Rede denoticias01
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Rede denoticias01

on

  • 519 views

 

Statistics

Views

Total Views
519
Views on SlideShare
519
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Rede denoticias01 Rede denoticias01 Document Transcript

  • Ano 1 | Edição 1 | Março 2010 rede de Notícias Nas águas da parceria Implantação do PEA na área de abrangência das operações da OGX vai se desdobrar em diversas ações O Projeto de Educação Ambiental (PEA) da OGX, empresa brasileira do setor de petróleo e gás, tem como prin- Esta área abrange os municípios de Arma- ção dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Campos de Goytacazes, Macaé, São João pecialmente para esse projeto, é a grande ferramenta de inclusão digital e o principal canal de relacionamento desta iniciativa, que cipal objetivo contribuir para o desenvolvi- da Barra e São Francisco de Itabapoana, no agora lança o boletim Rede de Notícias, mento sustentável das comunidades da área estado do Rio de Janeiro, e Itapemirim, no o qual trará, periodicamente, as principais de influência das operações da companhia. Espírito Santo. novidades do PEA. A OGX acredita que a exploração e produção Executado pela Soma Desenvolvimento & Meio O blog e a Rede formam um canal de diálogo de óleo e gás podem se realizar de forma Ambiente, experiente consultoria ambiental permanente com as comunidades abrangidas sustentável, para gerar riquezas, emprego e que vem aprimorando formas de levar a prática pelo PEA OGX. renda para o país e contribuir para o desen- de gestão e contribuir para o desenvolvimento Faça notícia, seja notícia... volvimento socioeconômico das comunidades local da pesca artesanal, o PEA é uma medida Dê notícias você também! na região onde atua. compensatória exigida pelo Ibama para fins de Acesse o blog: E para isso é fundamental ter uma atuação emissão de Licença de Operação (LO no 876) www.pesca-artesanal-campos.blogspot.com ambientalmente responsável. Com esse ob- para a OGX atuar nessa área. O PEA foi elabo- jetivo, atendendo às exigências do Institu- rado com foco na pesca artesanal, alinhado to Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos com os anseios das comunidades parceiras, Projetos Naturais Renováveis (Ibama), a OGX está que participam ativamente das discussões e na estão em implantando um Projeto de Educação Am- elaboração das ações que serão implementadas andamento biental (PEA) na área de influência de seu nos oito municípios. programa de perfuração exploratória na Bacia O blog Pesca Artesanal (www.pesca- Págs. 2, 3 e 4 de Campos. artesanal-campos.blogspot.com), criado es- Ano 1 | Edição 1 | Março 2010 Rede de Notícias | 1
  • Projetos em andamento ParticiPar é construir É com essa filosofia que o PEA OGX vem sendo implementado no Norte Fluminense e Sul do Espírito Santo O PEA OGX está mostrando que, com diálogo e interação, é possível formular propostas coerentes com a realidade das comu- sugeridas pelas próprias comunidades. As as- sembleias realizadas no final do ano passado, para discussão de projetos e formação das que, além de promover a educação ambiental, o PEA também reforça o exercício da cidadania. Além da OGX e da Soma, participam desses nidades da área de influência de um grande comissões de cada comunidade, mobilizaram eventos representantes da Coordenação Geral empreendimento como o da OGX na Bacia cerca de 830 pessoas. Destas, cerca de 70 vo- de Petróleo e Gás (CGPEG) do Ibama, órgão de Campos. luntários integram as comissões regionais, que fiscalizador e que valida todo o processo, as- Desde o início de sua implantação, o PEA vem trabalham com afinco para agilizar os projetos segurando que seja feito de maneira partici- mobilizando as principais lideranças dos oito de cada comunidade representada. pativa e que os projetos estejam de acordo municípios nos quais serão desenvolvidas ações Números que refletem a mobilização e mostram com algumas diretrizes. saiba um pouco mais sobre o que está acontecendo na sua região cabo Frio Armação dos búzios cooperativismo Entreposto de a caminho pescado A instalação de um entreposto de pescado no píer da rampa foi a proposta que obteve maior adesão entre as 58 pessoas que votaram nos 11 projetos discutidos na assembleia realizada no dia 15 de novembro de 2009, em Armação dos Búzios (RJ). O projeto tem como principal objetivo criar uma estrutura que favoreça a venda direta do pescado. A iniciativa contribuirá ainda para formada durante a assembleia, representando fortalecer o valor do pescador. a comunidade local, e as equipes da Soma e No dia 25 de novembro, foi realizada a primei- da OGX, para estabelecer as ações necessárias Organizar e fortalecer a atividade pesqueira ra reunião entre a comissão de sete pessoas que agilizarão a implantação do projeto. foi o mote da assembleia realizada no dia 12 de novembro de 2009, em Cabo Frio (RJ), com a participação de 52 pessoas. Das sete propostas apresentadas pelas comunidades, Arraial do cabo a mais votada foi a de formação de coope- rativa de produção, que recebeu 81 pontos. Fortalecendo a pesca artesanal O objetivo é contribuir para a organização Dos 11 projetos discutidos na assembleia rea- de várias localidades, como Praia dos Anjos, e fortalecimento da classe pesqueira na lizada em Arraial do Cabo (RJ), no dia 14 de Pontal, Figueira, Prainha, Praia Grande etc. comunidade de Cabo Frio, que tem uma novembro de 2009, a proposta de criação de Em reuniões de detalhamento e análise com grande produção de pescado e possui o recifes artificiais foi a escolhida pela maioria a comissão, foi decidido que o foco do projeto maior porto de desembarque da região. A dos votantes. A reunião mobilizou 84 pessoas seria a coibição das práticas ilegais de pesca Colônia Z-4 foi a instituição escolhida como dentro da área da Resex (Reserva Extrativis- gestora do projeto, que deverá ser realizado ta). Assim, o projeto estuda a instalação de com o suporte da OGX e da Soma. dispositivos coibidores de pescarias, como A comissão de oito pessoas, eleita pelos arrasto e traineiras, em locais onde a pesca participantes, já esteve em quatro reu- artesanal é tradicionalmente realizada. Para niões com a OGX e a Soma. Também já tanto, contatos estão sendo feitos com o de- houve conversações com representantes partamento de licenciamento do Ibama em de uma cooperativa local, para discutir o Brasília e o setor de pesca. Formada por 10 fortalecimento de uma entidade existente pessoas, a comissão local, que está à frente do ou a criação de uma nova para apoiar as acompanhamento do projeto a ser implantado iniciativas de pesca local. pela OGX, deverá visitar, em março, o Saco do Para auxiliar essa tomada de decisão, foi Mamanguá, no município de Paraty, no litoral realizado um minicurso sobre cooperativis- Sul Fluminense, onde já há uma experiência mo nos dias 25 e 26 de março, quando foi bem-sucedida de utilização de estruturas anti- decidido começar do zero e partir para a arrasto (agarradores). formação de uma nova cooperativa. Ano 1 | Edição 1 | Março 2010 Rede de Notícias | 2
  • Veja como está o andamento de todos os projetos no blog Pesca Artesanal www.pesca-artesanal-campos.blogspot.com campos Mais força para a colônia Campos de Goytacazes (RJ) foi o município as oito propostas apresentadas e discuti- valor ao pescado e favorecer a venda direta que teve o maior número de participantes das pelos participantes. Com o suporte da do produto. na assembleia do PEA da OGX, no dia 20 de OGX, a comunidade pesqueira pretende A escolha do projeto e a eleição da comissão novembro: 181 pessoas, das quais 172 estão aumentar e melhorar a estrutura da sede, (com seis membros) receberam os aplausos dos envolvidas diretamente com a pesca. Em com salas de reunião e de cursos, além participantes, que escolheram a Colônia Z-19 Campos, houve uma grande participação de de serviços de atendimento médico (me- como gestora. A importância dessa iniciativa foi marisqueiras, como em Itapemirim. lhoria da saúde e da qualidade de vida); reforçada na primeira reunião de detalhamen- A reforma da sede e aparelhamento da promover cursos de aprimoramento para to, que aconteceu no mesmo dia da assembleia, Colônia Z-19 foi a grande vencedora entre os pescadores e sua família; agregar mais com participação da Soma e da OGX. Macaé caminhão frigorífico Itapemirim nova estrutura para a sede Agregar valor ao pescado e assegurar me- lhores preços na venda do produto foram Cerca de 100 pessoas ligadas diretamente renda de seus lares, junto com os maridos as principais razões da vitória da proposta à pesca participaram da grande assembleia pescadores. Dos oito projetos debatidos, a de aquisição de um caminhão frigorífico na realizada no dia 17 de novembro de 2009, construção da sede da Colônia Z-10, de pes- assembleia realizada no dia 19 de novembro, no município de Itapemirim (ES), quando cadores, obteve a maior pontuação. em Macaé, com a presença de 63 pessoas, apresentaram propostas, discutiram projetos Os principais pontos destacados na defesa das quais 44 envolvidas diretamente com a e optaram pela criação de uma sede para a dessa proposta foram o fortalecimento da atividade pesqueira. Assim como nos demais colônia de pescadores do município. classe pesqueira de Itapemirim, com a cons- eventos, muitas instituições estavam represen- A força feminina ficou demonstrada na grande trução de uma infraestrutura para reuniões e tadas neste, que também serviu para esclare- participação de mulheres, a maioria maris- cursos, além de serviços médico-odontológico, cer dúvidas da comunidade sobre o trabalho queiras, que contribuem para a formação da entre outros. realizado por contratadas da OGX. A comissão eleita, formada por cinco pes- soas, foi aclamada por todos os presentes. A colônia de pescadores Z-03 foi a instituição escolhida para ser a gestora do projeto, de- vendo acompanhar todo o processo de aqui- sição do caminhão. Na primeira reunião com a comissão, a OGX e a Soma, foram analisados os próximos passos que devem ser feitos para o andamento do projeto, como o levantamento histórico da produção e a programação de orçamentos por tipo e tamanho de caminhão. Na primeira reunião com a comissão, a OGX e a Soma, foram analisados os próximos passos do projeto, o levantamento histórico da produção e a programação de orçamentos por tipo e tamanho de caminhão. As reuniões de detalhamento foram programadas para os meses de março e abril. Ano 1 | Edição 1 | Março 2010 Rede de Notícias | 3
  • Veja como está o andamento de todos os projetos no blog Pesca Artesanal www.pesca-artesanal-campos.blogspot.com são Francisco de Itabapoana Capacitação profissional Cerca de 160 pessoas, pescadores des de trabalho. Daí a escolha da artesanais, marisqueiras e lide- maioria recair sobre o projeto de ranças locais, entre outros, disse- capacitação profissional para os ram “presente” na assembleia do pescadores e seus filhos. PEA realizada em São Francisco Formada por 11 lideranças, a co- de Itabapoana (RJ) no dia 15 de missão teve a primeira reunião dezembro de 2009. Do total de com a Soma e a OGX no dia 18 de participantes, 148 estão envolvi- dezembro, quando foram progra- dos diretamente com a atividade madas atividades básicas para dar pesqueira e estão presenciando a partida nessa iniciativa, que visa o crescimento econômico local ampliar as oportunidades de tra- e a criação de novas oportunida- balho para os jovens da região. são João da barra Miniestaleiro para reparos A última assembleia de 2009 foi de pesqueira; reforçar e difundir o realizada no dia 16 de dezembro conhecimento técnico; reduzir os em São João da Barra, com a pre- custos de manutenção e promover sença de aproximadamente 130 o fortalecimento institucional da pessoas. Dos sete projetos levan- Colônia Z-02, que foi escolhida tados e discutidos pelos partici- como gestora do projeto. Com um pantes, a proposta da instalação total de 15 pessoas, a comissão de um miniestaleiro e construção de São João da Barra já se reuniu de uma rampa para os pescado- com a OGX e a Soma, quando foi res obteve maior pontuação, re- apresentado um projeto inicial de fletindo o desejo da maioria dos rampa e galpão. participantes. O que mostra a disposição de to- O objetivo é criar uma estrutura dos em participar com o objetivo adequada para restaurar as embar- principal de dar mais agilidade ao cações utilizadas pela comunida- processo do PEA da OGX! Acompanhe TODOS OS PROjETOS vOTADOS NAS ASSEMBLEIAS ESTÃO SENDO DETALhADOS EM OFICINAS, PREvISTAS PARA OS MESES DE MARÇO E ABRIL, E qUE ACONTECEM EM PARCERIA COM AS COMISSõES DE CADA MUNICíPIO PCS OGX como está a atividade da companhia hoje? O Programa de Comunicação Social (PCS) da OGX, de responsabilidade da abaeté estudos socioambientais Ltda., participou de todas as assembleias do pea OgX e aproveita a Rede de Notícias para atualizar as informações sobre as atividades de perfuração marítima da OgX na Bacia de campos. a campanha segue em ritmo acelerado desde que foi realizada a primeira perfuração na região, em setembro de 2009, quando foram realizadas reuniões com as lideranças das comunidades pesqueiras nos municípios da área de influência, para apresentação da logística das perfurações e dos projetos ambientais da OGX na região. Uma iniciativa importante do pcs OgX é a central de comunicação preventiva (ccp), ampliando o canal de comunicação em alto-mar para a segurança do pescador. Você saberá mais na próxima campanha do PCS da OGX. Mais informações, ligue no Fale Conosco OGX: 0800-722-0742. Entre setembro de 2009 e março de 2010, foram Há CINCO SONDAS DE PERFU- A OGX DISPõE DE 7 BARCOS DE perfurados cinco poços na parte sul da Bacia de RAÇÃO contratadas pela OGX atu- APOIO às suas atividades exploratórias Campos, nos blocos BM-C-41, 42 e 43, TODOS ando nesta bacia: Ocean Ambassador, nesta bacia. São eles: Sanko Bay, Skandi COM DESCOBERTAS DE PETRÓLEO. Outros Ocean Quest, Sea Explorer, Ocean Le- Mogster, Santos Supplier, Campos Captain, cinco poços estão em andamento. xington e Ocean Star. Thor Supplier, C-Sailor e Fast Tender. Pesca Artesanal – Rede de Notícias. COORDENAçãO: OGX // Comunicação e Imprensa. JORNAlISTA RESPONSávEl: Camila Manfredini (SC 01146 JP). COMITê EDITORIAl: Camila Manfredini, Fátima Ribeiro e Vanessa Guerra (OGX); Priscila Cordts, Hugo Diogo, Marcos Ortiz e Walter Ramalho (Soma). EDIçãO E PRODuçãO: Lettera Brasil. FOTOGRAFIAS: Banco de Imagens OGX, Lettera Brasil e Soma. PROGRAMAçãO vISuAl: Traço Certo e Trama Criações. REvISãO: Mariflor Rocha. TIRAGEM: 1.500 exemplares. Ano 1 | Edição 1 | Março 2010 Rede de Notícias | 4