D. Gestão da BE
D.1. Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE


                   ...
Evidências extraídas dos
Indicadores        Factores críticos de Sucesso             Evidências   Instrumentos, a integrar...
Evidências extraídas dos
    Indicadores              Factores críticos de Sucesso             Evidências        Instrumen...
Evidências extraídas dos
Indicadores        Factores críticos de Sucesso                  Evidências              Instrume...
Evidências extraídas dos
    Indicadores            Factores críticos de Sucesso                    Evidências            ...
Evidências extraídas dos
Indicadores        Factores críticos de Sucesso                    Evidências               Instr...
Evidências extraídas dos
    Indicadores            Factores críticos de Sucesso                   Evidências             ...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Microsoft Word Metodologias De OperacionalizaçãO Ii Parte D

213

Published on

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
213
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Microsoft Word Metodologias De OperacionalizaçãO Ii Parte D

  1. 1. D. Gestão da BE D.1. Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE Evidências extraídas dos Indicadores Factores críticos de Sucesso Evidências Instrumentos, a integrar no Relatório de Auto-Avaliação D.1.1. A BE está contemplada nos Integração/acção da A escola inclui a BE na formulação e Projecto Educativo da Escola documentos institucionais, BE na desenvolvimento da sua missão, (TEIP). nomeadamente no que diz respeito a escola/agrupamento. princípios e objectivos estratégicos e de Espaços, Serviços e Recursos aprendizagem. Regimento Interno da BE. Educativos, Missão e Objectivos, Articulação Curricular, Gestão dos O professor bibliotecário tem assento no recursos de informação, Gestão dos Conselho Pedagógico. Aspectos contidos nos recursos humanos afectos à BE, documentos que regem o Serviços prestados à comunidade funcionamento da BE e que escolar no âmbito do Projecto O regimento Interno da BE contempla os se relacionam com este item. Educativo, Regimento e Actividades. seguintes aspectos: O professor bibliotecário participa no -Missão e objectivos da BE; Conselho Pedagógico. Plano Anual de Actividades. -Organização funcional do espaço; O Plano de Acção da BE está Gestão dos recursos humanos afectos à Regulamento Interno do articulado com a acção estratégica BE; definida no Projecto Educativo. Agrupamento. -Regimento de funcionamento da BE. O Plano de Actividades da BE está integrado e articula-se em termos de Registos em actas de objectivos operacionais com o Plano A BE adequa os seus objectivos ao reuniões. Anual de Actividades do Agrupamento. Projecto Curricular de Escola e aos Projectos Curriculares de Turma. As professoras bibliotecárias do Agrupamento reúnem-se com 1
  2. 2. Evidências extraídas dos Indicadores Factores críticos de Sucesso Evidências Instrumentos, a integrar no Relatório de Auto-Avaliação periodicidade para articulação e O plano de desenvolvimento da BE planificação de actividades, delineação acompanha, em termos de acção de estratégias, uniformização de estratégica, o projecto educativo da escola procedimentos. e outros projectos. Os objectivos, recursos e actividades da BE estão adequados ao Currículo O plano anual de actividades da BE Nacional, PE e PCTs. relaciona-se, em termos de objectivos operacionais, com o apoio ao currículo, A BE é referida como recurso nos com o plano anual de actividades da PCTs. escola e com outros projectos em desenvolvimento. A BE planeou actividades com Conselhos de Turma no âmbito dos PCTs. A BE é encarada como recurso fundamental no desenvolvimento do gosto A BE desenvolve iniciativas de pela leitura, na aquisição das literacias promoção da leitura. fundamentais, na progressão nas aprendizagens e no sucesso escolar. A BE define estratégias para aumento dos níveis de leitura. A BE apoia, com recursos humanos e materiais, o desenvolvimento das literacias. A professora bibliotecária solicitou em conselho pedagógico a participação e envolvimento de todos os departamentos na actividade “Da leitura à criação”, projecto promovido pela BE. A professora solicita à associação de pais a colaboração dos encarregados 2
  3. 3. Evidências extraídas dos Indicadores Factores críticos de Sucesso Evidências Instrumentos, a integrar no Relatório de Auto-Avaliação de educação para dinamizarem uma Hora do conto. A BE promove encontros e exposições. A BE afixa cartazes pela escola anunciando as actividades que vai realizar. A BE faz calendarizações para todas as turmas da escola para participarem nas actividades propostas. A BE divulga as suas actividades através do seu Blog e do jornal do agrupamento que da responsabilidade das equipa da BE. Folhas de presenças diárias de frequência da BE, nos diferentes espaços. Estatística mensal de frequência da BE D.1.2. Valorização da BE pelos órgãos de Os órgãos de administração e gestão Documentos de gestão da O órgão de gestão consulta o professor direcção, põem em prática uma política de escola. bibliotecário na escolha da equipa. administração e afectação de recursos humanos gestão na adequada às necessidades de O professor bibliotecário está escola/agrupamento. desenvolvimento da BE. Documentos de gestão da representado no Conselho Pedagógico. BE. Os departamentos curriculares O órgão de gestão estabelece um estabelecem estratégias visando a horário para o Auxiliar de Acção articulação entre a BE e as demais 3
  4. 4. Evidências extraídas dos Indicadores Factores críticos de Sucesso Evidências Instrumentos, a integrar no Relatório de Auto-Avaliação estruturas de coordenação educativa. Educativa que cobre, quase na Excertos de actas de totalidade, todo o período de apresentação de funcionamento da escola. projectos/relatórios ao A escola contempla a BE e os seus conselho pedagógico. recursos nos projectos e actividades educativas e curriculares. O órgão de gestão atribui um horário à equipa e professores colaboradores Registos de que cobre todo ou grande parte do projectos/actividades A escola encara a BE como recurso fulcral período de funcionamento da escola. envolvendo trabalho na/com a no desenvolvimento do gosto pela leitura, BE. na aquisição das literacias fundamentais, na progressão nas aprendizagens e no A BE envolve-se (não se envolve) nos sucesso escolar. projectos e actividades educativas e Estatísticas de utilização da curriculares da escola/Agrupamento. BE Os docentes valorizam o papel da BE e Horários dos professores da integram-na nas suas práticas de equipa e da funcionária ensino/aprendizagem. Regulamento Interno do Agrupamento. Registo das iniciativas para conservação/manutenção/ melhoria das instalações e aquisição ou afectação de equipamentos à BE. Plano Anual de Actividades do Agrupamento. Projectos Curriculares de Turma. 4
  5. 5. Evidências extraídas dos Indicadores Factores críticos de Sucesso Evidências Instrumentos, a integrar no Relatório de Auto-Avaliação Registos de relações de necessidades: equipamentos e material livro e não livro para reforço/ actualização do fundo documental. Relatório Anual da BE. D.1.3. Resposta da BE às necessidades A BE funciona num horário contínuo e Registo de observação, Horário da BE afixado na porta da alargado que possibilita o acesso dos questionários ou outros principal da BE. escola/agrupamento. utilizadores no horário lectivo. realizados no âmbito da avaliação da BE. Cartazes afixados nos placares, contendo informações culturais. A BE no agrupamento é gerida de forma integrada, rentabilizando recursos, Planificações. A BE fornece informações culturais possibilidades de acesso a programas e através do seu Blog. projectos. PAA, PCT’s Os recursos e serviços da BE respondem às metas e estratégias definidas no Horário da BE. projecto educativo, projecto curricular e outros projectos. Horários dos professores da equipa e da funcionária. A BE cria condições e é usada como recurso e como local de lazer e de trabalho. Estatísticas de ocupação da BE: presenças (autónomas e dirigidas), e de actividades A BE apoia os utilizadores no acesso à desenvolvidas. colecção, aos equipamentos, à leitura, à 5
  6. 6. Evidências extraídas dos Indicadores Factores críticos de Sucesso Evidências Instrumentos, a integrar no Relatório de Auto-Avaliação pesquisa e ao uso da informação. Registo de uso dos A BE planifica com docentes. computadores. A BE desenvolve projectos com a Registos de actividades escola/agrupamento. promovidas pela BE. A BE assume-se como pólo de fomento e Blog da BE. de difusão cultural. Livro de sugestões. Os órgãos de direcção, administração e gestão são envolvidos no processo de auto-avaliação da BE. Resultados do Questionário aos professores (QP3). Os instrumentos de recolha de informação são aplicados, de forma sistemática, e no Resultados Questionário aos decurso do processo de gestão alunos (QA4). Guia do Utilizador. Cartaz com regras de funcionamento da BE. Folha de Regras no/para uso dos computadores. 6
  7. 7. Evidências extraídas dos Indicadores Factores críticos de Sucesso Evidências Instrumentos, a integrar no Relatório de Auto-Avaliação Maletas digitais contendendo materiais didácticos. Actas de Reuniões da Equipa. Actas de Reuniões de Conselho Pedagógico. D.1.4. Avaliação da BE na A informação recolhida é analisada e os A BE utiliza, de forma sistemática, Registos de observação, escola/agrupamento. resultados da análise/avaliação originam, instrumentos de recolha de informação. questionários, entrevistas ou quando necessário, a redefinição de outros realizados no âmbito estratégias, sendo integrados no processo A BE usa os resultados da avaliação da avaliação interna da BE. de planeamento. para delinear estratégias de melhoria. Relatório da auto-avaliação da BE Estatísticas de ocupação da Os resultados da auto-avaliação são integrado no relatório de auto-avaliação BE: presenças (autónomas e divulgados junto dos órgãos de direcção, da escola. dirigidas), e de actividades administração e gestão, estruturas de desenvolvidas. coordenação educativa e da restante comunidade, com o objectivo de promover e valorizar as mais-valias da BE e de Estatísticas de requisições alertar para os pontos fracos do seu domiciliárias. funcionamento. Livro de sugestões. A auto-avaliação da escola integra os resultados da auto-avaliação da BE. Relatório Anual da BE. 7
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×