Clima do brasil

  • 2,269 views
Uploaded on

Slides sobre a variedade climática do Brasil e seus aspectos mais importantes.

Slides sobre a variedade climática do Brasil e seus aspectos mais importantes.

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
2,269
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
136
Comments
0
Likes
2

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Geografia do Brasil Climas Professor Herbert Galeno / http://herbertgaleno.blogspot.com.br/
  • 2. CLIMAS
  • 3. Aspectos gerais do clima Clima é um fator constante, não altera com frequência. As medições do clima são feitas em média a cada 30 anos. Tempo É um fator variável das condições atmosféricas, de um determinado lugar a um certo momento estabelecido. O tempo pode alterar a qualquer momento, no mesmo dia e local pode ocorrer varias alterações do tempo como, chuva, sol, frio, calor. Esses fatos ocorrem pela grande dinâmica espacial.
  • 4. Fatores do clima • Latitude: A latitude também influência na formação do clima, no sentido que à medida que aumenta a latitude o clima tende a ficar mais frio, devido à diminuição de incidência dos raios solares. • Altitude: quanto mais alta for à região, o clima estará propício para se tornar mais frio. Esse fato ocorre por que a atmosfera se aquece por irradiação, o calor é transferido da superfície da Terra para cima, quanto mais alto mais rarefeito torna-se o ar, determinando uma diminuição da irradiação. • Continentalidade: O aquecimento e o resfriamento são extremamente rápido, o que determina uma ampla amplitude térmica, pois a umidade diminui. • Maritimidade: O mar funciona como um verdadeiro regulador térmico graças a sua grande capacidade de se aquecer e perder calor muito mais lentamente do que as áreas continentais. Esse fator faz com que as amplitudes térmicas variem pouco.
  • 5. Fatores do clima • Correntes Marítimas: Determinam aquecimento ou resfriamento das massas de ar e áreas litorâneas. Um exemplo é a corrente do Peru que resfria a massa quente e úmida vinda do pacífico, determinando chuvas no próprio oceano. • Relevo: O relevo de uma região pode conter a passagem de massas úmidas, o que proporciona alterações climáticas significativas na região. • Homem: Um dos principais agentes do clima. Possui o poder de alterar toda a conjuntura climática de uma região. • Pressão Atmosférica: As massas de ar dirigem-se de uma área de alta pressão (anticiclonar) para uma área de baixa pressão (ciclonal) levando consigo aspectos de pressão, umidade e temperatura.
  • 6. Elementos do clima • Temperatura; • Precipitação; • Umidade; • Vegetação; • Entre outros.
  • 7. Massas de ar no Brasil Massa Equatorial Atlântica( mEa): Origina-se da região do equador, abrange todo litoral do nordeste. Massa quente e úmida. Massa Equatorial Continental(mEc): Origina-se no interior da Amazônia e abrange a própria região norte. Massa quente e úmida. Massa Tropical Atlântica(mTa): Originária da região do tropico de Capricórnio, abrange o litoral Sudeste e Sul. Massa quente e úmida.
  • 8. Massas de ar no Brasil Massa tropical Continental(mTc): Originária da depressão do Chaco boliviano (pantanal no Brasil). Influência a região central do Brasil. Massa quente e seca. Massa Polar Atlântica(mPa): Originaria da patagônia, influência no clima do Brasil, principalmente no inverno (chuvas frontais no Nordeste e friagem na Amazônia). Massa fria e úmida. Frentes Quando a massa de ar fria avança sobre a quente é denominada de frente fria, quando a massa de ar quente avança fazendo com que a massa de ar frio recue é chamado de massa de frente quente. Quando ocorre a parada das massas de ar devido a forte intensidade das duas é chamada de frente estacionária.
  • 9. Atuação das massas de ar no Brasil durante o verão
  • 10. Atuação das massas de ar no Brasil durante o inverno
  • 11. Tipos de chuva Orográfica : Também conhecida por chuva de relevo, ocorre devido a elevação da massa de ar, devido a presença de alguns obstáculos (serras, chapadas, morros) que atingindo uma altitude mais elevada precipita (áreas a barlavento), se dirigindo ao outro lado de relevo( sotavento), a massa de ar já não possui umidade.
  • 12. Tipos de chuva Convectiva: São chuvas em que o ar aquece, evapora, condensa e precipita (movimento vertical do ar). A precipitação normalmente ocorre em locais diferentes do local de evaporação. Essas chuvas são normalmente de baixa intensidade e douradoras.
  • 13. Tipos de chuva Frontal: Esse tipo de chuva ocorre pelo choque de uma massa quente e de uma massa fria, ocasionando chuvas rápidas e intensas.
  • 14. Tipos gerais de clima no Brasil Segundo Lysia Bernardes os climas devem ser divididos em: Clima Equatorial: esse clima possui localização predominante na região Amazônica, possui temperaturas acima da media nacional (superior a 21°) e pequena amplitude térmica (variação de temperatura). Essa região possui uma grande concentração de rios esse fato faz com que a umidade seja elevada, determinando também o não registro de temperatura excessivamente elevada. Um fato típico desse clima é o alto grau de precipitações (acima de 2000 mm anuais). Clima Tropical: Localiza-se na parte central do país, e possui como aspectos fundamentais duas estações bem definidas, uma chuvosa que ocorre no verão e outra seca que ocorre no inverno. Na estação seca por ocasião da baixa umidade relativa do ar, existe a forte ocorrência de queimadas, tanto naturais quanto causadas pelos homens, e, diversas cidades brasileiras da região central, são verificadas, dentre outros fatores, distúrbio respiratório, problemas de circulação e problemas nas safras agrícolas. Clima Tropical de Altitude: Clima localizado no interior brasileiro, possui elevado índice pluviométrico (acima de 2.000 mm anuais). Esse clima apresenta temperaturas bem amenas. As temperaturas dessa região são inferiores a media nacional, em virtude da posição e influencia do relevo.
  • 15. Tipos gerais de clima no Brasil Segundo Lysia Bernardes os climas devem ser divididos em: Clima Subtropical Esse clima se apresenta na região sul do país, além da parte sul e São Paulo e Mato Grosso do Sul. Essa região em função do clima apresenta as quatros estações bem definidas, outro ponto de destaque é a elevada amplitude térmica anual, que supera em alguns anos os 15° C. Nas áreas serranas do sul de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul, amplitude e latitude combinam-se para produzir as menores temperaturas do pais, muitas vezes atingindo temperaturas negativas, esse fato torna o clima da região muito semelhante , ao clima temperado das latitudes médias. Clima Semi-Árido Sua localização é predominante na região do sertão nordestino. Seu destaque maior é a escassez de precipitações associada a uma péssima distribuição nas áreas e no período (mensalmente). Quando não ocorre chuvas no verão (janeiro e fevereiro), ou as chuvas são pouco intensas, o ano passa a ser considerado de seca.
  • 16. Tipos gerais de clima no Brasil
  • 17. Tipos de clima mundiais Clima Polar Clima extremamente frio, onde a temperatura em média se aproxima de zero grau, localizado nas altas latitudes. Clima temperado Assemelha-se muito ao clima subtropical, a diferença entre os dois é que o clima temperado possui invernos mais rigorosos e verões menos quentes. Clima Mediterrâneo Clima do litoral sul da Europa. Clima Desértico Clima principalmente em áreas da África e Ásia. Essa forma de clima é extremamente seca e árida, com baixíssimos índices de chuvas