Uploaded on

 

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
8,705
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
224
Comments
0
Likes
5

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. APRESENTAÇÃO
    • Nome: Jonas Crisóstomo Costa
    • Ano (Série): 9º Ano B (8 ª Série )
    • Professor: Osni Lourenço Cruz
  • 2.  
  • 3. TUBO DE ENSAIO
    • Usado em reações químicas, principalmente testes de reação.
  • 4. COPO DE BECKER
    • Usado para aquecimento de líquidos, reações de precipitação etc.
  • 5. ERLENMEYER
    • Usado em titulações e aquecimento de líquidos.
  • 6. BALÃO DE FUNDO CHATO
    • Usado para aquecimento e armazenamento de líquidos.
  • 7. BALÃO DE FUNDO REDONDO
    • Usado para aquecimento de líquidos e reações com desprendimento de gases.
  • 8. BALÃO DE DESTILAÇÃO
    • Usado em destilações. Possuí saída lateral para a condensação dos vapores.
  • 9. PROVETA OU CILINDRO GRADUADO
    • Usado para medidas aproximadas de volumes de líquidos.
  • 10. PIPETA VOLUMÉTRICA
    • Para medir volumes fixos de líquidos.
  • 11. PIPETA CILÍNDRICA
    • Usada para medir volumes variáveis de líquidos.
  • 12. FUNIL DE VIDRO
    • Usado em transferência de líquidos e em filtrações de laboratório. O funil com colo longo e estrias é chamado de funil analítico.
  • 13. FRASCO DE REAGENTE
    • Usado para o armazenamento de soluções.
  • 14. BICO DE BUNSEN
    • Usado em aquecimentos de laboratório.
  • 15. TRIPÉ DE FERRO
    • Usado para sustentar a tela do amianto.
  • 16. TELA DE AMIANTO
    • Usada para distribuir uniformemente o calor em aquecimentos de laboratório.
  • 17. CADINHO DE PORCELANA
    • Usado para aquecimento á seco (calcinações) no bico de Bunsen e Mufla.
  • 18. TRIÂNGULO DE PORCELANA
    • Usado para sustentar cadinhos de porcelana em aquecimentos diretos no bico de Bunsen.
  • 19. ESTANTE PARA TUBOS DE ENSAIO
    • Suporte de tubos de ensaio.
  • 20. FUNIS DE DECANTAÇÃO
    • Usado para separação de líquidos imiscíveis.
  • 21. PINÇA DE MADEIRA
    • Usada para segurar tubos de ensaio durante aquecimentos diretos no bico de Bunsen.
  • 22. ALMOFARIZ E PISTILO
    • Usados para triturar e pulverizar sólidos.
  • 23. CUBA DE VIDRO
    • Usada para banhos de gelo e fins diversos.
  • 24. VIDRO DE RELÓGIO
    • Usado para cobrir beckers em evaporações, pesagens e fins diversos.
  • 25. CÁPSULA DE PORCELANA
    • Usada para evaporar líquidos em soluções.
  • 26. PLACA DE PETRI
    • Usada para fins diversos.
  • 27. DESSECADOR
    • Usado para resfriar substâncias em ausência de umidade.
  • 28. PESA-FILTROS
    • Usado para pesagem de sólidos.
  • 29. LIMA TRIANGULAR
    • Usada para cortes de vidros.
  • 30. BURETA
    • Usada para medidas precisas de líquidos.
    • Usada em analises volumétricas.
  • 31. FRASCO LAVADOR
    • Usado para lavagens, remoção de precipitados e outros fins.
  • 32. PISSETA
    • Usada para os mesmos fins do frasco lavador.
  • 33. BALÃO VOLUMÉTRICO
    • Usado para preparar e diluir soluções.
  • 34. PICNÔMETRO
    • Usado para determinar a densidade de líquidos.
  • 35. SUPORTE UNIVERSAL, ANEL PARA FUNIL, MUFA E GARRA METÁLICA
    • Usados em filtrações, sustentação de peças, tais como condensador, funil de decantação e outros fins.
  • 36. KITASSATO E FUNIL DE BUCHNER
    • Usados em conjunto para filtrações a vácuo.
  • 37. TROMPA DE VÁCUO
    • Usada em conjunto com o kitassato e o funil de buchner.
  • 38. TERMÔMETRO
    • Usado para medidas de temperaturas.
  • 39. VARA DE VIDRO
    • Usada para montagem de aparelhos, interligações e outros fins.
  • 40. BAGUETA OU BASTÃO DE VIDRO
    • Usada para agitar soluções, transporte de líquidos na filtração e outros fins.
  • 41. FURADOR DE ROLHAS
    • Usado para a furagem de rolhas.
  • 42. KIPP
    • Usado para a produção de gases, tais como H 2 S, CO 2 e etc.
  • 43. TUBO EM U
    • Usado, geralmente, em eletrólise.
  • 44. PINÇA METÁLICA CASTELOY
    • Usada para transporte de cadinhos e outros fins.
  • 45. ESCOVAS DE LIMPEZA
    • Usadas para a limpeza de tubos de ensaio e outros materiais.
  • 46. PINÇA DE MOHR E PINÇA DE HOFFMAN
    • Usadas para impedir ou diminuir fluxos gasosos.
  • 47. GARRA PARA CONDENSADOR
    • Usada para sustentar condensadores na destilação.
  • 48. CONDENSADORES
    • Usados para condensar os gases ou vapores na destilação.
  • 49. ESPÁTULAS
    • Usadas para transferência de substâncias sólidas.
  • 50. ESTUFA
    • Usada para secagem de materiais (até 200°C).
  • 51. MUFLA
    • Usada para calcinações (até 1500°C).
  • 52. BALANÇA DE PLATAFORMA
    • Usada para determinar o valor de pesagem do material pesado. Esta balança foi construída como, balança não automática“, quer dizer o material de pesagem tem que colocar-se manualmente e cuidadosamente no centro do prato de pesagem. Após atingir um valor de pesagem estável, pode-se ler o valor de pesagem.
  • 53. BALANÇA ANALÍTICA
    • Balança Analítica é usada para se obter massas com alta exatidão.
  • 54. CONTA-GOTAS
    • É utilizado para retirar pequenas quantidades de volume de líquidos de soluções.
  • 55. CAPELA
    • É um compartimento fechado chamado de BOX, com revestimentos especiais quando necessário e uma guilhotina envidraçada que, nos laboratórios, serve para proteger dos gases tóxicos na realização das reações químicas.
  • 56. BANHO MARIA
    • É um dispositivo que permite aquecer substâncias de forma indireta(banho-maria), ou seja, que não podem ser expostas a fogo direto.
  • 57. APARELHO DE DESTILAÇÃO Montagem de aparelhos para uma destilação. É utilizado, um condensador reto, uma alonga, um balão volumétrico, um adaptador para destilação e uma manta aquecedora.
  • 58. CENTRÍFUGA MANUAL
    • Utilizado para separar diversas propriedades de um líquido, através do movimento de rotação.
  • 59. CENTRÍFUGA ELÉTRICA
    • É um aparelho que acelera o processo de decantação. Devido ao movimento de rotação, as partículas de maior densidade, por inércia, são arremessadas para o fundo do tubo.
  • 60. LAMPARINA
    •  Fonte de aquecimento mais comum que produz um aquecimento moderado e lento.
  • 61. RETORTA
    • Em um laboratório de química, uma retorta é um recipiente, geralmente de vidro, usado na destilação de substâncias. É constituída de um vaso esférico com uma posição de"pescoço“ longo. O  líquido destilado é colocado dentro do vaso e aquecido. O pescoço atua como um capacitor, permitindo que os vapores se condensam e fluxo através do pescoço e buscá-las em um vidro como o fim.
  • 62. MANTA ELÉTRICA
    • Utilizada para o aquecimento de substâncias e misturas inflamáveis que, em geral, são dispostas em balões de fundo redondo de vidro refratário. A fonte de calor é uma resistência elétrica regulável por um reostato de modo que o aquecimento atinja várias temperaturas. Tem dimensões variadas para se adaptar aos diversos tamanhos dos frascos.
  • 63. COPOS GRADUADOS
    • Copos graduados servem para representar quantidades de reagentes,soluções etc.
  • 64. BIBLIOGRAFIA
    • As imagens e alguns textos dessa apresentação de slides foram retiradas do site de busca: http://www.google.com.br