Your SlideShare is downloading. ×
0
Grupo de Economia do Saneamento, Energia                  & Soluções Ambientais –         Sessão de 14 de Fevereiro de 201...
Realizações da DécadaDesafio da Universalização Investimento Total em A & E quase duplicou    Recursos próprios - parcela ...
Investimento Total em Água e Esgotos  - Inflação amplifica a sensação de crescimento                              Milhões ...
Investimento Total em Água e Esgotos    - Quase duplicou em 10 anos- Média decenal 6 Bilhões de R$ Dez 2011               ...
Financiamento por Origem dos RecursosMilhões de R$ Constantes Dez 201110000 9000                                          ...
Financiamento por Origem dos Recursos% de cada origem no Inv. Total      Fonte : 2002-09 SNIS - Est. 2010-11, Prev. 2012 e...
Recursos PrópriosDe 2002 a 2009 – Principal OrigemMilhões de R$ Correntes9000                                             ...
Recursos PrópriosForte pico em 2009                       Milhões R$ Constantes Dez 20115000                              ...
Financiamentos CAIXA-FGTS –       Contratações e Desembolsos em            Milhões R$ Correntes                           ...
Financiamentos CAIXA-FGTS           Contratações e Desembolsos em Milhões R$ Constantes Dezembro 2011                     ...
Financiamentos CAIXA-FGTS  Saldo Contratos ao fim do ano anterior e Desembolsos            no ano em Milhões R$ Correntes ...
Financiamentos CAIXA-FGTSDesembolsos do Ano em média = 23% do SaldoContratos em Carteira ao Fim do Ano Anterior           ...
Contratação CAIXA-FGTS -2002/2011 – ÁGUA + Esgoto = 71% do Total em Saneamento                                            ...
Financiamentos BNDES-FAT –       Contratações e Desembolsos em            Milhões R$ Correntes                            ...
Financiamentos BNDES-FAT                Contratações e Desembolsos em Milhões R$ Constantes Dezembro 2011                 ...
Financiamentos BNDES-FAT Saldo Contratos ao fim do ano anterior e Desembolsos           no ano em Milhões R$ Correntes    ...
Financiamentos BNDES - FATDesembolsos do Ano em média = 50% do SaldoContratos em Carteira ao Fim do Ano Anterior         D...
Financiamentos BNDES – FATContratações 2010 – AGUA + Esgoto = 66% do Total em Saneamento                  Valor Financiado...
Financiamentos com Recursos Onerosos*Em média = 93% da Soma Desembolsos (CAIXA + BNDES) **   * Rec.Onerosos SNIS integram ...
Financiamentos com Recursos OnerososDobraram entre 2002 e 2009                   Milhões R$ Constantes Dez 20113500       ...
Financiamento com Recursos NÃO OnerososGrande salto em 2009                           Milhões R$ Correntes2500            ...
Financiamento com Recursos NÃO OnerososMesmo em valor constante salto de 2009 foi relevante                    Milhões R$ ...
Financiamento do Investimento Para Universalização A & EDimensionamento Necessidade – Estudo LCA & Entidades  Valores esti...
Financiamento do Investimento para Universalização A & EDimensionamento Necessidade – Estudo LCA & Entidades30,0          ...
Financiamento do Investimento Universalização A & EDimensionamento Necessidade                              – Estudo LCA &...
Financiamento do Investimento para Universalização A & EDimensionamento Necessidade - PLANSAB Última VersãoExtrato da Tabe...
Financiamento do Investimento para Universalização A & EDimensionamento NecessidadeComparação entreEstudo LCA & Entidades ...
Realizações da DécadaDesafio da Universalização Investimento Total em A & E quase duplicou     Recursos próprios - parcela...
Melhoria Operacional -Enorme GanhoPotencial – Água Não ContabilizadaTendência Decenal   Desejável - Factível              ...
Melhoria Operacional Enorme Ganho Potencial – Água Não Contabilizada                                       Perda de fatura...
Melhoria Operacional – Enorme Ganho  Potencial – Água Não Contabilizada                        Ganho potencial - R$ mi2025...
Melhorias Operacionais – Enorme GanhoPotencial – Evasão de ReceitaTendência Decenal   Desejável - Factível                ...
Melhorias Operacionais – EnormeGanho Potencial – Evasão de Receita         Período      2003-2008    2009-2015   2016-2020...
Melhoria Operacional - Enorme GanhoPotencial – Evasão de Receita                            Ganho potencial               ...
CONCLUSÃO O DESEAFIO É ENORME !!! SÃO TAMBEM ENORMES AS OPORTUNIDADES E GANHOS POTENCIAIS !!!                           35
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Rosito

364

Published on

Apresentação do Dr. Carlos Rosito na última reunião do Grupo de Economia do Saneamento, Energia & Soluções Ambientais sobre Como destravar o financiamento de longo prazo da infraestrutura

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
364
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Rosito"

  1. 1. Grupo de Economia do Saneamento, Energia & Soluções Ambientais – Sessão de 14 de Fevereiro de 2012 Carlos ROSITO 1
  2. 2. Realizações da DécadaDesafio da Universalização Investimento Total em A & E quase duplicou Recursos próprios - parcela maior , mas concentrada Financiamentos CAIXA e BNDES quase triplicam na década e correspondem a mais de 90% dos Recursos Onerosos Financiamentos Não Onerosos também crescem, mas devem crescer muito mais para viabilizar: Acesso dos menos favorecidos A Coleta e Tratamento de esgotos SALTO QUANTICO na GESTÃO para quase triplicar os investimentos médios Governança – Regulação Planejamento – Projetos Melhoria operacional: ANC – Água Não Contabilizada Eficiência Energética 2
  3. 3. Investimento Total em Água e Esgotos - Inflação amplifica a sensação de crescimento Milhões R$ Correntes 12000 10000 9600 7839 8200 7900 8000 6000 5620 4537 4238 4000 2607 2768 3019 3103 3546 2000 0 Milhões R$ Correntes Linear (Milhões R$ Correntes) Fonte : 2001-2009 SNIS - 2010-11-12 Estimativa e Previsão C.Rosito 3
  4. 4. Investimento Total em Água e Esgotos - Quase duplicou em 10 anos- Média decenal 6 Bilhões de R$ Dez 2011 Milhões R$ Constantes Dez 201110000 9031 8991 9143 8157 8000 6786 5955 6000 5048 4890 4804 4541 4963 5365 4000 2000 0 Milhões R$ Constantes Dez 2011 Linear (Milhões R$ Constantes Dez 2011) Atualização Monetária dos valores do Slide anterior pelo IPCA 4
  5. 5. Financiamento por Origem dos RecursosMilhões de R$ Constantes Dez 201110000 9000 45 603 540 8000 535 1900 2138 1425 7000 1652 6000 455 445 2081 3180 932 3084 5000 746 447 426 604 2891 4000 472 464 430 767 406 910 783 1377 1173 2213 3000 692 787 846 632 4480 3837 2000 2429 2682 2276 2494 2957 2829 2725 3098 3619 1000 0 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 - 2011 - 2012 - E E E Rec.Próprio Rec. Onerosos Rec. Ñ Onerosos Desp.Capit. Fonte : 2001-2009 SNIS - 2010-11-12 Estimativa e Previsão C.Rosito Atualização Monetária pelo IPCA 5
  6. 6. Financiamento por Origem dos Recursos% de cada origem no Inv. Total Fonte : 2002-09 SNIS - Est. 2010-11, Prev. 2012 e Elaboração C.Rosito 6
  7. 7. Recursos PrópriosDe 2002 a 2009 – Principal OrigemMilhões de R$ Correntes9000 7839800070006000 56205000 4537 4228 3546 38634000 3018 3103 27683000 2253 2235 2257 1685 1555 18192000 13751000 0 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 Rec. Próprios Total Linear (Rec. Próprios) Linear (Total) Fonte: SNIS 7
  8. 8. Recursos PrópriosForte pico em 2009 Milhões R$ Constantes Dez 20115000 4450 3837 36194000 2957 2829 2725 30983000 2682 2429 2276 249420001000 0 Milhões R$ Constantes Dez 2011 Linear (Milhões R$ Constantes Dez 2011)Fonte: 2002-09 SNIS – 2010-11 Est. 2012- Prev. C.Rosito – Atualização Monetária pelo IPCA 8
  9. 9. Financiamentos CAIXA-FGTS – Contratações e Desembolsos em Milhões R$ Correntes 3.6554000 3.170 3.163350030002500 1.690 1.644 1.550 1.536 1.448 1.4362000 1.357 1.100 1.0361500 721 7021000 486 254 178 126 500 92 17 0-500 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Contratação Desembolso Linear (Contratação) Linear (Desembolso) 9 Fonte: CAIXA
  10. 10. Financiamentos CAIXA-FGTS Contratações e Desembolsos em Milhões R$ Constantes Dezembro 2011 4.4135000 4.0044500 3.47640003500 2.2853000 2.248 1.947 1.8942500 1.639 1.600 1.588 1.3602000 1.1361500 946 889 6661000 372 314 223 146 500 23 0 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Contratação Desembolso Linear (Contratação) Linear (Desembolso) Atualização Monetária dos valores Slide anterior pelo IPCA 10
  11. 11. Financiamentos CAIXA-FGTS Saldo Contratos ao fim do ano anterior e Desembolsos no ano em Milhões R$ Correntes 8.960 8.51010.000 7.283 7.237 8.000 4.985 6.000 2.524 2678 2.209 2.000 4.000 1.690 1.550 1.448 1.396 1.357 721 702 2.000 486 254 0 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012-P Saldo Cont. Fim Ano Anterior Desembolso Linear (Saldo Cont. Fim Ano Anterior) Linear (Desembolso) Fonte: CAIXA para as Contratações e Desembolsos 11 Elaboração do Saldo de Contratos C.Rosito
  12. 12. Financiamentos CAIXA-FGTSDesembolsos do Ano em média = 23% do SaldoContratos em Carteira ao Fim do Ano Anterior Fonte: CAIXA para as Contratações e Desembolsos 12 Elaboração C.Rosito
  13. 13. Contratação CAIXA-FGTS -2002/2011 – ÁGUA + Esgoto = 71% do Total em Saneamento 13 Fonte: CAIXA
  14. 14. Financiamentos BNDES-FAT – Contratações e Desembolsos em Milhões R$ Correntes 2.3202500 2.000 1.7302000 1.500 1.500 1.500 1.4001500 1.000 7921000 661 568 547 460 333 315 286 282 252500 11 4 0 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011-500 Contratação Desembolso Linear (Contratação) Linear (Desembolso) 14 Fonte: BNDES
  15. 15. Financiamentos BNDES-FAT Contratações e Desembolsos em Milhões R$ Constantes Dezembro 2011 2.5443000 2.4152500 1.897 1.728 1.613 1.549 1.5492000 1.266 11681500 956 801 7191000 604 449 445 437 419 412500 18 5 0 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Contratação Desembolso Linear (Contratação) Linear (Desembolso) 15 Atualização Monetária dos valores do Slide anterior pelo IPCA
  16. 16. Financiamentos BNDES-FAT Saldo Contratos ao fim do ano anterior e Desembolsos no ano em Milhões R$ Correntes 3.188 3.1883.500 2.598 2.3633.0002.500 1.730 1.500 1.500 1.5002.000 1.1551.500 917 907 792 723 6461.000 596 568 333 315 286 282 500 0 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012-P Saldo Cont. Fim Ano Anterior Desembolso Linear (Saldo Cont. Fim Ano Anterior) Linear (Desembolso) Fonte: BNDES para as Contratações e Desembolsos 16 Elaboração C.Rosito
  17. 17. Financiamentos BNDES - FATDesembolsos do Ano em média = 50% do SaldoContratos em Carteira ao Fim do Ano Anterior Desembolsos do Ano como % Saldo Carteira Fim do Ano Anterior100 79 80 69 66 63 60 56 44 47 47 40 31 35 20 0 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012-P Desembolsos do Ano como % Saldo Carteira Fim do Ano Anterior Linear (Desembolsos do Ano como % Saldo Carteira Fim do Ano Anterior) Fonte: CAIXA para as Contratações e Desembolsos Elaboração C.Rosito 17
  18. 18. Financiamentos BNDES – FATContratações 2010 – AGUA + Esgoto = 66% do Total em Saneamento Valor Financiado - Milhões de Reais 30 5% 330 780 34 % ESGOTO ÁGUA 19% 450 DRENAGEM Desenv.Institucional Resíduos Sólidos 732 Total Financiado: R$ 2.232 Milhões 32% 18 Fonte: BNDES
  19. 19. Financiamentos com Recursos Onerosos*Em média = 93% da Soma Desembolsos (CAIXA + BNDES) ** * Rec.Onerosos SNIS integram ainda outras fontes: BID – WB –JICA – KFW ** Na média apenas 66 % dos Financiamentos BNDES e 71% dos Financiamentos CAIXA para o Saneamento destinam-se aos segmentos Água e Esgotos 19
  20. 20. Financiamentos com Recursos OnerososDobraram entre 2002 e 2009 Milhões R$ Constantes Dez 20113500 3293 2914 30843000 2672 239725002000 1807 14851500 1222 1252 1160 9251000 500 0 Milhões R$ Constantes Dez 2011 Linear (Milhões R$ Constantes Dez 2011) Fonte: 2002-2009 SNIS – 2010-11-12 Est.Prev. C.Rosito – 20 Atualizados monetariamente pelo IPCA
  21. 21. Financiamento com Recursos NÃO OnerososGrande salto em 2009 Milhões R$ Correntes2500 20002000 1856 16001500 13001000 772 622 571 568 434 477 500 255 0 Milhões R$ Correntes Linear (Milhões R$ Correntes) 21 Fonte: 2002-2009 SNIS - 2010-11-12 Previsões e Estimativa C.Rosito
  22. 22. Financiamento com Recursos NÃO OnerososMesmo em valor constante salto de 2009 foi relevante Milhões R$ Constantes Dez 2011 2500 2138 2000 1900 1650 1480 1500 910 932 1000 767 783 746 604 500 406 0 Milhões R$ Constantes Dez 2011 Linear (Milhões R$ Constantes Dez 2011) 22 Atualização Moneterária dos valores do Slide anterior pelo IPCA
  23. 23. Financiamento do Investimento Para Universalização A & EDimensionamento Necessidade – Estudo LCA & Entidades Valores estimados pela ASFAMAS (ordem de grandeza) Cenário 2025 Cenário 2030 Investimento total Investimento total Investimento médio anual Investimento médio anual (R$ bilhões de (R$ bilhões de (R$ bilhões de 2010) (R$ bilhões de 2010) 2010) 2010) Necessários para 350,4 14,0 393,1 13,1 universalização Investimentos 53,9 5,4 53,9 5,4 realizados Investimentos que faltam para 296,5 19,8 por 15 anos 339,2 17,0 por 20 anos universalização * Extrapolação feita a partir do estudo “Dimensionamento das Necessidades para Universalização da Água e do Esgoto” (PMSS 2003), o qual explicitava três opções 2010, 2015 e 2020 . Atualização para 2010 pelo IPCA dos investimento totais em água e esgoto s entre 2001 e 2008 , segundo o SNIS, e consideração de estimativa ASFAMAS para os investimentos totais de 2009 e 2010. Fonte : Estudo LCA para ASFAMAS & Entidades do Setor – Abril 2011 23
  24. 24. Financiamento do Investimento para Universalização A & EDimensionamento Necessidade – Estudo LCA & Entidades30,0 * De 2001 até 2009: valores observados 25,525,0 (SNIS 2001 a 2009), em bilhões de reais de 21,0 2010. – Crescimento20,0 médio anual de 5,0%. 17,4 2010: valor estimado pela ASFAMAS com15,0 base dados dos 12,0 financiadores e operadores relevantes.10,0 8,4 De 2011 a 2030: valores 4,6 estimados com 5,0 4,5 crescimento linear, em bilhões de reais de 2010. – Crescimento - médio anual de: 6,3%. 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026 2027 2028 2029 2030 Fonte : Estudo LCA para ASFAMAS & Entidades do Setor – Abril 2011 24
  25. 25. Financiamento do Investimento Universalização A & EDimensionamento Necessidade – Estudo LCA & Entidades 0,6% (% do PIB) 0,5% 0,4% 0,3% Atual 0,20% 0,2% 0,1% 0,0% Cenário 2025 Cenário 2030 Fonte : Estudo LCA para ASFAMAS & Entidades do Setor – Abril 2011 25
  26. 26. Financiamento do Investimento para Universalização A & EDimensionamento Necessidade - PLANSAB Última VersãoExtrato da Tabela 7.5 do PLANSAB – Necessidades deInvestimentos totais e em medidas estruturais e estruturantespara Água e Esgoto no período 2011-2030, em R$ Milhões Medida/Orig Estrutural Estruturante TOTAL em Água 73.749 31.403 105.152 Esgoto 140.134 17.412 157.546 Geral * 48.815 48.815 TOTAL 213.883 97.630 311.513 * No capítulo 7 do PLANSAB ,na página 126 indica-se que para estimativa da necessidade de investimentos em ações de caráter “GERAL” assumiu-se um valor igual ao somatório dos investimentos em medidas estruturantes específicas para cada um dos componentes do Saneamento básico. Equivale pois a dobrar as medidas ditas “estruturantes”. 26
  27. 27. Financiamento do Investimento para Universalização A & EDimensionamento NecessidadeComparação entreEstudo LCA & Entidades x PLANSAB Ambos se basearam no estudo “Dimensionamento das Necessidades de Investimento para a Universalização” divulgado pelo PMSS em 2003 – 178 Bilhões de Reais de 2002 para atingir Universalização em 2020 LCA- ASFAMAS & Entidades : -Atualização monetária do total 2020 Extrapolação para 2025 e 2030, e Dedução investimentos 2001-2010 atualizados. PLANSAB: Atualização monetária Extrapolação para 2015, 2020 e 2030 revisão alguns dos conceitos metodológicos , particularmente os relativos à RENOVAÇAO. A diferença - 8 % - irrelevante e dentro das margens de tolerância: PLANSAB - 312 Bi R$ em 20 anos ou aproximadamente 16 Bi R$ por ano LCA-ASFAMAS & Entidades - 339 Bi R$ em 20 anos ou 17 Bi R$ 27
  28. 28. Realizações da DécadaDesafio da Universalização Investimento Total em A & E quase duplicou Recursos próprios - parcela maior , mas concentrada Financiamentos CAIXA e BNDES quase triplicam na década e correspondem a mais de 90% dos Recursos Onerosos Financiamentos Não Onerosos também crescem, mas devem crescer muito mais para viabilizar: Acesso dos menos favorecidos A Coleta e Tratamento de esgotos SALTO QUANTICO na GESTÃO para quase triplicar os investimentos médios Governança – Regulação Planejamento – Projetos Melhoria operacional – Enorme Ganho Potencial: ANC - Água Não Contabilizada ER – Evasão de Receita EE – Eficiência Energética 28
  29. 29. Melhoria Operacional -Enorme GanhoPotencial – Água Não ContabilizadaTendência Decenal Desejável - Factível 29
  30. 30. Melhoria Operacional Enorme Ganho Potencial – Água Não Contabilizada Perda de faturamento 40% 37,4% 35% Objetivo 29,7% 30% 25,7% 25% 23,2% 20% 15% 10% 5% 0% 2008 2009-2015 2016-2020 2021-2025 Período 2003-2008 2009-2015 2016-2020 2021-2025 Redução 0,4% 1,1% 0,8% 0,5% média anualPerda total 2008 – R$ 7,6 bilhões 30
  31. 31. Melhoria Operacional – Enorme Ganho Potencial – Água Não Contabilizada Ganho potencial - R$ mi2025 2.8402024 2.740 Ganho potencial BRUTO2023 2.640 2011- 2025:2022 2.5402021 2.440 R$ 29 bilhões2020 2.340 Investimento ESTIMADO2019 2.1802018 2.020 em controle de perdas:2017 1.860 R$ 15 bilhões2016 1.7002015 1.540 Ganho potencial líquido:2014 1.320 R$ 14 bilhões2013 1.1002012 880 PAC 2 disponibiliza 22011 660 Bilhões de R$ para2010 440 Redução das Perdas:2009 220 0 500 1000 1500 2000 2500 3000 31
  32. 32. Melhorias Operacionais – Enorme GanhoPotencial – Evasão de ReceitaTendência Decenal Desejável - Factível 32
  33. 33. Melhorias Operacionais – EnormeGanho Potencial – Evasão de Receita Período 2003-2008 2009-2015 2016-2020 2021-2025 Redução 1,2 % 0,4% 0,2% 0,1% média anual Receita Total 2008 – 27,1 Bi R$ 33
  34. 34. Melhoria Operacional - Enorme GanhoPotencial – Evasão de Receita Ganho potencial Bruto 2011- 2025: 13 bilhões R$ 2010 34
  35. 35. CONCLUSÃO O DESEAFIO É ENORME !!! SÃO TAMBEM ENORMES AS OPORTUNIDADES E GANHOS POTENCIAIS !!! 35
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×