Planejamento De Com. E Mark.
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Planejamento De Com. E Mark.

on

  • 1,002 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,002
Views on SlideShare
998
Embed Views
4

Actions

Likes
1
Downloads
32
Comments
0

3 Embeds 4

http://betomayrink.blog.uol.com.br 2
https://www.mturk.com 1
http://www.slideshare.net 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Planejamento De Com. E Mark. Presentation Transcript

  • 1. Planejamento de Comunicação e Marketing
  • 2.
    • É preciso ressaltar que os consumidores atuais estão cada vez mais exigentes e conscientes na escolha dos produtos, o que implica também em qualidade. Essa qualidade está diretamente relacionada com a prestação de serviços das organizações, sejam elas produtoras de bens de consumo, bens industriais ou de serviços.
  • 3.  
  • 4.  
  • 5.  
  • 6.  
  • 7.  
  • 8.  
  • 9.  
  • 10.  
  • 11.  
  • 12.  
  • 13.  
  • 14.  
  • 15.
    • As empresas devem fazer uma revisão no seu modo de pensar, analisando clientes, lideranças, parcerias e objetivos. Essa revisão estende-se também às agências de comunicação que não podem pensar apenas em fazer uma bela campanha de comunicação para seus clientes. Elas têm de pensar em resolver os problemas deles, transformando-se, assim, em empresas de assessoria .
  • 16.  
  • 17.  
  • 18.  
  • 19.  
  • 20. A relação do marketing com a comunicação.
    • Marketing. Processo de análise e de ações que integra diversas atividades, ou seja, pesquisas, análise de produtos, levantamento das necessidades de clientes, análise de novas oportunidades, estudos dos pontos-de-vendas apropriados, vendas dos produtos, estudos de uma comunicação adequada , análise dos concorrentes e os preços aplicados no mercado, além das definições do preço de um produto.
  • 21.
    • Dentre as ações que integram o marketing, encontramos a comunicação adequada . Quem é esse profissional que tem de conhecer todo o mecanismo do marketing para realizar uma campanha de comunicação? De que informações ele precisa? O profissional de comunicação pode ter várias denominações. Ele pode ser um publicitário , um relações públicas , um assessor de imprensa , e tantos outros nomes que existem em nosso mercado.
  • 22. O jornalismo como ferramenta de comunicação.
  • 23.
    • A indústria de jornais dos séculos XIX e XX se dirigiu para um público cada vez mais amplo. Muitos jornais adotaram um estilo de jornalismo mais leve e mais vivo, como também uma apresentação mais atraente para alargar o círculo de leitores. Com o aumento do número de leitores, a propaganda comercial adquiriu um importante papel na organização financeira da indústria, os jornais se tornaram um meio vital para a venda de outros bens e serviços, e sua capacidade de garantir receita através dos anúncios ficou diretamente dependente do tamanho e do perfil dos leitores.
  • 24.  
  • 25.  
  • 26.  
  • 27.  
  • 28.  
  • 29.  
  • 30.  
  • 31.  
  • 32.  
  • 33.  
  • 34. Informação x negócios
    • O leitor procura no jornal a informação sobre o mundo.
    • A informação é o resultado de um trabalho “interessado” e “influenciado” de coleta, seleção, deformação, enformação dos fatos. As palavras, por sua vez, são permeadas pela ambiguidade, pela fluidez que podemos reduzir, mas jamais anular, da matéria linguística.
  • 35.
    • O jornal é o resultado e a materialização de um trabalho de produção dos jornalistas. Produção coletiva, ele não exprime uma intenção unitária, mas a convergência de numerosas subjetividades. Sua existência objetiva, real, pressupõe um modelo ideal (um projeto de jornal) que está na cabeça de cada um. Esse modelo orienta a inserção e o trabalho dos jornalistas.
  • 36. Informação x política
    • O Estado de Minas tem uma relação muito próxima com os políticos, eles vêm aqui quase diariamente; é difícil conseguir um comportamento de isenção total, sobretudo em um período de crise, de perplexidade. A realidade histórica e política nos contingencia a conversas que, às vezes, podem chocar um jornalismo isento, independente, frio e impedir uma análise impiedosa.
  • 37.  
  • 38. Informação x empresa
    • Vejo o produto final (o jornal) como um negócio bem massacrante. É miópia achar que é possível contrariar o interesse da empresa. Os interesses políticos, comerciais. A empresa é tão voltada para o lucro que às vezes esquece que seu produto é a notícia.
  • 39.  
  • 40.  
  • 41.  
  • 42.  
  • 43.  
  • 44.  
  • 45.
    • Jornalismo como estratégia
    • de comunicação para os clientes .
  • 46.
    • Publicidade (jornalismo) é a comunicação vista como não paga de informações sobre a organização ou produto, geralmente por alguma forma de mídia. Assim como a propaganda, a utilizãção da imprensa deve ser planejada, implementada e controlada como parte do esforço integrado de comunicação de marketing.
  • 47.
    • Uma vez que é vista como não paga por ser veiculada pela mídia como notícia, a publicidade geralmente goza do crédito e da confiança do público em geral. Cuidados nessa área, contudo, são imprescindíveis, pois, do mesmo modo que a publicidade eficaz pode melhorar muito a imagem e as vendas de uma companhia, a publicidade negativa pode causar sérios prejuízos.
  • 48.  
  • 49.  
  • 50.  
  • 51.  
  • 52.  
  • 53.
    • A publicidade ocorre sob muitas formas. As mais comuns são as reportagens e os anúncios de utilidade pública. Nas reportagens noticiosas criadas pela mídia, os profissionais de marketing detêm pouco controle direto sobre a comunicação. No entanto, as informações para essas reportagens freqüentemente são obtidas em entrevistas. As companhias também podem enviar matérias sobre seu progresso ou produtos para diversas mídias.
  • 54.  
  • 55.  
  • 56.  
  • 57.
    • Os profissionais de marketing podem gerar notícias para atrair uma cobertura favorável da mídia enviando press-releases , clipes de vídeo sobre a companhia, promovendo entrevistas coletivas ou organizando eventos atraentes.
  • 58.
    • Press-releases. O press-release , também conhecido como comunicado à imprensa, é um artigo escrito por membros da companhia e distribuído para a mídia – jornais, revistas, emissoras de rádio e televisão. Ele fornece informações sobre a organização ou seus produtos e os nomes e telefones de funcionários que podem ser contatados para detalhes adicionais. Os profissionais de marketing também podem fornecer fotos e vídeos para inserção na programação de notícias.
  • 59.  
  • 60.  
  • 61.
    • Entrevistas coletivas. Os profissionais de marketing também podem comunicar-se com a mídia por meio de entrevistas coletivas, nas quais as empresas convidam repórteres para o local da entrevista e normalmente lhes antecipam informações. As entrevistas coletivas possibilitam à companhia um pouco de controle sobre a cobertura, mas não há nenhuma garantia de que os repórteres compareçam ou façam perguntas adequadas.
  • 62.
    • Atividades e eventos. As redações de jornais, revistas e emissoras de rádio ou televisão ficam atulhadas de matérias sobre novos produtos, práticas empresariais e executivos recentemente contratados. Para obter destaque nessa desordem, os profissionais de marketing podem organizar eventos destinados a chamar a atenção da mídia e do público.
  • 63.  
  • 64.  
  • 65.  
  • 66.  
  • 67.
    • Jornalismo empresarial
  • 68.
    • O jornalismo empresarial forma, com relações públicas e propaganda, o triplê clássico que organiza os fluxos de irradiação das informações sobre as organizações.
  • 69.
    • As publicações empresariais começaram como simples boletins e passaram às sofisticadas revistas produzidas por muitas organizações. Com abordagens diversificadas e mesmo especializadas, as publicações empresariais constituem hoje ferramenta de primeira grandeza das organizações.
  • 70.  
  • 71.  
  • 72.  
  • 73. Assessoria de imprensa
    • A assessoria de imprensa pode ser considerada uma das principais frentes de atuação no mercado da comunicação empresarial/organizacional no Brasil.
  • 74.
    • No contexto da comunicação institucional, a assessoria de imprensa é uma das ferramentas essenciais nas mediações das organizações com o grande público, a opinião pública e a sociedade, via mídia impressa, eletrônica e internet. Seu processo e sua aplicação se dão por meio de estratégias, técnicas e instrumentos pensados e planejados com vistas na eficácia.