• Like
Tecnologia de informação e comunicação aplicada à educação
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

Tecnologia de informação e comunicação aplicada à educação

  • 287 views
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
287
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
3
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Tecnologia de Informação e Comunicação aplicada à Educação outubro 2, 2010A generalização da Internet como um potente recurso a serviço da sociedade doconhecimento, está fomentando o desenvolvimento de novos cursos, como os online, osprogramas de educação a distância e as aplicações de tecnologias educacionais nos cursospresenciais.Considerando que o paradigma relativo à metodologia de ensino adotado pelas Universidadesbrasileiras datam de algumas décadas e que estas sofrem a competição crescente e agressivade outras Instituições de Ensino Superior (IES), um novo paradigma metodológico etecnológico torna-se imperativo para que as IES continuem atingindo o nível de qualidade nosseus processos de ensino e aprendizagem. Faz-se necessário preciso estudar e analisar comoestas ferramentas impactam o processo de ensino e aprendizagem, e o quanto e como estas jáestão difundidas nos processos de interação dos alunos dentro e fora do ambiente acadêmicono país.—————————————————————————————————————————————A aplicação das tecnologias educacionais nos cursos presenciais traz em si uma revolução nosparadigmas educacionais atuais, à medida que apresenta diversas oportunidades para integrare enriquecer os seus cursos, disciplinas e materiais instrucionais. É preciso fazer a gestão doconhecimento e, principalmente, aprender a construí-lo coletivamente. Além disso,proporciona novas formas de interação e comunicação entre professores e alunos. De acordocom pesquisadores da Cornell University, “a Internet insere novas funcionalidades natransmissão de informações aos estudantes e fornece a possibilidade de troca de informaçõesatravés de grupos de discussão. A Internet está revolucionando algumas áreas de estudoatravés da ampliação das oportunidades de aprendizado e de formatos alternativos para atransmissão de informações”. (Dwyer, Barbieri, and Doerr, 1995).O objetivo da introdução das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) na educação nãodeve ser um modismo ou estar atualizado com relação às inovações tecnológicas. Esse tipo deargumentação tem levado a uma subutilização do potencial destas, que além deeconomicamente dispendiosa, traz pouco benefício para o desenvolvimento intelectual doaluno.Todo processo educativo tem a necessidade de “traduzir” as mensagens pedagógicas. Por estarazão, quanto mais aprofundamos a pesquisa e o desenvolvimento das metodologias etecnologias educacionais, mais esta se torna presente dentro de uma Instituição de EnsinoSuperior (IES), por meio de: um sistema integrado de gestão educacional; uma política deinvestimento para adoção de tecnologias educacionais no sistema de ensino vigente definidapor um plano de investimento; pesquisa e revisão de modelos pedagógicos e metodológicosvigentes com foco no futuro almejado; desenvolvimento e aplicação de recursos de tecnologiaeducacional modernos; aplicação de novas políticas de ensino, colaboração e de gestão do
  • 2. conhecimento na instituição, envolvendo a comunidade docente, discente e de apoio,promovendo, assim, uma singular experiência no processo de ensino e aprendizagem.Alguns dos principais psicólogos e educadores do século XX que pesquisaram a relação entre acognição e o aprendizado, como Vygotsky (2007), Paulo Freire (2006) e Feuerstein (1985),destacaram a importância da interação social no desenvolvimento intelectual humano.Vygotsky enfatizou o papel da comunidade na construção do conhecimento, através de umprocesso sócio-histórico. Embora o ser humano possua potenciais inatos de conhecimento ecognição, as funções psicológicas superiores decorrem, em sua maior parte, de um processode aprendizagem e desenvolvimento social. (FERNANDES, 2009).Implantar tecnologia é uma tarefa relativamente fácil se comparada à mudança dos processosde ensino, que já é mais complexa e difícil de promover. Para promover as mudanças, osesforços devem ser concentrados nas pessoas chaves, que são os professores. Estes devem sercapacitados para a promoção das mudanças, tornando-se agentes. Marta de Campos Maia | Fundação Getulio Vargas Fernando de Souza Meirelles | Fundação Getulio Vargas