A cadeira do encontro

  • 774 views
Uploaded on

 

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
774
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
5
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. O sacerdote foi chamado para orarpor um homem muito enfermo.Quando o sacerdote entrou noquarto, encontrou o pobre homemna cama com a cabeça apoiadanum par de almofadas.Havia uma cadeira ao ladoda cama, fato que levou osacerdote a pensar que o homemestava aguardando a sua chegada. Click “espaço” quando ler.
  • 2. - Suponho que estava me esperando?- disse o sacerdote.- Não, quem é você? - respondeu ohomem enfermo.- Sou o sacerdote que a sua filhachamou para orar por você; quandoentrei e vi a cadeira vazia ao lado dasua cama, imaginei que vocêsoubesse que eu viria visitá-lo.- Ah sim, a cadeira! Entre e feche a porta.
  • 3. Então o homem enfermo lhe disse:- Nunca contei para ninguém, maspassei toda a minha vida sem teraprendido orar.Não sabia direito como se deve orar.E nunca dei muita importância paraa oração. Pensava que Deus estavamuito distante de mim.
  • 4. - Assim sendo, há muito tempoabandonei por completo a idéiade falar com Deus.Até que um amigo me disse:“José, orar é muito simples.Orar é conversar com Jesus,e isto eu sugiro que vocênunca deixe de fazer...você se senta numa cadeira e...
  • 5. ...coloca outra cadeira vazia na suafrente. Em seguida, com muita fé,você imagina que Jesus estásentado ali, bem diante de você.Afinal Jesus mesmo disse:- “Eu estarei sempre com vocês”.- Portanto, você pode falar com Elee escutá-lo, da mesma maneiracomo está fazendo comigo agora.
  • 6. - Pois assim eu procedi e me adaptei àidéia. Desde então, tenho conversadocom Jesus durante umas duas horasdiárias. Tenho sempre muito cuidadopara que a minha filha não me veja...pois me internaria num manicômioimediatamente.O sacerdote sentiu uma grandeemoção ao ouvir aquilo, e disse aJosé que era muito bom o queestava fazendo e que não deixassenunca de fazê-lo.
  • 7. Em seguida orou com ele e foi embora.Dois dias mais tarde, a filha deJosé comunicou ao sacerdoteque seu pai havia falecido.O sacerdote então perguntou:- Ele faleceu em paz?- Sim, quando eu estava mepreparando para sair, ele me chamouao seu quarto.
  • 8. Ele disse que me amava muito eme deu um beijo.Quando eu voltei das compras, umahora mais tarde, já o encontrei morto.Porém há algo de estranho em relaçãoà sua morte, pois aparentemente,antes de morrer, chegou perto dacadeira que estava ao lado da camae encostou a cabeça nela.Foi assim que eu o encontrei.Porque será isto? – perguntou a filha.
  • 9. O sacerdote, profundamenteemocionado, enxugou as lágrimase respondeu:- Ele partiu nos braços do seumelhor amigo...
  • 10. É curioso como podemos enviar contos ebrincadeiras através de e-mail´s os quaisse desfazem como poeira;porém quando se trata de mensagensde Deus, pensamos duas vezesantes de compartilhá-loscom os outros.É estranho como a luxúria nua ecrua, vulgar e obscena, viajalivremente através dociberespaço, porém quando setrata das palavras de Jesus, ela ésuprimida das escolas e dos locais
  • 11. Envie esta mensagen aos seusamigos da lista de endereços.Talvez eles precisem saber tambémque Jesus está mais próximo de nósdo que podemos imaginar. solimber@terra.com.br