P T  8
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

P T 8

on

  • 531 views

 

Statistics

Views

Total Views
531
Views on SlideShare
531
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
1
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

P T  8 P T 8 Document Transcript

  • Escola Básica 2,3 de Taveiro Cultura, Língua e Comunicação Núcleo Gerador: Equipamentos e Sistemas Técnicos Domínio de Referência: DR4 (contexto macro-estrutural) Tema: Transformações e Evoluções Técnicass Proposta de Trab. 7 EVOLUÇÃO DOS EQUIPAMENTOS TÉCNICOS FACILITOU A VIDA DA SOCIEDADE Transportes Dos equipamentos técnicos que mais facilitaram a vida da sociedade, com a sua evolução, talvez tenham sido os transportes. Com a criação de fábricas de produção de veículos e o desenvolvimento de empresas de transporte, geraram-se muitos postos de trabalho. Ao longo dos tempos foram concedendo a mobilidade de pessoas, reduzindo assim os tempos de deslocação e facilitando o acesso a empregos mais distantes de casa. O seu desenvolvimento impulsionou também o das vias de comunicação, com a construção de vias-férreas e de estradas. Se pensarmos que há pouco mais de 100 anos os únicos meios de transportes existentes eram de tracção animal, em que as pessoas e mercadorias eram transportadas em carroças e diligências. O comboio, que teve a sua origem com a invenção da primeira máquina a vapor em 1804, mas só na segunda metade do século XIX é que foi aperfeiçoada de maneira a ser utilizada para poder rebocar comboios. Sendo na altura lento, sujo e muito poluente, em que a segurança e o conforto dos seus utilizadores não era primordial. 1
  • Escola Básica 2,3 de Taveiro No presente, em que existem comboios de alta velocidade com avançados sistemas de segurança e alto conforto para os seus passageiros. Tornou possível uma maior frequência de circulações, transformando-se num óptimo meio de transporte, tanto em longo curso ligando cidades e país, como em serviço suburbano, transportando-as diariamente para os seus locais de trabalho. Também o automóvel teve uma evolução muito idêntica. Desde a invenção do motor de combustão a gasolina de Karl Benz em 1885, até ao primeiro automóvel fabricado em série de Henry Ford em 1908 com o modelo Ford T, que ficou conhecido como o carro do povo, pela sua fácil utilização e por ter ser proveniente da primeira 2
  • Escola Básica 2,3 de Taveiro montagem em série, de baixo custo. Claro que na altura, os motores e componentes de segurança eram muito básicos e rudimentares. Foram construídas diversas variantes, como por exemplo os camiões e autocarros, para serem utilizados para transporte de mercadorias e de passageiros. Com a proliferação de fábricas de componentes e de marcas, massificou a sua produção. Hoje em dia existem modelos das mais variadas formas e feitios, com diversos dispositivos de segurança e de apoio à condução. Sendo construídos em diversas gamas, podendo o consumidor optar pelo que mais se adequa à sua utilização. Meios de comunicação O aperfeiçoamento dos meios de transmitir informação foi determinado pela necessidade que o homem sentiu de comunicar entre pares. Desde os primeiros registos conhecidos de comunicação, efectuados através de sinais de fumo e de pinturas rupestres. Decorreram milhares de anos até que em 1838 Samuel Morse, desenvolve o telégrafo eléctrico e o código Morse. Em 1876 Alexander Graham Bell regista a patente do telefone e funda a Bell Telephone Company. Em 1877 Thomas Edison, inventa o primeiro aparelho capaz de registrar e reproduzir sons. E em 1896 o físico italiano Guglielmo Marconi transmite as primeiras mensagens por ondas hertzianas a uma distância de várias dezenas de metros. Num constante e rápido processo evolutivo, sem que haja a simples substituição de uma técnica por outra, mas sim a necessidade de aperfeiçoar e de facilitar. O homem ao longo do século XX com a conquista do espaço desenvolveu os satélites de telecomunicações. Além de permitirem a retransmissão de televisão, eles abriram novas perspectivas 3
  • Escola Básica 2,3 de Taveiro para a comunicação telefónica, a transmissão de dados, fax e a revolução da comunicação móvel via telemóvel. A electrónica com a criação do Chip com dezenas de milhões de transístores deu origem ao computador. Nasceram as redes de computadores e, entre elas, a de maior impacto na vida das pessoas: a Internet. Já no final do século XX, surge outra inovação revolucionária, a fibra óptica. Através de um filamento composto por vidro, sílica, nylon ou silicone da espessura de um fio de cabelo humano, permite a transmissão rápida e simultânea de milhares de chamadas telefónicas e de dezenas de imagens. A História e Evolução do Computador .Nos dias de hoje, quando se ouve falar num processadores de 1 GHz até nos dá vontade de desistir, de tão ultrapassados que eles já se tornaram. A necessidade que o homem sentiu de criar novos métodos para efectuar cálculos levou ao desenvolvimento de vários equipamentos. Desde o Ábaco, inventado pelos egípcios e utilizado por gregos e romanos para os ajudar a efectuarem contas, até aos recentes computadores, que começaram a serem desenvolvidos na segunda metade do século XX, permitindo estes, para além do cálculo, comparar e armazenar informações. Decorreram muitos anos de inovações e descobertas. Em 1619, Jonh Napier, criou uma régua de cálculo primitiva, construída em faixas de osso ou madeira, serviam para multiplicar e dividir, a que chamaram Ossos de Napier. 4
  • Escola Básica 2,3 de Taveiro Primeiro a calculadora mecânica de Pascal e as máquinas analíticas de Baddage e mais tarde a de Hollerith. A última já muito sofisticada e ambas utilizavam o sistema de cartões perfurados Eram os computadores mecânicos, que realizavam cálculos através de um sistema de engrenagens, accionado por uma manivela ou outro sistema mecânico. Este tipo de sistema, comum na forma de caixas registradoras era bastante utilizado naquela época. No final do século XIX surgiu o relê, um dispositivo electromecânico, formado por um magneto móvel, que se desloca unindo dois contactos metálicos. Os relês podem ser considerados uma espécie de antepassados dos transístores. As suas limitações eram o facto de serem relativamente caros, grandes demais e ao mesmo tempo muito lentos: um ralé demora mais de um milésimo de segundo para fechar um circuito, mais de dez milhões de vezes mais lento que um transístor actual. Também no final do século XIX, surgiram as primeiras válvulas. As válvulas foram usadas para criar os primeiros computadores electrónicos, na década de 40. As válvulas têm seu funcionamento baseado no fluxo de electrões no vácuo, bem mais rápidas que os relês, atingiam frequências de alguns Megahertz, o problema é que aqueciam muito, consumiam muita electricidade e queimavam-se facilmente. Construir um computador que usava milhares, era extremamente complicado, e muito caro. Apesar de tudo isso, os primeiros computadores começaram a surgir durante a década de 40. Sem dúvida, o computador mais famoso daquela época foi o ENIAC (Electronic Numerical Integrator Analyzer and Computer), construído em 1946. O ENIAC era composto por nada menos do que 18 000 válvulas, que se fundiam a um ritmo alarmante. Porém, apesar do tamanho, o poder de processamento do ENIAC é ridículo para os padrões actuais, suficiente para processar apenas 5.000 5
  • Escola Básica 2,3 de Taveiro adições, 357 multiplicações e 38 divisões por segundo, bem menos até do que uma calculadora de bolso actual, das mais simples. Depois de várias pesquisas que tinha como objectivo a descoberta de novos materiais, tanto condutores, quanto isolantes. Os investigadores desenvolveram o transístor, tendo o primeiro projecto surgido em 1947.Era relativamente grande, mas não demorou muito para que este modelo inicial fosse aperfeiçoado. Durante a década de 50, o transístor foi gradualmente dominando a indústria, substituindo rapidamente as problemáticas válvulas. A partir desta altura e num constante desenvolvimento, em 1955 a IBM desenvolve a primeira versão de um banco de dados informatizado, o Sabre. Em 1958 Surge também o chip e a Bell Company (EUA) cria o Dataphone, que permite que dois computadores comuniquem entre si, usando linhas telefónicas tradicionais. Em 1970 a Intel cria o microprocessador. Já na década de 80 padrão a IBM encomenda o MS-DOS (sistema que controla as funções básicas de um computador) e depois lança o PC (Personal Computer). Hoje em dia existem nas mais diversas formas e feitos, aplicados em todas formas de trabalho e de lazer. Sendo a sua aplicação possível e corrente na indústria, comercio, serviços e transportes. Reflexão Foram os Chineses que no século IX deram inicio à descoberta da imprensa. No entanto foi na Europa, em meados do século xv, que se inventou a imprensa tipográfica A sua invenção conferiu ao homem o seu primeiro grande meio de comunicação, proporcionando a preservação e a divulgação em larga escala do conhecimento humano, até então limitado a um número restrito de privilegiados. Desde o aparecimento dos primeiros Meios de Comunicação Social, tais como, a Imprensa, Rádio, cinema e Televisão, que se generalizou o acesso à cultura. O papel destes meios enquanto elementos que produzem informação, tem como objectivo chegar ao maior número de pessoas das mais diversas formas. 6
  • Escola Básica 2,3 de Taveiro Por outro lado, à medida que a concorrência se acentuou, os produtores do universo da comunicação de massas empreenderam uma luta pela audiência. Nesta corrida aos públicos, acentuou-se a transmissão de cultura aos mais diversos níveis, seja através da programação de conteúdos propriamente dita, seja pela venda generalizada de livros, cd, dvd, obras de arte que colocaram bens anteriormente apenas acessíveis a alguns à mercê de praticamente todos. Nos dias de hoje, Independentemente da situação económica, temos disponível, através da Internet, o acesso a todos os meios de comunicação. Sem sair de casa e através de um simples clique, acedemos a um vasto mundo de cultura e entretém. Trabalho realizado por, Fátima Ramalho José Oliveira 07/01/2009 7