Your SlideShare is downloading. ×
0
Acções Futuras da BE
Acções Futuras da BE
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Acções Futuras da BE

230

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
230
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologia de Operacionalização (parte II) ACÇÕES FUTURAS A BE deve deixar de fazer A BE deve continuar a fazer A BE deve começar a fazer 1-Funcionar sem uma equipa de Realizar actividades que promovam Registar de forma sistemática, trabalho consistente, coesa e o desenvolvimento da leitura e das através de instrumentos diversificada. literacias. diversificados, todas as acções que a BE promove ou em que está Uma equipa reduzida provoca um envolvida. grande desgaste a nível físico e Estas práticas são fundamentais psicológico do professor para a progressão nas Deve haver um maior rigor na bibliotecário, uma vez que grande aprendizagens e para o sucesso recolha de evidências que parte do seu tempo é gasto no pessoal e escolar dos alunos. permitam avançar para una auto- atendimento aos utilizadores e as avaliação mais abrangente e restantes as actividades prolongam- potenciadora de mudança de se em horário pós-laboral. práticas menos conseguidas. 2-Permitir que os alunos utilizem o Formar utilizadores de forma a Envolver mais energicamente as espaço de forma desordenada e promover o sucesso educativo. estruturas de coordenação barulhenta. educativa, supervisão pedagógica e os professores. Devem ser criadas condições para o A BE deve prestar formação aos bom funcionamento da BE, com a utilizadores para poder fomentar a utilização de auscultadores, sua correcta utilização e Deve existir uma maior articulação respeito pelo número máximo de transformação da informação em com as várias estruturas da escola utilizadores por zonas funcionais; conhecimento, assim como de forma a promover actividades assim serão criadas condições promover o uso das TIC e das centradas nos currículos dos vários propiciadoras de boas práticas. ferramentas da Web 2.0 no anos e ciclos de ensino. processo de ensino aprendizagem. A formanda Isaura Carvalho AVE Elias Garcia – Dezembro 2009

×