Bombas Hidráulicas - Enfrente o Desafio Energético
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Bombas Hidráulicas - Enfrente o Desafio Energético

on

  • 861 views

PDF do Catálogo Enfrente o Desafio Energético

PDF do Catálogo Enfrente o Desafio Energético

Statistics

Views

Total Views
861
Views on SlideShare
861
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
4
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Bombas Hidráulicas - Enfrente o Desafio Energético Bombas Hidráulicas - Enfrente o Desafio Energético Document Transcript

  • Encare o desafio da energia AG RA As bombas podem fazer uma diferença substancial e imediata na luta para reduzir o consumo de energia elétrica em todo o mundo.
  • 2
  • O mundo inteiro agora aceita a realidade da mudança climática. É nossa responsabilidade como seres humanos encontrar soluções que beneficiem toda a vida em nosso planeta Desenvolvimentos em energias alternativas como a solar, hidrelétrica,ondas,eólica, biomassa e energia geotérmica são promissores, mas a nossa capacidade de aproveitar todo o seu potencial como fontes de energia viáveis é provável que seja daqui a muitos anos. A TECNOLOGIA DO FUTURO ESTÁ MUITO LONGE Nós simplesmente não temos tempo para esperar a introdução de novas soluções de energia sustentável. Nossa população con- tinua a crescer tremendamente,da mesma forma a nossa de- pendência e consumo de energia elétrica. É por isso que é crucial encontrar maneiras de reduzir as nossas emissões de CO2 substancial – e imediatamente. Os efeitos da mudança climática estão sendo sentidos em todos os lugares Podemos estabilizar o aumento? O Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) projeta que se o crescimento econômico continuar sem controle, as temperaturas mundiais vão subir em mé- dia de 3-6°C até 2100 em comparação com 1900. De acordo com o IPCC, um aumento de mais de 2°C, será muito mais difícil para que as sociedades e os ecossiste- mas se adaptem. A fim de estabilizar o aumento a um máximo de 2°C, até 2050, precisamos ter reduzido as nos- sas emissões de gases de efeito estufa em 85% em relação aos níveis de 2008. 1 Engenharia Climática para o Futuro, p. 25, com base no quarto relatório de avaliação IPCC (AR4) 1
  • Os especialistas concordam: se não aumentarmos a eficiência agora, a chegada de energia limpa pode vir tarde demais “O sistema climático está mudando mais rápido do que pensáva- mos uma década atrás. As grandes camadas de gelo polares na Groenlândia e na Antártida estão realmente perdendo gelo mais rápido do que pensávamos que seria, o que significa, o mar está subindo mais rápido. Isso afetará centenas de milhões de pessoas que vivem em torno da orla costeira. É por isso que as tecnologias que podem ser lançadas agora são muito importantes e a eficiência energética é um das melhores. Economia de energia no ponto de uso é uma boa forma de obter cortes rápidos das emissões.” Professor Will Steffen, Climate Institute Australia “População e riqueza têm crescido a um ritmo muito rápido e im- pulsionado a demanda por energia. Temos a certeza de que os gases gerados devido ao efeito estufa retêm o calor. Isto leva a um aumento das inundações e intensidade das secas. O que não sabe- mos é se haverá mais 2 graus de aquecimento ou talvez até 6 graus - o que é bastante perigoso. Se pudermos mantê-lo baixo será mais fácil para a natureza e os sistemas humanos se adaptar. A eficiência energética é forma mais rápida e mais barata que temos agora para reduzir as emissões de CO2 e melhorar a linha de base.” Professor Stephen H. Schneider, climatologista da Universidade de Stanford Precisamos desesperada- mente de tecnologias que terão um impacto sub- stancial e imediato Professor Will Steffen Climate Institute Australia Professor Stephen H. Schneider Stanford University2
  • Há motivação financeira real para mudar para maior eficiên- cia. No entanto, nem todas as soluções recebem a mesma pub- licidade ou de boas-vindas de braços abertos No passado, produtos eficientes eram em geral uma opção dis- pendiosa e rara na demanda. Isso mudou hoje, graças a uma maior conscientização e subsídios financeiros introduzidos como incentivos para substituir produtos ineficientes. Isso resultou que um fluxo de inovações chegasse ao mercado.E a poupança de longo prazo destas inovações permitem agora se superar qualquer diferença no preço de compra inicial. AS SOLUÇÕES QUE SÃO MAIS FÁCEIS DE ENTENDER GERALMENTE RECEBEM MAIS ATENÇÃO Consideremos as lâmpadas economizadoras de energia. Eles são utilizadas e compreendidas por todos e seu impacto é ime- diato. É por isso que sua adoção tem se mostrado tão bem-su- cedida. E agora outras soluções igualmente fáceis estão che- gando ao mercado para ajudar a reduzir o consumo de energia com diferentes graus de efeito. MÉTODOS DE ECONOMIA DE ENERGIA POPULARES EXISTENTES lâmpadas economizadoras de energia podem agora ser usa- das em aplicações domésticas e de maior escala Uso de termostatos para regular o calor em sistemas de aquecimento Desligar a função de standby de aparelhos ou usar meios de poupar energia para contorná-lo Geladeiras e freezers com eficiência energética estão agora disponíveis em todos os lugares Técnicas de construção de isolamento melhorada para reduzida de perda energia Uso de ciclos de temperatura mais baixa em máquinas de lavar roupa Algumas soluções são mais populares que outros 3
  • 5%= 2 “REGULAMENTAÇÃO DE COMISSIONAMENTO (EC) No 640/2009 de 22 de julho de 2009 implementando a Diretiva 2005/32/EC do Parlamento e do Conselho Europeu com relação aos requisitos de ecodesign para motores elétricos” 3 Consumo anual A mudança para a tecnologia de motores de alta eficiência iria economizar do consumo anual de energia elétrica da EU 4
  • =o consumo de energia elétrica residencial de 83 milhões de pessoas 5
  • Potencial atual de poupança de energia ENERGIA EM STANDY GELADEIRAS Qualquer iniciativa de economia de energia é boa, algumas sim- plesmente poupam mais do que outras - e os motores são um caso em questão. Eles respondem atualmente por mais de 30% de toda a energia elétrica consumida. Com mais de 110 milhões deles instalados nos setores profissionais apenas, o potencial de economia monetária e de emissões devido à maior eficiência é enorme. Em 2011, uma nova legislação da UE entrará em vigor. Ela irá definir padrões rígidos para a eficiência de motores. E, em 2020, levará a uma poupança anual de 135 TWh - o equivalente ao at- ual consumo de eletricidade anual da Suécia. Isto significará 63 milhões de toneladas menos emissões de CO2 anualmente. Os motores se destacam como sendo a oportunidade única para uma grande economia 4 DOCUMENTO DE TRABALHO DA EQUIPE DE COMISSIONAMENTO Acompanha o documento para a Regulamentação de Comissionamento que implementa a Diretiva 2005/32/EC do Parlamento e Conselho Europeu com relação aos req- uisitos de ecodesign para motores elétricos AVALIAÇÃO DE IMPACTO TOTAL {C(2009) 5675} {SEC(2009) 1014} 5 Com base no consumo total de energia da Suécia, incluindo uso de energia industrial, residencial, etc.. 6 Bertoldi, Paolo & Atansasiu, Bogdan (2009): Consumo de eletricidade e tendências de eficiência na União Europeia – Relatório de Situação 2009. Nova legislação irá em breve exigir que os motores de alta eficiência sejam obrigatórios 6
  • BOMBAS DE MOTORES DE CONDUÇÃO E OUTRAS APLICAÇÕES LÂMPADAS MOTORES ELÉTRICOS 1067 TWh 135 TWh ILUMINAÇÃO INTERNO 84 TWh 39 TWh APARELHOS DE REFRIGERAÇÃO DOMÉSTICA 122 TWh 6 TWh MÁQUINAS DE LAVAR DOMÉSTICAS 51 TWh 2 TWh MÁQUINAS DE LAVAR LOUÇA DOMÉSTICAS 21,5 TWh 2 TWh CATEGORIA DO PRODUTO CONSUMO TOTAL DE ENERGIA ELÉTRICA ATUAL ECONOMIA ANUAL ESTIMADA DA EM 2020 EM DECORRÊNCIA DE LEGISLAÇÃO ECOLÓGICA 7
  • 20% de toda a ener- gia usada por mo- tores ... Para colocar uma bomba em ação você precisa de um motor. Os motores das bombas consumem mais energia do que qualquer outro motor da categoria e, portanto, têm um potencial de poupança de energia enorme. O de- safio que enfrentamos é o de conscientizar o mundo da escala deste fato e as oportunidades que ele apresenta. O motor da foto aqui está propulsionando uma bomba centrífuga e é projetado e fabricado especificamente para este fim. Se o motor não for potente o suficiente ou tiver potência em excesso, o desempenho será compro- metido e significativas quantidades de energia desperdiçadas. BOMBA 8
  • …É usada para acionar bombas O tipo mais comum de bomba utilizada em aplicações profissionais é a bomba centrífuga como esta. É o tipo usado em suas obras de água locais para garantir que a água saia da torneira com a pressão correta. O líquido ingressa através de um tubo de entrada para o centro de um impulsor em forma de disco. Este impulsor gira o líquido em alta velocidade, dando ener- gia para ele e empurrando-o para fora através da sua palhetas. Isso resulta em um aumento na pressão da água dentro da câmara, o que força o líquido para fora através de um tubo de saída e simultaneamente,suga mais líquido através do tubo de entrada. Este processo, portanto, continua a se repetir. A bomba centrífuga também pode usar uma série de impulsores trabalhando juntos e este tipo é chamado de bomba centrífuga. motor 9
  • 7 DOCUMENTO DE TRABALHO DA EQUIPE DE COMISSIONAMENTO Acompanha o documento para a Regulamentação de Comissionamento que implementa a Diretiva 2005/32/EC do Parlamento e Conselho Europeu com relação aos req- uisitos de ecodesign para motores elétricos AVALIAÇÃO DE IMPACTO TOTAL {C(2009) 5675} {SEC(2009) 1014} REGULAMENTAÇÃO DE COMISSIONAMENTO (EC) No 641/2009 de 22 de julho de 2009 implementando a Diretiva 2005/32/EC do Parlamento e Conselho Europeu com relação aos requisitos de ecodesign para circuladores sem empanque independentes e circuladores sem empanque integrados aos produtos. 10
  • 11
  • As bombas abastecem a água que bebemos e com a qual lavamos As bombas fazem circu- lar a água que no mantém aquecidos As bombas são os verdadeiros heróis ocultos em nosso mundo hoje. Não podemos mover de forma eficiente qualquer líquido de A para B sem elas. Elas ajudam no abastecimento da água que bebemos, o calor e limpeza e os alimentos que ingerimos. Elas dispersam nossas águas residuais para tratamento e são utilizadas para produzir todos os bens que compramos e serviços dos quais depend- emos diariamente. Não surpreendentemente, enormes quantidades de energia elétrica são necessárias para mantê-las funcionando. Há uma lista interminável de aplicações das bombas 12
  • As bombas nos sistemas de ar condicionado fazem com que os edifícios sejam lugares mais frios As bombas movem os líquidos em pratica- mente todos os setores 13
  • Soluções de alta qualidade de- vem desempenhar um papel importante no combate àsalter- ações climáticas e ajudar o desenvolvimento sustentável em todos os lugares Na Grundfos, produzimos 16 milhões de unidades anualmente. Sabemos que nossas ações podem ter conseqüências de longo alcance e é por isso que damos tanta ênfase em pensar na frente e agir com responsabilidade para com o mundo ao nosso redor. Tão importante quanto tornar nossos produtos mais efi- cientes, é minimizar o impacto ambiental de nossos processos de fabricação. Hoje nossos grupos de produtos principais incluem bombas cen- trífugas para a Indústria, fornecimento de água e águas resid- uais, bem como bombas dosadoras. Fabricamos também bom- bas circuladoras para aquecimento e ar condicionado, com nossos circuladores de aquecimento representando 50% do mercado mundial. Nosso objetivo é fazer com que as bombas se tornem uma prioridade na agenda das questões energéticas UMA PRI RI 14
  • A MELHOR TECNOLOGIA DE BOMBAS OFERECE POSSOBILI- DADES IMPORTANTES Não é apenas em operação que as bombas energeticamente efi- cientes economizam energia. Eles fazem isso de maneiras menos óbvias e indiretas. Por exemplo, minimizando a perda de líquido da bomba também reduz a quantidade de energia necessária para compensar essa perda. Os ganhos são simples, mas eficazes: menos água é perd- ida, menos água precisa ser bombeada, o que significa menos energia sendo consumida. E na Grundfos, vemos um enorme potencial nestas economias indiretas. Nossas inovações no controle de sistema de bomba, sensores e materiais desempenham um papel vital em cuidar melhor da água da qual todos dependemos - e que está rapidamente se tornando mais escassa. A FORMA DE FAZER BOMBAS DA GRUNDFOS LEVA A BEN- EFÍCIOS DE LONGO PRAZO Nossas soluções de alta qualidade têm uma vida útil operacional mais longa. Elas demandam menos energia para funcionar, usam menos recursos no processo de produção e quando precisam ser substituídas, convidam um alto nível de reciclagem. PRESENÇA GLOBAL, INFLUÊNCIA GLOBAL A Grundfos tem mais de 17.000 funcionários em mais de 45 países. Isto nos dá grandes insights de pessoas qualificadas em todo o mundo e nos permite reunir os conhecimentos adquiridos a partir de um mundo de desafios e usá-los para melhorar con- tinuamente a tecnologia do estado das bombas. RIDADE 15
  • Nossa luta pela eficiência da bomba doméstica A Grundfos apoiou ativamente a criação do sistema de rotulagem energética européiapara circu- ladores de aquecimento domés- tico introduzido em 2005 Nós também estamos orgulhosos de sermos um dos primeiros a Colocar circuladores Rótulo-A no mercado. Estabelecemos o pa- drão de eficiência, e tornamos mais fácil para proprietários de imóveis em toda a Europa economizar dinheiro e reduzir o im- pacto ambiental. QUANDO SE TRATA DE RESULTADOS, VOCÊ NÃO PODE BATER UM A Os circuladores com rótulos-A usam até 80% menos energia do que os circuladores rótulo-D padrão, que é o tipo mais comum de circulador instalado em na Europa. Há ainda 100 milhões de circuladores rótulo-D instalados na Europa, mas dentro de apenas 3 anos a sua substituição por modelos mais eficientes será obrigatória. SUCESSO CONTINUADO Nos quatro anos desde que começamos a fabricar circuladores com rótulo-A, eles têm ajudado a criar uma economia de energia anual superior a 536 milhões de kWh. E o nosso modelo mais recente e mais eficiente, o Alpha 2, está definitivamente dando continuidade a esta história de sucesso. 8, 9 Sustentabilidade Grundfos Re 16 port 2008, p.16 16
  • A partir de 2013, os circuladores padrão serão proibidos. A partir de 2015, apenas os mais eficientes, 30% dos quais são agora conhecidos circuladores de rótulo-A serão aceitáveis. Com um circulador de rótulo-A a família média européia pode cortar até 10% de seu consumo total de eletricidade. O circulador de rótulo-A ALPHA2 da Grundfos pode operar apenas com 5 watts. O ALPHA2 é o vencedor de dois prêmios de Energia+ por notável eficiência. 17
  • Agora é hora para os se- tores industriais fazerem a mudança Edifícios comerciais Manter as pessoas confortavelmente em edifícios com- erciais depende de se ter um bom grau de controle sobre o ar condicionado, aquecimento, abastecimento de água e esgoto - e as bombas são vitais para todas essas apli- cações. Edifícios públicos Assim como os edifícios comerciais, os edifícios públicos devem oferecer conforto, mas geralmente em uma es- cala muito maior. Para isso, é essencial incorporar múlti- plas soluções de bombas que funcionem de forma efi- ciente e que também sejam extremamente confiáveis. 18
  • É um fato simples. As bombas podem criar uma grande econo- mia em edifícios comerciais, apli- cações industriais, prédios públi- cos e serviços públicos de água Incrivelmente, grande parte da energia que um motor de bomba consome é desperdiçada. Mas a inteligente e avançado tecnolo- gia de motores acabará proporcionando um caminho novo e mais eficiente. Dirigindo o mercado para tais soluções, a Grund- fos pode ajudar a minimizar o impacto ambiental e permitir enormes economias financeiras nos edifícios de Concessionária de Água, Industriais e comerciais e públicos.. Mas para que isso aconteça, deve haver uma clara consciência de que quanto mais cedo é definitivamente melhor do que mais tarde. Ao antecipar alterações legislativas futuras, todo mundo não só estará devidamente preparado, mas também começará a reduzir o consumo de energia e as emissões do efeito estufa muito mais cedo. E uma vez que a velocidade do tempo de re- torno tenha sido atingida, não pode haver argumento contra a mudança para tecnologia de motores de alta eficiência. Na EU, os motores de bombas consomem 259 TWh por ano, e na in- dústria apenas eles são responsáveis por um maciço TWh 163. Concessionária de água As bombas são vitais em cada etapa do ciclo da água: desde o bombeamento de água bruta e tratamento de água potável, até à distribuição de água aos consumi- dores e indústrias, e remoção e tratamento de esgotos Indústria As bombas são utilizadas em praticamente todos os se- tores industriais e aplicações, por exemplo, refrigeração e ar condicionado, aquecimento e alimentação de cal- deira, abastecimento de água, esgoto, tratamento de água e processamento de alimentos para listar apenas alguns. Para não mencionar a enorme gama de indús- trias onde são empregadas: por exemplo, alimentos, be- bidas, farmacêutica, automotivo, naval, produção indus- trial em geral e muitos outros. 10 DOCUMENTO DE TRABALHO DA EQUIPE DE COMISSIONAMENTO Acompanha o documento para a Regulamentação de Comissionamento que implementa a Diretiva 2005/32/EC do Parlamento e Conselho Europeu com relação aos req- uisitos de ecodesign para motores elétricos AVALIAÇÃO DE IMPACTO TOTAL {C(2009) 5675} {SEC(2009) 1014} REGULAMENTAÇÃO DE COMISSIONAMENTO (EC) No 641/2009 de 22 de julho de 2009 implementando a Diretiva 2005/32/EC do Parlamento e Conselho Europeu com relação aos requisitos de ecodesign para circuladores sem empanque independentes e circuladores sem empanque integrados aos produtos. 19
  • Em um mundo onde a maioria das bombas desperdiçam ener- gia desnecessariamente, a tec- nologia certa faria uma difer- ença imediata Incorreto dimensionamento da bomba e a velocidade estão causando enorme energia desperdício de diária. O fato é que a maioria das bombas instalados atualmente são maiores do que o necessário para o trabalho na mão. Além disso, a maioria dos motores que accionam as bombas são ineficientes e continua- mente executado em sua velocidade máxima, independente- mente das reais. exigências Na realidade a maioria dos motores de bomba só precisa executar em sua velocidade máxima de 5% do tempo. BUROCRACIA MUITAS VEZES É UM EMPEÇILHO PARA O PENSAMENTO VERDE Aqueles que percebem a importância da substituição de bombas por modelos mais eficientes são frequentemente confrontados com grandes desafios. Muitas vezes eles devem passar por um longo processo de aprovação em que muitas pessoas terão uma pa- lavra a dizer. E as pessoas com a palavra final sobre o assunto mui- tas vezes não são conscientes de todos os fatos ou benefícios. REDUZIR O CONSUMO EM ATÉ 60% Mas se suporte e conscientização suficientes forem criados, a re-colocação das bombas com o dimensionamento correto da bomba e motores mais eficientes fará uma diferença significa- tiva. Adicionar um conversor de freqüência que oferece variação de velocidade em resposta à carga de trabalho produz uma mel- horia ainda maior. A variação de velocidade é relevante em mais de dois terços de todas as aplicações industriais e permite economia de até 60%.savings of up to 60%. 20
  • 21
  • BLUEFLUX® DA A tecnologia de motores de alta eficiência, projetada especificamente para as aplicações de bombas Sem precisamente o motor certo, mesmo a melhor bomba não conseguirá operar da melhor forma e desperdiçará energia. É por isso que, como um dos fabricantes líderes mundiais de bom- bas, desenvolvemos nossa própria gama de soluções de tecnolo- gia de motores especificamente para mover bombas. Projetada para fornecer os níveis mais altos de eficiência e que chamamos de Grundfos Blueflux®. FIXANDO SEU PRÓPRIO PADRÃO A tecnologia Blueflux Grundfos® representa o melhor da Grundfos em relação a motores de alto rendimento e inversores de freqüên- cia variável (motores MG, motores MGE e drives CUE). As soluções Grundfos Blueflux® atendem ou excedem as exigências legais, tais como o grau Eup IE3 As primeiras soluções Blueflux Grundfos® es- tão disponíveis hoje, e o resto será lançado periodicamente ao longo de 2011. Uma gama completa Blueflux Grundfos® estará disponível para uso em conjunto com nossas bombas líderes de mercado em janeiro de 2012. UMA ABORDAGEM INTEGRADA PARA PROJETO Os motores e inversores de freqüência Grundfos Blueflux® são fabricados para serem usados em conjunto - e ambos são feitos exclusivamente para uso com bombas. Esta abordagem inte- grada de projeto não só leva à eficiência muito maior, mas tam- bém garante maior confiabilidade e um grau muito fino de con- trole operacional. FRIO E CONFIÁVEL Cada aspecto da Grundfos Blueflux ® foi concebido para minimi- zar a perda de energia, bem como para um excelente desempenho e confiabilidade. Emprega menos energia, tem uma temperatura de operação mais baixa do que as soluções de motor padrão e pode ser executado de forma eficiente através de uma ampla faixa de temperatura. UMA MELHOR ESCOLHA FINANCEIRO E AMBIENTAL Em média, 85% o Custo do Ciclo de Vida (LCC) de um sistema de bomba normal é energia. Mudar para Grundfos Blueflux ® pode significar uma redução de LCC de até 50% - para não mencionar uma redução significativa no impacto ambiental. E enquanto a Grundfos Blueflux® pode inicialmente custar um pouco mais, o período de retorno para esta diferença é geralmente dentro de dois anos. Depois disso é só energia e redução de custos por todo o caminho! ENFRENTE O DESAFIO DE ENERGIA AGORA Motor VFD MUD 22
  • € 1 2 3 54 6 7 8 9 10 A OTIMIZAÇÃO DA BOMBA PODE NORMALMENTE SE PAGAR EM MENOS DE 2 ANOS Economia acumulada de energia Investimento da Bomba e de instalação Economia acumulada de energia de novo sistema de investimento deduzido da bomba Tempo (anos) A grundfos DE PARA 23
  • As barreiras para a eficiência em breve começarão a cair 2011 A partir de 16 de junho de 2011 todos os motores devem cumprir a norma IE2 2015 A partir de 01 de janeiro de 2015, todos os motores elétricos de 7,5- 375 kW devem cumprir a norma IE3 ou o padrão IE2 equipado com uma unidade de freqüência variável (VFD) A GRUNDFOS APOIOU O DESENVOLVIMENTO DA PORTARIA EUP SOBRE MOTORES ELÉTRICOS A Grundfos é uma empresa que faz o possível para apoiar a causa da eficiência tanto na indústria de bombas como fora dela. Isto significa mais do que produzir soluções de bombas altamente eficientes,também significa dar apoio a organizações comerciais e órgãos legislativos sobre estas questões. Este foi o caso com a portaria EuP para motores elétricos. A Grundfos se tornou ativamente envolvida a fim de aumen- tar a conscientização sobre a escala da economia que inver- sores de freqüência variável poderia criar, que a tecnologia adequada existia e que mudar era financeiramente viável. Isso ajudou a motivar mudanças na legislação proposta, tornando os inversores de freqüência variável uma parte intrínseca do mesmo e permitindo uma maior poupança. Além disso, a Grundfos foi convidada pela Comissão UE de Energia a participar na elaboração do relatório da Avaliação do Impacto que coloca números sobre a economia futura tornada possível pelas mudanças legislativas. E este foi um convite que a Grundfos aceitou de bom grado. A Grundfos continua a acolher as mudanças legislativas que promovam maior eficiência em aplicações de bombas. 24
  • 2017 A partir de 2017, todos os motores elétricos de 0,75-375 kW devem cumprir a norma IE3 ou o padrão IE2 equipado com uma unidade de freqüência variável (VFD) 2020 Esperado das economias anuais de energia de 135 TWh - equiva- lente ao consumo anual de ener- gia da Suécia - e uma redução anual das emissões de CO2 da UE em 63 milhões de toneladas. Nova legislação da UE em breve entrará em vigor que vai forçar uma mudança para melhor em três etapas principais A portaria EuP sobre motores elétricos é a legislação UE que es- tabelece rigorosos requisitos de eficiência para quase todos os motores na faixa de potência de 0,75 kW a 375 kW. Irá introduzir nova escala de eficiência, com a IE1 sendo o mais baixo e a IE3 sendo o mais alto nível. Estima-se que até 2020 em diante, €9 bilhões terão sido poupados em energia na Europa por causa da portaria. O que é a portaria EuP? a Portaria Eco-Design de Produtos que Consomem Ener- gia (EuP) é a legislação da UE obrigando os fabricantes a melhorar a eficiência energética do ciclo de vida de seus produtos, e reduzir seu impacto ambiental global. Bem como bombas e motores, esta abrange caldeiras, aquecedores, computadores, televisores e produtos in- dustriais, tais como transformadores, ventiladores,etc. A portaria atualmente se aplica aos produtos que vendem mais de 200.000 unidades por ano na UE. 25
  • 2011 2015 Mas por que só estar pronto quando você pode estar à frente? 26
  • 2020 2017 Não há necessidade de esperar para obter todos os benefícios. Mudar para Grundfos Blueflux ® agora não significa apenas que suas bombas irão já at- ender a futura legislação, isso também significa que você obtém anos de poupança extra À frente de seu tempo, as soluções Grundfos Blueflux® já cumprem os requisitos de ambas as segunda e terceira fases da próxima portaria EuP para motores elétricos. Eles já estão tão eficientes como todas as outras soluções de motor serão em 2017. ESTUDO DE CASO Unilever muda a veloci- dade Com uma Auditoria de Bomba Grundfos, a Unilever Ice Cream UK viu uma oportunidade de economizar no consumo de ener- gia, para reduzir sua atuação de carbono e poupar custos opera- cionais. INSPEÇÃO DE 60 BOMBAS E DE 10 SISTEMAS DE ABASTECIMENTO Após um levantamento inicial de cerca de 60 bombas no local, uma avaliação mais detalhada foi realizada em dez sistemas de abastecimento. A avaliação salientou inúmeras fontes de des- perdício de energia, tais como o excesso de bombeamento, re- torno das válvulas, bombas sobre-dimensionadas e motores in- eficientes. 15 KW É SUFICIENTE PARA O TRABALHO EM MÃOS As bombas 37 kW de velocidade única que fornecem a água do processo estavam ficando velhas. Elas estavam rodando con- stantemente, e o fluxo era controlado por válvulas de retorno de água. A Auditoria de Bomba testou um ponto de funciona- mento nas bombas que era específico para os requisitos do site. A auditoria concluiu que elas estavam custando mais de €20.000 por ano para operar. Uma vez que o ponto de funcion- amento correto tinha sido calculado, foi acordado que as bom- bas de substituição poderiam ser avaliadas em 15 kW. MAIOR CONTROLE DO PROCESSO COM UMA SOLUÇÃO DE VELOCIDADE VARIÁVEL Reduzir o tamanho do motor de 37 kW para 15 kW significava que mesmo uma bomba de velocidade fixa pode ser operada a menos da metade do custo. Para aumentar ainda mais a econo- mia em 20%, a Unilever optou por instalar as bombas de veloci- dade variável Grundfos. A solução de velocidade variável Unilever tem dado maior controle sobre o processo, e as novas bombas só precisam operar a uma velocidade de 45 Hz para abastecer o processo. O período de retorno para as novas bombas foi apenas de 12 meses. 27
  • A Grundfos pratica o que prega e está explorando todas as oportunidades para aumentar a eficiência e minimizar o impacto ambiental Acreditamos que a inovação, negócio rentável e sustentável desenvolvimento podem andar de mãos dadas. E exercitar essa crença significa agir de forma responsável em um ser humano, o ético, econômico e nível ambiental. Como a maioria das empresas, quando se trata de reduzir nossas emissões de CO2 nos deparamos com um problema inevitável. Se quisermos progredir e crescer, as nossas emissões de CO2 também irá aumentar a menos que tomemos medidas importantes. Na verdade, se continuarmos a aumentar nossa turn-overem 10% ao ano, nossas emissões vão dobrar até 2017. Essa é uma situação que não podemos permitir e já começamos ação para impedi-lo. Entre outras iniciativas, estamos empenhados em garantir nossas emissões anuais nunca ultrapassam o nosso nível de 2008. BALANÇO DE ONDE ESTAMOS Como parte de uma intenção de inovação que formulamos em 2008, lançamos o Footprint Project. Este introduz duas iniciativas: a primeira é um sistema que nos permite calcular as emissões geradas pela produção de produto e analisar como reduzi-las. A se- gunda envolve a avaliação das emissões de CO2 de todas as oper- ações Grundfos. A ênfase será inicialmente sobre a redução de emissões carbono, com uma maior dependência de fontes de ener- gia de CO2 neutro como um objetivo a longo prazo. O processo já pagou dividendos: em 2009, reduziu as emissões em níveis globais de 10,10% com uma redução de 15% só em nossas instalações de produção. AS BOMBAS EM NOSSAS INSTALAÇÕES Como qualquer empresa de manufatura, as bombas são uma parte importante de nossas operações. Estamos atualmente conduzindo uma auditoria bomba que avalia a eficiência de to- das as bombas usadas em todas as nossas instalações. E porque nossas bombas são projetadas para uma longa vida operacional, exercitar o nosso compromisso com a eficiência, muitas vezes significa substituir as bombas que ainda estão funcionando muito bem. O QUE O FUTURO RESERVA À medida que a sociedade continua a progredir, as bombas con- tinuarão a desempenhar um papel vital. Aquelas eficientes não só ajudarão a reduzir as emissões de CO2 diretamente, mas tam- bém serão usadas na produção de novos produtos que poupam energia e no desenvolvimento de soluções energéticas sus- tentáveis. Elas também ajudarão a combater os crescentes prob- lemas de abastecimento de água, melhorar a forma como lida- mos com os resíduos e reduzir o impacto ambiental doméstico e industrial. As bombas têm um efeito de longo alcance,e é por isso que estamos empenhados em fazer cada uma tão boa quanto possa ser. “Com a criação de nosso Projeto de Cobertura de CO2, já demos o primeiro passo rumo à redução das emissões de CO2 em nossa empresa. Por meio de uma contabilização detalhada das emissões de CO2 manteremos nossos avanços e identificaremos as areas com o maior potencial de melhoria.” Carsten Bjerg, CEO da Grundfos 28
  • 31
  • BOMBAS GRUNDFOs DO BRASIL LTDA Av. Humberto de Alencar Castelo Branco, 630 São Bernardo do Campo - SP 09850-300 Tel. (+55 11) 4393 55 33 - FAX (+55 11) 4343 56 71 www.grundfos.com - www.grundfos.com.br Ser resonsável é a nossa base. Pensar além torna tudo possível. Inovar é o essencia. Para outras informações, visite o site: www.grundfos.com/energy ou www.grundfos.com.br