Your SlideShare is downloading. ×
Coleta seletiva 2003
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Coleta seletiva 2003

430
views

Published on

Published in: Education

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
430
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
18
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1.  A palavra lixo é derivada do termo em latim lix que significa "cinzas" .  No dicionário, ela é definida como sujeira, imundice, coisa ou coisas inúteis, velhas, sem valor.  Lixo, na linguagem técnica, é sinônimo de resíduos sólidos e é representado por materiais descartados pelas atividades humanas.
  • 2.  homem - várias soluções para dispor de forma correta, sem acarretar prejuízos ao ambiente e à saúde pública.  Ideal - evitar o acúmulo de detritos, diminuindo o desperdício de materiais e o consumo excessivo de embalagens.  Nos últimos anos ―reaproveitar cada vez mais os produtos jogados no lixo para fabricação de novos objetos, através da reciclagem, o que representa economia de matéria prima e de energia fornecidas pela natureza.
  • 3.  Lixo urbano - Resíduos sólidos em áreas urbana, incluindo efluente industrial e resíduos comerciais. Lixo domiciliar - Resíduos sólidos de atividades residenciais, contém muita quantidade de matéria orgânica, plástico, lata, vidro. Lixo comercial - Resíduos sólidos das áreas comerciais composto por matéria orgânica, papéis, plástico de vários grupos.  Lixo público - Resíduos sólidos produto de limpeza pública (areia, papéis, folhagem, poda de árvores).  Lixo especial - Resíduos geralmente industriais, merece tratamento, manipulação e transporte especial, são eles, pilhas, baterias, embalagens de agrotóxicos, embalagens de combustíveis, de remédios ou veneno
  • 4.  Lixo industrial - os resíduos produzidos por industria, podem ser designados como lixo industrial.Exemplo disto são as padaria. Lixo de serviço de saúde (RSSS) - serviços hospitalares, ambulatorias, farmácias. Exemplo: curativos, aplicação de medicamentos. Devem ser destinados a incineração.  Lixo radioativo - Produto resultante da queima do combustível nuclear. A elevada radioatividade constitui um grave perigo à saúde da população  (enterrado e inacessível).  Lixo espacial - Restos provenientes dos objetos lançados pelo homem no espaço. São estágios completos de foguetes, satélites desativados, tanques de combustível e fragmentos de aparelhos que explodiram por acidente ou foram destruídos pela ação das armas anti-satélites. 
  • 5.  Lixão x Aterro  Pesquisa Nacional de Saneamento Básico (IBGE, 2000) - 125,281 mil toneladas de resíduos domiciliares e 52,8% dos municípios Brasileiros dispõe seus resíduos em lixões.  Você sabe a diferença entre lixão, aterro controlado e aterro sanitário?  Lixão é uma área de disposição final de resíduos sólidos sem nenhuma preparação anterior do solo.  Moscas e ratos convivem com o lixo.  Crianças, adolescentes e adultos catam comida e materiais recicláveis para vender.
  • 6.  Já o aterro controlado - Fase intermediária entre o lixão e o aterro sanitário. Recebeu cobertura de argila, e grama (idealmente selado com manta impermeável para proteger a pilha da água de chuva) e captação de chorume e gás.  Aterro sanitário - antes de iniciar a disposição do lixo teve o terreno preparado previamente com o nivelamento de terra e com o selamento da base com argila e mantas de PVC, esta extre  mamente resistente.  A operação do aterro sanitário, assim como a do aterro controlado prevê a cobertura diária do lixo, não ocorrendo a proliferação de vetores, mau cheiro e poluição visual.
  • 7.  É um sistema de recolhimento de materiais recicláveis: papéis, plásticos, vidros, metais e orgânicos, previamente separados na fonte geradora e que podem ser reutilizados ou reciclados.  SISTEMAS DE COLETA SELETIVA  Sistema de porta a porta Entrega voluntária (PEV) em postos de coleta  Empresas especializadas que retiram os materiais selecionados e encaminham para as usinas de reciclagens mediante contratos ou solicitações.
  • 8.  É o processo de transformação de um material, cuja primeira utilidade terminou, em outro produto.  A reciclagem gera economia de matérias-primas, água e energia, é menos poluente e alivia os aterros sanitários, cuja vida útil é aumentada.  MATERIAIS RECICLAVÉIS  São papeis, plásticos, vidro e metal.  MATERIAIS NÃO RECICLAVÉIS  Lixo Orgânico ou Úmido - São restos de comidas, cascas de frutas e legumes, etc
  • 9.  Rejeitos - Lenços e guardanapos de papel, absorvente e papel higiênico, fraldas, papéis sujos, acrílico, espelhos, cerâmicas, porcelanas.  Resíduos Especiais - Pilhas e baterias.  Resíduos Hospitalar - Curativos, gazes, algodão, seringas, etc.  Lixo Químico ou Tóxico - Embalagens de agrotóxico.
  • 10.  Reciclável : • Copos • Garrafas • Sacos/Sacolas • Frascos de produtos • Tampas • Potes • Canos e Tubos de PVC • Embalagens Pet (Refrigerantes, Suco, Óleo, Vinagre, etc.  Não Reciclável: • Tomadas • Cabos de Panelas • Adesivos • Espuma • Acrílico • Embalagens Metalizadas (Biscoitos e Salgadinhos)
  • 11.  Reciclável : • Tampinhas de Garrafas • Latas • Enlatados • Panelas sem cabo • Ferragens • Arames • Chapas • Canos • Pregos • Cobre  Não Reciclável: • Clipes • Grampos • Esponja de Aço • Aerossóis • Latas de Tinta • Latas de Verniz, Solventes Químicos, Inseticidas
  • 12.  Reciclável : • Jornais e Revistas • Listas Telefônicas • Papel Sulfite/Rascunho • Papel de Fax • Folhas de Caderno • Formulários de Computador • Caixas em Geral (ondulado) • Aparas de Papel • Fotocópias • Envelopes • Rascunhos • Cartazes Velhos  Não Reciclável: • Etiquetas Adesivas • Papel Carbono • Papel Celofane • Fita Crepe • Papéis Sanitários • Papéis Metalizados • Papéis Parafinados • Papéis Plastificados • Guardanapos • Bitucas de Cigarros • Fotografias
  • 13.  Reciclável : • Garrafas • Potes de Conservas • Embalagens • Frascos de Remédios • Copos • Cacos dos Produtos Citados • Pára-brisas  Não Reciclável: • Portas de Vidro • Espelhos • Boxes Temperados • Louças • Cerâmicas • Óculos • Pirex • Porcelanas • Vidros Especiais (tampa de forno e microondas) • Tubo de TV
  • 14.  ◊ Diminui a exploração de recursos naturais  ◊ Reduz o consumo de energia  ◊ Diminui a poluição do solo, da água e do ar  ◊ Prolonga a vida útil dos aterros sanitários  ◊ Possibilita a reciclagem de materiais que iriam para o lixo  ◊ Diminui os custos da produção, com o aproveitamento de recicláveis pelas indústrias  ◊ Diminui o desperdício  ◊ Diminui os gastos com a limpeza urbana  ◊ Cria oportunidade de fortalecer organizações comunitárias  ◊ Gera emprego e renda pela comercialização dos recicláveis
  • 15.  O programa de coleta seletiva Engloba três etapas: PLANEJAMENTO, IMPLANTAÇÃO e MANUTENÇÃO.  PLANEJAMENTO  1. Conhecendo um pouco o lixo do local  2. Conhecendo as características do local  3. Conhecendo um pouco o mercado dos recicláveis  4. Montando a parte operacional do projeto  5. Educação ambiental  IMPLANTAÇÃO  1. Preparação: etapa crucial, que contribui muito para o sucesso do programa  2. Inauguração do programa
  • 16.  MANUTENÇÃO  1. Acompanhamento  2. Levantamento  3. Atividades contínuas de informação e sensibilização  4. Balanço  Coleta Seletiva - Cores  Pela resolução conama estas são as cores para a coleta multiseletiva.
  • 17.  Chiclete _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _5 anos  Lata de aço _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ 10 anos  Vidro _ _ _ _ _ _ _ _ _ ___ _ _mais de 10.000 anos  Plástico _ _ __ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _mais de 100 anos  Madeira _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ 6 meses  Papel _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ 3 meses a vários anos  Cigarro (filtro) _ _ _ _ _ _ _ _ 3 meses a vários anos  Lata de alumínio _ _ _ ____ _ _ mais de 1.000 anos  Restos orgânicos _ _ _ _ _ _ _ _ _ __ 2 a 12 meses
  • 18.  1. Os mais velhos resíduos do mundo foram encontrados na África do Sul e têm cerca de 140 mil anos de idade.  2. No ano 500 a.C., Atenas criou o primeiro lixão municipal, exigindo que os detritos fossem jogados a pelo menos 1,6 quilômetro das muralhas da cidade  3. O inventor inglês Peter Durand patenteou a lata de lixo em 1810  4. Aterros sanitários representam a maior fonte de metano produzido pelo homem. A cada ano, 7 milhões de toneladas de metano vão parar na atmosfera  5. Os americanos produzem 212 milhões de toneladas de lixo por ano, das quais 43 milhões de toneladas são restos de comida  6. Isso significa 711 quilos produzidos por habitante a cada ano  7. No Brasil, são 88 milhões de toneladas de lixo por ano, ou 470 quilos por habitante  8. Das 13.800 toneladas de lixo produzidas por dia na cidade de São Paulo, apenas 1% é reciclado  9. Curitiba é o município brasileiro que mais recicla: 20% de todos os resíduos  10. No mundo, o Japão é um dos países que mais reciclam: 50% do lixo é reaproveitado  11. Os americanos jogam fora 50 bilhões de latas de alumínio por ano. Todas as latas desse material que foram para o lixo nos Estados Unidos nas últimas três décadas valem quase US$ 20 bilhões  12. No quesito alumínio, o Brasil vai bem: é o país que mais recicla latas no planeta. Em 2004, foram 9 bilhões de latinhas reaproveitadas, ou 96% da produção total do país  13. Em 2002, o oceanógrafo americano Charles Moore vasculhou uma área de 800 quilômetros quadrados do Oceano Pacífico e encontrou 4,5 quilos de resíduos plásticos flutuando no mar para cada meio quilo de plâncton.
  • 19.  50 kg de papel velho = uma árvore poupada  1.000 Kg de papel reciclado= 20 árvores poupadas  1.000 Kg de vidro reciclado= 1300Kg de areia extraída poupada  1.000 Kg de plástico reciclado= milhares de litros de petróleo poupados  1.000 Kg de alumínio reciclado= 5000Kg de minérios extraídos poupados