Não destrua a bBeleza Do Mundo

  • 417 views
Uploaded on

 

More in: Travel , Technology
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
417
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
19
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. No destruyamos la belleza de nuestro mundo!
  • 2. “ No destruyais la belleza del mundo...” Esta é a mensagem que se pretende passar através da linda e triste canção e das fotos únicas que ilustram esta apresentação.
  • 3.  
  • 4. “ No destruyais la belleza del mundo...” Vejam estas paisagens como um apelo para não destruirmos a beleza do mundo. Como se já não tivéssemos por obrigação agradecer a todo segundo essa dádiva que nos recorda a própria divindade!
  • 5. Morimos, en cada flor y en cada arbol que destruimos... Nada mais correto do que reconhecer que morremos mesmo, física e espiritualmente, a cada ato de vandalismo que caracteriza a destruição de uma árvore.
  • 6. Não há mais paciência possível para com os insensíveis. Eles já ultrapassaram todos os limites. Não sentem a vida das flores nem o seu perfume, não presenteiam suas retinas com tão belas imagens.
  • 7. Não ouvem os cantos dos pássaros e se tornam cada vez mais incapazes de absorver toda a beleza que nos é oferecida como sinal da existência de Deus, em sua forma mais poética de expressão.
  • 8. No ensuciemos el azul del cielo... Como não se encantar com o azul do céu, especialmente quando entra em contraste com o verde dos campo ou com o azul mais escuro do mar?
  • 9. “ No destruyais la belleza del mundo...” O apelo é definitivo. Já não temos mais muito tempo e condições para proteger nosso espaço, criado à imagem de Deus com toda sua formosura.
  • 10. Como não sentir a vida em cada detalhe da natureza? Como não entender que essa vida é a extensão de cada um? Mas é isso, é uma só, e com um elo muito forte entre todos.
  • 11. Ferindo uma flor, ferimos a vida, a natureza e a nós mesmos. Poluindo o ar, dificultamos nossa existência sobre a terra.
  • 12. “ No dejeis pasar la última oportunidad de la Tierra...” É, o céu tem dado seus sinais. Sinais claros, visíveis e preocupantes, mas que muitos ainda não conseguem captar. Talvez seja necessário o irreversível para acordá-los quando não mais será possível a vida humana no nosso Planeta Azul
  • 13.  
  • 14. A Terra, em sua forma original, era um imenso jardim, agora arriscado a se tornar um grande deserto, com intempéries e catástrofes enviadas pela natureza revoltada e agredida diariamente por insensatos, inconscientes, gananciosos e irresponsáveis.
  • 15. “ No destruyais la belleza del mundo...” Não destruam, pois sentiremos na carne as conseqüências de cada agressão aos animais, de cada atitude egoísta, de cada atividade predadora.
  • 16. Pensem nos que virão depois de nós. Que mundo vamos deixar para nossos filhos, nossos netos?
  • 17. Não destruam a beleza do mundo.
  • 18. “ No dejeis pasar la última oportunidad de la Tierra...” Não queiramos assistir aos últimos momentos da Terra, aos estertores da Vida e saber que somos responsáveis por isso.
  • 19. Pare uns segundos, contemple toda essa beleza. Ela é nossa, embora não a mereçamos. Ela é nossa extensão. Dela dependemos tanto quanto elas dependem de nossos atos fraternos.
  • 20. Hagamos de la tierra un gran jardín , para los que vendrán detrás nuestro...
  • 21. Para los que vendrán detrás nuestro... Que mundo vamos deixar para os pósteros?
  • 22. Permitamos à natureza seguir seu curso natural. Deixemos as folhas caírem na época certa para a sua renovação. Respeitemos as árvores, os pulmões verdes da natureza. Preservemos e não destruamos a beleza deste mundo.
  • 23. Não destrua a beleza do nosso mundo. Só porque ele é nosso, não nos dá o direito de arruiná-lo. Este mundo precisa ter continuidade, gerar eternamente boas condições de vida, e ser o nosso lar comum enquanto estivermos aqui.
  • 24. Intèrprete de la canción: Isabelle Boulay Canción: Himno a la belleza del mundo Texto e apresentação por Renato Cardoso Continue ouvindo a canção ou clique para sair