Your SlideShare is downloading. ×
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Simpósio Hipertexto na Educação 2008
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Simpósio Hipertexto na Educação 2008

895

Published on

Comunicação apresentada no simpósio de hipertexto e educação, em Recife no 18 de setembro de 2008 - Comunicação - APRENDIZAGEM COLABORATIVA E INTERATIVIDADE NA WEB: …

Comunicação apresentada no simpósio de hipertexto e educação, em Recife no 18 de setembro de 2008 - Comunicação - APRENDIZAGEM COLABORATIVA E INTERATIVIDADE NA WEB:
EXPERIÊNCIAS COM O GOOGLE DOCS NO ENSINO DE
GRADUAÇÃO

Published in: Education, Technology
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
895
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
27
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. APRENDIZAGEM COLABORATIVA E INTERATIVIDADE NA WEB: EXPERIÊNCIAS  COM O GOOGLE DOCS NO  ENSINO DE GRADUAÇÃO Maria Lúcia Serafim (UEPB) [email_address] Fernando Silvio Cavalcante Pimentel (UNIT) [email_address] Ana Paula de Sousa do Ó (UEPB) [email_address]
  • 2. Introdução
    • O estudo apresenta a ferramenta Docs , disponível no “pacote google”, como alternativa à prática pedagógica docente superior, na busca de promover aprendizado significativo e colaborativo.
    • Estrutura-se na experiência de educadores de graduação em EAD de Matemática e Gestão da Tecnologia da Informação- Universidade Tiradentes-Pólo Faculdade Integrada Tiradentes em Maceió, e  do Curso presencial de Licenciatura em Computação da Universidade Estadual da Paraíba, em Campina Grande.
    • Por meio da pesquisa analisa-se a inserção do GOOGLE DOCS em processos de ensino-aprendizagem como possibilitadora de atitudes colaborativas no universo da interatividade virtual nas modalidades presencial e a distância.
  • 3.
    • O cenário educacional brasileiro:
    • Forte tendência de flexibilização e incorporação de novas tecnologias e metodologias para otimizar e melhorar a qualidade do ensino superior.
    • Sendo necessário:
    • Proposta pedagógica bem situada na realidade atual;
    • Formação docente que conjugue ações da prática voltadas às novas tecnologias.
  • 4.
    • O objetivo geral
    • Analisar a inserção do DOCS em processos de ensino e aprendizagem, como possibilitadora de atitudes colaborativas no universo da interatividade virtual para alunos de cursos de graduação nas modalidades presencial e a distância.
  • 5. Objetivos Específicos
    • Incluir na experiência docente de graduação no universo virtual a interface da ferramenta Google Docs.
    • Buscar nas experiências e aprendizagens condições didáticas que dêem sustentação à aprendizagem colaborativa.
  • 6. Google Docs
    • Contém espaços colaborativos que têm vantagens que podem e devem ser aproveitadas em contexto educativo.
    • Permite a criação e partilha de trabalhos on-line. Pode-se criar, editar e partilhar documentos de texto, folhas de cálculo, apresentações, hiperligações, conceitos, projetos de trabalho e imagens.
    • Pode-se inserir e editar documentos a partir de qualquer lugar, através de um computador ligado à internet.
    • Todo o trabalho produzido está sempre disponível online.
  • 7. Interface Docs
  • 8. Fundamentação
    • Para Silva (2000) a interatividade é um elemento significativo nesta busca de autonomia e de focalização da educação para o aluno pois permite que este ultrapasse a condição de espectador passivo para a condição de sujeito operativo.
    • A inserção das tecnologias da informação e da comunicação exige que sua utilização ultrapasse o mero mecanicismo ou tecnicismo.
  • 9. Almeida (2003) afirma esta potencialização
    • Papel ativos dos seus participantes;
    • Acesso a informações e recursos; e
    • Desenvolvimento de atividade colaborativas, estabelecendo diálogo e conexões.
  • 10.
    • Para Freire (1996) ensinar inexiste sem aprender e vice versa, ou seja, o foco reside na mudança do ensino para a aprendizagem e que a partir da disseminação das tecnologias e suas possibilidades de mediação ao trabalho docente a colaboração tem acontecido, em detrimento do ensino centrado na auto-instrução e no individualismo.
  • 11. Aspectos Metodológicos do Estudo
    • Trata-se de uma pesquisa empírica, descritiva e de levantamento.
    • Os alunos tiveram a oportunidade de utilizar a ferramenta durante um mês para o desenvolvimento de atividades propostas pelos seus docentes:
    • Cursos em EAD – Matemática - Projeto de Pesquisa da disciplina Metodologia Científica;
    • Gestão da Tecnologia da Informação - artigo na disciplina Produção de Texto;
    • Curso presencial - Licenciatura em Computação Relatório de campo na disciplina Prática de Ensino de Computação.
  • 12.  
  • 13.
    • Instrumento de coleta de dados – questionário .
    • Sujeitos da pesquisa:
    • Matemática - 28 alunos, sendo 17 respondentes;
    • GTI - 26, 18 respondentes;
    • Licenciatura em Computação – 40 alunos, sendo 15 respondentes.
  • 14.
    • Análise dos dados
    • Realizada por meio da estatística descritiva, onde as variáveis utilizadas para avaliação, foram do tipo qualitativa.
    • Outras medidas estatísticas foram utilizadas para os objetivos propostos pela pesquisa, tais como; gráficos de pizza, que foram feitos utilizando-se o Software Excel.
  • 15. Apresentação dos resultados
    • Dados obtidos com os alunos da UEPB
    Acesso a internet Freqüência de acesso a internet
  • 16. Ferramenta útil à aprendizagem na disciplina de Prática Pedagógica Gerou aprendizagem colaborativa
  • 17. Apresentação dos resultados Dados obtidos com os alunos da UNIT/Pólo FITS Freqüência de uso da Internet Finalidade do uso da Internet
  • 18. A interface foi útil para a atividade proposta O uso da ferramenta gerou Aprendizagem Colaborativa
  • 19. Tecendo considerações finais
    • Importância dos docentes do ensino superior aliarem o domínio de ferramentas da Web ao campo educacional;
    • A experiência por si só foi um exercício de interação e aprendizagem colaborativa;
    • Os dados indicam que a ferramenta Docs pode possibilitar através de propostas construcionistas, interatividade e aprendizagem colaborativa;
    • A proposta da pesquisa e da inclusão do Google Docs permitiu retomar o pensamento de Freire (1996), quando aponta que o educando deve primeiro descobrir-se como um construtor desse mundo da cultura, e numa cultura em metamorfose, relacionando o real e o virtual, a cultura precisa ser redescoberta e reinventada, numa ação dialógica e interativa .
  • 20.
    • Referências
    ALMEIDA, Maria E. de. Educação, ambientes virtuais e interatividade. In : SILVA, Marco (org.). Educação online . São Paulo: Loyola, 2003. FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa . São Paulo: Paz e Terra, 1996. ______, Pedagogia do Oprimido . 26ª edição. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1999. GONZALES, Mathias. Fundamentos da tutoria em educação a distância . São Paulo: Avercamp, 2005. GRINSPUN, M. P.S.Z..RODRIGUES, A. M. M., NEVES, A. M. C., CARDOSO, T. F.L. Educação Tecnológica: desafios e perspectivas. São Paulo, Cortez, 1999. HARGREAVES A. Os professores em tempos de mudança - O trabalho e a cultura dos professores na idade pós-moderna. Editora McGraw-Hill. Amadora, 1998. PETERS, Otto. A educação à distância em transição . São Leopoldo: Unisinos, 2004. SILVA, Marco (org.). Educação online . São Paulo: Loyola, 2003. ______. Sala de aula interativa . Rio de Janeiro: Quartet, 2001.

×