Radiação ultravioleta
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Radiação ultravioleta

on

  • 505 views

 

Statistics

Views

Total Views
505
Views on SlideShare
502
Embed Views
3

Actions

Likes
0
Downloads
2
Comments
0

1 Embed 3

http://project-rb.blogspot.com 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Radiação ultravioleta Radiação ultravioleta Document Transcript

  • 24/06/13 Radiação ultravioleta – Wikipédia, a enciclopédia livrept.wikipedia.org/wiki/Radiação_ultravioleta 1/3UltravioletaCiclos por segundo: 750 THz a 300 PHzComprimento de onda: 400 nm a 15 nmRadiação ultravioletaOrigem: Wikipédia, a enciclopédia livre.A radiação ultravioleta (UV) é a radiação eletromagnética ou osraios ultravioleta com um comprimento de onda menor que a da luzvisível e maior que a dos raios X, de 380 nm a 1 nm. O nomesignifica mais alta que (além do) violeta (do latim ultra), pelo fatode que o violeta é a cor visível com comprimento de onda mais curtoe maior frequência.A radiação UV pode ser subdividida em UV próximo (comprimentode onda de 380 até 200 nm - mais próximo da luz visível), UV distante (de 200 até 10 nm) e UV extremo (de1 a 31 nm).No que se refere aos efeitos à saúde humana e ao meio ambiente, classifica-se como UVA (400 – 320 nm,também chamada de "luz negra" ou onda longa), UVB (320–280 nm, também chamada de onda média) e UVC(280 - 100 nm, também chamada de UV curta ou "germicida"). A maior parte da radiação UV emitida pelo solé absorvida pela atmosfera terrestre. A quase totalidade (99%) dos raios ultravioleta que efetivamente chegama superfície da Terra são do tipo UV-A. A radiação UV-B é parcialmente absorvida pelo ozônio da atmosferae sua parcela que chega à Terra é responsável por danos à pele. Já a radiação UV-C é totalmente absorvidapelo oxigênio e o ozônio da atmosfera.As faixas de radiação não são exatas. Como exemplo, o UVA começa em torno de 410 nm e termina em315 nm. O UVB começa em 330 nm e termina em 270 nm aproximadamente. Os picos das faixas estão emsuas médias.Seu efeito bactericida a torna utilizável em dispositivos que mantêm a assepsia de certos estabelecimentos.Outro uso é a aceleração da polimerização de certos compostos. Também é utilizada para apagar dadosescritos em uma memória eletrônica EPROM.Muitas substâncias, quando expostas à radiação UV, se comportam de modo diferente de quando expostas àluz visível, tornando-se fluorescentes. Este fenômeno se dá pela excitação dos elétrons nos átomos e moléculasdessa substância ao absorver a energia da luz invisível. Ao retornar a seus níveis normais (níveis de energia), oexcesso de energia é reemitido sob a forma de luz visível.Índice1 Subtipos2 Luz negra3 Bibliografia4 ReferênciasSubtipos
  • 24/06/13 Radiação ultravioleta – Wikipédia, a enciclopédia livrept.wikipedia.org/wiki/Radiação_ultravioleta 2/3Arte com materiais fluorescentes. (Artista:Beo Beyond)O espectro eletromagnético da luz ultravioleta pode ser dividido de várias formas. A norma ISO sobredeterminação de irradiância solar (ISO-21348:2007) descreve as seguintes faixas:Nome Abreviação Faixa de comprimento de onda (nm)Ultravioleta UV 100 nm – 400 nmUltravioleta de vácuo VUV 10 nm – 200 nmUltravioleta extremo EUV 10 nm – 121 nmUltravioleta longínquo FUV 122 nm – 200 nmUltravioleta C UVC 100 nm – 280 nmUltravioleta médio MUV 200 nm – 300 nmUltravioleta B UVB 280 nm – 315 nmUltravioleta próximo NUV 300 nm – 400 nmUltravioleta A UVA 315 nm – 400 nmLuz negraExistem certas lâmpadas ultravioleta que emitem comprimentosde onda próximos à luz visível entre 380 e 420 nm. Estas sãochamadas de lâmpadas de "luz negra".O UV destas lâmpadas é obtido principalmente através de umalâmpada fluorescente sem a proteção do componente (fósforo)que a faz emitir luz visível.Dentro da lâmpada há um vapor (mercúrio) que, na passagemde elétrons, emite radiação no comprimento de onda doultravioleta. Esta radiação liberada "bate" na borda da lâmpadaque é revestida internamente por um fósforo. O fósforo excitadocom a energia recebida reemite a energia em comprimentos deonda do visível (branco).A diferença para a luz negra, é que esta não possui o revestimento de fósforo, deixando, assim, passar toda aradiação ultravioleta.Este tipo de luz é usada em aparelhos elétricos para atrair insetos e eletrocutá-los. Outros tipos de uso são paraidentificar dinheiro falso, decoração, boates e tuning.BibliografiaFrancis Rouessac and Annick Rouessac; Chemical Analysis, Modern Instrumentation Methods andTechniques; John Wiley & Sons, 2000, p189.Referências1. ↑ ISO 21348 Process for Determining Solar Irradiances (http://www.spacewx.com/ISO_solar_standard.html).1