A ARTE EM ROMA
O aparecimento da cidade de Roma está envolto em lendas e mitos. Tradicionalmente indica-se, para a sua fundação, a data d...
 
A arquitectura O arco foi, portanto, uma conquista que permitiu ampliar o vão entre uma coluna e outra, pois nele o centro...
A moradia Romana Ao entrar em contacto com os gregos, durante o período helenístico, os romanos apreciaram muito a flexibi...
 
A arquitectura dos templos Como os romanos apreciavam os perístilos externos dos templos gregos, procuraram acrescentar ta...
 
Enquanto a concepção arquitetónica grega criava edifícios para serem vistos do exterior, a romana procurava criar espaços ...
 
A concepção arquitectónica do teatro Coliseu, certamente o mais belo dos anfiteatros romanos. Externamente o edifício era ...
 
A Pintura A maior parte das pinturas romanas que conhecemos hoje provém das cidades de Pompéia e Herculino, que foram sote...
 
 
A Escultura A Coluna de Trajano, construída no século I da era cristã, narra as lutas do imperador e dos exércitos romanos...
 
Menos de um século depois foi erguida a Coluna de Marco Aurélio, para celebrar o êxito dos romanos contra um povo da Alema...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

A Arte De Roma CláSsica

3,604 views
3,356 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
3,604
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
16
Actions
Shares
0
Downloads
36
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A Arte De Roma CláSsica

  1. 1. A ARTE EM ROMA
  2. 2. O aparecimento da cidade de Roma está envolto em lendas e mitos. Tradicionalmente indica-se, para a sua fundação, a data de 753 a.C. Sabe-se, porém, que a formação cultural do povo romano deveu-se principalmente aos gregos e etruscos, que ocuparam diferentes regiões da Itália entre os séculos XII e VI a.C. A arte romana, portanto, sofreu duas influências: a da arte etrusca, popular e voltada para a expressão da realidade vivida, e a da Greco-helenística, orientada pra a expressão de um ideal da beleza.
  3. 4. A arquitectura O arco foi, portanto, uma conquista que permitiu ampliar o vão entre uma coluna e outra, pois nele o centro não se sobrecarrega mais que as extremidades e, assim, as tensões distribuídas de forma mais homogénea. Além disso, como o arco é construído com blocos de pedra, a tensão comprime esses blocos, dando-lhe maior estabilidade.
  4. 5. A moradia Romana Ao entrar em contacto com os gregos, durante o período helenístico, os romanos apreciaram muito a flexibilidade e a elegância das moradias gregas. Mas, sobretudo o perístilo que havia no pátio de muitas casas. Como eram zelosos de suas tradições, os romanos não quiseram alterar muito a planta das casas, mas encontraram uma solução para incorporar os elementos que admiravam: acrescentaram nos fundos da casa, um perístilo em torno do qual se dispunham vários cómodos, o restante da construção seguia o esquema tradicional.
  5. 7. A arquitectura dos templos Como os romanos apreciavam os perístilos externos dos templos gregos, procuraram acrescentar também ao modelo tradicional de seu templo. Um exemplo disso é a Maison Carré, construída em Nímes, na França, no final do século I a.C. Nessa construção, além dos elementos romanos típicos_ a escada o pórtico e as colunas_ os arquitetos, por meio da introdução de meias colunas embutidas nas paredes laterais e na do fundo, criaram um falso perístilo.
  6. 9. Enquanto a concepção arquitetónica grega criava edifícios para serem vistos do exterior, a romana procurava criar espaços interiores. O Panteão, construído em Roma durante o reinado do Imperador Adriano, é certamente o melhor exemplo dessa diferença.
  7. 11. A concepção arquitectónica do teatro Coliseu, certamente o mais belo dos anfiteatros romanos. Externamente o edifício era ornamentado por esculturas, que ficavam dentro dos arcos, e por três ordens de colunas gregas. Essas colunas, na verdade, eram meias colunas, pois ficavam presas à estrutura das arcadas. Portanto, não tinham a função de sustentar a construção, mas apenas de ornamentá-las.
  8. 13. A Pintura A maior parte das pinturas romanas que conhecemos hoje provém das cidades de Pompéia e Herculino, que foram soterrados pela erupção do Vesúvio em 79 d.C. Os estudiosos da pintura existentes em Pompéia classificam a decoração das paredes internas dos edifícios em quatro estilos.
  9. 16. A Escultura A Coluna de Trajano, construída no século I da era cristã, narra as lutas do imperador e dos exércitos romanos na Dácia. O imenso número de figuras esculpidas em relevo faz dessa obra um importante documento histórico em pedra.
  10. 18. Menos de um século depois foi erguida a Coluna de Marco Aurélio, para celebrar o êxito dos romanos contra um povo da Alemanha do Norte. O relevo dessa coluna é mais profundo e também mais emocional.

×