Glossário
Elementar
   Address Book
   Lista de endereços. Base de dados integrada na maioria das aplicações de
    gestão de correio electr...
   Antivírus [ Anti-vírus ]
   Aplicação que detecta e bloqueia vírus informáticos. Estas aplicações podem
    ser també...
   Arroba [ @ ]
   Símbolo utilizado nos endereços de correio electrónico, colocado antes do
    domínio, e pronuncia-se...
   Banda Larga
   Termo que se refere normalmente a uma ligação de velocidades superiores
    às conseguidas com os mode...
   Base de dados Conjunto ordenado de dados que se encontram armazenados
    e sobre os quais é possível realizar diversa...
   Basic
   Beginner’s All-purpse Symbolic Instruction Code. Linguagem de
    programação desenvolvida na década de 60 n...
   Blog [ Weblog ]
   Blog ou Weblog designa um diário mantido na Internet através de sistemas
    de publicação fáceis ...
   Browser [ Navegador ]
   Navegador, programa de navegação. Utilizado para movimentação e
    orientação numa base de ...
   Bug
   Um bug é um erro num programa (software) ou mesmo num equipamento
    (hardware) que provoca uma acção inesper...
   .com
   Lê-se “dot com” ou “ponto com”. Sufixo de domínio usado na Internet para
    designar endereços de empresas (...
   Campus Virtual
   Parte de uma Universidade ou Faculdade que oferece infra-estruturas de
    educação que, em teoria,...
   Chat
   À letra, conversa. Numa rede informática, designa qualquer sistema que
    permita a comunicação em tempo rea...
   Ciberespaço
   Palavra criada por William Gibson no seu romance "Neuromancer" (1984)
    para designar um mundo colec...
   Cliente
   Programa que permite ao utilizador de um computador contactar com um
    servidor e deste obter dados, e i...
   Computador
   Máquina programável que processa dados de acordo com um conjunto de
    instruções. Estas instruções po...
   Digital
   É digital tudo o que se pode mostrar e contar com números, e que tem uma
    magnitude que pode apresentar...
   Directório
   É uma lista estruturada por categorias de websites registados. É
    semelhante a uma versão electrónic...
   Download
   Fazer o download de ficheiros ou de programas é o acto de transferir um
    ficheiro/programa de um compu...
   Drivers
   Os drivers de dispositivo são programas que possibilitam a comunicação
    entre o sistema operativo e dis...
   DVD [ Digital Versatile Disc ]
   DVD significa Digital Versatile Disc (antes denominado Digital Video
    Disc). Con...
   DVD [ Digital Versatile Disc ] - CONTINUAÇÃO
   Os DVD-RW e os DVD+RW que permitem gravar e apagar. Os DVD-
    RAM q...
   E-mail [ Mail ]
   Contracção de Electronic mail. O mesmo que correio electrónico. Também
    é usado na forma “email...
   Favoritos
   Em inglês Favorites. Permite a marcação de uma página web e o arquivo
    de um endereço numa pasta de F...
   Ficheiro
   É um documento independente - texto, som, imagem, vídeo, etc. – gerado
    por uma aplicação informática....
   GPS [ Global Positioning System ]
   O Sistema de Posicionamento Global, vulgarmente conhecido por GPS
    (do acróni...
   Hardware
   Equipamento. Na informática, designa tudo o que é físico. Os
    computadores e os seus periféricos são, ...
   Homepage [ home page ]
   Página principal. Página web principal ou de apresentação num sítio
    (site) da web. O si...
   HTTP [ Hypert Text Transmition Protocol ]
   Iniciais de Hypert Text Transmition Protocol, ou protocolo de
    transm...
   Hypertext [ Hipertexto ]
   Hipertexto. Textos ligados entre si. O clique sobre uma hiperligação
    (hyperlink) situ...
   Informática
   Termo formado com a junção das palavras INFORmação e autoMÁTICA.
    É a ciência que estuda os métodos...
   Internet
   Contracção dos termos Interconected Network. O conjunto de redes de
    computadores mundiais ligadas ent...
   Java
   Linguagem de programação criada pela empresa Sun Microsystems,
    especialmente adequada para desenvolver pr...
   Kilobit [ Kb ]
   Unidade de medida usada em informática e que é igual a mil bits. Na sua
    forma abreviada escreve...
   LCD
   Um monitor de cristais líquidos (em inglês Liquid Crystal Display), ou
    LCD, é um monitor muito leve e fino...
   Mailbox
   Caixa de correio electrónico. É a caixa de correio pessoal de cada
    utilizador e pode estar alojado no ...
   MegaByte [ MB ]
   MegaByte é um múltiplo do byte. É uma unidade que permite medir a
    quantidade de informaçã ou o...
   Navegação
   Método utilizado para encontrar e se movimentar entre a informação e as
    páginas de um website. Acto ...
   Offline [ Off-line ]
   Fora de linha, desligado. Quando não existe nenhum contacto do
    computador com uma rede at...
   Password
   Palavra-chave. Uma medida de segurança usada por diversos sistemas e
    normalmente conjugada com um nom...
   PDF [ Portable Document Format ]
   Portable Document Format (PDF) é um formato de ficheiro desenvolvido pela
    Ado...
   Pop-up
   Um dos tipos de publicidade online. A publicidade em forma de Pop-up
    é aquela que abre numa nova janela...
   QuickTime
   O QuickTime é o nome de um pequeno programa (também disponível
    em formato de plugin) que permite vis...
   RAM
   Random Access Memory. É a memória que o computador usa para reter
    temporariamente dados e instruções neces...
   Roaming
   Termo que designa um acordo entre operadores de comunicações móveis
    que permite a utilização da redes ...
   Router
   Equipamento que dentro de uma rede de comunicações faz o encaminhamento
    de informação da origem ao dest...
   Scanner
   O Digitalizador ou Scanner é um dispositivo óptico, um equipamento
    electrónico, responsável por digita...
   Silicon Valley
   Localizado na Califórnia, EUA, o Silicon Valley é um conjunto de
    empresas implantadas a partir ...
   Site [ Website ]
   Sítio, local. Também designado Website. Refere-se geralmente a um grupo
    de páginas web que ap...
   SMS
   Iniciais de Short Messaging Service, ou serviço de mensagens curtas.
    Suportado inicialmente nas redes de c...
   Software Pirata
   Software não licenciado. Cópia não autorizada de um sistema operativo ou programa e
    punível po...
   Spyware
   Spyware consiste num programa automático que recolhe informações
    sobre os costumes do utilizador na In...
   Transmissão Digital
   Num serviço digital de telecomunicações, a fonte original é transformada e
    transmitida com...
   UMTS
   Iniciais de Universal Mobile Telecommunications System. Terceira
    geração das redes celulares GSM que perm...
   URL [ Uniform Resource Locator ]
   Iniciais de Uniform Resource Locator, ou seja, localizador de recursos
    unific...
   USB [ Universal Serial Bus ]
   Universal Serial Bus. É um recurso disponível para os PCs que permite a
    conexão d...
   Vírus
   Designação retirada do mundo da medicina por analogia e que é dada a
    um programa que actua no computador...
   Visualização
   O mesmo que pageview. É uma das medidas básicas da estatística de
    acessos aos sites. Cada pagevie...
   Web
   Teia, rede. Abreviatura de World Wide Web. Pode ser referida como “The
    Web”.

   Webcam
   Webcam é uma ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

GlossáRio Elementar Internet

1,137
-1

Published on

Published in: Technology, Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,137
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
29
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

GlossáRio Elementar Internet

  1. 1. Glossário Elementar
  2. 2.  Address Book  Lista de endereços. Base de dados integrada na maioria das aplicações de gestão de correio electrónico e que serve para guardar endereços de correio electrónico para os poder utilizar mais tarde. É comum incluir a possibilidade de empregar um alias, ou seja, de dar a um endereço complicado um nome que seja mais fácil memorizar.  ADSL [ Asymmetric Digital Subscriber Line ]  Iniciais de Asymmetric Digital Subscriber Line. É uma tecnologia da família DSL (Digital Subscriber Line) mais adequada à comunicação de dados. O facto de ser assimétrica torna o ADSL mais indicado para navegação na Internet já que tem velocidade diferentes de transmissão para upload e download da informação, podendo chegar aos 16 Mbits por segundo.
  3. 3.  Antivírus [ Anti-vírus ]  Aplicação que detecta e bloqueia vírus informáticos. Estas aplicações podem ser também específicas para alguns sistemas operativos ou mesmo programas, como os gestores de correio electrónico. A nova geração de programas antivírus para a Internet é capaz de detectar vírus antes de o programa infectado ser escrito no disco do computador, analisando ficheiros em servidores remotos antes de ser realizado o seu download. As aplicações antivírus são actualmente essenciais para manter a segurança dos computadores, cada vez mais sujeitos a ataques informáticos sobretudo pela ligação permanente à Internet.
  4. 4.  Arroba [ @ ]  Símbolo utilizado nos endereços de correio electrónico, colocado antes do domínio, e pronuncia-se "At" (em). Usado para identificar na Internet uma localização de uma caixa de correio electrónico. No endereço gertrudes@oesteonline.net é indicado que gertrudes é o nome de uma caixa de correio associada ao domínio web oesteonline.net, alojado num servidor de email.  AutoRun  Capacidade de um CD, quando inserido no CD-Rom, se executar sozinho sem interferência do utilizador.
  5. 5.  Banda Larga  Termo que se refere normalmente a uma ligação de velocidades superiores às conseguidas com os modems analógicos e as ligações RDIS, isto é, acima dos 128 Kbits por segundo no download. Na prática, as ligações de banda larga actualmente disponíveis em Portugal para o mercado de utilizadores domésticos variam entre os 256 e os 16 Mb, no que toca à velocidade de recepção de dados ou de download, situando-se normalmente a velocidade de envio de dados ou de upload em valores inferiores. Em termos de tecnologias os utilizadores podem escolher entre o xDSL, através do ADSL, o cabo, a Power Line, que funciona sobre rede eléctrica, e o Wi-Fi e a 3G (rede telefone móvel) para situações de mobilidade.
  6. 6.  Base de dados Conjunto ordenado de dados que se encontram armazenados e sobre os quais é possível realizar diversas operações: administração dos dados, consulta dos dados, pesquisa dos dados, etc.. Deste modo, a informação registada numa ocasião específica pode ser localizada e classificada pelos seus mais diferentes aspectos e da forma mais rápida possível. As bases de dados são a raiz dos elementos mais complexos do cibermundo actual, sendo a base dos motores de pesquisa da Internet, dos sistemas informáticos centrais das companhias aéreas, bancos, etc.
  7. 7.  Basic  Beginner’s All-purpse Symbolic Instruction Code. Linguagem de programação desenvolvida na década de 60 no Darmouth Collegge, por John Kemeny e Thomas Kurtz. Foi elaborada com a finalidade de ser uma linguagem para fins didáticos. Considerada por muitos uma linguagem de programação para não programadores, ou seja, para amadores e curiosos, é uma das linguagens mais fáceis de ser aprendida  Beta  Este termo é aplicado para designar uma fase de desenvolvimento de um software ou hardware. Uma "versão beta" de um produto é aquela que ainda está sujeita a desenvolvimento, mas que é lançada para ser testada. Beta é também o nome de uma linguagem de programação orientada a objectos.
  8. 8.  Blog [ Weblog ]  Blog ou Weblog designa um diário mantido na Internet através de sistemas de publicação fáceis de utilizar. Os Weblogs popularizaram-se nos últimos anos, criando sites pessoais que se tornaram verdadeiras referências de opinião e informação na Internet.  Bluetooth  Standard de comunicação sem fios de pequeno alcance (até 100 metros) que torna possível transmitir sinais entre telefones, computadores e outros dispositivos, sem recorrer a fios (wireless).
  9. 9.  Browser [ Navegador ]  Navegador, programa de navegação. Utilizado para movimentação e orientação numa base de dados ou numa rede. No contexto da Internet, refere-se aos programas que se empregam para visualizar as páginas web e interagir com os seus conteúdos. Exemplos de navegadores da WWW são o Netscape Navigator, o Internet Explorer, o Opera e o FireFox.
  10. 10.  Bug  Um bug é um erro num programa (software) ou mesmo num equipamento (hardware) que provoca uma acção inesperada. Um bug pode ser uma falha de segurança num programa, a incapacidade de lidar com datas posteriores a 31 de Dezembro de 1999, entre muitas outras falhas.  Byte  O Byte é uma unidade que permite medir a quantidade de informação e é, normalmente, o conjunto de oito bits. Uma letra ou algarismo num texto electrónico, por exemplo, ocupa um byte.
  11. 11.  .com  Lê-se “dot com” ou “ponto com”. Sufixo de domínio usado na Internet para designar endereços de empresas (“.com” é a abreviatura de “company”).  Cabo  O cabo é o suporte físico de transmissão de dados, formado por um conjunto de vários fios metálicos, normalmente cabo coaxial ou de fibras ópticas, envolvido numa camada protectora. Os serviços prestados através desta infra-estrutura referem-se habitualmente à transmissão de sinal de televisão mas também de acesso a redes de dados, como a Internet, e ainda de comunicação de voz.
  12. 12.  Campus Virtual  Parte de uma Universidade ou Faculdade que oferece infra-estruturas de educação que, em teoria, permitem o acesso à Internet a qualquer altura e em qualquer lugar.  CD-ROM  Abreviatura de Compact Disk Read Only Memory. Disco de armazenamento de informações que não lhe permite acrescentar dados, mas apenas ler a partir dele.
  13. 13.  Chat  À letra, conversa. Numa rede informática, designa qualquer sistema que permita a comunicação em tempo real entre dois ou mais utilizadores através de mensagens escritas no teclado (o que é escrito por um dos participantes aparece simultaneamente no ecrã do(s) outro(s)). A implementação mais conhecida deste sistema na Internet é o IRC, um dos programas gratuitos mais utilizado na Internet.  Cibercafé  Café com acesso à Internet. Estabelecimento comercial do ramo hoteleiro (café, restaurante, bar...) onde os clientes podem aceder à Internet em computadores preparados para o efeito.
  14. 14.  Ciberespaço  Palavra criada por William Gibson no seu romance "Neuromancer" (1984) para designar um mundo colectivo de uma rede informática. Hoje em dia utiliza-se para designar as redes de computadores interligadas que dão lugar a um espaço “virtual”.  Click [ clique ]  O mesmo que clic ou clique. Onomatopeia que representa o acto físico de carregar na tecla principal de um rato de computador. A selecção através de um rato de uma acção no ecrã de um computador ou, no caso da Internet, de uma ligação (link) ou uma banda (banner). Esta terminologia é por vezes utilizada como unidade de “medida de distância” entre dois documentos, em função do número de clics necessário para ir do documento de origem ao de destino.
  15. 15.  Cliente  Programa que permite ao utilizador de um computador contactar com um servidor e deste obter dados, e independentemente da localização quer de um, quer de outro, utilizar os dados de forma transparente ao utilizador, i.e., sem que dê pelo processo complexo que se passa internamente.  Compressão  Técnica que permite reduzir (comprimir) o tamanho de um ficheiro de dados, com ou sem alteração da informação original. Pode ser incorporada no próprio hardware, como é o caso dos dispositivos de comunicações (modems, placas RDIS...), a fim de minimizar o tempo de transmissão de dados. No caso da compressão para armazenamento, o formato mais popular na plataforma PC é o .zip, criado pela empresa norte-americana PKWare. Em todos estes casos, a informação comprimida pode ser descomprimida para reaver o ficheiro no seu formato original.
  16. 16.  Computador  Máquina programável que processa dados de acordo com um conjunto de instruções. Estas instruções poderão ser introduzidas no momento e/ou armazenadas na memória do computador de forma temporária ou permanente. O computador e todo o equipamento físico a ele ligado são designados hardware. As instruções destinadas a levar o computador a realizar uma determinada tarefa são designadas software.  Correio electrónico [ e-mail ]  Diz-se das mensagens textuais ou outros ficheiros trocados entre computadores através de uma rede de comunicações. Apesar da banalização do correio electrónico no contexto da Internet, o termo designa igualmente as mensagens trocadas entre os postos de trabalho numa rede local, os terminais de um sistema multi-utilizador ou outros similares. Usa-se também o termo inglês e-mail (ou email ou apenas mail).
  17. 17.  Digital  É digital tudo o que se pode mostrar e contar com números, e que tem uma magnitude que pode apresentar um conjunto limitado de estados ou valores. No caso da informática, é normal usar indiferentemente digital e binário, em oposição ao analógico, uma vez que os computadores modernos trabalham normalmente com dígitos binários, sequências de sinais "on" e "off", ou "sim" e "não" (os famosos "uns" e "zeros"). Em numeração decimal com base binária, é possível representar qualquer número, não interessa se grande se pequeno, se positivo se negativo. Tudo o que é necessário é espaço suficiente para armazenar essa informação. No entanto, esse espaço é dispendioso, por isso os computadores representam os números com um número limitado de bits (tipicamente 32, em alguns casos 64 no caso do PC comum). Assim, o número mais pequeno que se pode representar, em 32 bits, é 00000000 00000000 00000000 00000001. Esta é também a diferença entre números representáveis adjacentes (metade deste valor é o chamado erro de quantificação). Os valores digitais quantificados assumem um conjunto finito de valores, enquanto os valores analógicos podem assumir um conjunto infinito de valores.
  18. 18.  Directório  É uma lista estruturada por categorias de websites registados. É semelhante a uma versão electrónica de páginas amarelas. O termo é também utilizado em informática para designar a estrutura utilizada para organizar ficheiros num computador. Neste caso um directório ou pasta pode conter ficheiros e outros directórios (pastas).  Disco Rígido  Também conhecido como HD (hard disk), o disco rígido tem a função de armazenar fisicamente os ficheiros do computador. Ou seja, ao contrário da memória RAM, os dados armazenados no HD não são eliminados quando o computador é desligado. Eles ficam guardados indefinidamente, até serem manualmente excluídos, ou até o fim da vida útil do periférico.
  19. 19.  Download  Fazer o download de ficheiros ou de programas é o acto de transferir um ficheiro/programa de um computador remoto para outro computador através da rede. O ficheiro/programa recebido é gravado em disco no computador local. O computador de onde os dados são copiados é subentendido como "maior" ou "superior", enquanto o computador para o qual os dados são copiados é subentendido como "menor" ou "inferior", daí a designação Download, que literalmente significa “puxar para baixo”.  Drive  Uma drive é um neologismo importado do inglês que pode ser equiparado como uma unidade de armazenamento. Uma drive pode ser de disquetes, disco rígido, CD-ROM, Virtual, etc.
  20. 20.  Drivers  Os drivers de dispositivo são programas que possibilitam a comunicação entre o sistema operativo e dispositivos periféricos ligados a um computador. Os drivers são pequenas unidades de código que contêm informações sobre o funcionamento de determinado dispositivo necessárias para sua instalação e/ou configuração.
  21. 21.  DVD [ Digital Versatile Disc ]  DVD significa Digital Versatile Disc (antes denominado Digital Video Disc). Contém informações digitais, tendo uma maior capacidade de armazenamento que o CD áudio ou CD-ROM, devido a uma tecnologia de compressão de dados. Os DVDs possuem a capacidade armazenar 4.7 GB de dados, enquanto que um CD armazena em média 700 MB. Os chamados DVDs de Dupla Camada podem armazenar o dobro da capacidade de um DVD comum, ou seja, 9.4 GB. Apesar da capacidade nominal do DVD comum gravável, é possível apenas gravar 4464 MB de informações e com o tamanho máximo de cada arquivo de 1 GB. Existem vários tipos de DVDs como os DVD-R e DVD+R, que somente permitem uma gravação e podem ser lidos pela maioria dos leitores de DVDs. Os DVD+R DL, semelhantes aos DVD+R, mas que permitem a gravação em dupla camada (DL significa dual layer).
  22. 22.  DVD [ Digital Versatile Disc ] - CONTINUAÇÃO  Os DVD-RW e os DVD+RW que permitem gravar e apagar. Os DVD- RAM que permitem gravar e apagar mais de cem mil vezes, oferecendo a possibilidade de gravação e leitura em simultâneo (time shift) sem o risco de apagar a gravação. Já existem também no mercado tecnologias novas de DVD, com maior capacidade de armazenamento, mas que ainda não se popularizaram
  23. 23.  E-mail [ Mail ]  Contracção de Electronic mail. O mesmo que correio electrónico. Também é usado na forma “email” ou simplesmente mail.  Encriptação  O mesmo que cifra. Traduz os termos anglosaxónicos scrambling e encryption que designam o processo pelo qual, através do uso de um algoritmos, uma comunicação de dados é “baralhada” de forma a não ser legível se for interceptada por alguém que não conheça o código de descodificação.  Endereço Electrónico  Uma forma de identificar um determinado utilizador ou computador inserido numa rede de comunicação.
  24. 24.  Favoritos  Em inglês Favorites. Permite a marcação de uma página web e o arquivo de um endereço numa pasta de Favoritos para posterior consulta. Este termo é utilizado no Internet Explorer da Microsoft e tem o mesmo significado que marcador de página (bookmark) no Netscape Navigator ou Firefox.  Fibra óptica  Infra-estrutura de comunicações cujo cabo é fabricado em fibra de vidro, transmitindo os sinais sob forma de impulsos de luz. Este suporte à transmissão de dados garante a possibilidade de enviar e receber grandes quantidades de dados a grandes distâncias com pequena distorção. Muito utilizada actualmente em anéis de comunicação que ligam pontos fundamentais de empresas ou zonas onde exista um grande número de entidades que exijam grande fiabilidade e rapidez nas comunicações.
  25. 25.  Ficheiro  É um documento independente - texto, som, imagem, vídeo, etc. – gerado por uma aplicação informática.  Firewall  Aplicação usada para proteger um computador ou uma rede de acessos não autorizados. Pode também impedir o acesso de utilizadores de uma rede a redes externas.
  26. 26.  GPS [ Global Positioning System ]  O Sistema de Posicionamento Global, vulgarmente conhecido por GPS (do acrónimo do inglês Global Positioning System), é um sistema de posicionamento por satélite, por vezes incorrectamente designado de sistema de navegação, utilizado para determinação da posição na superfície da Terra ou em órbita. É constituído por uma constelação de satélites
  27. 27.  Hardware  Equipamento. Na informática, designa tudo o que é físico. Os computadores e os seus periféricos são, genericamente, hardware por oposição aos sistemas operativos e as aplicações, denominados software.  HDSL  Iniciais de High-bit data rate Digital Subscriber Line. Uma tecnologia de comunicação de dados pertencente à família de tecnologias DSL.
  28. 28.  Homepage [ home page ]  Página principal. Página web principal ou de apresentação num sítio (site) da web. O site pode conter múltiplas páginas web, mas apenas uma será a homepage, também grafada por vezes como home page. Pode designar também a página que o browser mostra por omissão quando é iniciado, e que se pode alterar segundo a preferência do utilizador.  HTML [ HyperText Mark-up Language ]  Iniciais de HyperText Mark-up Language ou linguagem de marcação de hipertexto. Linguagem de escrita de páginas criada em 1990 para produzir documentos para a World Wide Web por Tim Berners-Lee.
  29. 29.  HTTP [ Hypert Text Transmition Protocol ]  Iniciais de Hypert Text Transmition Protocol, ou protocolo de transmissão de hipertexto. Usado para transmitir páginas web usando o protocolo de rede TCP/IP. Os endereços da World Wide Web são escritos designando inicialmente o “http://”, que indica que estão alojadas num servidor HTTP e que permite ao browser reconhecer a localização de uma página.  Hyperlink [ Hiperligação ]  Hiperligação. Muitas vezes abreviado apenas para link. é uma parte fundamental do HTML e permite a navegação fácil e rápida entre páginas da World Wide Web. As hiperligações distinguem-se normalmente por serem palavras ou frases destacadas em azul e sublinhadas.
  30. 30.  Hypertext [ Hipertexto ]  Hipertexto. Textos ligados entre si. O clique sobre uma hiperligação (hyperlink) situado num texto, conduz o utilizador a um outro texto cujo conteúdo está vinculado com o anterior. O hipertexto – termo criado em meados dos anos 60 por Ted Nelson – é o princípio básico da World Wide Web.
  31. 31.  Informática  Termo formado com a junção das palavras INFORmação e autoMÁTICA. É a ciência que estuda os métodos e modos de processamento e transmissão da informação.  Instant Messaging  Mensagens Instantâneas. Refere-se a um software e simultaneamente um serviço de comunicações através da Internet. De utilização e instalação muito simples, permite a comunicação imediata entre um grupo de utilizadores através de texto, som e/ou vídeo. Alguns dos serviços de Instant Messaging mais conhecidos são o Yahoo Instant Messaging e o MSN Messaging. Também o Sapo tem um serviço semelhante.
  32. 32.  Internet  Contracção dos termos Interconected Network. O conjunto de redes de computadores mundiais ligadas entre si através do protocolo TCP/IP. O termo é muitas vezes usado para designar a World Wide Web, que através da facilidade da linguagem HTML e da utilização desta forma gráfica de publicar informação se tornou o centro da actividade Internet. A Internet foi criada em 1969 com a ARPAnet e rapidamente estendeu a rede de ligações entre diferentes computadores integrados em redes militares e de centros de investigação. Actualmente é um dos meios de comunicação de maior importância e liga virtualmente todos os países do mundo.  Internet Explorer  Navegador (browser) da web desenvolvido pela Microsoft.
  33. 33.  Java  Linguagem de programação criada pela empresa Sun Microsystems, especialmente adequada para desenvolver programas interactivos nas páginas web. A particularidade dos programas Java reside no facto de que funcionam independentemente do sistema operativo; assim, por exemplo, podem utilizar-se em ambientes Windows, Unix ou Macintosh.  Javascript  Linguagem de programação integrada nas páginas da web. É similar à linguagem Java, mas, ao contrário desta que se carrega separadamente da página web e cuja área de influência está restringida a uma zona da mesma, a Javascript executa-se ao mesmo tempo que se apresenta na página e tem sobre esta uma influência total.
  34. 34.  Kilobit [ Kb ]  Unidade de medida usada em informática e que é igual a mil bits. Na sua forma abreviada escreve-se Kbit ou Kb. Normalmente é usada para as comunicações enquanto os KiloBytes são utilizados para o hardware, medindo capacidades de armazenamento. Nas comunicações o que é medido é a quantidade de bits transmitidos por segundo (bps).  KiloByte [ KB ]  KiloByte é um múltiplo do byte. É uma unidade que permite medir a quantidade de informação ou o espaço de armazenamento. Um kilobyte equivale a 1024 bytes. É normalmente abreviado para KB, Kbyte ou de forma muito informal, apenas K.
  35. 35.  LCD  Um monitor de cristais líquidos (em inglês Liquid Crystal Display), ou LCD, é um monitor muito leve e fino sem partes móveis. Consiste de um líquido polarizador da luz, electricamente controlado que se encontra comprimido dentro de celas entre duas lâminas transparentes polarizadoras. Os eixos polarizadores das duas lâminas estão alinhados perpendicularmente entre si. Cada cela é fornecida de contactos eléctricos que permitem que um campo magnético possa ser aplicado ao líquido lá dentro.
  36. 36.  Mailbox  Caixa de correio electrónico. É a caixa de correio pessoal de cada utilizador e pode estar alojado no seu PC ou no servidor de correio electrónico da empresa ou do ISP que fornece o serviço. Uma mesma caixa de correio pode ter vários endereços diferentes, chamados alias, mas apenas um único endereço físico, normalmente designado pelo gestor de correio electrónico.  Megabit [ Mb ]  Unidade de medida usada em informática e que é igual a um milhão de bits, ou mil kilobits. Na sua forma abreviada escreve-se Mbit ou Mb. Normalmente é usada para as comunicações enquanto os MegaBytes são utilizados para o hardware, medindo capacidades de armazenamento. Nas comunicações o que é medido é a quantidade de bits transmitidos por segundo (bps).
  37. 37.  MegaByte [ MB ]  MegaByte é um múltiplo do byte. É uma unidade que permite medir a quantidade de informaçã ou o espaço de armazenamento. Um megabyte equivale a 1024 kilobytes. É normalmente abreviado para Mbyte ou MB (não confundir com Mb, que é a abreviação de megabit).     MMS [ Multimédia Messaging Service ]  Acrónimo de Multimédia Messaging Service. Serviço de mensagens multimédia, que conjugam texto, imagem e som e que funcionam sobre redes GPRS e 3G.  Multimédia  Conceito que engloba a combinação de voz, texto, dados, bem como imagens/vídeos. Por exemplo, uma base de dados multimédia contém informação textual, imagens, clips de vídeo, tabelas, e o acesso a todas estas formas é feita com igual facilidade.
  38. 38.  Navegação  Método utilizado para encontrar e se movimentar entre a informação e as páginas de um website. Acto de navegar na World Wide Web, utilizando um navegador (browser).  Newsgroup  Grupo de Discussão. Um tipo de BBS para troca de notícias onde se colocam artigos, informações e cartas dos participantes. Usenet não é mais do que conjunto de grupos temáticos de notícias que se distribuem mundialmente através de uma rede interligada de servidores de notícias (News servers).  Nick [ Nickname ]  Nick ou nickname significa o pseudónimo ou alcunha. É o nome que um indivíduo utiliza na Internet, em salas de chat, fóruns ou noutros espaços virtuais em substituição do seu verdadeiro nome.
  39. 39.  Offline [ Off-line ]  Fora de linha, desligado. Quando não existe nenhum contacto do computador com uma rede através da linha telefónica.
  40. 40.  Password  Palavra-chave. Uma medida de segurança usada por diversos sistemas e normalmente conjugada com um nome de utilizador (ou user name) público. Na informática e em redes de computadores a password protege o acesso não autorizado a máquinas, sistemas, programas ou ficheiros. A palavra-chave deverá ser, por definição, secreta, sendo apenas conhecida pelo próprio utilizador. Para maior protecção deverá ser usada uma combinação de letras e números sempre que possível. Palavras chave com o nome do utilizador, dos filhos ou do animal de estimação podem ser demasiado fáceis de descobrir por hackers através da chamada “engenharia social”.  PC [ Personal Computer ]  A expressão "computador pessoal" é geralmente abreviada para a sigla PC, do inglês "personal computer". Também é comum a referência desktop a esta classe de computadores. Refere-se a um computador pequeno e relativamente barato, destinado a ser utilizado por um indivíduo (ou por um grupo pequeno de indivíduos).
  41. 41.  PDF [ Portable Document Format ]  Portable Document Format (PDF) é um formato de ficheiro desenvolvido pela Adobe Systems para representar documentos de maneira independente do software e hardware usado para criá-lo. Num ficheiro PDF as especificações do ficheiro (negrito, itálico, tipo e tamanho de letra, etc) são armazenadas e visualizadas sempre da mesma forma, independentemente da plataforma, sistema operativo e programa.  Pixel  Pixel (aglutinação de Picture e Element, ou seja, elemento da imagem) é um pequeno ponto entre vários outros que compõem uma imagem digital. É também a unidade de medida lógica utilizada para determinar a resolução de um monitor. A medida do pixel varia de acordo com a resolução física utilizada. Se for utilizada a resolução máxima do monitor, um pixel corresponderá a exactamente um ponto no monitor. Caso a resolução adoptada seja menor que a permitida pelo monitor, o pixel terá um tamanho maior de pontos, ou seja, um pixel será representado por mais de um ponto no monitor.
  42. 42.  Pop-up  Um dos tipos de publicidade online. A publicidade em forma de Pop-up é aquela que abre numa nova janela do browser (navegador), de forma automática e sobrepondo-se à página que estamos a visualizar.  Portal  Site na Internet que aglutina conteúdos diversos. Um portal pode incluir serviços de comércio electrónico, correio electrónico gratuito, directório e/ou motor de busca, entre outros.
  43. 43.  QuickTime  O QuickTime é o nome de um pequeno programa (também disponível em formato de plugin) que permite visualizar videos neste formato criado pela Apple.  Quit  Sair, abandonar. Comando que finaliza o uso de um programa.
  44. 44.  RAM  Random Access Memory. É a memória que o computador usa para reter temporariamente dados e instruções necessárias para completar tarefas. As informações armazenadas na RAM são perdidas quando o computador é desligado.  Rede [ Network ]  Infra-estrutura ou conjunto de equipamentos ligados entre si de forma a poderem comunicar. Existem diferentes tipos de redes com base em diferentes protocolos de comunicação. As redes podem ser estabelecidas através de infra-estruturas físicas ou sem fios (as redes wireless).  Reply  Réplica, resposta. Comando, nos programas de correio electrónico, para enviar uma resposta ao remetente no corpo da mesma mensagem por ele remetida.
  45. 45.  Roaming  Termo que designa um acordo entre operadores de comunicações móveis que permite a utilização da redes por clientes das operadoras aderentes. É muito utilizado para garantir o uso de redes móveis internacionalmente. Está também previsto para as redes Wi-Fi.  ROM  Read-Only Memory. Memória somente de leitura. É uma memória não volátil, o que significa que armazena os dados e as instruções de forma permanente, ou seja, quando desligamos o computador, os dados armazenados na memória não são perdidos.
  46. 46.  Router  Equipamento que dentro de uma rede de comunicações faz o encaminhamento de informação da origem ao destino. São uma das bases de funcionamento da rede Internet.  RSS  A tecnologia do RSS permite aos utilizadores da Internet subscreverem sites que fornecem "feeds" RSS; estes são tipicamente sites que mudam ou actualizam o seu conteúdo regularmente. Desta forma o utilizador pode permanecer informado das diversas actualizações em diferentes sites sem precisar visitá-los um a um. Os feeds RSS oferecem conteúdo web ou resumos de conteúdo juntamente com os links para as versões completas deste conteúdo. Esta informação é entregue como um ficheiro XML chamado "RSS feed", "webfeed", "Atom" ou ainda canal RSS. A abreviatura do RSS é usada para se referir aos seguintes padrões: Rich Site Summary (RSS 0.91) RDF Site Summary (RSS 0.9 and 1.0) e Really Simple Syndication (RSS 2.0).
  47. 47.  Scanner  O Digitalizador ou Scanner é um dispositivo óptico, um equipamento electrónico, responsável por digitalizar imagens, fotos e textos para o computador. O scanner é um periférico de entrada.  Servidor [ Server, Host ]  Computador central, que administra e fornece informação a outros computadores-clientes. Existem servidores Web que disponibilizam páginas online, servidores de mail que distribuem mensagens, etc.
  48. 48.  Silicon Valley  Localizado na Califórnia, EUA, o Silicon Valley é um conjunto de empresas implantadas a partir de 1950 com o objectivo de inovar científica e tecnologicamente, destacando-se na electrónica e informática. O termo surgiu originalmente para referir o largo número de empresas de inovação e produção de chips de silicone, mas acabou por ser uma metáfora para todas as indústrias de alta tecnologia daquela área. O Silicon Valley abrange várias cidades ao sul de São Francisco. O impulso no seu desenvolvimento deu-se com a 2ª Guerra Mundial e principalmente durante a Guerra Fria, devido à corrida às armas e aeroespacial. Foram estas indústrias que forneceram transístores para mísseis e circuitos integrados para os computadores das naves Apollo. Muitas empresas, que hoje estão entre as maiores do mundo, surgiram nesta região.
  49. 49.  Site [ Website ]  Sítio, local. Também designado Website. Refere-se geralmente a um grupo de páginas web que apresentam um produto, uma empresa, uma ideia, etc. Engloba por isso páginas e conteúdos, assim como zonas para descarregar ficheiros (download). Deste conjunto de páginas, a principal (Home Page) é aquela a que se chega quando o endereço principal ou o domínio são seleccionados.  smiles [ smileys ]  Também designados por emoticons, os smiles ou smileys são grafismos utilizados em mensagens de correio electrónico, fóruns ou conversas online, como forma de acentuação da informalidade do meio e compensação pela inexistência de contacto físico. São construídos com sequências de teclas. Entre os smiles mais populares temos por exemplo o sorriso :-) , o piscar de olho malandro ou cúmplice ;-) ou o smilie insatisfeito ou triste :-(
  50. 50.  SMS  Iniciais de Short Messaging Service, ou serviço de mensagens curtas. Suportado inicialmente nas redes de comunicação móveis, o SMS também pode agora ser usado na rede fixa. É apontado como o serviço de dados de maior sucesso nos telemóveis, tendo ajudado a difundir entre as camadas jovens um novo tipo de comunicação, baseado na troca de mensagens.  Sociedade da Informação  De acordo com a definição da Comissão Europeia, é sinónimo daquilo que se designa pela expressão «novas tecnologias da informação e da comunicação» (NTIC). Trata-se da Sociedade do Conhecimento que utiliza as TIC para atingir esse conhecimento (ensino à distância, serviços de aprendizagem, tele-trabalho, empresas virtuais, serviços de saúde em linha, etc.).
  51. 51.  Software Pirata  Software não licenciado. Cópia não autorizada de um sistema operativo ou programa e punível por lei.  Spam [ Junk mail ]  Correio não solicitado. O termo spam é habitualmente usado para referir mensagens de correio electrónico não solicitadas. Pode designar também "lixo electrónico", ou "junk email" e é actualmente considerado como um dos principais problemas com que se deparam os utilizadores de correio electrónico, afectando a sua produtividade. Os fornecedores de acesso à Internet têm vindo a tomar medidas para combater a praga do spam mas nenhum filtro parece ser suficientemente eficaz para impedir a torrente de mensagens que invadem as caixas de correio dos utilizadores profissionais e individuais. A União Europeia adoptou já medidas legislativas para tentar limitar a proliferação de mensagens não solicitadas, definindo que os utilizadores têm de dar o seu consentimento para fazer parte de listas de envio de email publicitário. Em Portugal a Comissão Nacional de Protecção de Dados é a entidade responsável por acompanhar as questões relacionadas com as mensagens de correio electrónico não solicitado e quem desejar pode verificar nas suas páginas quais os seus direitos.
  52. 52.  Spyware  Spyware consiste num programa automático que recolhe informações sobre os costumes do utilizador na Internet e transmite-as a uma entidade externa na Internet, sem o seu conhecimento e consentimento. Diferem dos cavalos de Tróia (trojan) por não terem como objectivo que o sistema do utilizador seja dominado ou manipulado por terceiros, como um cracker. Muitos vírus também transportam spywares, que visam roubar certos dados confidenciais, como logins bancários. Muitas vezes usa-se de forma genérica o termo spyware para o malware e adware.
  53. 53.  Transmissão Digital  Num serviço digital de telecomunicações, a fonte original é transformada e transmitida como uma série de dígitos em código binário (i.e. zeros e uns). Voz, texto, imagem ou dados são todos transformáveis em código como um sinal digital, de maneira a que as quatro formas de transmissão (multimédia) possam ser veiculadas numa única rede de transporte.  Trojan  Trojan ou Cavalo de Tróia é um programa que age como a lenda do cavalo de Tróia, entrando no computador e abrindo uma porta para um possível invasor. Os trojans actuais são disfarçados de programas legítimos embora, ao contrário do vírus ou dos worms, não criem réplicas de si. Normalmente o trojan está oculto em algum ficheiro, e no momento que esse ficheiro é executado, instala-se e oculta-se no computador da vítima. O trojan é também muitas vezes instalado no computador com o auxílio de um ataque de engenharia social, com apelos para convencer a vítima a executar um ficheiro.
  54. 54.  UMTS  Iniciais de Universal Mobile Telecommunications System. Terceira geração das redes celulares GSM que permite comunicações de banda larga de velocidades na ordem dos 2 megabits por segundo e alarga as possibilidades de fornecimento de serviços móveis.  Upload  Carregar. Enviar um ficheiro do próprio computador para uma rede, que pode ser a Internet. Contrário de download, que se refere a descarregamento de informação de uma rede.
  55. 55.  URL [ Uniform Resource Locator ]  Iniciais de Uniform Resource Locator, ou seja, localizador de recursos unificado. Designação do conjunto do endereço de um serviço Internet. É composto por vários elementos. Em primeiro lugar, por um prefixo de serviço para a classe à qual se acede, por exemplo, “http://” para as direcções das páginas web, ou “ftp://” para acesso FTP de transferência de ficheiros. Em segundo lugar, do nome de um servidor, formado pelo nome do servidor e pelo seu domínio, como por exemplo “oesteonline.net”. E, em terceiro lugar, pelo nome do artigo/documento, que se deve completar com a indicação da sua localização exacta dentro do sistema de ficheiros (directório) onde se encontra.
  56. 56.  USB [ Universal Serial Bus ]  Universal Serial Bus. É um recurso disponível para os PCs que permite a conexão de diversos periféricos distintos (impressoras, monitores, scanners, etc.) no mesmo local, sem a necessidade de instalar placas e reconfigurar o sistema. A vantagem deste tipo de porta é a uniformização e a velocidade (a comunicação entre periféricos conectados ao computador por uma porta USB é mais rápida do que pelas portas de série e paralelas).  Username  Nome do utilizador. Nome do utilizador de um sistema, que o identifica e é normalmente conjugado com a palavra passe (password).
  57. 57.  Vírus  Designação retirada do mundo da medicina por analogia e que é dada a um programa que actua no computador e no software de forma similar à de um vírus num organismo vivo. O objectivo de um vírus informático é propagar-se, ou seja, chegar a qualquer tipo de meio de comunicação entre computadores, transportado em ficheiros de programas, e modificá- los, a maioria das vezes criando efeitos negativos. A forma de disseminação dos vírus depende dos objectivos dos seus criadores, mas actualmente o correio electrónico é o método mais utilizado por garantir uma infecção rápida de muitos sistemas. Um vírus pode ser eliminado com programas antivírus, embora para isto seja importante que estes estejam sempre actualizados.
  58. 58.  Visualização  O mesmo que pageview. É uma das medidas básicas da estatística de acessos aos sites. Cada pageview representa uma página visualizada por um utilizador da Internet. Na publicidade on-line as visualizações são normalmente referidas como impressões.  Videoconferência  Conversa mantida entre duas ou mais pessoas em tempo real através de redes de comunicações. Pressupõe a troca remota de vídeo e áudio. A sua qualidade depende em grande medida da largura de banda disponível.
  59. 59.  Web  Teia, rede. Abreviatura de World Wide Web. Pode ser referida como “The Web”.  Webcam  Webcam é uma câmara de vídeo de baixo custo que capta imagens, transferindo-as de modo quase instantâneo para o computador ou para Internet. Muito utilizada em videoconferências, geralmente possui baixa qualidade de imagem e ausência de som.  WWW [ World Wide Web ]  Rede mundial. O sistema de informação e de fontes baseado no hipertexto (hypertext) da Internet que teve o crescimento mais rápido em toda a rede. Abreviada como WWW ou só Web.
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×