Web semantica
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Web semantica

on

  • 4,089 views

Uma grande dificuldade da World Wide Web atualmente ´e a incapacidade dos computadores de inferir sobre algo. Neste contexto, surge a ...

Uma grande dificuldade da World Wide Web atualmente ´e a incapacidade dos computadores de inferir sobre algo. Neste contexto, surge a
Web Semˆantica, cuja proposta est´a em dotar a informa¸c˜ao de um significado bem definido possibilitando a computadores e pessoas cooperarem
entre si. Para que isso se torne poss´ıvel, uma arquitetura de camadas foi
proposta pelo W3C, com a finalidade de direcionar tecnologias associadas
a Web Semˆantica. Apesar dela estar em um estado inicial de desenvolvimento, j´a se tem aplica¸c˜oes que foram projetadas utilizando o conceito de
camadas, ratificando o futuro da Web Semˆantica.

Statistics

Views

Total Views
4,089
Views on SlideShare
4,088
Embed Views
1

Actions

Likes
1
Downloads
17
Comments
0

1 Embed 1

https://www.linkedin.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment
  • Falar sobre a Web Semântica, que vem a ser a tentativa de evoluir a Web e resolver os problemas anteriormente citados; <br /> Basicamente o que se deseja é organizar os dados onde eles estejam descritos e ligados de tal maneira que seja possível além da apresentação, a manipulação desse conhecimento por computadores. <br /> Sir Timothy "Tim" John Berners-Lee (born June 8, 1955 in London) is the inventor of the World Wide Web and director of the World Wide Web Consortium, which oversees its continued development. <br />
  • A idéia é que se evolua de uma Web temos recursos e ligações sem descrição; <br /> Para uma Web onde se tenha recursos e relacionamentos identificaveis. <br />
  • A W3C tem sugerido uma série de tecnologias organizadas em camadas; Onde se tem definidas desde a codificação de caracteres até as camadas lógicas no topo; <br />
  • Unicode é um padrão de codificação de caracteres de 16bits, contendo símbolos de linguagens internacionas, matemáticos e financeiros, além de espaço para uso customizado. <br /> É uma forma globalizada de dar nome para as coisas. Pode ser visto como chave primária na forma de string; <br /> Uma URL dá acesso a um recurso pela Internet (um documento, uma imagem, uma musica, <br />
  • XML prove uma sintaxe para estruturar documentos através de marcadores. <br /> XML foi escolhido pois estende a funcionalidade do HTML; O HTML foi projetado principalmente para apresentação de dados e definição de links entre documentos, já o XML é mais flexível; <br />
  • XML permite várias maneiras de descrever a mesma informação; RDF padroniza. <br /> Só podemos definir formalmente o sentido de uma palavra com outras palavras; <br /> Priberam: disciplina que estuda as palavras e os enunciados como sendo objectos abstractos com um conjunto de propriedades e entre os quais se estabelecem relações ; <br />
  • Bloco mais geral importa o vocabulário padrão RDF, mais um vocabulário padrão de descrição de recursos; <br /> Bloco description descrevendo a página do livro: <br /> Blocos interno são declarações de propriedades; <br />
  • RDFS é o vocabulário para descrever os recursos na forma de hierarquia de classes e propriedades; <br /> Ao invés de definir modelos, foi disponibilizado um meio de criar suas próprias categorias; <br /> Através de classes é possível especificar quais propriedades devem aparecer na descrição de um recurso. <br /> Criação de vocabulários para comunidades específicas; <br />
  • Aqui temos a definição de uma classe livro e suas propriedades título e autor; <br />
  • Esta é camada mais importante e pesquisada da Web semântica. Ela é responsável por oferecer a expressividade necessária à representação de ontologias. Isso é feito aproveitando a extensibilidade de RDFS para definir restrições complexas e outras construções que implementam características de frames e lógica de descrições. <br /> Adiciona mais vocabulário para descrever propriedades e classes: entre outros, relações entre classes, cardinalidade, igualdade, características de propriedades e classes de enumeração; <br />

Web semantica Web semantica Presentation Transcript

  • Gesse Santos Mestrando em Engenharia da Computação
  • A Linguagem na Internet     Consulta: encontrar o que se deseja Integração: integrar várias fontes Interpretação: extrair significado Comunicação: interconectar conceitos
  • Proposta da Web Semântica
  • Web Semântica
  • Web Semântica Web Atual X Web Semântica Recurso Software Link para temManual Link para requer Link para Recurso Recurso requer Recurso Link para Recurso Documento Link para Biblioteca Documento Link para Assunto Link para Recurso Biblioteca parteDe baseadoEm Recurso Link para Imagem Recurso Link para Recurso As s unto Assunto Tópico Tópico autor Pessoa
  • Web Semântica Camadas da proposta W3C Berners Lee, T. et al., The Semantic Web. [2001]
  • Web Semântica Camada Unicode - URI  UNICODE   Garante o uso padronizado do mesmo conjunto de caracteres; URI – Identificador Universal de Recursos   Provê uma forma única de identificação de cada recurso; Ex:  a)URL – documentos, imagens, músicas, etc;  B) E-mail – pessoas;
  • Web Semântica Camada XML  XML – Extensible Markup Language   Linguagem de programação para Web Semântica Função:   Auto-descrição das informações (metadados) Padronizar a publicação e troca de dados entre aplicações Web
  • Web Semântica Fornece as definições   RDF – Resource Description Framework Temos sintaxe, mas não semântica;   O sentido se estabelece através de relações entre as coisas; Só podemos definir formalmente o sentido de uma palavra com outras palavras;
  • Web Semântica Camada RDF “Karin criou o recurso http://www.inf.puc-rio.br/~karin”
  • Web Semântica Camada RDFS - Taxonomia  RDF Schema:     Criação de um modelo para recursos de determinada categoria; Utiliza o conceito de classes da OO; Não possuiu restrições de existência ou cardinalidade. Não possui propriedades transitivas, inversas ou simétricas.
  • Web Semântica Camada RDFS - Taxonomia  Classe RDFS: <?xml version="1.0"?> <rdf:RDF xmlns:rdf="http://www.w3.org/1999/02/22-rdf-syntax-ns#" xmlns:rdfs="http://www.w3.org/2000/01/rdf-schema#"> <rdfs:Class rdf:ID="Livro"> </rdfs:Class> <rdfs:Property rdf:ID="Titulo"> <rdfs:domain rdf:resource=”#Livro”/> <rdfs:range rdf:resource=”http://www.w3.org/2000/01/rdfschema#Literal”/> </rdfs:Property> <rdfs:Property rdf:ID="Autor"> <rdfs:domain rdf:resource=”#Livro”/> <rdfs:range rdf:resource=”http://www.w3.org/2000/01/rdf-schema#Literal”/> </rdfs:Property>
  • Web Semântica Ontologia - Semântica   O Motor da Web Semântica Adiciona mais vocabulário para descrever propriedades e classes:  Relações entre classes;  Cardinalidade;  Igualdade;  Tipagem mais rica de propriedades;  Caracteristicas de propriedades;
  • Web Semântica Camada Ontologia  Leve, Descrição ou Lógica Completa
  • Ontologias
  • Ontologia de Domínio Medicina
  • De Forma Teórica...
  • Expressividade
  • Expressividade
  • Expressividade
  • Web Semântica Lógica, Prova e Validação
  • Web Semântica Axiomas e Postulados
  • Web Semântica Prova  Postulado) AxAyAz Parent(x,y) & Parent(x,z) & y!=z => Sibling(y,z)  Teorema) AxAyAwAz Parent(x,w) & Parent (y,z) & Sibling(x,y) => Cousin(w,z)
  • Desafios & Oportunidades
  • Questões e Comentários
  • Web Semântica Referências      W3C World Wide Web. Acessado em 20/07/2013. Disponível em www.w3c.org. BECHHOFER, S; OWL Web Ontology Language Reference. www.w3c.org acessado em 04/08/2013. Berners Lee, T. et al., The Semantic Web. [2001] C.S.Bhatia et Al., “Semantic Web Mining: Using Ontology Learning and Grammatical Rule Inference Technique” IEEE 2011. W3C Recomendation for OWL http://www.w3.org/TR/owl-features/ Acesso em 04/08/2013.