As Redes Sociais como Instrumento de Participação e Aproximação da Sociedade com a Administração Pública
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

As Redes Sociais como Instrumento de Participação e Aproximação da Sociedade com a Administração Pública

on

  • 1,320 views

Palestra realizada no Evento Alagoas Digital, 23 de abril de 2010.

Palestra realizada no Evento Alagoas Digital, 23 de abril de 2010.

Statistics

Views

Total Views
1,320
Views on SlideShare
1,320
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
9
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

As Redes Sociais como Instrumento de Participação e Aproximação da Sociedade com a Administração Pública Presentation Transcript

  • 1. MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO Alagoas Digital 2010 João Batista Ferri de Oliveira Maceió, 23 de Abril de 2010 As Redes Sociais como Instrumento de Participação e Aproximação da Sociedade com a Administração Pública
  • 2. Redes Sociais - Fritjof Capra
      • São redes de comunicação que envolvem a linguagem simbólica, os limites culturais e as relações de poder .
      • Uma medida de política social que reconhece e incentiva a atuação das redes de solidariedade local no combate à pobreza e a exclusão social e na promoção do desenvolvimento local.
      • As redes sociais são capazes de expressar idéias políticas e econômicas inovadoras, com o surgimento de novos valores, pensamentos e atitudes.
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 3. Redes Sociais - Fritjof Capra
      • É um segmento que proporciona a ampla informação a ser compartilhada por todos, sem canais reservados e fornecendo a formação de uma cultura de participação .
      • As redes unem os indivíduos , organizando-os de forma igualitária e democrática e, em relação aos objetivos que eles possuem em comum .
      • É possível, graças ao desenvolvimento das Tecnologias da Informação e Comunicação ( TIC ), a globalização, a evolução da cidadania e do conhecimento científico sobre a vida.
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 4. Redes Sociais – Manuel Castells
      • A Internet também discute a realidade social e a virtualidade.
      • Os usos da internet são instrumentais e ligados ao trabalho, família e à vida cotidiana.
      • É uma extensão da vida como ela é, em todas as dimensões e sob todas as suas modalidades.
      • A internet contribui para o novo padrão de sociabilidade baseado no individualismo.
      • O individualismo em rede é um padrão social, não um acúmulo de indivíduos isolados.
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 5. Quem Participa?
    • Informal:
      • Redes de relacionamento
      • Familiares, vizinhos, amigos, colegas
      • Começam na infância e contribuem para a formação das identidades
    • Global :
      • Profissionais, funcionário públicos e privados, organizações públicas e privadas, não-governamentais, organizações sociais fornecem atenção, orientação e informação.
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 6. Quem Participa?
    • Associativa :
      • Própria comunidade, religiões, área de saúde, etc.
      • Formada por pessoas que receberam capacitação especializada, tendo como função a prevenção e apoio.
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 7. Administração Pública
    • Individual – Servidores Públicos.
      • Interesse particular – Relacionamento
      • Curiosidade
      • Subsídios para o trabalho?
    • Institucional – Organizações Públicas.
      • Informar, divulgar
      • Participar - Interagir
      • Subsídios para políticas públicas?
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 8. Dificuldades Para a Administração Pública
    • Regulamentação
      • Código de Postura?
      • Critérios?
    • Orientação
      • O que é?
      • Quando usar?
      • Como usar?
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 9. Dificuldades Para a Administração Pública
    • Iniciativas individuais e não institucionais
      • Redes de relacionamento pessoal
      • Não relacionada ao trabalho
    • Institucionais
      • Infra-estrutura
    • Desconhecimento da própria WEB 2.0
      • Possibilidades
    • Atividades Ilícitas
      • Pedofilia
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 10. Controle ou Gestão
    • Controle
      • Bloqueio Geral
    • Mecanismos para a Gestão
      • Disponibilizar / liberar o acesso
      • Verificar, avaliar, mensurar
      • Sistematizar
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 11. Desafios
    • Entendimento e compreensão
    • Orientação
    • Regulação
      • Marco Civil da Internet?
    • Participação
    • Interação
    • Criação de Ambientes
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 12. Experiências
    • Sítios e Portais de Governo
      • Aplicações
    • Comunidades do Portal Software Público
      • Especializado
    • Blog da Presidência
    • e-Gov
      • http://twitter.com/govbr
      • http://delicious.com/govbr
    Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
  • 13. João Batista Ferri de Oliveira Diretor Departamento de Governo Eletrônico Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão [email_address] +55 (61) 2020 1319
  • 14.