• Save
TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC

on

  • 539 views

TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC

TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC

Statistics

Views

Total Views
539
Views on SlideShare
315
Embed Views
224

Actions

Likes
0
Downloads
16
Comments
0

4 Embeds 224

http://gui-lemos.blogspot.com.br 218
http://gui-lemos.blogspot.com 3
http://www.gui-lemos.blogspot.com.br 2
http://www.maratonadeatualidades.com.br 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC TRÁFICO HUMANO - CF 2014 - UNODC Presentation Transcript

  • ARGUMENTOS CONTRA: O JURAMENTO DE HIPÓCRATES OBRIGA O MÉDICO A NÃO PROVOCAR DANOS NO UTENTE VIOLADO AO AJUDAR ALGUÉM A APRESSAR A VINDA DA MORTE
  • ARGUMENTOS CONTRA: FORMA ABUSIVA - A MORTE SEM O CONSENTIMENTO DAS PESSOAS EM CAUSA. PREVER O TEMPO DE VIDA QUE RESTA AO DOENTE - PROGNÓSTICO MÉDICO ESTAR ERRADO - PRÁTICA DE MORTES PRECOCES E SEM SENTIDO. RELAÇÃO MÉDICO/UTENTE VIESSE A SER AFECTADA DE UMA FORMA NEGATIVA..
  • E OS INTERESSES MUNDANOS... REITERAR ESCONDER DISPUTAS DE HERANÇAS INTERESSES CONJUGAIS SUBTERRÂNEOS O TRÁFICO DE ÓRGÃOS HUMANOS
  • ARGUMENTOS A FAVOR: ESCOLHA DE MODO A EVITAR A DOR E O SOFRIMENTO NÃO PERDE O PODER DE SER DIGNO ATÉ AO FIM. DIREITO DE MORRER
  • ARGUMENTOS A FAVOR: RAMON SAMPEDRO REFERE, NO FILME MAR ADENTRO, “A VIDA ASSIM NÃO É DIGNA PARA MIM” LEVA A CONDUZIR O INDIVÍDUO A PEDIR O DIREITO A MORRER COM DIGNIDADE E A AFIRMAR QUE “VIVER É UM DIREITO NÃO UMA OBRIGAÇÃO”
  • IGREJA DEFENSORA SERVIDORA INVISIBILIDADE ADVOGADA
  • 20.900.000 PESSOAS NO MUNDO FORMA DE CERCEAMENTO DA LIBERDADE VIOLAÇÃO DO DIREITO DA DIGNIDADE
  • TRÁFICO HUMANO EXPLORAÇÃO SEXUAL ADOÇÃO ILEGAL EXTRAÇÃO DE ÓRGÃOS TRABALHO ESCRAVO
  • FATORES DE VULNERABILIDADE POBREZA, TRABALHO, SUSTENTAR A FAMÍLIA SECAS OU INUNDAÇÕES MOTIVAÇÕES SÃO BEM MAIS COMPLEXAS DESEJO: CULTURA, CORPO, CASAMENTO, CONDIÇÃO DE VIOLAÇÃO DE DIREITOS DEFICIÊNCIA DE RESPOSTAS ESTATAIS
  • 1) TRABALHO ESCRAVO:
  • 1) TRABALHO ESCRAVO:
  • 1) TRABALHO ESCRAVO:
  • 1) TRABALHO ESCRAVO:
  • 2) EXPLORAÇÃO SEXUAL: MAIOR TRAFICANTE DE MULHERES; CRESCENTE NÚMERO DE HOMENS; MODELOS – ÁSIA (ÍNDIA)
  • ÓRGÃOSDE 3) TRÁFICO PROIBIDO A VENDA DE SANGUE IMAGINE ENGANDAS POR FRAUDES DOAM ÓRGÃOS ÓRGÃOS NEGÓCIO RENTOSO
  • 4) ADOÇÃO ILEGAL NUNCA RETOMARÃO SUAS VIDAS SEM PROTEÇÃO “ QUEM DISSE QUE ONDE FALTA DIHEIRO, FALTA AMOR.” TRAFICANTE É TORPE
  • DESAFIO FLUXO MIGRATÓRIO CONTER ANTES DA SAÍDA MUDANÇA DA LEGISLAÇÃO REGULARIZAÇÃO
  • POLÍTICA NACIONAL DE COMBATE 1) PREVENÇÃO 3) PROTEÇÃO E ASSISTÊNCIA COOPERAÇÃO JURÍDICA INTERNACIONAL 2) REPRESSÃO PADRONIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS DE ABORDAGENS
  • PROTOCOLO DE PALERMO DIRETRIZ INTERNACIONAL 115 METAS - 2016 CAMPANHA CORAÇÃO AZUL 17 MINISTÉRIOS ESFORÇO GLOBAL
  • PENA DE RECLUSÃO 03 A 08 ANOS MENOR - ARMAS E DROGAS.
  • CONCEITO FORMA MODERNA DE ESCRAVIDÃO INSTRUMENTALIZAÇÃO DA VIDA PARA O EXERCÍCIO DO PODER DE HOMENS SOBRE HOMENS MERCANTILIZAÇÃO DA VIDA