• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Namorar Depois Dos 50
 

Namorar Depois Dos 50

on

  • 4,948 views

 

Statistics

Views

Total Views
4,948
Views on SlideShare
4,941
Embed Views
7

Actions

Likes
0
Downloads
2
Comments
0

2 Embeds 7

http://www.blogger.com 4
http://www.slideshare.net 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Namorar Depois Dos 50 Namorar Depois Dos 50 Presentation Transcript

    • Em nossa idade, depois do meio século, o amor já percorreu estradas, dobrou esquinas e optou em encruzilhadas. Já errou, já acertou, já deslizou, Já se arrependeu e, inevitavelmente, o tempo se foi.
    • Viveu-se o amor, perdeu-se o amor, alguns pelas mãos de Deus, outros pelo enfraquecimento do viver a dois. Hoje o nosso olhar em direção ao amor continua mais lindo, pois na longa caminhada dos sentimentos, aprendemos a somar, a dividir e a multiplicar, sem chances de diminuir no conhecimento do sentimento do amor.
    • O amor maduro chega de mansinho e se aloja em nossa vida, sem tempo para acabar.
    • O caminhar a dois é mais sereno, a cumplicidade existe, o carinho é mais espontâneo, não nos inibimos diante do querer. A sintonia é completa e as lembranças são depositadas no álbum da saudade, que guardamos, de um tempo que não volta mais.
    • Namorar na nossa idade é carregar a ternura no olhar. O brilho é mais intenso, a vontade de acertar é mais forte. A construção do caminhar a dois é a soma do querer, é o encontro de duas almas aplaudidas por dois corações que dividem a emoção de amar.
    • As pequeninas atitudes, os gestos e os detalhes são os alimentos que sustentam este amor.
    • Viver a dois é a alegria da companhia, do chamego dengoso, dos beijos ainda calientes, dos insinuantes olhares quando o desejo se manifesta e a promessa no olhar de que em todo amanhecer, será o mais belo bom dia entre dois seres que encontraram o amor.
    • Amar nunca é demais. Feliz daquele que tem um enorme coração, capaz de amar e acima de tudo saber ser amado.
    • CRÉDITOS Autor do slide: Prado Slides e-mail: jprado_amador@yahoo.com.br Texto: desconheço a autoria Imagens: Internet/Cadê Música: Si el amor se vá Reformatação: by PC - Julho 2006 Foto de fundo: Rio Sena visto da Pont Neuf – by PC