Inglaterra
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Inglaterra

on

  • 2,433 views

Tudo o que precisam de saber sobre Inglaterra.

Tudo o que precisam de saber sobre Inglaterra.

Statistics

Views

Total Views
2,433
Views on SlideShare
2,433
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
40
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Inglaterra Presentation Transcript

  • 1.  A Inglaterra é uma das nações constituintes do Reino Unido. Historicamente dominante, ocupa a metade sul da ilha da Grã-Bretanha, à excepção de uma área a oeste, correspondente ao País de Gales. Limita a Norte com a Escócia, a Leste com o mar do Norte, a Sul com o canal da Mancha e a Oeste com o oceano Atlântico, Gales e o mar da Irlanda. A sua capital é Londres. Tem uma área de 130 439 quilómetros quadrados e uma população de 49 milhões de habitantes. A área que é agora chamada de Inglaterra foi ocupada por povos de várias culturas por cerca de 35 mil anos, mas leva o seu nome dos Anglos, uma das tribos germânicas que ali se instalaram entre o séculos V e VI. A Inglaterra tornou-se um Estado unificado em 927 d.C., e desde a época dos Descobrimentos que se iniciou no século XV, teve um significativo impacto cultural e jurídico em todo o mundo. O idioma Inglês, a Igreja Anglicana e o sistema parlamentar têm sido adoptados por outras nações. A Revolução Industrial teve origem na Inglaterra no século XVIII, transformando-se no primeiro país industrializado, e a Royal Society lançou as bases da ciência experimental moderna. O Reino da Inglaterra, que depois de 1284 incluiu Gales, era um Estado soberano até 1 de Maio de 1707, quando os Actos de União puseram em prática as condições estabelecidas no Tratado da União do ano anterior, resultando em uma união política com o Reino da Escócia para criar o Reino Unido da Grã-Bretanha. Em 1800, a Grã-Bretanha uniu-se com a Irlanda através de uma outra lei da União para se tornar o Reino Unido da Grã- Bretanha e da Irlanda. Em 1922 o Estado Livre Irlandês foi estabelecido como um domínio separado; posteriormente, a Irlanda do Norte foi incorporada ao Reino Unido, criando o Reino Unido da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte.
  • 2.  A Inglaterra foi conquistada em 1066 por um exército liderado por Guilherme, o Conquistador, Duque da Normandia, um feudo do Reino da França. Os normandos originaram-se na Escandinávia e estabeleceram-se na Normandia, alguns séculos depois. Eles introduziram o feudalismo e mantiveram o poder através de barões, que construíram castelos na Inglaterra. O período viu mudanças no comércio e na legislação, incluindo a assinatura da Carta Magna, uma carta jurídica utilizada para limitar o poder soberano por lei e proteger os privilégios dos homens livres. O monasticismo católico floresceu, as universidades de Oxford e Cambridge foram fundadas com o patrocínio real. Durante o século XIV, a Inglaterra e a França se enfrentaram na Guerra dos Cem Anos. A epidemia da Peste Negra atingiu a Inglaterra, a partir de 1348, e matou metade dos seus habitantes. De 1453-1487 uma guerra civil entre dois ramos da família real, a Casa de York e a Casa de Lancaster, ficou conhecida como a Guerra das Rosas.
  • 3.  A bandeira da Inglaterra, uma das nações constituintes do Reino Unido, consiste numa cruz de São Jorge vermelha em um fundo branco. A sua origem não foi estabelecida com precisão, mas aparece como símbolo inglês desde a Idade Média. Foi a bandeira do exército britânico e insígnia da marinha mercante até 1606. De 1606 até 1801 foi usada pela marinha mercante. O brasão da Inglaterra está formado por um único campo de gules em que aparecem três leões passantes de ouro, linguados, com as garras à mostra na cor azul.
  • 4.  A moeda utilizada na Inglaterra é a libra esterlina, com o símbolo £ (pound ou sterling, em inglês), uma das mais fortes moedas do mundo; os centavos ou cêntimos (pence, em inglês, singular penny) já foram denominados "dinheiros", em português. Uma das quatro principais economias europeias, a Inglaterra é um centro líder de comércio exterior e de serviços financeiros, com o sexto maior Produto Interno bruto do mundo, próximo aos dois triliões de dólares, inferior apenas aos Estados Unidos, China, Japão, Alemanha e França. A Educação é obrigatória no Reino Unido dos 5 aos 16 anos de idade, sendo oferecida em escolas financiadas pelo governo (state-funded schools) ou particulares (mais conhecidas por independent, também chamadas de public schools na Inglaterra e País de Gales). As escolas britânicas classificam-se também por género, podendo ser escolas para garotos, escolas para garotas ou escolas chamadas co-educacionais. Podem ser ainda day schools (escolas diárias em que os alunos apenas estudam de dia) ou boarding schools (alguns ou todos os alunos estudam e residem na escola), sendo que a maioria das escolas independentes são boarding schools. Existe ainda uma outra classificação dentro do sistema britânico, que é as Grammar schools, destinadas aos alunos mais bem dotados academicamente. De outro lado, ainda existem as escolas especiais, que atendem alunos com necessidades educativas especiais, embora o sistema regular (mainstream) acolha estes alunos em regime de educação inclusiva.
  • 5.  A cultura de Inglaterra refere-se às normas culturais idiossincrásicas de Inglaterra e a povos ingleses. Por causa da posição dominante de Inglaterra dentro do Reino Unido quanto a população, a cultura inglesa é muitas vezes difícil de diferenciar-se da cultura do Reino Unido no conjunto. Contudo, há algumas práticas culturais que se associam especificamente com Inglaterra. A cultura da Inglaterra também reúne factos como a conquista anglo-saxã da Grã-Bretanha celta, a derrota do Rei Haroldo Godwinson na batalha de Hastings, em 1066, a Peste Negra que atingiu a Inglaterra em 1349, e matou possivelmente um terço da população, a Guerra das Rosas, que deu a vitória a Henrique VII Tudor, na batalha de Bosworth Field, em 1485, os conflitos religiosos e a guerra civil.
  • 6.  A gastronomia da Inglaterra está voltada principalmente aos frutos do mar, a peixes e frituras, batata frita, carne de porco com ervilha, que é um prato que o s ingleses gostam muito de comer, e que se encontra nos seus restaurantes, nos shoppings as cadeias de fast food, junto às suas áreas de alimentação, sendo que em Londres os turistas irão encontrar e poderão apreciar comida típica de várias partes do mundo, através de restaurantes, nos seus mais diversos pontos da cidade. Comer num restaurante em Londres, os turistas terão à disposição pratos franceses, italianos, portugueses, indianos, japoneses, etc. São pratos da cozinha internacional preparados pelos seus chefes de cozinha, e que oferecem justo dos seus cardápios, além da comida, os vinhos e as bebidas.
  • 7.  Londres (em inglês: London) é a capital e a maior e mais importante cidade da Inglaterra e do Reino Unido. Por dois milénios, foi um grande povoado e sua história remonta à sua fundação pelos romanos, quando foi nomeada Londinium. O centro de Londres, a antiga City of London, também conhecida como The Square Mile ("a milha quadrada") ou The City, mantém as suas fronteiras medievais. Pelo menos desde o século XIX, o nome "Londres" se refere à metrópole desenvolvida em torno desse núcleo. Hoje, a maior parte dessa conurbação constitui a região da Grande Londres, cuja área administrativa tem seu próprio prefeito eleito e assembleia. Londres é uma Cidade Global Alfa ++ (ao lado de Nova York e Tóquio), e um dos maiores, mais importantes e influentes centros financeiros do mundo. O centro de Londres abriga a sede de mais da metade das 100 melhores companhias do Reino Unido (o índice FTSE 100) e mais de 100 das 500 maiores da Europa. Londres possui forte influência na política, finanças, educação, entretenimento, mídia, moda, artes e cultura em geral, o que contribui para a sua posição global. É um importante destino turístico para visitantes nacionais e estrangeiros. Londres sediou os Jogos Olímpicos de Verão de 1908 e 1948 e será a sede Jogos Olímpicos de Verão de 2012. Londres possui quatro Patrimónios Mundiais: a Torre de Londres, o sítio do acordo histórico de Greenwich, o Royal Botanic Gardens, Kew e o sítio que compreende o Palácio de Westminster, Abadia de Westminster e a Igreja de Santa Margarida. Londres tem uma gama diversa de povos, culturas e religiões e mais de 300 idiomas são falados em seu território Em Julho de 2007, a população oficial era de 7.556.900 habitantes dentro dos limites de Londres, tornando-se o município mais populoso da Europeia. A sua área urbana (a segunda maior da UE) tem uma população de 8.278.251 habitantes enquanto a região metropolitana (a maior da UE) tem uma população total (rural e urbana) estimada entre 12 milhões e 14 milhões de habitantes O Metro de Londres, administrado pela Transport for London, é a mais extensa rede ferroviária subterrânea do mundo, o Aeroporto de Londres Heathrow é o aeroporto mais movimentado do mundo em número de passageiros internacionais e o espaço aéreo da cidade é o mais movimentado do qualquer outro centro urbano do mundo.
  • 8.  Aconteceu recentemente, e não podemos deixar de meter no nosso trabalho, o casamento real entre o príncipe William Louis e Kate Middleton. Foi uma cerimónia muito bonita em que os noivos foram “seguidos” por milhares de pessoas desde que entraram no palácio até que saíram. Como é tradição, o casal deu o primeiro beijo à varanda e o momento romântico foi aplaudido por milhares e milhares de pessoas.
  • 9. FI