O que é Deus? - 2a parte
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

O que é Deus? - 2a parte

on

  • 1,445 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,445
Views on SlideShare
1,171
Embed Views
274

Actions

Likes
1
Downloads
23
Comments
0

3 Embeds 274

http://grupodepaisceb.blogspot.com.br 210
http://grupodepaisceb.blogspot.com 58
http://www.grupodepaisceb.blogspot.com.br 6

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

O que é Deus? - 2a parte O que é Deus? - 2a parte Presentation Transcript

  • Que é Deus? APRESENTAÇÃOGRUPO DE PAIS – COMUNHÃO 24/09/2011
  • Deus nas Religiões• Povos primitivos. Primeiras manifestações: - culto aos mortos; - fenômenos da natureza; - politeísmo; - atribuíam os acontecimentos aos deuses; - sacrifícios.
  • DEUS NAS RELIGIÕES• Povos da Antiguidade: - politeísmo; - antropomorfismo; - deuses com características de personalidadehumanas; - classe sacerdotal, ritos, sacrifícios.
  • DEUS NAS RELIGIÕES• Exceções ao politeísmo: Antigo Egito em curto período (Akhenaton instituiu o culto a Aton); Persas (dualismo) e, principalmente, os Judeus.• Povo Hebreu: - Desenvolveu o monoteísmo, principalmenteapós Moisés; - Deus sem forma humana, embora vingativo,cruel, com características de chefe militar; - povo escolhido por Iavé.
  • DEUS NAS RELIGIÕES• Vingativo:• “Iaweh viu que a maldade era grande sobre a terra .... arrependeu-se de ter feito o homem sobre a terra ... e disse Iaweh; ‘Farei desaparecer da superfície do solo os homens que criei – e com os homens os animais, os répteis e as aves do céu – porque me arrependo de os ter feito” GEN 6,5-7
  • DEUS NAS RELIGIÕES• Chefe militar:• “No meio da noite, Iaweh feriu todos os primogênitos na terra do Egito, desde o primogênito do Faraó .... até o primogênito do cativo, que estava na prisão, e todo o primogênito dos animais” ÊXODO 12,29
  • DEUS NAS RELIGIÕES• A visão de Deus muda totalmente com Jesus de Nazaré: - Deus é pai bondoso; - Deus ama todos os seus filhos; - O Reino de Deus; - Convite para a reforma íntima como formade chegar a Deus.
  • DEUS NAS RELIGIÕES• Com o desencarne de Jesus, o Cristianismo deturpa a visão de Deus, com o passar do tempo: - Trindade; - Deus readquire forma humana; - Abusos e crimes cometidos em nome doCristo-Deus. - Essa visão levou à reação de pensadores.
  • DEUS NA FILOSOFIA• Diversos pensadores sentiram a necessidade de entender Deus, ou a falta dele, e sobre ele escreveram. O autor seleciona alguns:• Gregos (Influenciados pela Mitologia): - Homero: Zeus, rei soberano, pai dos deuses edos homens; - Ésquilo: Zeus é o ar, a terra e o mundo, Zeusé tudo.
  • DEUS NA FILOSOFIA• Friedrich Nietzche escreveu, no século XIX sobre a morte de Deus. Deus está morto. - Fim dos fundamentos transcendentais da existência. Deus deixa de ser justificativa e fonte de valoração para o mundo. - Com isso, o homem deixa de crer numa ordenação cósmica transcendente e em valores absolutos. Conduz ao niilismo. - Assumir a morte de Deus seria livrar-se dos pesados ídolos do passado e assumir a liberdade.
  • DEUS NA FILOSOFIA• Baruch Spinoza entendia que Deus é a Substância, Deus é a universalidade dos seres, e nós como que condicionados por ela a nos expressarmos existentes.• O Universo consiste numa única substância uma, indivisível e infinita – Deus.• Teoria conhecida como Monismo, que derivou o panteísmo.
  • DEUS NA FILOSOFIA• Auguste Comte: A ciência aposentou Deus.• A lei dos três estados da evolução humana: 1. estado teológico (forças sobrenaturais,deuses e espíritos); 2. estado metafísico (a “natureza”, queequivaleria ao deus único do monoteísmo); 3. estado positivo (a observação e a ciênciasubstituem Deus).
  • DEUS NA FILOSOFIA• René Descartes(1596-1650): - Partiu da dúvida; - “Cogito, ergo sum”; - Substância infinita: Deus; - Substância pensante: alma; - Substância extensa: matéria.Provas da existência de Deus:1. Se existe em nós a ideia de um ser perfeito e infinito, ele tem que existir;2. Ele teria que existir como causa da nossa ideia de perfeição, já que somos seres imperfeitos;3. Já que não podemos conservar a nós próprios, alguém tem que fazê-lo.
  • DEUS E O ESPIRITISMO• Na visão espírita, Deus é a inteligência suprema e causa primária de todas as coisas (LE, pergunta 1).• A existência de Deus está provada por três aspectos: - a existência de uma ideia inata de Deus no homem; - não existe efeito sem causa; - a absoluta perfeição da natureza, obra dequem?
  • DEUS E O ESPIRITISMO• Atributos de Deus: - eterno; - imutável; - imaterial; - único; - onipotente; - soberanamente justo e bom; - infinito em suas perfeições.
  • DEUS E O ESPIRITISMO• Dr. Cressy Morrison – “Sete razões pelas quais um cientista crê em Deus”:• 1. Por uma determinada lei, lógica, nós podemos provar que nosso Universo foi projetado e executado por uma inteligência engenheira;• 2. O talento da vida para executar a sua proposta é toda a manifestação de uma inteligência suprema;
  • DEUS E O ESPIRITISMO• 3. A sabedoria animal fala irresistivelmente de um bom Criador, que infunde instintos a todas as suas desamparadas e pequenas criaturas;• 4. O homem tem algo mais que o instinto animal - o poder da razão;• 5. A provisão para toda vida é revelada na fenomenal maravilha dos genes;• 6. Pela economia da natureza, somos forçados a perceber que somente uma sabedoria infinita poderia ter previsto e preparado com tamanha prudência administrativa;• 7. O fato de que o homem pode conceber a ideia de Deus já é , em si, a grande prova da existência de Deus.
  • conclusão• Impossibilidade momentânea de conhecermos a natureza de Deus;• Deus é amor incondicional;• Mais do que especular sobre Deus, senti-lo em nossas vidas;• A busca interior.
  • BIBLIOGRAFIA- BRUGGER. Dicionário de Filosofia. EPU, SãoPaulo, 4ª ed., 1987;- KARDEC. A Gênese. IDE, Araras, 14ª ed., 2004; O Livro dos Espíritos. IDE, Araras, 156ªed., 2005. - MOTA JÚNIOR, Eliseu F. da. Que é Deus? CasaEditora O Clarim, Matão, 3ª ed., 2007.