Métodos Contraceptivos

9,761 views

Published on

2 Comments
4 Likes
Statistics
Notes
  • @Thamymatias para você baixar este slide, é necessário primeiro você estar 'logada' depois vc pode perceber que acima dos slides tem alguns link's: Compartilhar, email, incorporado, curtir e enfim SALVAR, nesse link vc faz o download para seu computador!
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • QUERO BAIXAR ESSE SLIDE ME AJUDEM,POR FAVOR!
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total views
9,761
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
934
Actions
Shares
0
Downloads
419
Comments
2
Likes
4
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Métodos Contraceptivos

  1. 1. MÉTODOS CONTRACEPTIVOS<br />
  2. 2. O que são métodos contraceptivos?<br />Conjunto de procedimentos que procuram evitar que uma mulher fique grávida quando tem relações sexuais.<br />2<br />
  3. 3. PRÍNCIPIOS GERAIS…<br /><ul><li>A eficácia de qualquer método depende do seu uso correcto e contínuo;
  4. 4. A eficácia aumenta quando o casal escolhe o método que melhor se adapta às suas preferências;
  5. 5. A eficácia de alguns métodos aumenta quando se usam simultaneamente (por exemplo: pílula + preservativo). </li></ul>3<br />
  6. 6. <ul><li>Irreversíveis: métodos permanentes, cómodos e eficazes:
  7. 7. Métodos Cirúrgicos.
  8. 8. Reversíveis:que a qualquer momento podem ser abandonados pelo homem ou pela mulher:
  9. 9. Métodos Químicos;
  10. 10. Métodos Hormonais.
  11. 11. Métodos de Barreira;
  12. 12. Métodos Naturais;</li></ul>4<br />QUE MÉTODOS EXISTEM?<br />
  13. 13. MÉTODOS CIRÚRGICOS<br />(Irreversíveis)<br />Vasectomia<br />Laqueação de Trompas<br />5<br />
  14. 14. MÉTODOS NATURAIS<br />Método do calendário<br />Método das temperaturas<br />Método do muco cervical<br />Coito interrompido<br />Duche vaginal<br />Lactação prolongada<br />Não Recomendados<br />6<br />
  15. 15. 7<br />MÉTODOS DE BARREIRA<br />Diafragma; <br />Preservativo feminino<br />Dispositivo intra-uterino<br />Preservativo masculino<br />
  16. 16. PRESERVATIVO MASCULINO<br />8<br />
  17. 17. PRESERVATIVO MASCULINO<br />- MÉTODO DE BARREIRA -<br />Membrana de látex, fina e extensível para cobrir o pénis.<br />MECANISMOS DE ACÇÃO<br /><ul><li>O uso correcto impede que o esperma entre em contacto com o colo do útero.
  18. 18. Com espermicida produzem uma imobilização rápida dos espermatozóides ejaculados.</li></ul>9<br />
  19. 19. PRESERVATIVO MASCULINO<br />CUIDADOS COM O PRESERVATIVO<br /><ul><li>Não guardar na carteira;
  20. 20. Qualquer medicamento utilizado no pénis ou na vagina pode alterar a integridade do preservativo;
  21. 21. Usar lubrificantes à base de água.</li></ul>VANTAGENS<br /><ul><li>Relativamente seguro
  22. 22. Sem efeitos colaterais
  23. 23. Barato e facilmente disponível
  24. 24. Previne o contágio de DST´s</li></ul>10<br />
  25. 25. Métodos Químicos<br /> Espermicida<br /> Creme<br /> Geleias<br /> Óvulos<br /> Spray Vaginal<br />
  26. 26. CONTRACEPÇÃO HORMONAL<br />
  27. 27. CONTRACEPÇÃO HORMONAL<br />Pílula combinada<br />Pílula progestativa<br />Injectável<br />Anel vaginal<br />Adesivo transdérmico<br />Implante<br />
  28. 28. CONTRACEPÇÃO HORMONAL ORAL<br /><ul><li>Comprimido diário, com uma baixa dose de hormonas que evita a gravidez bloqueando a ovulação;
  29. 29. Barreira do muco cervical;
  30. 30. Impede a transformação do endométrio;
  31. 31. Pressupõe controlo médico.</li></li></ul><li>TIPOS DE PÍLULA<br /><ul><li>COMBINADA
  32. 32. Estrogénio e Progestagénio;
  33. 33. Monofásica, Bifásica ou Trifásica.
  34. 34. MINI-PILULA (ou Pílula de Amamentação)
  35. 35. Progestagénio</li></li></ul><li>VANTAGENS<br /><ul><li>Fáceis de tomar;
  36. 36. Não interfere directamente com o acto sexual;
  37. 37. Melhoria na resposta sexual (engravidar não é um problema);
  38. 38. Menstruação regular e previsível;
  39. 39. Diminuição do fluxo sanguíneo;
  40. 40. Diminuição da dismenorreia (dores menstruais) e do síndrome pré-menstrual;
  41. 41. Protecção contra doenças do endométrio e do ovário;
  42. 42. Reduzem a incidência de doenças da mama;
  43. 43. Diminui o risco de gravidez ectópica.</li></li></ul><li>COMO TOMAR?<br /><ul><li>Deve-se iniciar no 1º dia do ciclo;
  44. 44. Deve ser tomado diariamente no mesmo horário durante 21 dias;
  45. 45. Interromper durante 7 dias;
  46. 46. Iniciar ao 8º dia;
  47. 47. Hemorragia de privação na pausa;
  48. 48. Eficácia contínua.</li></li></ul><li>EM CASO DE ESQUECIMENTO…<br /><ul><li>Até às 12h de atraso, tomar o comprimido logo que puder e os seguintes à hora habitual;
  49. 49. Se mais de 12h de atraso:</li></ul> Tomar o comprimido o esquecido assim que puder<br /> Tomar o comprimido seguinte na hora habitual. <br /> Tomar medidas contraceptivas adicionais (barreira) durante 7 dias.<br />
  50. 50. O QUE DIMINUI A EFICÁCIA DA PÍLULA<br /><ul><li>Vómitos
  51. 51. Diarreia
  52. 52. Antibióticos
  53. 53. Medicamentos para tratamento da tuberculose
  54. 54. Anti-parkinsónicos
  55. 55. Tranquilizantes e hipnóticos
  56. 56. Anti-epilépticos</li></li></ul><li>ANEL VAGINAL <br /><ul><li>Deve permanecer na vagina durante 3 semanas;
  57. 57. Mesmo efeito da pílula;
  58. 58. Aconselhado às adolescentes.</li></li></ul><li>ADESIVO TRANSDÉRMICO<br /><ul><li> Cada adesivo deve ser mudado semanalmente durante 3 semanas, seguido por uma semana “sem adesivo”, quando aparece a menstruação;
  59. 59. Mesmo efeito da pílula.</li></li></ul><li>INJECTÁVEIS<br />Injecções constituídas por hormonas que se vão libertando de modo contínuo durante determinado tempo (geralmente são de 3 meses).<br />
  60. 60. IMPLANTES<br /> É uma pequena vareta que é colocada sob a pele, no lado interno da parte superior do braço.<br /> Vai libertando lentamente uma hormona que impede uma possível gravidez.<br /> A sua eficácia mantém-se por um período de 3 anos.<br />
  61. 61. CONTRACEPÇÃO DE EMERGÊNCIA<br />PILULA DO DIA SEGUINTE<br />OS ACIDENTES PODEM ACONTECER…<br />O PRESERVATIVO ROMPEU-SE?!<br />ALGUMAS PÍLULAS ESQUECIDAS<br />RELAÇÕES SEXUAIS SEM PROTECÇÃO<br />
  62. 62. CONTRACEPÇÃO DE EMERGÊNCIA<br />PILULA DO DIA SEGUINTE<br /><ul><li>NÃO É ABORTIVA
  63. 63. SE JÁ EXISTE GRAVIDEZ…
  64. 64. NÃO A INTERROMPE (NÃO FUNCIONA!)
  65. 65. NEM PROVOCA MALFORMAÇÕES.
  66. 66. BLOQUEIA A OVULAÇÃO
  67. 67. ALTERA O MUCO CERVICAL
  68. 68. ALTERA O ENDOMÉTRIO</li></ul>Tomar o mais cedo possível, de preferência nas primeiras 12h após primeira relação sexual não protegida, mas nunca após 72h (3 dias). <br />
  69. 69. PILULA DO DIA SEGUINTE<br />NÃO DEVE SER UTILIZADO COMO MÉTODO ANTICONCEPTIVO!!<br />

×