Your SlideShare is downloading. ×

Códigos de Ética Profissional

3,668

Published on

Engineering & Ethics

Engineering & Ethics

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
3,668
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
34
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Código de Ética e Conduta Profissional Engenheiros Os Mandamentos do Engenheiro I. Tomarás a saúde, a segurança, e o bem-estar do público como valores predominantes no exercício da tua atividade. II. Atuarás de modo a reforçar a reputação da profissão junto a sociedade. Evitarás toda a conduta que desacredite ou danifique a dignidade e a honra da profissão. III. Atuarás em prol do progresso e do bem-estar da humanidade. IV. Atuarás com boa-fé, justiça, integridade, respeito e honestidade na relação com os teus colegas de trabalho, o teu empregador, os teus clientes, os teus subordinados e os restantes engenheiros. V. Serás leal com o teu empregador e os teus clientes, designadamente evitando conflitos de interesses e observando o princípio da confidencialidade. VI. Aceitarás apenas realizar trabalhos para os quais tenhas adquirido competências por via da formação e da experiência. VII. Empenhar-te-ás em melhorar permanentemente as tuas competências e em executar as tuas atividades com empenho, diligência, dedicação e entusiasmo. VIII. Empenhar-te-ás no desenvolvimento dos profissionais cuja formação estiver sob tua supervisão. IX. Colaborarás com os teus colegas e com outras entidades no sentido de que a sociedade em geral possa beneficiar dos teus conhecimentos e da tua experiência. X. Rejeitarás todas as formas de suborno. XI. Atuarás de modo a respeitar o ambiente e os recursos naturais. XII. Darás a conhecer, ao teu empregador ou ao teu cliente, os efeitos perversos que podem advir da inobservância de regras de engenharia. XIII. Não ofenderás os outros, a sua propriedade, a sua reputação ou o seu emprego através de ações falsas ou maliciosas. XIV. Como empregador e/ou líder, velarás pela saúde e pela segurança nos locais de trabalho. XV. Reportarás aos organismos apropriados quaisquer decisões ou ações da engenharia que sejam ilegais ou anti-éticas. XVI. Evitarás a concorrência desleal.XVII. Não assinarás estudos, projetos, planos, especificações, relatórios, opiniões que não tenham sido elaborados, executados, controlados ou ratificados por ti.XVIII. Respeitarás a propriedade intelectual e não tomarás para ti o crédito de trabalhos realizados por outros. XIX. Expressarás opiniões, farás declarações e fornecerás informação com justiça e honestidade, e apenas na base de conhecimentos adequados. XX. Respeitarás a dignidade intrínseca de todo o ser humano. Fonte: Ética para Engenheiros – Arménio Rego & Jorge Braga – 2ª edição – editora Lidel. © Halan Ridolphi Jun/2011
  • 2. Código de Ética e Conduta Profissional EngenheirosCódigos de Ética e Conduta Profissional dosEngenheirosEngineers’ Council for Professional Development (ECPD) – USA Engenheiros mantêm e melhoram a integridade, honra e dignidade da profissão: Usando seu conhecimento e habilidade para o avanço do bem-estar da humanidade; Sendo honesto e imparcial, e servindo fielmente o público, seus empregadores e clientes; Esforçando-se para aumentar a competência e prestígio da profissão de engenheiro; Suportando as sociedades profissionais e técnicas de duas disciplinas. Engenheiros zelarão pela segurança, saúde e bem-estar do público durante a execução de suas tarefas profissionais. Engenheiros farão serviços apenas nas áreas de sua competência. Engenheiros farão declarações públicas somente de maneira objetiva e confiável. Engenheiros agirão em assuntos profissionais para cada cliente como agentes fiéis e confiáveis, e evitarão conflitos de interesse. Engenheiros construirão sua reputação profissional com o mérito de seus serviços e não competirão de forma injusta com outros. Engenheiros agirão de tal maneira a manter e desenvolver a honra, integridade e dignidade da profissão. Engenheiros continuarão seu desenvolvimento profissional durante sua carreira e disponibilizarão oportunidades para o desenvolvimento profissional dos engenheiros sob sua supervisão.Institute of Electrical and Electronics Engineers (IEEE) – USA"Nós, membros do IEEE, em reconhecimento da importância do efeito de nossas tecnologias na qualidade devida por todo o mundo, e em aceitando uma obrigação pessoal para nossa profissão, seus membros e ascomunidades as quais servimos, submetemo-nos à conduta mais ética e profissional e concordamos: Em aceitar a responsabilidade de fazer as decisões na Engenharia consistentes com a segurança, saúde e bem-estar do público, e rejeitar de imediato e tornar conhecidos fatores que possam colocar o meio- ambiente e o público em risco; Em evitar conflitos reais ou prováveis de interesse sempre que possível, e fazê-los de conhecimento das partes envolvidas quando existirem; Em ser honestos e realistas quando relatando pedidos ou estimativas baseadas em dados existentes; Em rejeitar suborno sob todas as suas formas; Em promover o entendimento da tecnologia, suas aplicações apropriadas e conseqüências potenciais; Em manter e desenvolver nossa competência técnica e assumir tarefas tecnológicas para outros somente se qualificados por treinamento ou experiência, ou após tornar claras as limitações pertinentes; Em buscar, aceitar e oferecer críticas honestas de trabalhos técnicos, em reconhecer e corrigir erros, e em dar crédito apropriado a colaboradores e outros; Em tratar com justiça todas as pessoas independente de sua raça, credo, religião, condição física, idade ou nacionalidade; Em evitar danos a outros, sua propriedade, reputação ou emprego através de ação maliciosa ou falsa; Em assistir colegas em seu desenvolvimento profissional e suportá-los no cumprimento deste código de ética.© Halan Ridolphi Jun/2011
  • 3. Código de Ética e Prática Profissional Engenheiros de SoftwareCódigo de Ética e Prática Profissional daEngenharia de Software"The time is right to get serious about this. As software becomes increasingly dominant in the IT industry, and,indeed, in everything else, there is an obvious need for a professional-level recognition. Far too much isplaced on particular credentials for specific products or applications without regard to the bigger picture. Theresult is poorly engineered software projects."(Versão 5.2) como recomendado pela Força Tarefa Mista da IEEE-CS/ACM sobre Ética e PráticasProfissionais da Engenharia de Software e aprovada conjuntamente pela ACM e IEEE-CS comoo padrão para ensinar e praticar a engenharia de software.Versão ResumidaPREÂMBULOA versão resumida do código sintetiza aspirações em um nível de abstração muito alto. Ascláusulas que estão incluídas na versão completa dão exemplo e detalhes de como estasaspirações mudam o modo como agimos como profissionais de engenharia de software. Sem asaspirações, os detalhes podem se tornar legalistas e tediosos; sem os detalhes, as aspiraçõespodem parecer de alta importância, mas vazias de significado real; juntas, as aspirações e osdetalhes formam um código coeso.Engenheiros de software devem se comprometer a fazer da análise, especificação, projeto,desenvolvimento, teste e manutenção de software uma profissão benéfica e respeitada. Deacordo com o seu compromisso com a saúde, a segurança e o bem-estar do público, osengenheiros de software devem aderir aos seguintes Oito Princípios:1. PÚBLICO – Engenheiros de software devem atuar consistentemente com os interesses públicos.2. CLIENTE E EMPREGADOR – Engenheiros de software devem atuar de modo a atender os melhores interesses dos seus clientes e empregadores, consistentemente com os interesses públicos.3. PRODUTO – Engenheiros de software devem assegurar que seus produtos e modificações relacionadas reúnam os melhores padrões profissionais possíveis.4. JULGAMENTO – Engenheiros de software devem manter a integridade e independência nos seus julgamentos profissionais.5. GERENCIAMENTO – Gerentes e líderes de engenharia de software devem aderir e promover uma abordagem ética ao gerenciamento do desenvolvimento e manutenção de software.6. PROFISSÃO – Engenheiros de software devem desenvolver a integridade e reputação da profissão consistentemente com os interesses públicos.7. COLEGUISMO – Engenheiros de software devem ser justos e dispostos a auxiliar seus colegas.8. IDENTIDADE – Engenheiros de software devem participar na aprendizagem ao longo da vida sobre a prática da sua profissão e devem promover uma abordagem ética à prática da profissão.© Halan Ridolphi Jun/2011

×