Fitorremediação

1,664 views

Published on

se as Plantas Extraíssem Metais do Solo?
As plantas têm uma enorme capacidade de versatilidade, isto é, de se adaptarem a meios, por vezes,
extremamente adversos. Assim, porque não aproveitá-las? Com certeza já ouviste falar de plantas que colonizaram
diversas áreas de «stress abiótico», como por exemplo, solos cheios de metais tóxicos, que à partida, matariam as
mesmas. Estudos mostram que essas plantas (Imagem 1 - 4) armazenavam nos seus orgãos esses metais, sobrevivendo e
inclusivé usando-os como forma de se protegerem dos herbívoros.

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,664
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
35
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Fitorremediação

  1. 1. 12ºA Fitorremediação Biotecnologia Vegetal 1 Fernandes, A. e Rodrigues, T.2 anafernandes7@msn.com1 ; tatatikas@hotmail.com2 E se as Plantas Extraíssem Metais do Solo? As plantas têm uma enorme capacidade de versatilidade, isto é, de se adaptarem a meios, por vezes, extremamente adversos. Assim, porque não aproveitá-las? Com certeza já ouviste falar de plantas que colonizaram diversas áreas de «stress abiótico», como por exemplo, solos cheios de metais tóxicos, que à partida, matariam as mesmas. Estudos mostram que essas plantas (Imagem 1 - 4) armazenavam nos seus orgãos esses metais, sobrevivendo e inclusivé usando-os como forma de se protegerem dos herbívoros. Vejamos então como isso acontece... Processos Naturais Fontes naturais de metais Ação de Plantas Fitorremediação Depósitos de minérios e rochas, que Processo de remediação biológica que Endógenas ao longo dos tempos, por erosão, se consiste na remoção, acumulação, ou torno disseminam no meio ambiente.. inofensivo dos contaminantes ambientais. Então, Processos Antropogénicos Fontes antropogénicas de metais Imagem 1. Convolvulus sp. Imagem 2. Rubus ulmifolius Indústrias, minas, exaustão de partículas Introdução de Plantas (Disponível Http: http://www.floraphoto.com.au/images/ Convolvulus%20erubescens,%20Mullion%20Range%20St ate%20Forest,%20North%20Mullion%20Range,%20NE%2 (Disponível Http: http://static.photaki.com/ amora-preta-rubus-ulmifolius_135472.jp) de gases de motores, centrais de 0Mullion%20Creek,%20NSW%20%20processed%202.jpg) Exóticas produção de energia, agricultura intensiva, resíduos municipais, etc. Zn 898.9 (125 - 3620) Hg 66. 6 (0.3 - 275) Pb 835.4 (16 - 3740) As 1495 (45 - 5 620) Concentração de metal (mg/kg de solo) Metal Pb Zn Hg As Imagem 3. Phragmites australis Imagem 4. Solanum nigrum (Disponível Http:http://www.flowersinisrael.com Planta (Disponível Http: http://image.shutterstock.com/ display_pic_with_logo/566128/566128,1287699271,1/stock- photo-phragmites-australis-phragmites-australis-it-is-a- / F l o w g a l l e r y / S o l a n u m _ n i g r u m _ f l o w e r. j p g ) perennial-herb-species-rhizomatous-and-can-64052452.jpg) Convolvulus sp. 2.8 599 1.6 2.3 Rubus ulmifolius 6.0 714 0.5 31.2 Phragmites australis 2.7 374 12.7 2.9 Fitoextração 2.6 1130 Absorção e acumulação dos metais Solanum nigrum 9.1 5.4 pesados nos tecidos das plantas.. Inoculação com EDTA EDDS Aumento da Adição de agentes Folhas 231 140 G . claroideum e G . intraradices acumulação de Zn por quelantes S. nigrum. Caules 93 124 (Caules registam maior acumulação.) (EDTA e EDDS) Raizes 81 104 Biomassa Aumento % de Acumulação de Zn Plantas acumuladoras de metais [Zn] Fitoestabilização Aumento da solubilização e consequente biodisponibilidade do Zn no solo. No entanto, leva a um Uma planta diz-se acumuladora quando tem uma concentração de metal nos seus tecidos maior do acumulado -80% Libertação para o solo de aumento da dispersão ambiental. que a encontrada no solo. pela Planta Adição de correctivos orgânicos (Composto e H i p e r a c u m u l a d o r a s compostos que podem Lamas de tratamentos de águas residuais) evitando a inserção de contaminação na São uma forma extrema de plantas acumuladoras, nas quais a Lixiviação -80% de Zn imobilizar os metais pesados. cadeia alimentar e a disseminação a outros compartimentos ambientais. concentração de metal nos tecidos pode exceder 1000mg/Kg de matéria seca. Ex: Plantas do género Alyssum Brassica juncae e Streptanthus polygaloides. Reciclagem Decomposição Colheita das Plantas dos Metais (Bioreactor) As Hg (Queima Controlada) Acumuladoras (Indústrias) Pb Zn Au A Natureza disponibiliza não só recursos mas com Imagem 5. Fitoextração. o também soluções. É nosso dever protegê-la, passando também pela otimização através de uma abordagem fito-microbiana integrada, potenciando a fitorremediação, contribuindo para uma maior sustentabilidade da tecnologia.Bibliografia: Coutinho, H. e Barbosa, A. (2007). «Fitorremediação: Considerações Gerais e Características de Utilização» Disponível http: www.scielo.oces.mctes.pt/pdf/slu/v15n1/v15n1a08.pdf (1/02/2012); Oliveira, R.,Marques, A., Vosátka, M., Dodd, J., Rangel, A. e Castro P. «Fitorremediação na Requalificação de solos:uma abordagem biotecnológica». Disponível http: www.graq.isep.ipp.pt/uploadFiles/file/15Fitorremediacao.pdf (1/02/2012); Autor não divulgado. «Fitorremediação de solos contaminados com metais pesados». Disponível http: www.institutovirtual.pt/edu-agri-biotec/doc/fitorremediação.doc (1/02/2012); «A biodiversidadenos processos de Fitorremediação». Disponível http: files.sustentabio.webnode.pt/.../Apresent-Fitoremediacao-Lopo..pdf (1/02/2012); Campos, S. (2005). «Plantas podem retirar do solo partículas de ouro».Disponível http: http://www.drashirleydecampos.com.br/noticias/26699 (1/02/2012);Lima, M.,Viegas, A. (2002). «Fitorremediação. Série Fichas Temáticas 5 Material Didáctico Multimédia de Genética e Biotecnologia Vegetal, 5pp» Disponível http: http://www.institutovirtual.pt/edu-agri-biotec/ (1/02/2012).

×