Microsoft power point   desenvolvimento sustentável
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Microsoft power point desenvolvimento sustentável

on

  • 20,104 views

 

Statistics

Views

Total Views
20,104
Views on SlideShare
20,039
Embed Views
65

Actions

Likes
3
Downloads
403
Comments
0

3 Embeds 65

http://www.slideshare.net 57
http://renatogeografia.blogspot.com 5
http://renatogeografia.webs.com 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Microsoft power point   desenvolvimento sustentável Microsoft power point desenvolvimento sustentável Presentation Transcript

  • Desenvolvimento Sustentável
  • Conceito O desenvolvimento que procura satisfazer as necessidades da geração actual, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de satisfazerem as suas próprias necessidades, significa possibilitar que as pessoas, agora e no futuro, atinjam um nível satisfatório de desenvolvimento social e económico e de realização humana e cultural, fazendo, ao mesmo tempo, um uso razoável dos recursos da terra e preservando as espécies e os habitats naturais. — Relatório Brundtland
  • Relatório Brundtland Relatório Brundtland é o documento intitulado Nosso Futuro Comum, publicado em 1987, no qual desenvolvimento sustentável é concebido como “o desenvolvimento que satisfaz as necessidades presentes, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de suprir suas próprias necessidades”. View slide
  • Foi elaborado pela Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento,faz parte de uma série de iniciativas, anteriores à Agenda 21, as quais reafirmam uma visão crítica do modelo de desenvolvimento adotado pelos países industrializados e reproduzido pelas nações em desenvolvimento, e que ressaltam os riscos do uso excessivo dos recursos naturais sem considerar a capacidade de suporte dos ecossistemas. O relatório aponta para a incompatibilidade entre desenvolvimento sustentável e os padrões de produção e consumo vigentes. No início da década de 1980, a ONU retomou o debate das questões ambientais. Indicada pela entidade, a primeira-ministra da Noruega, Gro Harlem Brundtland, chefiou a Comissão Mundial sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento, para estudar o assunto. O documento final desses estudos chamou-se Nosso Futuro Comum ou Relatório Brundtland. View slide
  • Elaborado em 1987, uma série de medidas devem ser tomadas pelos países para promover o desenvolvimento sustentável. n limitação do crescimento populacional; n garantia de recursos básicos (água, alimentos, energia) a longo prazo; n preservação da biodiversidade e dos ecossistemas; n diminuição do consumo de energia e desenvolvimento de tecnologias com uso de fontes energéticas renováveis; n aumento da produção industrial nos países não- industrializados com base em tecnologias ecologicamente adaptadas; n controle da urbanização desordenada e integração entre campo e cidades menores; n atendimento das necessidades básicas (saúde, escola, moradia).
  • n adoção da estratégia de desenvolvimento sustentável pelas organizações de desenvolvimento (órgãos e instituições internacionais de financiamento); n proteção dos ecossistemas supra-nacionais como a Antártica, oceanos, etc, pela comunidade internacional; n banimento das guerras; n implantação de um programa de desenvolvimento sustentável pela Organização das Nações Unidas (ONU). n uso de novos materiais na construção; n reestruturação da distribuição de zonas residenciais e industriais; n aproveitamento e consumo de fontes alternativas de energia, como a solar, a eólica e a geotérmica; n reciclagem de materiais reaproveitáveis; n consumo racional de água e de alimentos; n redução do uso de produtos químicos prejudiciais à saúde na produção de alimentos
  • Agenda 21 A Agenda 21 foi um dos principais resultados da conferência Eco-92 ou Rio-92, ocorrida no Rio de Janeiro, Brasil, em 1992. É um documento que estabeleceu a importância de cada país a se comprometer a refletir, global e localmente, sobre a forma pela qual governos, empresas, organizações não-governamentais e todos os setores da sociedade poderiam cooperar no estudo de soluções para os problemas sócio- ambientais. Cada país desenvolve a sua Agenda 21 e no Brasil as discussões são coordenadas pela Comissão de Políticas de Desenvolvimento Sustentável e da Agenda 21 Nacional
  • Agenda 21 brasileira As ações prioritárias da Agenda 21 brasileira são os programas de inclusão social (com o acesso de toda a população à educação, saúde e distribuição de renda), a sustentabilidade urbana e rural, a preservação dos recursos naturais e minerais e a ética política para o planejamento rumo ao desenvolvimento sustentável. Mas o mais importante ponto dessas ações prioritárias, segundo este estudo, é o planejamento de sistemas de produção e consumo sustentáveis contra a cultura do desperdício. A Agenda 21 é um plano de ação para ser adotado global, nacional e localmente, por organizações do sistema das Nações Unidas, governos e pela sociedade civil, em todas as áreas em que a ação humana impacta o meio ambiente