3ª aula MKT de serviço - 20/08/08

  • 1,163 views
Uploaded on

 

More in: Business
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
1,163
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
58
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. 3ª aula – 20/08/08 Compreendendo os Processos de Serviços www.professorjoelazevedo.blogspot.com MARKETING DE SERVIÇOS
  • 2.
    • OBJETIVOS:
    • Reconhecer o valor da classificação no mkt de serviço;
    • Entender métodos úteis de classificação das diferen-
    • ças entre vários tipos de serviços;
    • -Definir processos de serviços
    • Descrever quatro tipos diferentes de processos de
    • serviços e suas implicações para a estratégia de
    • Administração;
    • Reconhecer que a natureza do contato de um cliente
    • Com um serviço varia de acordo com o processo subjacente
    www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 3. Classificação no Marketing de Serviços:A abordagem baseada nos bens aplicada aos serviços
    • Conveniência, compra e especialidade do produto
    • Benefícios duráveis versus não-duráveis
    • Serviços para o consumidor versus de empresa para empresa
    www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 4. 2.1: Modos Preferidos de Classificar os Serviços
    • Tangibilidade X intangibilidade dos processos de serviço
    • Quem ou o quê é o destinatário direto do processo de serviço
    • Tempo e lugar da entrega de serviço
    • Personalização ou padronização
    • Natureza da relação com os clientes
    • Medida na qual a oferta e a demanda estão em equilíbrio
    • Instalações, equipamento e pessoas como partes do serviço
    www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 5. Quatro Tipos de Processos de Serviço Processar Pessoas Processar Posses Processar Estímulos Mentais Processar Informações por ex., empresas aéreas, hotéis, restaurantes, cabeleireiros, academias de ginástica por ex., transportes de cargas, reparos, limpeza, paisagismo, varejos, coleta de lixo por ex., propaganda, artes e entretenimento, transmissões de rádio e televisão/cabo, telefone por ex., contabilidade, finanças, seguros, jurídicos, pesquisa ATOS TANGÍVEIS ATOS INTANGÍVEIS DIRIGIDO ÀS PESSOAS DIRIGIDO ÀS POSSES
  • 6. Onde o cliente se encaixa em uma organização de serviço?
    • Fluxogramas esclarecem como o envolvimento do cliente nos encontros de serviço varia de acordo com o tipo de processo:
      • Processamento de pessoas (p.ex., hospedagem em hotel à beira da estrada): o cliente é fisicamente envolvido durante todo o processo.
      • Processamento de posses (p.ex., conserto de aparelho de DVD): o envolvimento pode se limitar à entrega do item físico/descrição do problema e subseqüente retirada.
  • 7.
      • - Processamento do estímulo mental (p.ex., previsão do tempo): o envolvimento é mental e não físico; neste caso, o cliente simplesmente recebe a informação e age com base nela.
      • - Processamento de informações (p.ex., seguro-saúde): o envolvimento é mental – especifica as informações de imediato e recebe a documentação da cobertura posteriormente.
  • 8. Estacionar o carro Registrar-se Passar a noite no quarto Tomar café da manhã Sair Hospedar-se em um hotel à beira da estrada Mandar consertar um aparelho de DVD Ligar a TV Tec. Identifica o problema Sair da loja Voltar 3 dias depois Pegar o aparelho Assistir DVD Tec. Conserta o aparelho Obter previsão do tempo Ir até a loja Assistir a Previsão Tempo Fazer planos Para passeio Coletar dados do tempo Meteorologista Analisa dados Apresentador Prepara previsão Prod. Principal Ação Invisivel
  • 9. Esclarecendo os Benefícios Entregues
    • Benefícios recebidos através da entrega de serviços
    • Previsão do tempo : o cliente melhor informado
    • Transporte: o cliente (ou carta, ou pizza) levado de um lugar a outro
    • Serviço de alimentação : o cliente satisfaz a fome sem cozinhar
    • Finanças: banco 24 horas - o cliente tem mais dinheiro vivo
    • Cabeleireiro: o cabelo é limpo, bem arrumado, mais elegante
    • Lavagem a seco : roupas mais limpas, passadas, melhor aparência
    www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 10. Serviços de alto contato e de baixo contato
    • Serviços de alto contato
    • Clientes visitam as instalações do serviço e permanecem lá durante a entrega do serviço.
    • Contato ativo entre clientes e o pessoal do serviço.
    • Abrange a maioria dos serviços de processamento de pessoas.
    www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 11.
    • Serviços de baixo contato
    • Pouco ou nenhum contato com o pessoal do serviço.
    • Em geral, contato à distância por meio de canal de distribuição eletrônico ou físico.
    • Novas tecnologias (p.ex., Internet) tendem a reduzir os níveis de contato.
  • 12. Níveis de contato do cliente com organizações de serviço www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 13. Sistema de marketing de serviços: Serviço de alto contato – p. ex., hotel www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 14. Sistema de marketing de serviços: Serviço de baixo contato – p.ex., cartão de crédito www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 15. Projetando a Fábrica de Serviço
    • Os serviços que processam pessoas exigem que os clientes visitem a "fábrica de serviços", por isso:
    • Pense nas instalações como um "palco" ou "panorama de serviço”
    • Projete o processo em torno do cliente
    • Escolha o local apropriado
    • Crie aparência agradável, evite ruídos e cheiros indesejáveis
    • Considere as necessidades do cliente - informação, estacionamento, alimento, banheiros, etc.
  • 16. Canais Alternativos para a Entrega de Serviços
    • Para serviços que processam posses, estímulos mentais ou informação, as alternativas incluem:
    • 1. Clientes vêm à fábrica de serviços
    • 2. Clientes vêm ao escritório de varejo
    • 3. Funcionários do serviço visitam a casa ou o trabalho do cliente
    • 4. Empresa é administrada numa base toda impessoal
    • Canais físicos (por ex., correio, serviço de mensagens)
    • Canais eletrônicos (por ex. telefone, fax, e-mail, site da Internet)
  • 17. Equilibrando Oferta e Demanda
    • Quando a capacidade de servir é limitada e a demanda varia muito, os problemas aumentam porque os produtos do serviço não podem ser armazenados:
    • Se a demanda for grande e exceder a oferta, podem-se perder negócios
    • 2. Se a demanda for pequena, a capacidade produtiva é perdida
    Soluções potenciais: Administrar a demanda Administrar a capacidade www.professorjoelazevedo.blogspot.com
  • 18. Tirando o Máximo da Informática
    • Todos os serviços podem tirar proveito DELA, mas os serviços que processam estímulos mentais e informações têm muito a ganhar:
    • Entrega a distância de serviços baseados em informação "a qualquer hora, em qualquer lugar"
    • Novos aspectos do serviço através de sites da Web, e-mail e Internet (por ex., informação, reservas)
    • Mais oportunidades para auto-serviço
    • Novos serviços podem ser oferecidos
    www.professorjoelazevedo.blogspot.com