DO CRISTIANISMO A ÚLTIMA ESPERANÇA DA HUMANIDADE O MESSIAS Revdo. Sun Myung MoonMadison Square Garden, Estados Unidos, 18 de setembro de 1974. 1
  2. 2. No Madison Square Garden, Estados Unidos, em 18 de setembro de 1974 peranteuma multidão de mais de 25.000 pessoas, e onde mais de 15.000 tiveram que ficar dolado de fora por falta absoluta de espaço. Rev. Sun Myung Moon é um profeta, um canal entre Deus e o homem, de acordocom o plano de Deus, ele foi escolhido para revelar a Sua Vontade para nossa era. Lemosna Bíblia: “Certamente, o Senhor Deus não fará coisa alguma, sem primeiro revelar o seu segredo aos seus servos,os profetas”.( Amos 3:7). A Vontade e o Ideal de Deus ainda não foram cumpridos, contudo Deus expressouclaramente Sua determinação:“Eu o disse, eu também o cumprirei; tomei este propósito, também o executarei”. ( Isaias 46:11 )A mensagem que Jesus não podia revelar: Em“Se, tratando de coisas terrenas, não me credes, como crereis, se vos falar das celestiais?” João 3:12A revolução que Jesus trouxe para a humanidade 2000 anos atrás quando ele disse: “Sealguém não nasce de novo, não pode ver o reino de Deus”. “Eu vim para lançar fogo sobre a terra”.Lucas 12:49 Da mesma forma que Jesus falava com o fogo da verdade de Deus a mensagem doRev Sun Myung Moon está acendendo o fogo do espírito de Deus. © Copyright, 1974, by The Unification Church International Associação das Famílias para Unificação e Paz Mundial Rua Cardeal Arcoverde, 928 – Pinheiros – São Paulo – SP. 05408-001 – Tel.: 11- 3060-3610 – Fax: 11- 3060-8217 www.familias.org.br 2
  3. 3. Conteúdo• O Reino do Céu na Terra 5• O Reino do Inferno — O Paraíso Perdido 6• Salvação é Restauração 6• A Preparação para a Vinda do Messias 7• Onde Estás, meu Davi? 7• A Bíblia é uma Mensagem em Código 9• Jesus não Veio para Morrer numa cruz_________________10• A Ignorância Matou Jesus 11• Escravos da Letra do Antigo Testamento 11• João Batista Era “o Elias que havia de vir” 13• A Falha de João Batista 14• Jesus, Esperado nas Nuvens do Céu 16• A Crucificação — A Missão Secundária de Jesus 18• A Aceitação de Jesus Traria o Reino de Deus 18• A Crucificação Trouxe Apenas Salvação Espiritual_______ 29• A Oração no Jardim do Getsêmani 20• Como Acontecerá a Segunda Vinda do Messias? 22• Significado Bíblico da Expressão “Nuvens do Céu” 25• O Cumprimento do Propósito de Deus _____ 25• Quem é o Rev. Sun Myung Moon? 28• Um Movimento para a Paz 28 3
  4. 4. Bíblia — o dia da Segunda Vinda do Senhor. Uma vez que isto foi prometido por Deus, a SENHORAS E SENHORES sinto-me Segunda Vinda de Cristo será definitivamentemuito feliz por estar aqui esta noite. Muito cumprida.obrigado por terem vindo. Nesta noite estamosreunidos aqui no Madison Square Garden Qual é a razão para a Segunda Vinda(New-York) em nome de Deus. do Senhor? Ele vem para consumar a vontade de Deus. Então, qual é a vontade de Deus? Meu tema desta noite é: O Novo Futuro Será que nós sabemos claramente o que é ado Cristianismo. Mas antes de começar vontade de Deus? Deus é eterno, imutável egostaria de fazer uma observação pessoal. Eu absoluto e tem uma vontade que é tambémnão vim aqui para repetir o que vocês já eterna, imutável e absoluta. No início, Deussabem. Eu vim para revelar algo novo. Eu tinha um propósito definido antes de criar oquero compartilhar com vocês uma nova universo e este mundo. Este propósito foi arevelação de Deus. razão para a criação, e Ele começou a criação Existe um só Deus, um só Cristo, uma do universo e do homem para cumprir estesó Bíblia. No entanto, hoje, o mundo cristão propósito.encontra-se dividido em mais de 400 Segundo a Bíblia, depois que o primeirodiferentes denominações. Partindo da mesma homem e a primeira mulher foram criados,Bíblia há diferentes pontos de vista, com Adão e Eva, Deus lhes deu um mandamento.muitas diferentes interpretações. Esse mandamento foi: “Da árvore do O que nos interessa não é a conhecimento do bem e do mal não comereis, porqueinterpretação humana da Bíblia, mas como no dia em que dela comerdes, certamente morrereis.”Deus a interpreta, e qual é realmente a Sua (Gn. 2: 17).vontade. Esta resposta deve vir de Deus na Deus lhes pediu para obedecerem aoforma de uma revelação. Quero compartilhar Seu mandamento. Deus queria dizer com issoesta revelação com vocês esta noite. que, pela obediência de Adão e Eva ao Uma vez que esta mensagem veio de mandamento, Seu propósito seria cumprido.Deus e revela Seu ponto de vista, o conteúdo Porém Deus mostrou claramente apode naturalmente ser diferente do consequência da desobediência. Ele disse: “Noentendimento humano. Portanto, pode ser uma dia em que dela comerdes, certamente morrereis”. Ogrande novidade para vocês. Mas precisamos resultado da desobediência era a morte.de novas ideias— ideias de Deus — porque ohomem já esgotou todas as suas própriasideias. Esta é a razão da minha vinda aqui parlhes falar esta noite. Assim, peço a cada um devocês para abrir suas mentes e seus corações afim de que o espírito de Deus possa lhes falardiretamente. Durante 2.000 anos, os cristãos de todoo mundo têm ansiado por um grande eculminante dia como está profetizado na 4
  5. 5. Contudo, Adão e Eva desobedeceram a Quando vocês se tornarem unidos comDeus. A consequência foi o pecado do homem. Deus, Seu divino poder estará em vocês, e seO homem morreu espiritualmente, e o objetivo tornarão perfeitos como Deus é perfeito. Porde Deus não foi realizado. O pecado do isso, Jesus ensinou que a meta do homem é serhomem significa seu desvio do objetivo perfeito como Deus é perfeito: “Vós, pois, sedeoriginal que Deus tinha planejado. Adão e Eva perfeitos como é perfeito vosso Pai Celeste.” (Mt.deixaram de cumprir o propósito da sua 5:48).criação. Depois de sua desobediência, Deusnão tinha nenhuma escolha senão expulsar Por que Deus criou um homem e umaaquele homem e aquela mulher do Jardim do mulher? Depois que tivessem atingido oÉden. estado de perfeição, Deus queria uni-los num casal celestial através da bênção do Jardim do Éden é a expressão simbólica matrimônio celeste. Deus tencionava começardo Reino de Deus na Terra. Adão e Eva não Seu reino com Adão e Eva como os primeirostinham mais o direito de serem cidadãos do marido e mulher. Se isso tivesse se tornadoReino de Deus. Assim, foram expulsos para o realidade, a bênção de Deus para oinferno na Terra, que foi uma criação deles crescimento e a multiplicação teria sidopróprios. cumprida. Ele teria dado o poder para multiplicar Filhos de Deus. Esses filhos teriam O REINO DO CÉU NA TERRA nascido sem pecado e seriam perfeitos. O que Se Adão e Eva tivessem obedecido a eles seriam então? O pecado nunca teriaDeus, teriam estabelecido o Reino dos Céus na surgido na raça humano. Tendo filhos, Adão eTerra. Como seria esse reino? Adão e Eva Eva teriam se tornado os verdadeiros pai eforam criados sem pecado, com o potencial mãe centralizados em Deus — os Verdadeirospara atingir a perfeição. Eles deveriam crescer Pais da Humanidade.até atingir a perfeição, obedecendo a lei de Se Adão e Eva tivessem formado aDeus. Enquanto estivessem crescendo até primeira família centralizada em Deus, delaatingir a humanidade e até se tornarem homem teria surgido uma tribo, uma nação e ume mulher perfeitos, suas relações seriam como mundo centralizados em Deus, nos quais sóirmão e irmã. Eles deveriam estabelecer a Deus seria o Senhor. Então teria reinado averdadeira tradição de fraternidade. perfeição desde o início e por toda a O que é a perfeição? É a total união do eternidade. Onde Deus criou Adão e Eva?homem com Deus. O homem foi criado para Lá em cima, no espaço sideral? Fora doser o templo de Deus, no qual o espírito de ambiente físico? Não, Deus os criou aquiDeus habitaria. Tal homem é divino, como mesmo na Terra. Por conseguinte, oDeus é divino. Este homem é santo como Deus florescimento da família de Adão traria aé. realização do ideal de Deus aqui sobre a Terra, e Deus teria Se tornado o centro da Jesus foi o primeiro homem perfeito. humanidade. Isto não teria sido outra coisaEsta perfeição é o estado ao qual Jesus se senão o Reino de Deus na Terra, no qual Deusreferia quando disse: “Acreditai que eu estou no viveria com o homem.Pai, e o Pai está em Mim.” (Jo. 14:11). Se isso tivesse se cumprido no início, hoje não haveria raças e línguas diferentes. 5
  6. 6. Pertenceríamos todos à única raça de Adão, multiplicação de filhos do pecado desde Adão,sob a única tradição de Adão. A única língua de geração em geração, trouxe comode Adão seria a nossa língua universal. E, de consequência este mundo decaído, em estadofato, o mundo inteiro seria uma nação sob o de pecado.domínio de Deus. Por não termos a Deus como centro, Assim, no Plano Original de Deus todos passou a existir um mundo de pecado, deos homens deveriam nascer no reino de Deus desconfiança, de crime, de ódio e de guerra. Ena Terra. Deveríamos gozar a vida celestial na nós, nações e sociedades deste mundo,Terra. E, uma vez encerrada nossa vida podemos nos destruir uns aos outros sem sentirterrena, seríamos elevados para o reino de dor. Este é o reino do inferno na Terra. ODeus no céu espiritual onde viveríamos mestre deste mundo, de fato, não é Deus, maseternamente. Este era o plano original de Satanás. Esta é a razão porque em João 12:31Deus. Não haveria Satanás, o mal, nem o diz que Satanás é o príncipe deste mundo.inferno neste mundo. Na verdade, Deus não Sabemos que Deus criou o homem. Mascriou o inferno para Seus próprios filhos. Deus não é o mestre, porque o homem trocou-Nenhum pai faria uma prisão para seu filho O por outro. O homem traiu Deus e uniu-selogo ao nascer. Por que Deus criaria um com o falso mestre, Satanás. Este Satanás teminferno para Seus próprios filhos? Só o céu era sido o pai da humanidade.a vontade original de Deus. Por causa dopecado, o homem perdeu seu valor original e A queda do homem trouxe uma grandetornou-se um lixo humano. O inferno é como tristeza ao coração do Pai Celeste. Deusuma lixeira. Mas ela se tornou necessária perdeu tudo quando o homem se revoltousomente após a queda do homem. contra Ele. Esta é a razão pela qual lemos em Gênesis 6: 6. “O Senhor arrependeu-se de ter criado O REINO DO INFERNO — O o homem sobre a Terra e Seu coração ficou ferido dePARAÍSO PERDIDO íntima dor”. Examinemos a situação do homem e do Deus sofre porque um mundo oposto àmundo decaídos. Lemos em Jo. 8:44 que Jesus Sua vontade tornou-se realidade. Se adisse: “Vós sois filhos do demônio”. intenção, o plano original de Deus tivesse se Com a queda, o homem ficou sob a cumprido, Ele teria ficado feliz. Se asfalsa paternidade de Satanás, que se tornou “o consequências da queda fossem o resultado dodeus deste mundo”. O homem trocou de pais. plano de Deus, por que Deus ficaria triste noAbandonamos o nosso verdadeiro pai, Deus, e Seu coração? Por que Ele teria Senos unimos com o falso pai, Satanás. O arrependido de haver criado o homem?primeiro homem e a primeira mulher SALVAÇÃO É A RESTAURAÇÃOtornaram-se filhos de Satanás. Sob a falsapaternidade de Satanás, Adão e Eva uniram-se Deus todo poderoso é um Deus denum casamento ilegítimo, sem a bênção ou a amor, um Deus de misericórdia. Seu coração éordem de Deus. E quando eles multiplicaram compassivo e sofredor devido ao estado defilhos, todos ficaram sob o domínio do falso morte de Seus filhos. Deus sabe que nenhumpai. Todos nasceram como filhos do pecado, homem é capaz de quebrar suas cadeias enão como filhos de Deus. Portanto, a libertar-se do pecado por ele próprio. Ele sabe 6
  7. 7. que há um só poder que é capaz de trazer o A PREPARAÇÃO PARA A VINDA DOhomem para a salvação: o próprio Deus. E MESSIASDeus, na Sua misericórdia, está decidido a Porém, antes que Deus pudesse enviarsalvar este mundo. Seu Filho para restaurar o mundo, Ele teve que O que é salvação? Salvação é preparar o caminho, passo a passo, começandosimplesmente restauração. O que faz um com um indivíduo e expandindo para umamédico para salvar seu paciente? Ele restaura nação, tendo em vista estabelecer umo doente ao seu estado normal. Isto é uma Fundamento de Fé sobre o qual o Messiascura. O que você faria para salvar uma pessoa pudesse vir.que está se afogando? Você a salvaria, Em todo caso, este mundo tem sido otrazendo-a para fora da água, para a terra. Isto mundo de Satanás. Se o Messias viesse para aé uma salvação. Terra sem um fundamento, uma preparação, o Do mesmo modo, a obra de salvação de mundo satânico o destruiria. Por isso, DeusDeus é simplesmente restaurar o homem do trabalhou diligente e cuidadosamente paraestado anormal decaído para o estado original estabelecer a nação e uma soberania sobre osde bondade. Portanto, salvação é equivalente quais Ele pudesse ter controle. A naçãoà restauração. Deus está restaurando o reino do escolhida de Israel foi o resultado dainferno para o Reino dos Céus. Na Bíblia, preparação para o Messias.“Deus mostra claramente Sua determinação:”. Deus preparou a nação de Israel comoLemos (Is. 46:11) “O que Eu disse, farei; o que uma “pista de aterrissagem” para o Messias.concebi, realizarei. Porque Eu Sou Deus e não há Sob o Fundamento de Fé de Israel, Deus pôdeoutro”. enviar Seu campeão, o Messias. Deus não disse: “Eu talvez faça”. Ele Do mesmo modo, o Cristianismo hoje,disse: “Eu farei”, mostrando Sua absoluta é a “pista de aterrissagem paralela” do Messiasdeterminação para restaurar o homem e o em sua Segunda Vinda. Os cristãos deverãomundo para o plano original. Como? Através formar um Fundamento de Fé para o retornodo Messias. do Messias na hora final do cumprimento. Para restaurar a humanidade, Deus Hoje, mais do que nunca, o Messias é aenviou Seu filho Jesus a este mundo como esperança para o nosso mundo atribulado! Asalvador — como o Messias. Há dois mil anos missão do Messias é consumar a restauraçãoJesus veio a este mundo como o autor da vida. — tirar a humanidade decaída e sofredoraEle veio para transformar todos os homens deste mundo de maldade e restaurar o homempecadores em homens semelhantes a Cristo. para a perfeição e bondade originais de Deus.Ele veio para restaurar o Reino dos Céus na Ele vem para destruir a soberania do mal queTerra. Por conseguinte, Jesus proclamou Satanás exerce sobre este mundo e,como sua primeira boa nova: (Mt: 4: l7). finalmente, estabelecer a soberania de Deus.“Arrependei-vos, pois o Reino dos Céus está próximo”. Jesus veio como Messias há 2.000 anos com a Com a vinda de Jesus, as pessoas finalidade de restaurar o Reino de Deus. Hoje,estavam verdadeiramente no limiar do Reino estamos aguardando a Segunda Vinda dedos Céus. Cristo. A finalidade da Segunda Vinda é precisamente a mesma: a restauração do reino 7
  8. 8. original de Deus. Este é o único propósito e a Hoje, se as igrejas cristãs continuarem aúnica vontade de Deus. seguir pelo mesmo caminho do egocentrismo, o espírito cristão está destinado a declinar. Hoje, nós, os cristãos, somos o povo Antes de clamarmos pela nossa salvação,escolhido de Deus. Os cristãos são os clamemos pelo cumprimento da vontade decolaboradores de Cristo. Portanto, estamos na Deus. Precisamos libertar Deus de Seuposição de preparar um fundamento para o sofrimento e tristeza. Quando solucionarmos oSenhor, dar-lhe as boas vindas e aceitá-lo problema de Deus, o problema do homem seráquando ele vier, participando na sua missão de automaticamente resolvido. Então, o fogodestruir Satanás da face da Terra e levar a cristão verdadeiramente queimará por causa dosalvação para toda a humanidade. coração angustiado de Deus, e não por nós Hoje, no entanto os cristãos não estão mesmos.seguros acerca da vontade de Deus, sobre qual Em 2.000 anos de história, os cristãoso objetivo da vontade de Deus. Estamos mais tiveram a grande oportunidade de conduzir ointeressados na nossa salvação pessoal, no mundo inteiro para Deus. Mas os cristãosnosso próprio céu em qualquer lugar e na simplesmente não perceberam com clarezagarantia do nosso pequeno ninho nesse céu. qual era a vontade de Deus. Não agiramMas este não é o procedimento que Deus quando a oportunidade lhes apareceu.espera dos cristãos. A mesma oportunidade está batendo à ONDE ESTÁS, MEU DAVI? porta novamente. Desta vez a oportunidade Deus está procurando Seus campeões chegou aos Estados Unidos. Se os cristãosentre os cristãos do mundo de hoje. E o americanos de hoje reconhecerem a vontadetrabalho de Deus requer um espírito de de Deus para os dias atuais e agirem emsacrifício. Quantos cristãos estão dizendo conformidade, poderemos virar o mundo deagora: “Use-me como um cordeiro sobre Seu altar, e a baixo para cima e de cima para baixo, e fazerpartir do meu sacrifício salve este mundo?” Deus descer o Céu à Terra. A hora da Segunda Vinda do Cristo está próxima. Todavia, nãoestá em busca de um espírito de abnegação. estamos conscientes dos sinais dos tempos.Deus está procurando pelos carregadores decruz do século XX. E os cristãos de hoje estão Em vez de continuarmos orando esurdos em relação a este chamado. pedindo “Venha a nós o Vosso Reino, seja feita a Os cristãos de hoje estão clamando pelo Vossa vontade, assim na Terra como no Céu”, (Mt.“meu céu” e pela “minha salvação”. E quanto a 6:10) podemos agora agir conforme a vontadeDeus? Quanto ao resto do mundo? Vocês de Deus, fazendo deste céu uma realidade,pensam que serão capazes de guardar seu porque já é chegada a hora marcada por Deuspequeno pedaço de céu enquanto o resto do para a efetivação deste plano.mundo está se desmoronando? Não! Cada um de nós faz parte do corpo de Por outro lado, se todo o mundo for Cristo. Por isso, quando Cristo vier, seremossalvo, sua própria salvação não estará os membros de seu corpo vivo. Se cada um deincluída? nós está desejoso e pronto para pregar o seu corpo à cruz a fim de poder dar vida ao nosso mundo, então na verdade transformaremos 8
  9. 9. este mundo no Reino dos Céus. Viver e morrer um Deus derrotado. Derrotado por quem? Porpor Deus e por Cristo; este é o privilégio de Satanás! Então, este Deus não seria Deus.ser cristão! Ponha-se na posição de Deus. Quando Lembrem-se: a vontade de Deus é Ele olha para o mundo cristão hoje, acho quesalvar o mundo inteiro; não apenas os cristãos, não fica satisfeito. Ele vê que há uma grandenão apenas as igrejas. Há um versículo batalha à frente que deve ser travada euniversalmente conhecido na Bíblia, que vencida. Deus deve ter um confronto com oaprendemos em nossos primeiros dias de formidável poder do inimigo, o poder decatequese: “Pois Deus amou tanto o mundo que deu Satanás, o poder do pecado.Seu único Filho, para que todo aquele que nele crer Por isso, Deus precisa de um Davi dosnão pereça, mas tenha a vida eterna.” (Jo. 3: 16). dias modernos para enfrentar esse Golias, A ênfase está na palavra “mundo”. Deus Satanás. Não ouvem o apelo de Deus: “Ondeamou o mundo, não apenas uma igreja, os está o meu Davi? Onde está você, meucristãos ou um povo em particular, mas o Davi?” E Deus espera que os cristãos de hojemundo inteiro. Por essa razão — para salvar respondam: “Sim, meu Senhor! Eu sou o Seueste mundo — o Messias é enviado. Davi. Sua vontade será feita”! Se perguntassem ao nosso Senhor: “Tu Mas os cristãos deste mundo parecemés o salvador apenas dos cristãos?”, ele dormir um sono profundo. Os poucos cristãosresponderia: “Não! Sou o salvador de toda a que parecem acordados estão empenhados emhumanidade”. lutar entre si. O tempo da colheita já chegou neste cósmico outono, mas Deus não tem Se perguntassem a Deus: “O Senhor é o trabalhadores para enviar aos campos. DesdeDeus dos cristãos?” Ele responderia: “Não! Sou o a queda do homem, Deus tem travadoDeus do universo, o Deus de toda a criação, o Deus continuamente uma guerra divina contra ode todos os homens”. poder de Satanás. Esta guerra não acabou. A batalha final ainda está para chegar. Cristo está Há dois mil anos o povo estava chegando pela segunda vez, como oesperando a vinda do Messias, mas motivado comandante-chefe, para travar a batalha final.por razões egocêntricas. Eles pensavam que o E essa hora já chegou. Todavia, como é triste!Messias viria como um conquistador militar Nenhum soldado celestial está pronto. Ospara vingá-los e derrotar o Império Romano, cristãos estão dormindo.recompensando Israel com grande glória epoder num sentido terreno. Eles simplesmente Até aqui, Deus pôde empenhar-Sehaviam perdido o sentido central de sua fé. numa “luta de guerrilha” contra Satanás, nãoPelo contrário, o Messias veio para o povo de numa guerra total. Porém, Deus tem SeIsrael a fim de usá-lo como instrumento de preparado para um grande dia, um “Dia-D”sacrifício para levar a salvação de Deus ao Celestial – como o Dia-D do desembarque namundo inteiro. Normandia quando Deus poderá lançar uma ofensiva maior possível. Esse dia é o dia da Sim, Deus determinou-Se a restaurar o Volta de Cristo. Esse dia de Deus está perto! Amundo inteiro e conduzir toda a humanidade Bíblia é o registro da preparação paciente depara a bondade e a perfeição. Se Deus não Deus, conduzindo a humanidade para a batalhapudesse fazer isso, então realmente Deus seria 9
  10. 10. final. O cumprimento da Bíblia é a vinda do Ao longo da história as pessoas justasSenhor; o regresso de Cristo nesse dia. não têm encontrado outra coisa senão sofrimento sobre esta Terra, simplesmente A BÍBLIA É UMA MENSAGEM EM porque estão em território inimigo, e Satanás CÓDIGO não quer que os agentes de Deus prosperem. O que é a Bíblia, mais precisamente? Sempre que as forças de Satanás descobriramA Bíblia tem sido um livro de mistério. os representantes de Deus, tentaram destruí-Contudo, a Bíblia contém a mensagem de los. Devemos compreender que Deus teve queDeus para o homem. dar Suas instruções em mensagens codificadas. Assim, a Bíblia está escrita em A Bíblia não usa uma linguagem clara, símbolos e parábolas. Neste sentido, a Bíbliamas está escrita em símbolos e parábolas. foi concebida para ser mesmo misteriosa.Sabem por que Deus apresentou a Bíblia em Então, como podemos compreender osímbolos e parábolas? Por que Ele não fala a verdadeiro significado daqueles símbolos everdade claramente? parábolas? Porque Deus tem lidado com o mundo É simples, de certo modo. Se você é umdo mal. Através dos tempos Deus tem agente liberado pelo seu quartel-general eescolhido cautelosamente Seus trabalhadores, deseja decifrar uma mensagem codificada,ou campeões deste mundo de maldade. Abraão então você deve ter um livro de código oue Noé foram dois desses campeões. comunicar-se diretamente com o quartel- E os campeões de Deus estiveram general.sempre em minoria absoluta no mundo do mal. Justamente por isso, o significado dosSe Deus revelasse, aberta e claramente Sua símbolos e parábolas descritos na Bíbliaestratégia, essa informação seria utilizada pelo somente podem se tornar claros quando nosinimigo contra Seus próprios campeões. Isso comunicamos com o nosso “quartel-general”,explica porque a Bíblia está escrita como uma que é Deus. Este é verdadeiramente o únicomensagem codificada, para que só os agentes caminho certo para podermos conhecer ode Deus, Seus campeões, pudessem decifrá-la, profundo significado da Bíblia.não o inimigo. Há dois mil anos, nosso Senhor Jesus Permitam-me fazer uma analogia. Para trouxe o projeto para a construção do Reinoproteger sua segurança, os Estados Unidos dos Céus na Terra. Todavia, ele não pôde falarenviam muitos agentes para além-mar a fim de claramente sobre seu plano, nem mesmo aoscolher informações vitais com respeito aos seus próprios discípulos. Jesus falava emseus inimigos potenciais. Quando o quartel- termos figurados e por meio de comparações egeneral entra em comunicação com seus parábolas. Por quê?agentes além-mar, particularmente emterritório inimigo, devem fazê-lo aberta e Jesus conhecia as circunstâncias sob asclaramente? Não. Ninguém seria tão ingênuo. quais tinha de trabalhar. Havia a pressãoDevem comunicar-se através de mensagens política do Império Romano. Havia acodificadas — mensagens secretas — para que monarquia reinante que se opunha a qualquero inimigo não possa decifrá-las. mudança. E havia também uma forte tradição e o sistema religioso implantado. Tudo isto 10
  11. 11. poderia ser orientado contra a construção do JESUS NÃO VEIO PARA MORRERReino de Deus. NUMA CRUZ Jesus veio para acender no homem o Há um enigma na história que não tevefogo da revolução, que, no devido tempo, ainda uma explicação adequada.transformaria a estrutura e a vida da nação Durante 4.000 anos, antes da vinda deinteira. Mas ele não pôde falar claramente Jesus, Deus tinha preparado o povo escolhidosobre nenhuma dessas coisas, nem mesmo de Israel para receber o Messias. Através depara seus próprios discípulos. Ao invés disso, Seus profetas, Deus havia avisado ao povoteve que falar em símbolos e parábolas escolhido a fim de que estivesse preparadoacrescentando: “Quem tem ouvidos para ouvir, que para receber o Messias. Deus estavaouça.” (Lc. 14: 35). trabalhando para criar uma expectativa e Se vocês tentarem interpretar a Bíblia havia, de fato, um grande fervor messiânicoliteralmente, palavra por palavra, letra por em Israel. Na hora marcada, Deus cumpriuletra, sem compreenderem a natureza da Sua promessa. O Filho de Deus, Jesus, veiomensagem codificada da Bíblia, estarão para seu próprio povo no tempo marcado.sujeitos a cometer um grave erro. Por isso O que aconteceu depois? A História éhoje, nesta hora, o mundo cristão necessita de a testemunha. Nós não o reconhecemos,uma revelação de Deus. Deus deve revelar-nos rejeitamos ainda nos rebelamos contra ele, eSeu plano. Deve nos mostrar Seu horário e nos finalmente o crucificamos. Por quê?dar instruções de como fazer e o que fazerneste tempo. Na verdade Deus nos prometeu As igrejas cristãs dizem: “A respostaisso, dizendo em Amós 3:7 “Pois o Senhor Deus para essa pergunta é simplesmente esta: Deusnada faz sem antes revelar Seu segredo aos seus enviou Jesus para morrer numa cruz. Portanto,servos, os profetas”. a crucificação era a Vontade predestinada por Deus desde o início”. Nesta noite encontro-me aqui noMadison Square Garden não por minha Diante disso, gostaria de perguntar paravontade, mas em obediência à vontade divina. os cristãos: O que farão quando JesusDeus me chamou como Seu instrumento a fim voltar? Todos responderão com firmeza: “Nósde revelar Sua mensagem para Sua o receberemos, lhe daremos as boas-vindas! E nosprovidência nos dias de hoje, cujo objetivo é uniremos a ele!” Deixe-me perguntar ainda:formar um povo preparado para o grande dia “Irão crucificá-lo quando ele aparecer?” Suado Senhor. resposta será: Não! Nesta noite eu me deterei na revelação Se for assim, o que dizer do povodivina que se refere ao Segundo Advento — a escolhido, o I Israel, de 2000 anos atrás? Sequestão mais importante do nosso tempo. E eles tivessem aceitado Jesus, como vocêspara compreendermos isto claramente, dizem que fariam hoje, teriam crucificadodevemos primeiramente conhecer as Jesus? Não! Portanto, eles cometeram umcircunstâncias da vinda de Jesus há 2.000 erro! Foi devido à sua ignorância que elesanos. crucificaram Jesus. 11
  12. 12. A vontade de Deus era que Seu povo Jesus?” Acreditem ou não, a primeira razãoescolhido aceitasse o Messias. Mas, ao invés pela qual o povo escolhido de Deus nãodisso, crucificaram-no passando a reconheceu Jesus como Messias foi o Antigoresponsabilidade para outros ao dizerem que Testamento. Esta afirmação pode lhes causaraquilo era a vontade de Deus. É ridículo! Do um certo espanto. Mas o povo interpretouponto de vista lógico, isto não é aceitável. literalmente o Antigo Testamento. Eles nãoAlgo muito errado aconteceu. O que foi? compreenderam que a Bíblia estava escrita em códigos. Não procuraram um livro de código. A IGNORÂNCIA MATOU JESUS Ao invés disso, interpretaram literalmente a O povo não conheceu quem era Jesus Bíblia, palavra por palavra, letra por letra.de Nazaré. Eles não o reconheceram como Resumindo, tornaram-se escravos das letras doFilho de Deus. Se tivessem conhecido com Antigo Testamento.clareza que Jesus era o Messias, o Filho de Deixem-me dar um exemplo: o livro deDeus, certamente não o teriam crucificado. Malaquias, no Antigo Testamento, tem uma“Ele veio para seu povo e seu próprio povo não o função paralela com o livro do Apocalipse, norecebeu.” (Jo. 1: 11). Novo Testamento. Ele mostra claramente o Considerem o testemunho do apóstolo horário e a descrição do último minuto dePaulo: “Nenhum dos príncipes deste mundo como o Messias virá. Em Malaquias 4:5-6compreendeu isto, porque se tivessem compreendido encontramos estas palavras: “Eis que vos enviareinão teriam crucificado o Senhor da Glória.” (I Elias, o profeta, antes que venha o grande e terrível dia do Senhor. E ele converterá os corações dos paisCor. 2: 8). aos seus filhos e o coração dos filhos aos seus pais”. Se tivessem conhecido quem foi ele,não teriam crucificado o Senhor da Glória. Foi Quem foi Elias? Elias foi um grandeum erro. Foi a ignorância e a cegueira profeta de Israel que viveu aproximadamenteespiritual que mataram Jesus! 900 anos antes de Jesus, e que havia subido ao céu num carro de fogo através de um turbilhão O mundo cristão ainda não de vento, segundo o Testamento Antigo. Porcompreendeu a verdade acerca do que isso, o povo acreditava que Elias voltariarealmente aconteceu no tempo de Jesus. Se o literalmente do céu azul num carro de fogo,propósito de Deus ao enviar Seu Filho era para anunciando a vinda do Filho de Deus. Eraque ele fosse pregado numa cruz, por que Ele assim que o povo aguardava Elias. Mas Eliaslevaria tanto tempo para preparar o povo não voltou da maneira como eles esperavam.de Israel? Teria sido mais fácil para Deus O povo escolhido de Israel nunca ouviu nada aenviar Seu Filho entre os descrentes, ou até respeito do regresso milagroso de Elias.entre os selvagens. Eles o teriam matado Todavia, um dia ouviram um depoimentorapidamente, e a salvação teria chegado mais extraordinário. Um jovem de Nazaré, cujocedo. nome era Jesus, estava sendo proclamado pelos seus discípulos como o Messias o filhoESCRAVOS DA LETRA DO ANTIGO de Deus.. Este era um anúncio inacreditável. TESTAMENTO E qual foi a reação imediata do povo? Assim sendo, façamos uma pergunta: “Impossível!”, exclamaram. “Como pode“Por que os israelitas não souberam quem era Jesus de Nazaré ser o Filho de Deus? Não 12
  13. 13. ouvimos nenhum comentário sobre a volta de se ajoelhariam e o adorariam ali mesmo.Elias.” Sem Elias aparecer, o Messias não Quem ousaria crucificá-lo? Contudo essepoderia vir. milagre não era o significado da profecia de Malaquias sobre a vinda de Elias. A fim de aceitar Jesus como Filho deDeus, os israelitas teriam que fazer pouco caso Na verdade, esta profecia foi um obstáculo aodos 4.000 anos de tradição e desprezar sua sucesso da missão de Jesus. Quando osBíblia. Mas ninguém quis ou ousou fazer isso. discípulos de Jesus foram por toda IsraelNaquele tempo o povo realmente não entendeu ensinar a Boa Nova e proclamar Jesus comoJesus, o Filho de Deus. Disseram-lhe: Jo Filho de Deus, o povo repudiou suas palavras10:33 “Não é por uma boa obra que te apedrejamos, dizendo: ”Se Jesus é o Filho de Deus, ondemas por blasfêmia, porque sendo tu homem te fazes está Elias? As escrituras dizem que Elias deveDeus”. vir primeiro”. E pegaram pedras, prontos paraapedrejar Jesus, o Messias. Além disso, JOÃO BATISTA ERA “O ELIAS QUEquando Jesus operou muitos prodígios e HAVIA DE VIR”milagres, o povo não honrou a Jesus. Ao invés,disseram: “É por Belzebu, chefe dos demônios, que Os discípulos de Jesus não estavameste homem expulsa demônios.” (Mt. 12: 24). suficientemente preparados para responder a esta pergunta. Com efeito, eles não estavam Que tragédia! Jesus, o Filho de Deus, o bem instruídos no Antigo Testamento. Afinal,príncipe da paz, foi menosprezado e eles eram humildes pescadores da Galiléia,considerado o príncipe dos demônios! Pôncio cobradores de impostos e prostitutas. Assim,Pilatos, governador com grande autoridade em um dia, os embaraçados discípulos de JesusRoma, não queria crucificar Jesus, porque não decidiram encontrar-se com ele e pediram-lheencontrou nenhuma culpa nele. Contudo, o ajuda neste sentido. Isto aparece em Mateuspróprio povo de Jesus gritava: “Crucificai-o! 17: 10-13: “E os discípulos perguntaram-lhe: então,Crucificai-o!”. O povo que Deus havia por que os escribas dizem que Elias deve vir primeiro?preparado para receber Jesus quis que ele Ele replicou: Elias vem para restaurar todas asmorresse e que, ao invés dele, fosse libertado coisas; mas eu lhes digo que Elias já veio.” “Então osBarrabás, o criminoso. Terá sido esta a discípulos compreenderam que ele se referia a Joãovontade de Deus? Não! Jesus foi vítima da Batista”.ignorância e da cegueira do seu próprio povo.Eles interpretaram a profecia de uma forma Isto foi realmente um choque para oserrada; interpretaram mal o Antigo discípulos de Jesus. E logo compreenderamTestamento. que, de acordo com a Bíblia, Jesus estava referindo-se a João Batista. Imagine se Elias tivesse vindo de ummodo sobrenatural, num carro de fogo Elias era João Batista? Sim, Jesusdescendo do céu, conforme o povo esperava. assim o disse. Mas o povo escolhido de IsraelIsto teria criado uma grande sensação. Imagine nunca se convenceu disso. Eles disseram queElias aparecendo diante da multidão e tal afirmação era um ultraje!proclamando: “Este homem, Jesus de Nazaré, é de Imaginemos a transposição destesfato o Filho de Deus”. Estou certo de que todos acontecimentos para nosso tempo. Há 2.000 13
  14. 14. anos, João Batista era uma pessoa de enorme João Batista negou tudo. Ele disse: “Euinfluência, gozando grande prestígio em toda não sou Elias.” E até negou ser um profeta.Israel como um grande homem de Deus — Todos sabiam e o reconheciam como umassim como Billy Graham de hoje, um grande profeta de Deus, mas ele disse: “Eu não sou umlíder cristão. profeta”. Por quê? Ele avaliou a situação e sabia Suponhamos, então, que um jovem que Jesus era tratado pela sociedade como umcristão desconhecido aparecesse subitamente e proscrito. Jesus pareceu ser um homem falho,começasse a proclamar-se a si próprio para o e João decidiu não se juntar a ele. Ele pensoumundo como o Filho de Deus. Como estudioso que seria mais conveniente negar tudo.das Escrituras você perguntaria: “Se tu és o Filho Desse modo, João Batista pôs Jesus dede Deus, onde está o prometido Elias?” Se esse lado fazendo dele um grande impostor, semjovem lhe dissesse: “Billy Graham é o Elias que nenhuma defesa. Depois da negação de João,havia de vir”. Qual seria sua reação? Você, Jesus não tinha outro recurso a tomar nesteindubitavelmente, diria que é impossível. sentido.Como pode Billy Graham ser Elias? Ele não Por que Jesus foi crucificado?veio do céu azul. Todos nós sabemos que ele Primeiro, ele tornou-se vítima da interpretaçãoveio da Carolina do Norte! literal do Antigo Testamento. Em segundo Decididamente, não podemos aceitar lugar, Jesus foi rejeitado e finalmenteisso. Jesus enfrentou o mesmo tipo de crucificado por causa do fracasso da missão dedescrença em sua época. O povo não aceitou João Batista. Podemos ler que, enquantoJoão Batista como Elias, simplesmente porque esperava na prisão para ser degolado, Joãoele não desceu do céu. O povo escolhido há Batista, mandou dois de seus próprios2.000 anos equivocou-se por sua própria discípulos até Jesus para fazerem a seguintecrença, segundo a qual a profecia do regresso pergunta: “És tu aquele que está para vir oude Elias deveria ser cumprida literalmente; que devemos esperar por outro?” Mt 11:3.Elias devia vir do céu. Eles foram vítimas dainterpretação das letras do Antigo Testamento. É esta a pergunta de um homem que tem fé em Jesus como o Filho de Deus? A FALHA DE JOÃO BATISTA Anteriormente João Batista havia testemunhado Jesus no rio Jordão: “Eu vi e sou Contudo, Jesus continuou ensinando testemunha de que este é o Filho de Deus.” (Jo. 1:por todo Israel com poder e autoridade, apesarda opinião pública ser desdenhosa. O povo não 34).podia fácil e simplesmente repudiar tal No entanto, esta mesma pessoa, com ahomem. Eles queriam estar seguros de si mesma língua, estava agora encarando Jesuspróprios. Por isso, decidiram perguntar ao com esta pergunta: “És realmente o Messias, oupróprio João Batista, e resolver suas questões esperaremos ainda por outro?” Quão desanimadorade uma vez por todas. E assim fizeram como e dolorosa deve ter sido esta pergunta parapodemos ler : “E foram perguntar a João: Quem és Jesus! Que homem de tão pouca fé era João!tu? Ele confessou, e não negou; ele disse: “Eu não souo Messias.” E perguntaram-lhe: Então quem és? És A missão de João Batista era muitotu Elias? Ele respondeu: Não sou. És tu um profeta? importante para o cumprimento da missão doEle respondeu: Não!” (Jo. 1: 19-21). Messias. Deus enviou João especificamente 14
  15. 15. para preparar o caminho do Senhor e dar-lhe Jesus tem permanecido misteriosamenteum povo preparado. Esta era a velado. Os cristãos ainda não compreenderamresponsabilidade de João, como precursor de seu verdadeiro sentido, porque nãoCristo. compreenderam que João Batista falhou em sua missão. Esta noite podemos saber o Jesus dependia muito do sucesso da verdadeiro significado desta afirmação.missão de João Batista. Assim, quando Joãoveio para Jesus e lhe perguntou: “És tu João Batista era o maior entre osrealmente o Messias?” foi mais doloroso para nascidos de mulher devido à sua missão, queJesus do que se lhe tivesse apunhalado. O era testemunhar o Filho de Deus. Todos ossentimento de raiva subjugou Seu coração. profetas do passado haviam tido a mesmaJesus se recusou a responder “sim” ou “não” missão. Mas os profetas que vieram antes depara uma tão inoportuna pergunta. Ao invés João tinham dado testemunho do Messias comdisso, Jesus disse: “Bem-aventurado aquele que uma enorme distância de tempo entre eles e onão se escandalizar de mim.” (Mt. 11: 6). Senhor. Estas foram as palavras de Jesus para João, entretanto, nasceu comoJoão quando viu que ele estava para declinar. contemporâneo de Jesus. Assim, ele teve oJesus estava realmente dizendo: “Pobre João, privilégio de testemunhar o Cristo vivohomem fraco! Tu já não tens mais fé em mim. quando ele apareceu em pessoa. No que dizTu estás ofendendo o Filho de Deus. Tenho dó respeito à missão, João tinha a maior e maisde ti, João.” Depois Jesus falou à multidão gloriosa delas. Por isso Jesus disse que ele erasobre João com muita indignação: “Que fostes mais que um profeta, o maior entre aquelesver no deserto? Um caniço agitado pelo vento? nascidos de mulher.Então, que fostes ver? Um homem vestido de roupas No entanto, no cumprimento destadelicadas? Reparai, aqueles que vestem roupas missão, ele havia se tornado o menor; poisdelicadas habitam nos palácios reais. Que fostes, cometeu o mais miserável fracasso entre todosentão, fazer? Ver um profeta? Sim, eu vos digo, mais os profetas que tinham vivido antes dele, quedo que um profeta.” (Mt. 11: 7-9). estavam no mundo espiritual. Eles sabiam quem era Jesus. Mas João, não. Ele duvidou. João era mais que um profeta, porque Ele se tornou cético e finalmente cego quantoele veio dar testemunho diretamente de Jesus, à identidade de Jesus. Por fim, ele falhou emo Filho de Deus. Ele nasceu para uma missão manter seu testemunho pessoal sobre o Filhoextraordinária. Deus deu essa gloriosa de Deus. Ele tornou-se um homem falho e,responsabilidade para João. Que honra para consequentemente, o menor de todos no Reinoum homem ser considerado por Jesus “mais do dos Céus.que um profeta”! Contudo, João falhou em nãofazer por disse em Mateus 11.11: “Em verdade Quero dar-lhes uma outra provavos digo, entre os nascidos de mulher não apareceu incontestável do fracasso da missão de Joãoninguém maior do que João Batista; no entanto, o Batista. O povo disse a João: “Rabbi, aquelemenor no Reino dos Céus é maior que ele”. (Jesus) que estava contigo além do Jordão, de quem deste testemunho, está agora batizando, e todos vão João tinha descido de posição ao ponto ter com Ele.” João respondeu: “Ele deve crescer e eude o menor no Reino dos Céus ser ainda maiordo que ele. O significado dessa afirmação de diminuir.” (Jo. 3: 26.30). 15
  16. 16. Os cristãos interpretam estas palavras méritos. Assim, homens de extrema ecomo prova de que João era verdadeiramente arrebatada fé, como Pedro, tomaram a posiçãoum homem humilde e um grande profeta. de João pelos seus próprios méritos. Se JoãoAcreditam que ele viu, em sua humildade, que Batista tivesse sido um homem de grande fé,Jesus deveria crescer, enquanto ele diminuiria. qual teria sido o resultado? Ele teria se tornado, na verdade, o discípulo principal do Entretanto, muito pelo contrário, estas Filho de Deus, Jesus. Se Jesus fosse rei, Joãopalavras provam a arrogância de João Batista. Batista teria sido seu Primeiro Ministro. EstaSe João tivesse seriamente levado Jesus em era a posição que Deus ordenara para João.consideração como Filho de Deus, não teria Nesse caso, os doze apóstolos, os 70tido outra alternativa senão unir-se com ele e discípulos e os 120 escolhidos teriam vindosegui-lo com todo o coração, quer chovesse ou entre os discípulos do próprio João. Joãofizesse sol. João teria se elevado ou declinado deveria ter servido como mediador para trazerjuntamente com Jesus, seguindo o mesmo união e harmonia entre o povo escolhido decaminho e destino. Esta passagem mostra-nos Israel e o Filho de Deus. Assim, quem ousariaque, de fato, João Batista não seguiu Jesus. Ele crucificar Jesus nessas circunstâncias?tomou um caminho independente e separou-se Ninguém! A crucificação não teria acontecido.de Jesus. Na verdade ele não levou Jesus asério. Estou certo de que muitas pessoas que leem a Bíblia devem questionar sobre João: “Se Finalmente João Batista foi decapitado. ele foi um grande homem, por que não se tornou oEle poderia ter sido um glorioso mártir se discípulo principal do Filho de Deus?” O própriotivesse sido decapitado por estar cumprindo Jesus esclareceu a missão que João Batistasua missão, testemunhando e proclamando ao veio realizar: “Porque todos os profetas e a Leimundo que Jesus era o Filho de Deus! Mas ele profetizaram até João. E, se quereis acreditar, ele é ofoi decapitado porque se envolveu no Elias que estava para vir.” (Mt. 11: 13,14).escândalo de adultério da família do reiHerodes. Este assunto não era do interesse de João Batista representava a consumaçãoJoão. A assistência ao Filho de Deus era sua do Antigo Testamento, a Lei e os Profetas. Eleúnica responsabilidade. Mas João desistiu era o príncipe da Idade Antiga. Jesus veiodesta divina missão e sofreu uma vergonhosa como o príncipe da Nova idade. Se Jesusmorte sem significado. Esta verdade deve ser tivesse tido o apoio de João Batista, teriadita, mesmo que seja dolorosa. ficado sobre o firme fundamento da Era do Finalmente Jesus disse com relação a Antigo Testamento. Então a Nova Era teriaJoão: “Desde os dias de João até agora o Reino dos florescido no fértil solo das realizações da EraCéus é arrebatado à força, e somente os fortes o Antiga.conquistam.” (Mt. 11: 12). O Filho de Deus poderia ter estabelecido seu reino glorioso imediatamente. Isto significa que, por causa do E João Batista teria sido a pedra angular desseinsucesso da missão de João Batista o Reino reino.que Jesus trazia, sofreu e ficou aberto à suacompetição. Quando um campeão de Deus Se João Batista tivesse seguido Jesus,falha em sua missão, um outro deve tomar o também os destacados líderes daquelaencargo desta missão de acordo com seus sociedade seriam os primeiros a aceitar Jesus 16
  17. 17. como Filho de Deus. Nesse caso, quem teria espiritual onde a verdade é como a luz do sol.crucificado o Senhor da Glória? Ninguém poderá escapar dela. Naquele dia todos verão a verdade total. Quando Deus enviou Seu único filho aeste mundo para estabelecer Seu Reino sobre a Contudo, bem-aventurado é aquele queTerra, vocês pensam que Ele não queria que tem suficiente humildade para aceitar aJesus fosse seguido pelas pessoas mais verdade enquanto tem oportunidade aqui nacapacitadas da época? Pensam que Deus Terra. Seu conhecimento da verdade e de Deusqueria que apenas os marginais da sociedade aqui na Terra determinará sua vida eterna.seguissem Jesus? Absolutamente não! Por JESUS, ESPERADO NAS NUVENS DOcausa do insucesso de João Batista é que se CÉUpartiu o elo de ligação entre o Filho de Deus eseu povo. E, como consequência, só os Há mais uma razão vital - a terceira -pescadores, cobradores de impostos, pela qual Jesus não foi aceito como Messias.prostitutas e leprosos é que seguiram Jesus. Há 2.000 anos o povo escolhido de IsraelIsso trouxe grande amargura ao coração de esperava que o Filho de Deus viesse dasDeus. nuvens do céu, como dizia a profecia de Daniel 7:13: “Contemplando sempre a visão Quando o Senhor voltar a este noturna, vi aproximar-se sobre as nuvens do céu ummundo hoje, não é lógico que toda ahierarquia do Cristianismo — Bispos, ser semelhante ao filho do homem”.Cardeais, Papa e todos os importantes Mas Jesus não apareceulíderes evangélicos — deva ser o primeiro milagrosamente das nuvens do céu. Ele nasceugrupo a lhe dar as boas vindas e apoio? Se de uma mulher, Maria, a esposa de José. Oeles seguirem o Senhor e se tornarem seus povo dizia: “Como pode esse Jesus ser oprimeiros discípulos, a edificação do Reino de Filho de Deus? Ele não é mais do que umDeus será infinitamente mais fácil. homem, como você e eu.” Esta foi outra Vocês poderão dizer: “Com que esmagadora razão pela qual o povo escolhidoautoridade o Rev. Moon fala? O que o faz rejeitou Jesus.tão seguro?” Eu tenho autoridade para dizer Alguém pode dizer que a profecia deestas coisas. Deus me mostrou a verdade. Eu Daniel não se referia à primeira vinda defalei com Jesus. O próprio Jesus me mostrou Jesus, mas ao Senhor do Segundo Advento.estas verdades. Falei também com João Porém afirmo que este não é o caso, porqueBatista, no mundo espiritual. Ele próprio Jesus declarou solenemente que todos osconfirmou a autenticidade deste testemunho. profetas se consumaram em João Batista.Depois destas extraordinárias experiências Todas as profecias e a Lei dadas antes de Joãoespirituais, quando voltei para a realidade Batista tinham a finalidade de ser cumpridasdeste mundo físico, a Bíblia que eu lia tomou no tempo de Jesus. Por isso a profecia daum significado totalmente diferente. vinda do Filho do homem sobre as nuvens do Mesmo que agora você não queira céu referia-se à vinda de Jesus há 2.000 anos.aceitar estas coisas como uma verdade, deve Naquele tempo não havia o Novo Testamento,pelo menos suspender suas opiniões. Um dia e pensamento da Segunda Vinda do Senhortodos saberão a verdade, porque todos não estava nem sequer na mente de Deus.morrerão. Cada um de nós irá para o mundo 17
  18. 18. A profecia de Daniel causou muitas Só com a revelação da clara verdade dodificuldades ao ministério de Jesus. Podemos Pai Celestial é que todas as igrejas cristãsver isto no Novo Testamento, onde o apóstolo podem vir a se unir. Sim, a verdade faz comJoão adverte: Em (II Jo. 7): “Muitos sedutores que nós sejamos um só. Quando conhecemos atêm ido pelo mundo afora, os quais não proclamam verdade nós nos libertamos dos nossosque Jesus veio na carne. Quem assim afirma é o conceitos errados e da nossa desunião. Agora asedutor e o anticristo”. verdade clara sobre Deus está sendo revelada. Há 2.000 anos João dizia essas palavras A CRUCIFICAÇÃO — A MISSÃOaos que não aceitavam Jesus e que o SECUNDÁRIA DE JESUSrejeitaram, simplesmente porque ele era um A crucificação não era de modo algumhomem com corpo físico. Não aceitaram Jesus a missão original do Filho de Deus, masporque esperavam alguém sobrenatural que representou uma alteração no seu cursoaparecesse das nuvens. João condenou essas intencional. Foi uma missão secundária. Foipessoas com palavras muito duras dizendo que decidida no Monte da Transfiguração. Emelas eram “anticristo”. Lucas. 9: 30-31 “Eis que dois varões falavam com Estas verdades históricas têm ele: Moisés e Elias, os quais apareceram em glória epermanecido vedadas ao mundo cristão. Hoje, falavam de sua partida, que ele estava para cumprirpela primeira vez, todas estas circunstâncias em Jerusalém”.do ministério de Jesus estão vindo à luz. Sim, Pedro, o principal discípulo de Jesus,Jesus veio para cumprir a missão de trazer o protestou violentamente quando soube queReino de Deus à Terra. Mas não o Jesus sofreria em Jerusalém e que seriacompreendemos e cometemos o grande crime crucificado, conforme lemos em Mateusde pregá-lo sobre a cruz. Foi uma grande 16:22: “Deus tal não permita, Senhor! Isso não tetragédia. Tempos depois dissemos que aquilofoi a realização da vontade de Deus. Como é sucederá!” Mas Jesus respondeu-lheirônico! imediatamente dizendo: “Afasta-te de mim, Satanás! Tu és um obstáculo para mim, pois não estás A crença de que Jesus veio para morrer do lado de Deus, mas do lado dos homens.” (Mt. 16:na cruz tornou-se o próprio fundamento do 23) Os cristãos citam muitas vezes estaCristianismo. No entanto, esta errônea crença passagem como prova de que Jesus veio paratem continuamente trespassado o coração de morrer na cruz.Deus durante os últimos 2.000 anos. O coraçãode Deus ficou despedaçado quando Adão Muitos dizem: “Vê o que Jesus disse?rebelou-se contra Ele, e novamente quando o Ele disse que veio para morrer. Esta é a razãoSeu Filho foi pregado na cruz no Monte porque ele repreendeu Pedro e o chamou deCalvário. Infelizmente temos entendido muito Satanás, porque Pedro se opôs à crucificaçãomal sobre Deus e Jesus. de Jesus” Mas hoje essa interpretação merece uma atenção especial. Jesus repreendeu Pedro E por que esta verdade está sendo depois de saber que Deus tinha mudado Seurevelada somente neste tempo? Porque o plano e alterado a sua missão. Por causa datempo da Segunda Vinda de Cristo está perto. rejeição de Israel, Deus sabia que Jesus nãoAlém do mais Deus não quer que os cristãos poderia continuar sua missão original: acometam o mesmo erro que o povo da época construção do Reino dos Céus na Terra -de Jesus. 18
  19. 19. porque isto requeria a cooperação do povo. Mesmo depois da morte de Jesus, seusNessa última fase do ministério de Jesus, Deus discípulos marcharam em direção a Roma delhe pediu para cumprir apenas o limitado mãos vazias, sofrendo e derramando sangue.objetivo de uma salvação espiritual. Por Mas durante o período de 400 anos o Impérioconseguinte Jesus estava se preparando para o Romano desmoronou-se diante deste exércitosegundo objetivo. O pobre Pedro desconhecia desarmado. Se Jesus não fosse crucificado,esta alteração na missão de Jesus. mas tivesse sido o comandante desse exército sagrado, todo o Império Romano ficaria sob a Jesus chamou Pedro de “Satanás” por soberania de Deus naquele tempo. Nestaque as palavras aparentemente confortadoras altura, o grande Império Romano era o centrode Pedro, não estavam em conformidade com do mundo. O plano de Deus para a salvaçãoa vontade de Deus neste momento. Pedro falou era restaurar o mundo inteiro. Assim, Deuscega e ignorantemente. Mas Jesus não podia tinha preparado Roma para ser o centro dede modo algum falhar na sua missão todas as nações, para que, uma vez que o reinosecundária — ou então sua vinda teria sido tivesse sido estabelecido em Roma, pudessecompletamente em vão. facilmente expandir-se para todo o mundo. Se A ACEITAÇÃO DE JESUS TRARIA O Jesus pudesse estabelecer seu Reino dentro do REINO DE DEUS Império Romano, através do poder e influência de Roma todos os cantos do mundo ouviriam a Consideremos agora o que teria boa nova de Jesus durante sua vida na Terra.realmente acontecido se Jesus fosse aceitopelo povo de Israel. Com efeito, ele seria o Rei Portanto, durante sua vida, Jesus teriadaquela nação. Depois, como Rei de Israel, ele estabelecido o Reino dos Céus na Terra Auniria os seus discípulos com todos os nação de Israel teria sido o centro glorioso dodescendentes de Abraão, incluindo as doze Seu Reino. Hoje não haveria o Cristianismotribos de Jacó e todas as tribos árabes. Todos subdividido em Catolicismo Romano,formariam uma só família do Filho de Deus. Presbiterianismo, Metodismo e outras IgrejasJesus teria estabelecido uma soberania de Cristo. Nada disso seria necessário. Não écelestial centralizada na nação escolhida de necessário um veículo quando você já está noIsrael. A Constituição do Reino de Deus seria seu destino. Nós já seríamos cidadãos dopromulgada no tempo de Jesus. Uma nação Reino dos Céus. Não teria havidoinvencível teria sido estabelecida, na qual a derramamento de sangue na história dosoberania de Deus seria uma realidade. Esta Cristianismo - nem haveria um único mártir.nação, sob o domínio de Deus, que o primeiro Tampouco haveriam cruzes nas torres dasAdão deveria ter começado, teria sido igrejas.finalmente uma realidade com a vinda do Neste caso, não haveria razão algumaúltimo Adão - Jesus - como Rei. Até o Império para a Segunda Vinda de Cristo, porque aRomano teria se humilhado perante o Reino de missão do Messias teria sido consumada.Deus. Esta é a profecia de Isaías: “Seu império Satanás deixaria de existir, e hoje, não haveriaserá grande e a paz sem fim, sob o trono de Davi e sob pecado sobre a Terra. Cada alma seriaseu reino. Ele o firmará e o manterá pelo direito e pela restaurada e teria nascido na bondade ejustiça, a partir de agora e para sempre”. “Eis o que perfeição de Deus. Para que o retorno defará o zelo do Senhor dos exércitos.” (Is 9:7). Cristo? Não haveria razão alguma para uma Segunda Vinda. Um médico não é necessário 19
  20. 20. quando não há doentes para curar. Contudo, a somente espiritual, porque a redenção dotriste realidade é que Jesus encontrou rebeldia. corpo não pôde ser consumada há 2.000 anos.Com a desobediência de Adão e Eva, Deus Nosso mundo ainda sofre sob o poder denão pôde cumprir Seu ideal no Jardim do Satanás. O pecado ainda é muito forte eÉden. E sem a cooperação do povo escolhido, domina este mundo através dos nossos corpos.Jesus não pôde estabelecer seu Reino na Terra. São Paulo clamou com muita angústia A CRUCIFICAÇÃO TROUXE APENAS em Romanos 7: 24-25: “Que homem infeliz e SALVAÇÃO ESPIRITUAL cruel eu sou! Quem há de libertar-me deste corpo de morte? Graças sejam dadas a Deus por Jesus, nosso Assim, Jesus teve de realizar sua missão Senhor. Sou eu mesmo que, pela razão, submeto-me àsecundária – a salvação espiritual. Deus lei de Deus, e pela carne, à lei do pecado”.permitiu que Seu Filho fosse um sacrifício, eisso foi necessário devido ao pecado e à O apóstolo Paulo vivia na graça docegueira do povo escolhido de Israel. Este foi Senhor. Mas mesmo assim, confessou que sóo significado da crucificação. poderia servir a Deus com sua mente, porém com seu corpo ele servia à lei do pecado. Seu Deus permitiu que Jesus morresse na corpo ainda estava para ser redimido; ele aindacruz como um resgate pago a Satanás. Em estava sob a angústia do pecado.troca, pela ressurreição de Jesus, Deus poderiaresgatar as almas dos homens, embora Ele não O mesmo sucede conosco. Pelatenha podido dar uma redenção física. aceitação de Cristo temos salvação espiritual. Mas nossos corpos servem à lei do pecado no Todavia, a vitória de Deus não foi na domínio de Satanás - até Cristo voltar e noscruz, mas na Ressurreição. Foi esta a salvação libertar da escravidão do pecado. O Senhor doque o Cristianismo ofereceu. Segundo Advento é o único que pode dar a O Cristianismo também foi crucificado salvação total, bem como a salvação espiritualjunto com a crucificação de Jesus. Na hora da e redenção dos nossos corpos.tribulação do Senhor, ninguém permaneceu O Cristianismo contemporâneo temfiel a ele. Todos traíram Jesus. Até Pedro poder somente para dar a salvação espiritual.negou Cristo. Ao contrário da nação de Israel, o Contudo, com a Ressurreição até o Cristianismo não tem uma base física. Por issoCristianismo reviveu. Durante 40 dias, Jesus o domínio de Deus no Cristianismo estáalicerçou todas as peças quebradas do firmado sobre um reino espiritual.Cristianismo. Isto marcou o começo do Por conseguinte, a grande esperança daCristianismo contemporâneo. humanidade é a Segunda Vinda do Messias. Sim, nossa salvação vem da vitória da Esta é a esperança dos Estados Unidos e doRessurreição. Esta é a vitória de Cristo, sobre mundo. Os Estados Unidos, esta nação cristã,a qual o poder de Satanás não tem influência. deve despertar agora e preparar-se para o diaMas o corpo de Jesus foi oferecido como um da vinda do Messias.sacrifício e resgate. E quando ele ofereceu seu O Cristianismo nos Estados Unidos decorpo, ofereceu também o corpo da hoje estão na mesma posição espiritual dehumanidade. Contudo, nossa salvação é Israel há 2.000 anos. Os Estados Unidos estãolimitada, constituindo-se numa redenção 20
  21. 21. destinados a servir como pista de aterrissagempara o Messias no século XX. Deus querabraçar o mundo. Mas para conseguir isso,Deus deve abraçar primeiro os EstadosUnidos. O papel dos Estados Unidos é paraleloao do Império Romano de 2.000 anos. Domesmo modo como Roma era o centro domundo naquele tempo, os Estados Unidos sãoo centro do mundo moderno. Jesus tinha osolhos voltados para Roma, e quando Cristovoltar ele voltará seus olhos para os EstadosUnidos. 21
  22. 22. uma só vida para dar pelo meu país.” Ele não disse: “Afaste de mim este cálice”!A ORAÇÃO NO JARDIM DOGETSÊMANI Vocês acreditam que o Messias, Jesus, o Filho de Deus, seria mais fraco do que essas Devido a tudo isto, nós, cristãos, não pessoas, especialmente se ele tivesse vindotemos compreendido o verdadeiro espírito da com a única finalidade de morrer na cruz emoração de Jesus no Jardim do Getsêmani. No troca da salvação do mundo? Não! Se esteJardim, Jesus disse aos seus discípulos: fosse o caso, ele não seria qualificado para ser“Minha alma está numa tristeza de morte; o Messias. Na realidade, não temospermanecei aqui e vigiai comigo”. E, compreendido Jesus.adiantando-se um pouco mais, caiu com a facepor terra e orou: “Meu Pai, se é possível afasta de A oração no Jardim do Getsêmani nãomim este cálice”. “Todavia não seja como eu quero, foi proferida por nenhuma motivação egoísta,mas como tu queres”. (Mt. 26: 38, 39). nem porque Jesus temesse a morte. Jesus estava preparado para morrer mil vezes Jesus orou deste modo não apenas uma, seguidamente, se este fosse o único modo demas três vezes. Ele estava numa tristeza de conseguir a salvação para a humanidade.morte. Muitas pessoas no mundo cristãopensam que ele orou deste modo por causa de Ele estava preocupado por causa de suasua fraqueza humana, apesar de que sua missão. Ele estava preocupado com omissão era para morrer na cruz. Não há nada sofrimento do seu Pai Celestial. Estavamais longe da verdade. preocupado porque previa as terríveis consequências de sua crucificação. Jesus sabia Durante o reinado dos imperadores que sua crucificação não era a vontade originalromanos, centenas de milhares de cristãos de Deus. Ele sabia que sua morte adiaria aforam martirizados. Eles não diziam: “Por realização do Reino dos Céus por outros 2.000favor, afaste de mim este cálice”. anos, e que durante este tempo a humanidade Quando estava para ser crucificado sofreria terrivelmente.Simão Pedro disse aos seus opressores: “Não Ele sabia que, como ele, futuramentesou digno de morrer da mesma maneira que o meu milhares de seus seguidores teriam que sofrerSenhor. Fazei-me um favor: Crucificai-me de cabeça derramando seu sangue como mártires. Jesuspara baixo” Ele não disse: “Por favor, afaste de sabia que Israel seria abandonado e desolado.mim este cálice”. Mais que isso, ele queria levar com Quando Estevão, o primeiro mártir glória a vitória e o cumprimento de sua missãocristão, foi apedrejado até morrer, não disse: ao trono do Pai Celeste. Jesus não queria“Afaste de mim este cálice.” A Bíblia relata que regressar com a crucificação. Ele não queriaele morreu pacificamente orando pelos seus regressar para Deus deste modo, mas com umatormentadores. regresso triunfante. À parte da Bíblia, Nathan Hale, um Por isso, no Jardim do Getsêmani, Jesusjovem oficial na Guerra da Revolução fez sua última súplica desesperada a DeusAmericana, quando foi capturado e estava para pedindo: “Mesmo nesta última hora haverá algumser enforcado exclamou: “Apenas lamento ter meio através do qual eu possa permanecer na Terra 22
  23. 23. cumprindo minha missão?” Se somos verdadeiros Permitam-me chegar ao ápice doseguidores de Cristo devemos compreender a discurso desta noite analisando como setristeza e a angústia que ele sofreu. cumprirá a Segunda Vinda de Cristo. Além disso, se a crucificação fosse a Lemos em Mateus 24: 30: “Eles verão oplena vontade de Deus, o discípulo que traiu Filho do homem vir sobre as nuvens do céu com poderJesus deveria ser considerado um herói e ser- e grande glória”.lhe-ia atribuído uma medalha celestial, pois Lemos também em Apocalipse 1:7 asalguém teria que entregar o Filho de Deus ao seguintes palavras: “E eis que ele vem com asinimigo, se é que teria que ser crucificado. nuvens”!Porém, Jesus disse de Judas: “Ai daquele porquem o Filho do homem vai ser entregue! Seria melhor Em I Tessalonicenses 5:2: “O dia doque esse homem não tivesse nascido”. Mt. 26: 24. Senhor virá como um ladrão durante a noite”. E porque Jesus gritaria na cruz, “Meu Uma profecia diz que o Senhor vemDeus, Meu Deus, por que me desamparaste?” Mt. com as nuvens do céu, enquanto outra diz que27: 46. ele virá como um ladrão na noite. Estas duas profecias estão de certo modo em conflito. Se Se a crucificação de Jesus fosse a ele vem como um ladrão, não pode ao mesmovontade de Deus, ele deveria ter se sentido tempo aparecer nas nuvens. Tomaremos entãofelicíssimo naquela altura dos acontecimentos. uma profecia e excluiremos a outra?Ele deveria ter exclamado: “Deus, sinto-mehonrado! Alegra-te Pai, sou vitorioso”! O povo escolhido de Israel há 2.000 anos não sabia que a mensagem de Deus O Cristianismo contemporâneo tem a estava escrita em forma de símbolos. Elesconcepção tradicional de que Jesus interpretaram a mensagem de Deussimplesmente veio para morrer na cruz. Esta é literalmente e cometeram um grande erro. Ea maneira como os cristãos têm justificado o quando nós, cristãos, lemos o Novoassassinato do Filho de Deus. Testamento, não devemos incorrer no mesmoCOMO ACONTECERÁ A SEGUNDA erro. Temos de ler a Bíblia no espírito deVINDA DO MESSIAS? Deus, e conhecer o verdadeiro significado dos símbolos e das parábolas. Hoje não acreditamos em nada que nãotenha lógica. Deus é verdade, e a verdade é Há 2.000 anos todos esperavam quelógica por si mesma. Não pode haver Elias viesse no céu azul, mas ele não veioperfeição na ignorância. desse modo. E esperavam que o Messias viesse com as nuvens do céu, mas ele não veio A oração dos cristãos não poderia ter assim. Hoje, os cristãos esperam que o Senhorposto Neil Armstrong na Lua. A verdade do Segundo Advento venha nas nuvens.científica era necessária. Eu próprio fui um Porém há alguma garantia de que essaestudioso de ciência, e reconheço que Deus é expectativa não lhes desapontará mais umatambém o Deus da ciência. Portanto, Sua vez? Sejamos humildes e tenhamos nossasmensagem deve ser científica e lógica, capaz mentes abertas para aceitar ambas asde convencer os homens do século XX. possibilidades — sua vinda nas nuvens do céu e sua vinda como um ladrão durante a noite. 23
  24. 24. Se você pensa apenas que a vinda do Senhor das pessoas pergunta: “A Bíblia diz isso?”será nas nuvens e, no entanto sua expectativa Vejamos em Lucas 17:25, onde Jesus disse:não se realiza - porque ele vem como o Filho “Mas primeiro o Senhor do Segundo Advento devedo homem em corpo físico – então sofrer muito e ser rejeitado pela sua geração”.provavelmente você cometerá o mesmo crimeque os fiéis judeus cometeram há 2.000 anos. Se o Senhor vem das nuvens do céu em poder e glória, ao som das trombetas dos Porém, se você é humilde e capaz de anjos, quem ousará rejeitá-lo ou causar-lheaceitar o Senhor como o Filho do homem em sofrimento? Estas são as palavras de Jesus. Elecorpo físico - que é a única maneira dele poder sofrerá e será rejeitado porque vem como ovir como um ladrão - não há então Filho do homem encarnado. A princípio opossibilidade de ser enganado. Poderá então povo terá dificuldade em reconhecê-lo como oter a certeza de encontrar o Senhor seja qual Cristo.for o modo como ele virá. Todas as igrejas cristãs e todos os Somente lhe será possível perder a devotos esperam a vinda do Senhor nas nuvensoportunidade de ver o Senhor se ele vier como do céu. Todos estão olhando para o altoum ladrão. Se ele vier nas nuvens, você não esperando pelo seu aparecimento. Mas se estatem nenhuma razão para se afligir. Nesse caso expectativa não se realizar e o Senhor aparecertodos os olhos poderão vê-lo. As redes de inesperadamente como o Filho do homemtelevisão estarão seguras quanto a isso. dotado de um corpo físico - como Jesus veio a este mundo em sua primeira vez - o que Porém devo lhes dizer que Deus não acontecerá?enviará Seu Filho literalmente com as nuvensdo céu. Se você está olhando para o Primeiramente o povo o rejeitará e lhefirmamento esperando pela Segunda Vinda do causará sofrimento. Não haverá fé na Terra.Messias, certamente ficará desapontado. Ele No começo não haverá aceitação a Cristo.virá novamente como homem num corpo Muitos cristãos se armarão de pedras parafísico. apedrejá-lo e o chamarão de blasfemo e herege, e o acusarão de estar possuído por Esta é a revelação de Deus. Deixe-me demônios. Estas foram as mesmas acusaçõestestemunhar isto lendo algumas significativas feitas contra Jesus há 2.000 anos. Em Lucasprofecias da Bíblia. 17: 26-27 lemos: “Como aconteceu nos dias de Em Lucas 17: 20, diz: “Sendo interrogado Noé, assim acontecerá também nos dias do Filho dopelos fariseus sobre quando viria o reino de Deus”, Homem. Comiam, bebiam, os homens casavam-se e asJesus lhes respondeu: "O Reino de Deus não vem com mulheres davam-se em casamento, até o dia em quesinais para serem observados”. Noé entrou na arca e veio o dilúvio, que os fez perecer a todos”. Todos o veriam nas nuvens do céu. MasJesus disse que nós não observaríamos a vinda Esta é descrição dos dias do Filho dodo Reino. Os judeus crentes viram a vinda do Homem. E isto acontecerá quando o SenhorMessias? Não! Não viram porque ele veio vier como o Filho do homem encarnado.como o Filho do homem encarnado. Como um homem, Jesus que está para Em seguida vamos considerar a mais vir anunciará o Reino dos Céus. Mas ninguémextraordinária afirmação de Jesus. A maioria lhe dará atenção. De fato, o povo rirá dele, 24

×