Seo Training
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Seo Training

on

  • 1,175 views

SEO Training Apresentação

SEO Training Apresentação

Statistics

Views

Total Views
1,175
Views on SlideShare
1,175
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
19
Comments
1

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • É uma pena... não está em boa visualização (firefox, openoffice). Não dá leitura em alguns slides. tem um retangulo cinza no fundo... mesmo assim valeu...
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Seo Training Seo Training Presentation Transcript

  • CENTRO DE TREINAMENTO Website - http://cursodeformacaoseo.griff.art.br
  •  
    • SEO é um acrônimo, ou seja, uma sigla de Search Engine Optimization , que significa otimização de sites para motores de busca.
    • Search Engine é um motor de busca, como o Google, por exemplo, onde você pesquisa os conteúdos na web. Optimization significa (otimização) e refere-se ao estudo de problemas em que se busca minimizar ou maximizar uma função. No caso do SEO vamos maximizar a função. Quando falamos em técnicas de SEO , ou Otimização SEO , queremos dizer que vamos maximar a visibilidade do site para os motores de busca.
    • A organização da estrutura HTML é fundamental para uma boa resposta do servidor , o tempo de abertura de uma página da web, que deve ser de 00:04 a 00:07 segundos e consequentemente para a sua usabilidade.
    • O primeiro passo a ser dado antes de uma Otimização SEO, ou seja, aplicar as técnicas de SEO em uma página para melhorar sua visibilidade aos motores de busca, é fazer a Otimização da mesma, ou seja, a organização da estrutura HTML .
    • Veja os exemplos a seguir...
  •  
  •  
    • A descrição da página deve ser um resumo do conteúdo que ela oferece. O texto deve ser bem elaborado, sem erros de português, com a inclusão das palavras-chaves referentes ao produto ou serviço oferecido e não deve ser muito extenso. No máximo 250 caracteres.
    • Palavras-chaves são as palavras que identificam os produtos ou serviços oferecidos na página. As palavras-chaves devem ser escolhidas estrategicamente para atrair um tráfego mais qualificado. Nem sempre as palavras-chaves mais concorridas são as melhores.
    • O Google oferece uma ferramenta on-line que facilita muito a procura por palavras-chaves: https://adwords.google.com/select/KeywordToolExternal
  •  
  •  
    • URLs e Títulos , além de serem fatores prioritários na otimização SEO, devem conter as palavras-chaves referentes ao produto ou serviço oferecido na página.
    • Url é o domínio. ex: www.seusitenaweb.com.br
    • Título da página é o que aparece no canto superior esquerdo do navegador.
    • As palavras-chaves devem ser inseridas na URL e no Título da página para melhorar sua posição no ranking de posicionamento nas buscas.
  •  
    • Meta Tags são linhas de código HTML, como se fossem etiquetas com informação de dados referentes a página.
    • Alguns sistemas de busca dão aos conteúdos das meta tags relevância no ranking de posicionamento e a maioria deles, indexam as meta tags description e keywords como sumários da página. Se usadas corretamente ajudam a melhorar a visibilidade do site nos resultados de busca.
    • As meta tags são usadas para fornecer informações à todos os tipos de clientes e cada sistema processa somente as meta tags que entendem, ignorando as restantes. Veja por ex: as meta tags que o Google reconhece... http://www.google.com/support/webmasters/bin/answer.py?hl=br&answer=79812
    • <!DOCTYPE html PUBLIC &quot;-//W3C//DTD XHTML 1.0 Strict//EN&quot; &quot;http://www.w3.org/TR/xhtml1/DTD/xhtml1-strict.dtd&quot;/>
    • <html xmlns=&quot;http://www.w3.org/1999/xhtml&quot; xml:lang=&quot;pt-br&quot; lang=&quot;pt-br&quot;/>
    • <head>
    • <TITLE>Nesta tag deve ser inserido o título da página</TITLE>
    • <meta http-equiv=&quot;content-type&quot; content=&quot;text/html; charset=iso-8859-1&quot;/> (esta meta tag define o padrão Europeu ocidental, facilitando para o navegador ou mecanismos de pesquisa identificar o texto utilizado no código.)
    • Obs: Meta tags com o atributto HTTP-Equiv são equivalentes aos cabeçalhos http, controlam as ações dos browsers e são usadas para melhor especificar as informações.
    • <meta name=&quot;description&quot; content=&quot;nesta meta tag deve ser inserida uma breve descrição do conteúdo da página&quot;/>
    • <meta name=&quot;keywords&quot; content=&quot;nesta meta tag deve ser inserida as palavras-chaves&quot;/>
    • <meta name=&quot;robots&quot; content=&quot;index,follow&quot;/> (informa aos mecanismos de busca para indexar a página inicial e todas as páginas nela referenciadas)
    • <meta name=&quot;robots&quot; content=&quot;noindex,follow&quot;/> (informa aos mecanismos de busca para não indexar a página inicial, mas indexar as páginas nela referenciadas)
    • <meta name=&quot;robots&quot; content=&quot;index,nofollow&quot;/> (informa aos mecanismos de busca para indexar a página inicial, mas nenhum link que ela contenha)
    • <meta name=&quot;robots&quot; content=&quot;noindex&quot;/> (informa aos mecanismos de busca para não indexar a página)
    • <meta name=&quot;author&quot; CONTENT=&quot;griff art & design“/>
    • </head>
  •  
    • As heading tags servem para aumentar a força de determinadas palavras-chave em uma página, possibilitando uma posição melhor nas buscas por esses termos.
    • São elas: <h1> <h2> <h3> <h4> <h5> <h6>
    • Devem ser usadas obedecendo a hierarquia, ou seja nunca use uma heading tag <h1> depois de uma <h2>.
    • <h1> deve ser colocada no título do texto principal </h1>
    • <h2> deve ser colocada nos subtítulos dos textos</h2>
    • Nunca repita o conteúdo de uma heading tag.
  •  
    • As tags <strong> ou<b> servem para destacar uma determinada palavra-chave ou uma frase no texto.
    • A maioria dos buscadores não reconhecem a tag <bold> representada da forma a seguir <b> e reconhecem apenas a tag <strong> , embora, teoricamente tenham a mesma função em relação ao texto.
    • Para resolver essa questão utilize sempre a tag <strong> quando quiser dar ênfase em determinada palavra-chave.
    • Essa técnica da relevância à uma palavra-chave na busca.
  •  
    • Os atributos alt e title devem ser colocados para especificar um texto alternativo ou substituto das imagens.
    • Alguns navegadores antigos não reconhecem o atributo title nas imagens. Por isso é recomendável usar os dois.
    • Sua síntese é: <img alt=“...” title= “...” src=“url-da-imagem”/>
    • Usado também para <area alt=“...”> <input alt=“...”>
    • O atributo title é fator fundamental também nos links. Ex:
    • <a title=“curso seo” href=“url-do-link”/>Curso SEO</a>
    • Os atributos nofollow e follow informam ao mecanismo de busca o que deve ou não ser seguido e/ou indexado. Por ex:
    • <a rel=“ nofollow ” href=“url-do-link”/>nome do link</a> (esse link não será seguido pelo mecanismo de busca).
    • <meta name=“robots” content=“ index , follow ”/> (essa meta tag informa ao mecanismo de busca que a página deve ser indexada).
    • <meta name=“robots” content=“ index , nofollow ”/> (essa meta tag informa ao mecanismo de busca que a página não deve ser indexada).
    • O “ canonical link element ” define uma versão a ser indexada para as páginas duplicadas.
    • <link rel=“ canonical ” href=“url-da-página”/>
    • URLs amigáveis são URLs fáceis de se ler e mais legível para um mecanismo de busca. EX:
    • Url original: http://www.seusite.com.br/?se=artigos&...l&categ=php
    • Nesse caso o mecanismo de busca ignora os caracteres especiais é como se eles não fizessem parte da Url.
    • URL amigável: http://www.seusite.com.br/artigos/list/10/12/2005/all/php
    • Nesse caso o sistema de busca vai ler parte por parte da sua url e fazer um mapeamento de palavras chaves referentes a artigos.
    • É muito importante nomear os arquivos swf, jpg/gif/png, menu com as palavras-chaves.
    • Palavra-chave+nome-do-arquivo+extenção...
    • Ex:
    • flash/website-desenvolvimento-menu-flash.swf
    • flash/website-desenvolvimento-header-flash.swf
    • <img alt=“website desenvolvimento – menu” src=“images/website-desenvolvimento-menu.png” title=“website desenvolvimento – menu”/>
    • De nada adianta ter um site na primeira página do Google, se o conteúdo desse site não for relevante para o seu público-alvo. Conteúdo relevante é aquele que interessa ao visitante, que faz com que o visitante queira saber mais sobre ele, que leva o visitante a finalizar um negócio ou leva-o à sua página de contato para obter mais informações e etc.
    • O conteúdo de uma página deve ser claro, objetivo, transparente nas informações e de preferência que esteja a um clique do usuário a finalização de um negócio. Não utilize imagens nem animações em excesso! Isso além de dificultar a indexação para um bom posicionamento da página pode parecer estratégia de marketing apenas para vender o produto.
    • O redirecionamento 301 é a forma correta e amigável dos motores de busca, para redirecionar web sites ou páginas da web. A sua utilização deve ser feita por diversos motivos:
    • Redirecionar uma página antiga para um endereço novo;
    • Redirecionar vários domínios para uma única página;
    • Mostrar apenas uma versão da sua página com ou sem www para não dividir o PageRank...
    • (ex: www.seudominio.com.br ou seudominio.com.br) e outros...
    • <? Header( &quot;HTTP/1.1 301 Moved Permanently&quot; );
    • Header( &quot;Location: http://websitedesenvolvimento.com&quot; ); ?>
    • Options +FollowSymlinks
    • RewriteEngine on
    • rewritecond %{http_host} ^limaepiniadm.com.br [NC]
    • rewriterule ^(.*)$ http://www.limaepiniadm.com.br/$1 [r=301,NC]
    • redirect 301 /home.htm http://www.limaepiniadm.com.br/contabilidade.htm
    • redirect 301 /index.htm http://www.limaepiniadm.com.br/contabilidade.htm
    • redirect 301 /servicos1.htm http://www.limaepiniadm.com.br/departamento-contabil.htm
    • redirect 301 /servicos2.htm http://www.limaepiniadm.com.br/departamento-fiscal.htm
    • redirect 301 /servicos3.htm http://www.limaepiniadm.com.br/abertura-de-empresas.htm
    • redirect 301 /servicos4.htm http://www.limaepiniadm.com.br/distribuicao-de-lucros.htm
    • redirect 301 /servicos5.htm http://www.limaepiniadm.com.br/administracao-de-departamento-pessoal.htm
    • redirect 301 /servicos6.htm http://www.limaepiniadm.com.br/servicos-pessoa-fisica.htm
    • É indispensável o uso das palavras-chaves no cabeçalho da página no corpo da página e no rodapé da página Ex:
    • Website Desenvolvimento | SEO - Otimização para sites de busca (Cabeçalho)
    • Novo conceito em desenvolvimento de website para Web 2.0. Na área de website desenvolvimento utilizamos linguagem de programação com tecnologia de última geração para o desenvolvimento de website . (Corpo da página)
    • Website Desenvolvimento | Criação de sites | E sites | Layouts Web 2.0 | GRIFF ART & DESIGN – (Rodapé)
    • A maioria dos especialistas em SEO , ainda fazem restrições a tecnologia flash. Porém, desde Julho de 2008 o Google já indexa o flash (arquivos.swf) normalmente, como se fossem textos em HTML.
    • Obvio, que estamos tratando de flash com textos! Pois assim como o algoritmo do Google não reconhece imagens jpg/gif/png como substituição de texto, também não reconhece as imagens do flash.
    • http://googlewebmastercentral.blogspot.com/2008/06/improved-flash-indexing.html
    • Abaixo veremos alguns sites em flash indexados pelo Google;
    • http://www.nmviagens.com.br/
    • http://www.construsec.com.br/
    • http://www.suelyaily.com.br/
    • http://www.interiordesign.com.br/
    • http://divulgar-site.com/
    • Na página em flash vamos aplicar todas as técnicas de SEO já vistas anteriormente, como:
    • As palavras-chaves devem ser inseridas na URL e no Título da página para melhorar sua posição no ranking de posicionamento nas buscas.
    • A descrição da página deve ser um resumo do conteúdo que ela oferece.
    • Dicas ... Utilizar o arquivo swf direto no HTML sem uso de script.
    • Usar as heading tags dentro da tag object.
    • <object classid=&quot;clsid:D27CDB6E-AE6D-11cf-96B8-444553540000&quot; codebase=&quot;http://download.macromedia.com/pub/shockwave/cabs/flash/swflash.cab#version=8,0,0,24&quot; width=&quot;980&quot; height=&quot;224&quot;>
    • <param name=&quot;movie&quot; value=&quot;flash/nome-do-arquivo.swf&quot; />
    • <param name=&quot;quality&quot; value=&quot;high&quot; />
    • <param name=&quot;menu&quot; value=&quot;false&quot; />
    • <!--[if !IE]-->
    • <object data=&quot;flash/nome-do-qrquivo.swf&quot; width=&quot;980&quot; height=&quot;224&quot; type=&quot;application/x-shockwave-flash&quot;>
    • param name=&quot;quality&quot; value=&quot;high&quot; />
    • <param name=&quot;menu&quot; value=&quot;false&quot; />
    • <param name=&quot;pluginurl&quot; value=&quot;http://www.macromedia.com/go/getflashplayer&quot; /> (Coloque aqui o titulo ou o texto do seu site) FAIL (the browser should render some flash content, not this / Seu navegador não suporta flash. Atualize seu navegador e volte. Até breve!)
    • </object> <!--[if !IE]--></object>
  • Primeiro passo... Configuração de links permanentes.
  • Segundo passo... Instalando plugin All in One SEO Pack.
  • Terceiro passo... configurando plugin All in One SEO Pack.
    • Utilize sempre a palavra-chave na url da página
    • Utilize sempre a palavra-chave no título do post
    • Utilize os atributos alt e title nas imagens;
    • Utilize o atributo title nos links;
    • Utilize o atributo nofollow para os links externos;
    • Utilize a tag <strong> para destacar as palavras-chaves;
    • Procure sempre ter pelo menos um link em sua postagem que direcione à outra postagem com tema ou artigo similar.
    • Não esqueça de colocar no rodapé ( footer ) a palavra-chave
    Finalizando:
    • http://cursodeformacaoseo.griff.art.br/ferramenta-de-analise-seo/ Ferramenta online para analise de SEO
    • http://www.google.com.br/webmasters/
      • ToolsWebmasters
    • http://www.websiteoptimization.com/services/analyze/ WebpageAnalyzer (Verifica erros da página)
    • http://www.seocentro.com/tools/online/server-headers-check.html - Analizador do Header (Cabeçalho da página)
    • http://www.xml-sitemaps.com/
      • Sitemap Online – (Gerador de Sitemaps)
    • Google Analytics
    • O sitemap informa ao Google e aos outros buscadores todas as urls do seu site. Ex:
    • <url> <loc>http://www.yoursite.com/</loc> <priority>1.0</priority> <lastmod>2005-07-03T16:18:09+00:00</lastmod> <changefreq>daily</changefreq> </url>
    • PageRank é um Indicador de relevância da qualidade de informação de uma página Web, que relaciona a quantidade de links que esta recebe ao prestígio e a autoridade do site de onde partiram esses links.
    • O termo PageRank é um trocadilho entre o sobrenome Larry Page, que, em parceria com Sergey Brin, desenvolveu o mecanismo de busca Google em 1998.
    • Atualmente, com as mudanças do Google não é o fator mais relevante em termos de SEO para uma página da web.
    • Links Building é a formação da estrutura total de links externos para um determinado site.
    • Backlinks são links de apoio e podem ser patrocinados.
    • Outbound Links: links internos de um website que direcionam o visitante a outros sites.
    • Link Bait: termo conhecido por conseguir links como efeito colateral. Como se fosse um ping do seu post para o blog do seu leitor.
    • Link Popularity: popularidade reconhecida pelos links externos que um website possui.
    • Link Recíproco: é o processo de troca de links entre sites distintos. Sua utilização em massa pode ser caracterizar Link Farm, técnica Black Hat SEO passível de punição pelos mecanismos de busca.
    • Links Patrocinados: Links patrocinados são anúncios em formatos de textos, com ligações para um website.
    • Para ser indexado pelo Google em no máximo 72 horas , nunca use formulário de submissão ou qualquer outro pertencente aos principais engines de busca para submeter seu site.
    • As principais engines compreendem Google, Yahoo, Bing, etc.
    • Crie um artigo referente ao seu site e publique este, com um link apontando para sua URL.
    • Um bom site para publicação de artigos dessa natureza é o www.artigonal.com
    • Todas as técnicas de SEO aplicadas dentro da página de um web site concluem uma otimização on-page.
    • Otimização off-page é o que faremos fora da página e que influenciam no posicionamento. Ex:
    • O número de sites que apontam para o seu;
    • Quais sites apontam para você;
    • O PageRank de cada site apontador;
    • O título das páginas que têm links para seu site;
    • O texto usado no link e ao redor dele;
    • A quantidade e a qualidade dos links que apontam para o site que aponta para o seu;
    • O total de Outbound Links (explicado mais adiante) que o site apontador possui;
    • O endereço IP dos sites que apontam para você;
    Otimização Interna ( On-Page SEO ) Otimização Externa ( Off-Page SEO )
    • Nota: quanto menor for a quantidade total de links presentes numa página que possui link para seu site, melhor será a qualidade desse link .
    • Obter links de sites que possuam em seus títulos alguma de nossas principais palavras-chave é extremamente importante e a maioria dos profissionais de SEO não atentam para isso.
    • Quanto maior for o número de sites que apontam para você provenientes de endereços IP diferentes , melhor para seu site.
    • Use e abuse das redes sociais , como: Twitter, Facebook. Orkut, Digg e outras.
    Otimização Externa ( Off-Page SEO )
  • Forma de &quot;F&quot; (padrão de varredura), começando na parte superior esquerda e, em seguida, progressivamente para direita movendo-se lentamente para baixo. ( Jakob Nielsen)
    • A usabilidade de um site está na facilidade de uso que ele proporciona aos seus visitantes e na clareza da informação sobre os produtos ou serviços oferecidos. Contudo, é necessário descobrir como as pessoas pensam e agem na web, para tornar a usabilidade do site eficaz.
    • Existe uma regra de ouro em usabilidade para sites chamada regra de 8 segundos, que basicamente diz que você tem 8 segundos para capturar o interesse do visitante. Embora a quantidade real de tempo varie com o local e visitante (pela sua personalidade, motivação, nível de confiança, etc), o conceito central é crítico. Seus visitantes podem compreender o seu website em apenas alguns segundos, se você responder rapidamente a perguntas básicas como: Quem é você, O que você faz, e o que você tem a oferecer!
    Algo que simboliza a rede mundial de computadores, ainda é o hiperlink em cor azul, usado pelos motores de busca como Google, Yahoo, Bing e outros.
    • Não utilize Link Farm: número excessivo de ligações entre websites com o propósito de aumentar a popularidade nos resultados de busca orgânica.
    • Não utilize Link Spam: links entre páginas que tem como objetivo específico ganhar vantagem do algoritmo em relação ao ranqueamento.
    • Não use texto ou links ocultos ;
    • Não utilize técnicas de cloaking (camuflagem do conteúdo real da página) nem faça redirecionamentos não autorizados;
    • Não envie consultas automáticas ao Google;
    • Não carregue páginas com palavras-chave irrelevantes ;
    • Não crie várias páginas , subdomínios ou domínios com conteúdo duplicado ;
    • Evite usar as Doorway s (páginas de &quot;entrada&quot; ) criadas apenas em função dos mecanismos de pesquisa, ou outras técnicas &quot;pré-fabricadas&quot;, como programas de filiação, que têm pouco ou nenhum conteúdo original.
    Black Hat SEO e Gray Hat SEO podem levar a punição do Google.
    • Leia as diretrizes para webmasters do Google http://www.google.com/support/webmasters/bin/answer.py?answer=35769, esse é um bom começo.
    • Faça uma análise minuciosa de seu site de uma ponta a outra.
    • Páginas com muitos links podem ser um problema. Se você usa blogroll, crie uma página para ele ou exiba-o apenas na página inicial. O robô do Google pode pensar que muitos links repetidos em todas as páginas do site são spam.
    • Links para sites duvidosos devem ter “nofollow”. Criá-lo é simples, basta adicionar rel= “nofollow” entre o a e o href do link.
    • Site duvidoso para o Google são sites de spammers, crackers (o pessoal dos vírus) e outros sites banidos.
    • Links de afiliados, como JáCotei, Buscapé, Mercado-Livre etc., também devem levar “nofollow”.
  •