520 manual no_pw
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

520 manual no_pw

on

  • 1,991 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,991
Views on SlideShare
1,991
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
4
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

520 manual no_pw 520 manual no_pw Presentation Transcript

  • MANUAL DOPROPRIETÁRIO XL 700 V - 8
  • HONDAXL700V/VA PO MANUAL DO PROPRIETÁRIOMONTESA HONDA, S. A.
  • INFORMAÇÃO IMPORTANTE• CONDUTOR E PASSAGEIRO Esta moto foi concebida para transportar o condutor e um passageiro. Não exceda nunca a capacidade máxima de peso indicada na etiqueta relativa aos acessórios e à carga.• USO EM/FORA DE ESTRADA Esta moto foi concebida para duplo uso.• LEIA ATENTAMENTE ESTE MANUAL DO PROPRIETÁRIO Preste especial atenção às indicações de segurança que aparecem ao longo do manual. Estas indicações encontram-se detalhadamente explicadas na secção “Algumas Palavras Sobre Segurança”, antes do Índice. Este manual deve ser considerado como parte integrante da moto e deve permanecer no veículo aquando da sua revenda. PO
  • HONDA XL700V/VAMANUAL DO PROPRIETÁRIOTodas as informações contidas neste manual baseiam-se nas últimas informaçõesdisponíveis sobre o produto à data da aprovação para impressão. A Honda Motor Co.,Ltd.reserva-se o direito de proceder a alterações em qualquer momento sem aviso prévio ouquaisquer obrigações.Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida sem a devida autorização por escrito. PO
  • BEM-VINDOA moto propõe-lhe o desafio de dominar a máquina, um desafio à aventura.Conduzir sentindo o vento, colado à estrada através de um veículo que responde àssuas ordens como nenhum outro. Ao contrário de um automóvel, aqui o condutor nãoestá rodeado de uma cabina metálica protectora. Tal como num avião, uma inspecçãopré-condução e uma manutenção regular são condições essenciais para a suasegurança. A sua recompensa é a liberdade.Para enfrentar estes desafios com segurança e tirar o máximo partido da aventura,deverá familiarizar-se com o conteúdo deste manual ANTES DE CONDUZIR A MOTO.Ao longo deste manual encontrará informações precedidas de um símbolo AVISO .Esta informação destina-se a ajudá-lo a evitar danos na sua moto, noutras propriedadesou no meio ambiente.Quando necessitar de assistência técnica, lembre-se de que o seu concessionárioHonda conhece melhor o seu veículo. Se possuir o “know-how” de mecânica necessárioe as ferramentas apropriadas, o seu concessionário poderá fornecer-lhe um ManualHonda oficial para o ajudar a levar a cabo diversos trabalhos de manutenção ereparação. Agradecemos a sua preferência pelas motos Honda e desejamos-lhe muitos quilómetros de condução agradável nos próximos anos. PO
  • • Os seguintes códigos deste manual indicam os seguintes países.• As ilustrações incluídas baseiam-se no modelo de veículo XL700VA.XL700V/VA E UK ED Vendas directas na Europa F França Áustria Hungria Roménia Bélgica Islândia Rússia Bulgária Israel Eslováquia Croácia Itália Eslovénia República Checa Letónia Espanha Dinamarca Luxemburgo Suécia Finlândia Macedónia Suiça Alemanha Noruega Ucrânia Grécia Polónia Holanda Portugal• As especificações podem variar de país para país. PO
  • ALGUMAS INDICAÇÕES SOBRE SEGURANÇAA sua segurança e a das outras pessoas é muito importante. E conduzir esta moto deforma segura é uma enorme responsabilidade.Para o ajudar a tomar decisões conscientes sobre segurança, a Honda proporciona-lheprocedimentos de funcionamento e outras informações em etiquetas e neste manual.Esta informação alerta-o para os possíveis perigos que poderiam feri-lo, a si ou a outraspessoas.Obviamente, não é prático nem possível alertá-lo para todos os perigos relacionadoscom o funcionamento ou a manutenção de uma moto. Por este motivo, deverá usar oseu bom senso.Encontrará informação de segurança importante em diversas formas, entre as quais:• Etiquetas de Segurança — na moto.• Indicações de Segurança — precedidas de um símbolo de alerta de segurança m e de uma das seguintes três palavras de advertência: PERIGO, ATENÇÃO ou CUIDADO.Estas palavras de advertência significam: PO
  • n PERIGO Perigo de MORTE ou de LESÕES GRAVES se as instruções não forem respeitadas. n ATENÇÃO Possibilidade de MORTE ou de LESÕES GRAVES se as instruções não forem respeitadas. n CUIDADO POSSIBILIDADE de LESÕES se as instruções não forem respeitadas.• Cabeçalhos de segurança — como, por exemplo, Advertências Importantes de Segurança ou Precauções Importantes de Segurança.• Secção de Segurança — como, por exemplo, Segurança da Moto.• Instruções — como conduzir esta moto de forma correcta e segura.Todo o manual contém informação importante relativa à segurança. Leia-a com muitaatenção. PO
  • FUNCIONAMENTOPágina Página 1 SEGURANÇA DA MOTO 59 COMPONENTES INDIVIDUAIS1 INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA ESSENCIAIS IMPORTANTE 59 INTERRUPTOR DE IGNIÇÃO 3 EQUIPAMENTO DE PROTECÇÃO 60 CHAVES 5 LIMITES E INDICAÇÕES BASICAS 62 SISTEMA IMOBILIZADOR (HISS) RELATIVOS À CARGA 65 COMANDOS DO PUNHO DIREITO DO 9 SEGURANÇA EM CONDUÇÃO FORA DE GUIADOR ESTRADA 66 COMANDOS DO PUNHO ESQUERDO DO GUIADOR10 LOCALIZAÇÃO DAS PEÇAS13 INSTRUMENTOS E INDICADORES41 COMPONENTES PRINCIPAIS (informação necessária para a condução desta moto)41 SUSPENSÃO43 TRAVÕES46 EMBRAIAGEM48 LIQUIDO DE REFRIGERAÇÃO50 COMBUSTIVEL53 ÓLEO DO MOTOR54 PNEUS PO
  • Página Página68 CARACTERÍSTICAS 77 FUNCIONAMENTO (Não necessárias ao funcionamento do 77 INSPECÇÃO PRÉ-CONDUÇÃO veículo) 79 ARRANQUE DO MOTOR68 BLOQUEIO DA DIRECÇÃO 82 RODAGEM69 ASSENTO 83 CONDUÇÃO70 PORTA-CAPACETE 85 TRAVAGEM72 BOLSA PARA DOCUMENTOS 89 ESTACIONAMENTO72 COMPARTIMENTO PARA CADEADO EM 90 SUGESTÕES ANTI-ROUBO “U” ANTI-ROUBO73 TAMPA LATERAL74 CARENAGEM LATERAL DIREITA75 CARENAGEM INFERIOR76 REGULAÇÃO VERTICAL DO ALCANCE DO FAROL PO
  • MANUTENÇÃOPágina Página 91 MANUTENÇÃO 130 BATERIA 91 A IMPORTANCIA DA MANUTENÇÃO 132 SUBSTITUIÇÃO DOS FUSIVEIS 92 SEGURANÇA NA MANUTENÇÃO 135 REGULAÇÃO DO INTERRUPTOR DAS 93 PRECAUÇÕES DE SEGURANÇA LUZES DE TRAVÃO 94 CALENDARIO DE MANUTENÇÃO 136 SUBSTITUIÇÃO DAS LÂMPADAS 97 JOGO DE FERRAMENTAS 98 NÚMEROS DE SÉRIE 142 LIMPEZA 99 ETIQUETA DE COR100 ÓLEO DO MOTOR 145 GUIA DE ARMAZENAGEM105 POSIÇÃO DE MANUTENÇÃO DO 145 ARMAZENAGEM DEPÓSITO DO COMBUSTÍVEL 147 REUTILIZAÇÃO APOS UM LONGO106 RESPIRADOR DO CÁRTER PERIODO DE ARMAZENAGEM107 VELAS DE IGNIÇÃO111 ACELERADOR 148 ESPECIFICAÇÕES112 LIQUIDO DE REFRIGERAÇÃO113 CORRENTE DE TRANSMISSÃO 152 CONVERSOR CATALÍTICO119 GUIA DA CORRENTE DE TRANSMISSÃO120 INSPECÇÃO DAS SUSPENSÕES DIANTEIRA E TRASEIRA121 DESCANSO LATERAL122 DESMONTAGEM DAS RODAS128 DESGASTE DAS PASTILHAS DOS TRAVÕES PO
  • SEGURANÇA DA MOTO Deixe-se ver bem na estradaINFORMAÇÃO DE SEGURANÇA IMPORTANTE Alguns condutores de automóveis não vêem osA sua moto pode proporcionar muitos anos de motociclistas porque não se apercebem da suaserviço e satisfação se assumir a responsabilidade presença. Para se tornar mais visível, use roupaspela sua própria segurança e compreender os de cores vivas e fluorescentes, assuma umadesafios que pode enfrentar na estrada e fora posição que o torne facilmente visível para osdela. outros condutores, dê sinal antes de virar ou de mudar de faixa e utilize a buzina sempre que estaExistem diversas coisas que pode fazer para se possa ajudar os outros a aperceberem-se da suaproteger durante a condução. Encontrará muitas presença.recomendações úteis ao longo deste manual.Passamos a indicar algumas que consideramos Esteja atento aos perigos da condução foramais importantes. de estrada O terreno pode apresentar uma série de perigosUse sempre um capacete quando se conduz fora de estrada.Está comprovado: o uso do capacete reduz “Leia” continuamente o terreno e esteja atento àsignificativamente o número e a gravidade das presença de curvas inesperadas, declives,lesões na cabeça. Por este motivo, use sempre pedras, sulcos e outros perigos. Mantenhaum capacete homologado e assegure-se de que sempre uma velocidade suficientemente reduzidao seu passageiro faz o mesmo. Também que lhe permita ter tempo de ver e reagir àrecomendamos a utilização de protecção ocular, presença de perigos inesperados.botas robustas, luvas e roupa protectora (página 3). PO 1
  • Conduza dentro dos seus limites Nunca exceda os limites de carga e utilizeUltrapassar os limites constitui outra das apenas acessórios aprovados pela Hondaprincipais causas dos acidentes de moto, para esta moto. Para mais informação,dentro e fora de estrada. consulte a página 7.Ao conduzir, nunca exceda as suascapacidades pessoais nem uma Se conduzir, não bebavelocidade segura para as condições O álcool e a condução não são uma boaexistentes. Lembre-se de que o álcool, as combinação. Basta uma só bebida paradrogas, o cansaço e a falta de atenção reduzir a sua capacidade de resposta apodem reduzir significativamente a sua uma mudança das condições decapacidade de tomar decisões correctas condução e o seu tempo de reacçãoe a segurança da condução. piora com cada bebida adicional. Por isso, se conduzir não beba, nem permitaMantenha a moto em boas condições que os seus amigos o façam.Para uma condução segura, é importanteque a moto seja mantida em bom estado.Uma avaria pode revelar-se uma situaçãocomplicada, especialmente se estiver emdificuldades fora de estrada e longe decasa. Para ajudar a evitar problemas,inspeccione sempre a moto antes decada viagem e leve a cabo todas astarefas de manutenção recomendadas.2 PO
  • EQUIPAMENTO DE PROTECÇÃO Capacetes e protecção ocularPara sua própria segurança, recomendamos O capacete é a parte mais importante dovivamente a usar um capacete homologado, equipamento de condução, uma vez queprotecção ocular, botas, luvas, calças oferece a melhor protecção face a lesõescompridas e uma camisa ou um blusão na cabeça. O capacete deve adaptar-se àde mangas compridas, sempre que cabeça de forma confortável e segura.conduzir. Embora não seja possível Um capacete de cores vivas e listasgarantir uma protecção total, o uso do reflectoras ajudá-lo-ão a ser maisequipamento de protecção adequado facilmente detectado no meio do trânsito.pode reduzir as possibilidades de lesõesdurante a condução. Um capacete do tipo aberto ofereceSeguem-se algumas sugestões para o alguma protecção, mas não é tão eficazajudar a escolher o equipamento adequado. como um capacete integral. Use sempre protecção facial ou óculos de protecção n ATENÇÃO para proteger os olhos e melhorar a visão. A não utilização do capacete aumenta as possibilidades de ocorrência de lesões graves ou de morte em caso de colisão. Tanto o condutor como o passageiro devem usar sempre capacete, protecção ocular e outros equipamentos de protecção. PO 3
  • Equipamento de protecção adicional Equipamento de protecção adicionalpara a condução em estrada para a condução fora de estradaAlém de um capacete e de protecção ocular, O equipamento utilizado para a conduçãorecomendamos também: em estrada pode também ser apropriado• Botas robustas com solas antiderrapantes, para a condução fora de estrada. Mas se para proteger os pés e os tornozelos. pensar praticar condução fora de estrada de• Luvas de couro, para manter as mãos forma intensiva, necessitará de um aquecidas e evitar bolhas, cortes, equipamento mais eficaz. Além do capacete queimaduras e hematomas. e dos óculos de protecção, recomendamos• Um fato ou blusão de motociclismo, também o uso de botas e luvas apropriadas para usufruir ao mesmo tempo de à condução todo-o-terreno, calças de comodidade e protecção. A roupa de motociclismo com reforços nas ancas e nos cores vivas e fluorescentes pode ajudá-lo joelhos, uma camisola com reforços nos a ser mais facilmente detectado pelos cotovelos e um protector para o peito e outros condutores. Não use roupa solta ombros. que possa ficar presa em alguma parte da moto.4 PO
  • LIMITES E INDICAÇÕES BÁSICAS CargaRELATIVOS À CARGA A quantidade de peso que coloca naA sua moto foi concebida para transportá-lo a moto e a forma como o distribui sãosi e a um passageiro. Quando levar um factores importantes para a suapassageiro, é possível que note alguma segurança. Sempre que transportar umdiferença na aceleração e na travagem. passageiro ou qualquer tipo de carga,No entanto, se fizer uma boa manutenção deverá ter em conta a seguinte informação:da moto, com pneus e travões bons,poderá transportar cargas de forma n ATENÇÃOsegura dentro dos limites e indicaçõesbásicas aqui especificados. Uma carga excessiva ou distribuída de forma indevida pode provocar umContudo, exceder o limite de peso ou acidente e causar-lhe lesões gravestransportar uma carga desequilibrada ou mesmo a morte.pode afectar seriamente a condução, atravagem e a estabilidade. O uso de Respeite todos os limites de carga eacessórios não fabricados pela Honda, outras indicações básicas relativas àmodificações incorrectas e uma carga deste manual.manutenção deficiente podem tambémreduzir a sua margem de segurança.As páginas que se seguem proporcionaminformação mais específica sobre acarga, os acessórios e as modificações. PO 5
  • Limites de carga Indicações básicas relativas à cargaEstes são os limites de carga da sua moto: A principal finalidade da sua moto é Capacidade máxima de peso: transportá-lo a si e a um passageiro. 200 kg Também pode transportar um casaco ou Incluindo o peso do condutor, do qualquer outra peça de roupa pequena passageiro, toda a carga e todos os correctamente presa ao assento, se acessórios. conduzir sem passageiro. Capacidade máxima de carga: 22 kg Se desejar levar mais carga, aconselhe-se O peso máximo da carga inclui o junto do seu concessionário Honda e leia peso máximo de carga do porta- a informação relativa aos acessórios na bagagens traseiro e o peso da carga página 7. do compartimento central. Peso máximo de carga do porta- Carregar a moto de forma incorrecta bagagens traseiro: pode afectar a sua estabilidade e 9,0 kg condução. Mesmo que tenha carregado a Compartimento central, peso moto correctamente, quando transportar máximo da carga: carga deverá conduzir a velocidades mais 2,0 kg ...(XL700V ) reduzidas e nunca exceder os 130 km/h.O peso de quaisquer acessórios adicionaisreduzirá a capacidade máxima de cargaque poderá transportar.6 PO
  • Siga estas indicações básicas sempre Acessórios e modificaçõesque transportar um passageiro ou carga: As modificações ou a utilização de• Transporte sempre cargas pequenas e acessórios que não sejam da Honda leves. Assegure-se de que a carga podem tornar a sua moto insegura. Antes transportada não pode ficar facilmente de pensar em efectuar modificações ou presa ou roçar outros objectos e que em instalar um acessório, leia a seguinte não interfere com a sua capacidade de informação: mudar de posição para manter o equilíbrio e a estabilidade. n ATENÇÃO• Coloque a carga o mais próximo possível do centro da moto. Os acessórios ou modificações• Não prenda objectos pesados ou de incorrectas podem provocar um grandes dimensões (como um saco de acidente, do qual poderão resultar dormir ou uma tenda) ao guiador, à graves lesões ou até mesmo a morte. forquilha ou ao guarda-lamas dianteiro.• Certifique-se de que a carga se Siga todas as instruções deste encontra bem segura. manual do proprietário relativas aos• Nunca exceda o limite máximo de peso. acessórios e às modificações.• Verifique que ambos os pneus têm a pressão de ar correcta (página 54).• Se modificar a sua carga normal, poderá ser necessário ajustar a suspensão traseira (página 41). PO 7
  • Acessórios • Não acople um reboque ou um sidecarRecomendamos vivamente que utilize à moto. Esta moto não foi concebidaapenas acessórios originais Honda, para o uso desses equipamentos, pelofabricados e testados especificamente que a sua utilização pode prejudicarpara a sua moto. Como a Honda não gravemente a condução da moto.pode testar todos os outros acessórios,será da sua responsabilidade a escolha, Modificaçõesinstalação e utilização de acessórios não Recomendamos vivamente não removerfabricados pela Honda. Peça assistência qualquer equipamento original nemao seu concessionário, e siga sempre realizar qualquer modificação na suaestas directrizes: moto que altere o seu desenho ou o seu• Assegure-se de que o acessório não funcionamento. Essas modificações escurece as luzes, não reduz a altura ao poderiam prejudicar seriamente a solo nem o ângulo de inclinação em condução, a estabilidade e a travagem da curva, não limita o curso da suspensão moto, tornando-a insegura. ou da direcção, não altera a sua posição de condução nem interfere com a A eliminação ou modificação das luzes, operação dos comandos. dos silenciadores de escape, do sistema de controlo de emissões ou de qualquer• Certifique-se de que o equipamento outro equipamento também pode fazer com eléctrico não excede a capacidade do que a moto não cumpra a legislação sistema eléctrico da moto (página 151). vigente. Um fusível fundido pode causar o não funcionamento das luzes ou uma perda de potência do motor.8 PO
  • SEGURANÇA EM CONDUÇÃO FORA • Se não conhece o terreno, conduza comDE ESTRADA cuidado. As pedras escondidas, osAprenda a conduzir num local fora de buracos ou as ravinas podem provocarestrada, sem trânsito e sem obstáculos, um acidente.antes de se aventurar num terreno que • Na maior parte das zonas de conduçãonão conhece. fora de estrada é exigido o uso de um• Cumpra sempre as leis e os regulamentos silenciador de escape. locais de condução fora de estrada. Não modifique o sistema de escape.• Se conduzir em propriedades privadas, Lembre-se que o barulho excessivo obtenha previamente a necessária incomoda os outros e passa uma autorização. Evite zonas com postes e imagem desagradável do motociclismo. obedeça aos sinais de “Propriedade Privada”.• Conduza com um amigo noutra moto para se poderem ajudar mutuamente, caso surjam problemas.• Conhecer bem a sua moto é muito importante se ocorrer um problema e não houver ajuda nas proximidades.• Nunca conduza para além das suas capacidades e experiência nem exceda uma velocidade segura para as condições existentes. PO 9
  • LOCALIZAÇÃO DAS PEÇAS Ecrã multifunções Depósito do líquido Indicadores Interruptor de emergência do travão dianteiro Interruptor de intensidade Conta-rotações da luz do farol dianteiro Espelho retrovisorEspelho retrovisor Manete da Interruptor de embraiagem paragem do motor Interruptor de controlo da luz de passagem Manete do travão Interruptor de mudança de direcção Acelerador Buzina Botão de arranque Tampão de enchimento de Interruptor de ignição combustível10 PO
  • Porta-capacetes Tampão de enchimento do óleo Jogo de ferramentas BateriaDepósito do líquidodo travão traseiro Poisa-pés do passageiro Poisa-pés Compartimento dos documentos Pedal do travãoPO 11
  • Depósito de reserva de líquido de refrigeração Compartimento para cadeado em “U” anti-roubo. Porta-capacetes Caixa de Fusível principal fusíveis Ajuste da compressão do amortecedor da suspensão traseira Pedal das Poisa-pés mudanças Descanso lateral Poisa-pés do passageiro12 PO
  • INSTRUMENTOS E INDICADORESOs indicadores encontram-se situados no painelde instrumentos. As suas funções encontram-sedescritas nas tabelas das páginas que se seguem. (1) Indicador de mudança de direcção para a esquerda (2) Indicador de avaria (MIL) (3) Indicador de ponto morto (4) Indicador do sistema de anti-bloqueio dos travões (ABS) (XL700VA) (5) Indicador dos máximos (6) Indicador de mudança de direcção para a direita (7) Conta-rotações (8) Zona vermelha do conta-rotações (9) Indicador do sistema imobilizador (HISS)(10) Indicador PGM-FI(11) Indicador da temperatura do líquido de refrigeração(12) Ecrã multifunções(13) Botão de reposição a zero(14) Interruptor de selecção PO 13
  • Ref. Nº. Descrição Funcionamento Pisca quando acciona a mudança de direcção para a Indicador de mudança de esquerda. Deve iluminar-se durante alguns segundos e 1 direcção para a esquerda apagar-se ao colocar o interruptor da ignição na posição (verde) ON. Ilumina-se quando a temperatura do líquido de refrigeração é superior à especificada, e/ou a pressão do óleo do motor é inferior à pressão normal de funcionamento. Deve acender-se quando o interruptor de Indicador de avaria (MIL) 2 ignição se encontra na posição ON e o motor está parado. (vermelho) Deve apagar-se quando o motor entra em funcionamento, podendo no entanto piscar ocasionalmente ao ralenti ou à velocidade de ralenti, quando o motor estiver quente. Ver página 23-24. Indicador de ponto morto 3 Acende-se quando a transmissão está em ponto morto. (verde)14 PO
  • Ref. Nº. Descrição Funcionamento Este indicador ilumina-se normalmente ao colocar o Sistema anti-bloqueio dos interruptor da ignição na posição ON, e apaga-se travões. Indicador de ABS quando a moto alcança uma velocidade superior a 10 4 (vermelho) km/h. Em caso de falha do Sistema Anti-bloqueio dos (XL700VA) Travões, este indicador ilumina-se intermitentemente, permanecendo aceso (página 88). Indicador de máximos 5 Acende-se quando o farol tem os máximos ligados. (azul) Indicador de mudança de Pisca quando acciona a mudança de direcção para a 6 direcção para a direita direita. (verde) Indica a velocidade do motor em rotações por minuto. 7 Conta-rotações O ponteiro do conta-rotações alcançará momentaneamente a escala máxima no mostrador ao ligar a ignição (ON).PO 15
  • Ref. Nº. Descrição Funcionamento Nunca deixe o ponteiro do conta-rotações alcançar esta zona, mesmo depois de feita a rodagem do motor. Zona vermelha do 8 AVISO conta-rotações Fazer o motor trabalhar acima da velocidade máxima recomendada (início da zona vermelha do conta- rotações) poderá danificar o motor. Este indicador acende-se durante alguns segundos ao ligar a ignição (ON) e quando o interruptor de bloqueio do motor se encontrar na posição (RUN). O indicador apaga-se ao introduzir na ignição uma chave Indicador do sistema devidamente codificada. Ao introduzir uma chave imobilizador 9 codificada incorrectamente, o indicador manter-se-á (HISS) aceso e o motor não funcionará (página 62). (vermelho) Quando a função de intermitente deste indicador for válida e o interruptor de ignição se encontrar na posição OFF, o indicador continuará a piscar durante 24 horas (página 63).16 PO
  • Ref. Nº. Descrição Funcionamento Acende-se intermitentemente ao detectar anomalias no sistema PGM-FI (Injecção de combustível programada). Deveria acender-se durante alguns segundos e apagar-se em seguida ao colocar o interruptor de ignição na 10 Indicador PGM-FI posição ON e o interruptor de paragem do motor em (RUN). Se o indicador se acender em qualquer outro momento, reduza a velocidade e dirija-se imediatamente ao concessionário Honda mais próximo. Indicador da temperatura do Indica a temperatura do líquido de refrigeração (página 11 líquido de refrigeração 39).PO 17
  • Ref. Nº. Descrição Funcionamento O ecrã inclui as seguintes funções. 12 Ecrã multifunções Este ecrã mostra a visualização inicial (página 21). O indicador de baixa pressão do óleo/indicador de Indicador de baixa pressão do temperatura elevada do líquido de refrigeração ilumina- óleo/indicador de temperatura se intermitentemente para indicar que a pressão do óleo elevada do líquido de do motor é excessiva e/ou que a temperatura do líquido refrigeração (vermelho) de refrigeração é demasiado elevada. Ver página 23, 24. Velocímetro Indica a velocidade de condução (página 25). Conta-quilómetros Indica a quilometragem acumulada (página 27). Conta-quilómetros parcial A e B Indica a quilometragem por percurso (página 27). Contador de distância Indica a quilometragem percorrida de modo decrescente decrescente (página 28). Relógio digital Indica a hora e os minutos (página 32). Cronómetro Mostra o cronómetro (página 35). Indica o combustível disponível de forma aproximada Indicador do nível de combustível (página 37).18 PO
  • Ref. Nº. Descrição Funcionamento Este interruptor utiliza-se para os seguintes fins. • Para comutar entre o relógio digital e a visualização do cronómetro (pág. 31). • Para pôr a zero o conta-quilómetros parcial (página 27) e o cronómetro (página 35). • Para modificar as unidades de leitura de 13 Botão de reposição a zero quilometragem e de velocidade no velocímetro/ conta-quilómetros/contaquilómetros/contador decrescente de distância percorrida (página 26). • Para comutar a intermitência do indicador do sistema de imobilização HISS (página 63). • Para ajustar o contador decrescente da distância percorrida (pág. 28) e o relógio digital (pág. 31).PO 19
  • Ref. Nº. Descrição Funcionamento Este interruptor utiliza-se para os seguintes fins. • Para comutar entre o conta-quilómetros, os conta-quilómetros parciais (A e B) e o contador decrescente da distância percorrida (pág. 26). • Para modificar as unidades de leitura de 14 Interruptor de selecção quilometragem e de velocidade no velocímetro/ conta-quilómetros/contaquilómetros/contador decrescente de distância percorrida (pág. 26). • Para ajustar o contador decrescente da distância percorrida (pág. 28) e o relógio digital (pág. 31). • Para iniciar e parar o cronómetro (pág. 35).20 PO
  • Ecrã inicialAo colocar o interruptor da ignição naposição ON, o ecrã multifunções (1), oindicador do nível de combustível (2) e oindicador da temperatura do líquido derefrigeração (3) indicará momentaneamentetodos os modos e segmentos digitais.Depois, o velocímetro (4) mostrará agama de velocidade entre 230 km/h e 0km/h (apenas para o modelo E: de 150mph a 0 mph em mph) para verificar ofuncionamento correcto do ecrã de cristallíquido (LCD).A unidade “mph” (5) apenas se indica nomodelo E. (1) Ecrã multifunções (2) Indicador do nível de combustível (3) Indicador da temperatura do líquido de refrigeraçãoO relógio digital (6) e o conta-quilómetros (4) Velocímetroparcial (7) regressarão a zero se desligar a (5) “mph”bateria. (6) Relógio digital (7) Conta-quilómetros parcial PO 21
  • Ecrã multifunçõesO ecrã multifunções (1) inclui as seguintesfunções: Indicador de temperatura excessiva do líquido de refrigeração Indicador de baixa pressão do óleo Velocímetro Conta-quilómetros/conta-quilómetros parcial/contador decrescente da distância percorrida Relógio digital/cronómetro Indicador do nível de combustível (1) Ecrã multifunções (2) Indicador de temperatura excessiva do líquido de refrigeração (3) Indicador de baixa pressão do óleo (4) Velocímetro (5) Ecrã do conta-quilómetros/conta-quilómetros parcial/ contador decrescente da distância percorrida (6) Ecrã do relógio digital/cronómetro (7) Indicador do nível de combustível22 PO
  • Indicador de temperatura excessiva dolíquido de refrigeração e indicador deavaria (MIL)O indicador da temperatura excessiva dolíquido de refrigeração ilumina-seintermitentemente (1) e o indicador deavaria vermelho (MIL) (2) ilumina-sequando a temperatura do líquido derefrigeração alcança os 122°C. Ao mesmotempo, os números no indicador datemperatura do líquido de refrigeraçãoiluminar-se-ão intermitentemente.Neste caso, pare o motor e verifique onível do líquido de refrigeração nodepósito de reserva. Leia as páginas 48 -49 e não conduza a moto enquanto o (1) Indicador de temperatura excessiva do líquido deproblema não tiver sido solucionado. refrigeração (2) Indicador de avaria vermelho (MIL) AVISOExceder a temperatura máxima defuncionamento do motor poderia causarsérios danos ao mesmo. PO 23
  • Indicador de baixa pressão do óleo e Se o indicador de baixa pressão do óleoindicador de avaria (MIL) se acende intermitentemente e se iluminaO indicador de baixa pressão do óleo (1) o indicador de avaria vermelho (MIL), pareacende-se intermitentemente e o o veículo na berma da estrada, respeitandoindicador de avaria vermelho (MIL) (2) sempre as normas de segurança.ilumina-se quando a pressão do óleo fordemasiado baixa e exista o risco dedanificar o motor.O indicador de baixa pressão do óleo deveriatambém acender-se intermitentemente, e oindicador de avaria vermelho (MIL)deveria iluminar-se ao colocar ointerruptor na ignição na posição ON. Oindicador de avaria vermelho (MIL)permanecerá iluminado e o indicador debaixa pressão do óleo permanecerá acesointermitentemente até arrancar o motor. AVISOFazer o motor trabalhar com uma pressão (1) Indicador de baixa pressão do óleode óleo insuficiente pode danificar (2) Indicador de avaria vermelho (MIL)seriamente o motor.24 PO
  • VelocímetroIndica a velocidade de condução.Modificação das unidades de velocidadee de distânciasO velocímetro (1) indica a velocidade em“km/h” e em “mph”.O conta-quilómetros/conta-quilómetrosparcial/contador decrescente de distânciapercorrida indica as distâncias em “km” e“milha”.Apenas no modelo EPara seleccionar “km/h”/“km” e“mph”/“milha”, mantenha pressionado ointerruptor de selecção (2) e o botão dereposição a zero (3) durante mais de 2segundos com os ecrãs nos modos deconta-quilómetros e de relógio digital. (1) Velocímetro (2) Interruptor de selecção (3) Botão de reposição a zero PO 25
  • Ecrã do Conta-quilómetros/Conta-quilómetros parcial A e B/Contadordecrescente de distância percorridaEste ecrã tem três funções:conta-quilómetros, conta-quilómetrosparcial e contador decrescente dadistância percorrida.Prima o interruptor de selecção (1) paraseleccionar os modos “TOTAL” (conta-quilómetros) (2), “TRIP A” (conta-quilómetros parcial A) (3), “TRIP B”(conta-quilómetros parcial B) (4) e “TRIP”(contador decrescente da distânciapercorrida) (5). (1) Interruptor de selecção (2) Conta-quilómetros (3) Conta-quilómetros parcial A (4) Conta-quilómetros parcial B (5) Contador decrescente da distância percorrida26 PO
  • Conta-quilómetros totalO conta-quilómetros (1) indica o númerototal de quilómetros ou de milhaspercorridos.Conta-quilómetros parcial A e BO conta-quilómetros parcial indica onúmero de quilómetros ou de milhaspercorridos desde a última reposição azero do conta-quilómetros parcial.O conta-quilómetros parcial possui doissubmodos, A (2) e B (3).Para pôr a zero o conta-quilómetrosparcial, mantenha pressionado o botãode reposição a zero (4) durante mais de 2segundos com o ecrã no modo “TRIP A”ou “TRIP B”. (1) Conta-quilómetros (2) Conta-quilómetros parcial A (3) Conta-quilómetros parcial B (4) Botão de reposição a zero PO 27
  • Contador decrescente da distância Como determinar a distância:percorrida 1. Rode o interruptor de ignição para aO contador decrescente da distância posição ON.percorrida (1) indica a distância percorrida 2. Seleccionar os ecrãs de contadorde modo decrescente. decrescente da distância percorrida (pág. 26) e do relógio digital (pág. 31).Neste modo, as unidades de distância 3. Mantenha pressionado o botão desão subtraídas ao total pré-estabelecido. reposição a zero (2) durante mais de 2Quando a distância percorrida exceder a segundos.figura pré-estabelecida, o indicador • O ecrã passará ao modo deiluminar-se-á intermitentemente. configuração da distância ou de reposição a zero da configuração inicial. Consulte a seguinte página de Exemplo. (2) Botão de reposição a zero(1) Contador decrescente da distância percorrida28 PO
  • Exemplo• Se estabeleceu a distância a percorrer, • Se configurar o contador decrescente e o contador for posto a zero antes de da distância percorrida e não efectuar a alcançar a distância estabelecida, o viagem, deverá reintroduzir a distância modo de contagem decrescente para o percurso desejado. regressará ao modo inicial. Regresso à configuração inicial. Seleccione o modo de configuração da distância.(2) Botão de reposição a zero PO 29
  • 4. O ecrã mostrará o valor predeterminado e o 6. Prima o interruptor de selecção (3) quando terceiro dígito iluminar-se-á intermitentemente. aparecer no ecrã o valor desejado.5. Para configurar o terceiro dígito, prima o O segundo dígito iluminar-se-á intermitentemente. botão de reposição a zero (2) até visualizar o terceiro dígito desejado. • Configuração rápida — mantenha pressionado o botão de reposição a zero até que apareça no ecrã o terceiro dígito desejado. (3) Interruptor de selecção 7. Repita os passos 5 e 6 para o segundo e o primeiro dígitos. Ao colocar o interruptor de ignição na posição OFF ou se não se efectuar qualquer operação durante um intervalo de 30 segundos no modo de configuração, os dígitos configurados serão anulados.30 PO
  • Ecrã do Relógio Digital/CronómetroO ecrã tem duas funções:relógio digital e cronómetro.Prima o botão de reposição a zero (1) paraseleccionar o modo de relógio digital (2) ede cronómetro (3). (1) Botão de reposição a zero (2) Relógio digital (3) Cronómetro PO 31
  • Relógio DigitalO relógio digital indica as horas e osminutos até 12:59 “AM” ou “PM”.Para acertar as horas, proceda daseguinte maneira:1. Rode o interruptor de ignição para a posição ON.2. Mantenha pressionado o interruptor de selecção (1) durante mais de 2 segundos no modo de relógio digital (2). O relógio passará ao modo de ajuste e a hora começará a piscar. (1) Interruptor de selecção (2) Modo de relógio digital32 PO
  • 3. Para ajustar a hora, prima o botão de 4. Prima o interruptor de selecção (1). Os reposição a zero até que apareça a dígitos dos minutos começarão a piscar. hora desejada com a indicação AM/PM. • Ajuste rápido — mantenha pressionado o botão de reposição a zero (3) até que apareça a hora desejada. (1) Interruptor de selecção(3) Botão de reposição a zero PO 33
  • 5. Para ajustar os minutos, prima o botão 6. Para finalizar o ajuste do tempo, prima de reposição a zero (3) até que no ecrã o interruptor de selecção e desligue a apareçam os minutos desejados. ignição (interruptor de ignição em OFF). Os dígitos correspondentes aos minutos O ecrã parará de piscar automaticamente passarão a “00” ao alcançar “60”, sem e o ajuste será cancelado se o interruptor afectar a indicação das horas. não for premido num intervalo de tempo • Configuração rápida — mantenha de aproximadamente 30 segundos. pressionado o botão de reposição a zero até que no ecrã apareçam os O relógio será reposto para a 1:00 AM minutos desejados. sempre que desligar a bateria.(3) Botão de reposição a zero34 PO
  • CronómetroO cronómetro (1) realiza a contagem dehoras e minutos. INICIOGama de medição do cronómetro:Depois de medir 12 horas, 59 minutos, ocronómetro regressará a 0 horas, 0minutos, continuando a contagem. PAUSAComo medir o tempo:1. Seleccione o modo de cronómetro (pág. 31).2. Para medir o tempo, prima o interruptor CONTINUAR de selecção (2). Durante a contagem, prima o interruptor de selecção uma vez para interromper a contagem, e outra vez para continuar. (1) Cronómetro (2) Interruptor de selecção PO 35
  • Reposição a zero do cronómetro:Mantenha pressionado o botão dereposição a zero (3) durante mais de 2 PAUSAsegundos com o cronómetro em modo depausa. REPOSIÇÃO A ZERO (3) Botão de reposição a zero36 PO
  • Indicador do nível de combustívelO Indicador do nível de combustível (1)indica o nível aproximado de combustíveldisponível numa escala graduada.Quando todos os segmentos até aosegmento F (2) se encontram iluminados,a capacidade do depósito de combustível,incluindo a reserva, é de: 17,0 lAo alcançar o segmento E (3), o indicadordo nível de combustível aparecerá talcomo se indica na figura.Neste caso, deverá reabastecer o depósito decombustível o mais rapidamente possível.A quantidade de combustível disponívelquando o indicador aparece é deaproximadamente: 3,5 l (1) Indicador do nível de combustível (2) Segmento F (3) Segmento E PO 37
  • Indicação de Avaria do Indicador do Nívelde CombustívelEm caso de erro do sistema de combustível,os indicadores de nível mostrar-se-ão talcomo se indica na figura. Neste caso,dirija-se imediatamente ao seu concessionárioHonda.38 PO
  • Indicador de Temperatura do Líquidode RefrigeraçãoO indicador de temperatura do líquido derefrigeração (1) indica a temperatura domesmo em formato digital.Indicador de Temperatura No ecrã aparece aInferior a 34°C indicação “— —”. Indica a temperaturaEntre 35°C actual do líquido dee 132°C refrigeração. No ecrã permaneceráAcima de 132°C a indicação “132°C”.(1) Indicador de temperatura do líquido de refrigeração PO 39
  • Mensagem de sobreaquecimentoQuando a temperatura do líquido derefrigeração alcançar os 122 °C, os dígitosdo indicador da temperatura começarão apiscar. Ao mesmo tempo, o indicador detemperatura excessiva do líquido derefrigeração (2) acende-se intermitentemente,e o indicador de avaria vermelho (MIL) (3)ilumina-se.Neste caso, pare o motor e verifique onível do líquido de refrigeração nodepósito de reserva. Leia as páginas 48-49 e não conduza a moto enquanto oproblema não tiver sido solucionado. AVISOExceder a temperatura máxima defuncionamento poderá causar danosgraves no motor. (2) Indicador de temperatura excessiva do líquido de refrigeração (3) Indicador de avaria vermelho (MIL)40 PO
  • COMPONENTES PRINCIPAIS(Informação necessária para a condução desta moto)SUSPENSÃOSuspensão traseiraCompressão do Amortecimento:Para diminuir (SOFT):Rode o anel de regulação no sentido contrárioaos dos ponteiros do relógio no sentido SOFTpara uma carga leve e condução em estrada emboas condições.Para aumentar (HARD):Rode o anel de regulação no sentido dos ponteirosdo relógio no sentido HARD para uma maior rigideze condução em estrada em más condições.Para posicionar o anel de regulação na posiçãostandard, proceda do seguinte modo:1. Rode o anel de regulação do amortecedor (1) no sentido dos ponteiros do relógio até ao máximo (sem o forçar). Esta é a configuração mais rígida.2. O anel encontra-se na posição standard girando-o no sentido contrário ao dos (1) Anel de regulação do amortecedor ponteiros do relógio cerca de 2 1/2, de modo (2) Marca de sinalização que a marca de sinalização (2) fique alinhada (3) Marca de referência com a de referência (3). PO 41
  • O conjunto do amortecedor traseiro incluiuma unidade amortecedora que contémazoto sob alta pressão. Não tentedesmontar nem reparar o amortecedor:este não pode ser montado novamente, edeve ser substituído quando estivergasto.A sua eliminação só deverá ser efectuadapelo seu concessionário Honda. Asinstruções deste manual limitam-seexclusivamente à regulação do conjuntode amortecedor.42 PO
  • TRAVÕES Se as pastilhas estiverem gastas, deverão serAmbos os travões são de disco, accionados substituídas. Se não estiverem gastas, solicitehidraulicamente. uma inspecção do sistema de travões paraÀ medida que as pastilhas dos travões se verificar se existe alguma fuga.gastam, o nível do líquido dos travões diminui. O líquido de travões recomendado é o HondaNão é necessário efectuar quaisquer ajustes, DOT 4 ou equivalente; use sempre umamas é importante verificar periodicamente o nível embalagem nova e selada.do líquido e o desgaste das pastilhas. O sistemadeve ser submetido a inspecções frequentes, demodo a assegurar que não existem fugas delíquido. Se a folga da manete de comando ou dopedal se tornarem excessivas e as pastilhas dostravões não estiverem gastas além do limiterecomendado (página 128), provavelmente existear no sistema do travão, que deve ser purgado.Contacte o seu concessionário Honda caso sejanecessário levar a cabo este serviço.Nível do líquido do travão dianteiro:Com a moto na posição vertical, verifique o níveldo líquido. Este deve estar acima da marca denível inferior (LOWER) (1). Se estiver na marcaLOWER ou abaixo desta, verifique o desgaste (1) Marca de nível inferior (LOWER)das pastilhas dos travões (página 128). PO 43
  • Manete do travão dianteiro: Outras verificações:A distância entre a ponta da manete do Certifique-se de que não existem fugastravão (1) e o punho pode regular-se de líquido. Verifique que tubagens egirando o regulador (2) enquanto se uniões não se encontram deteriorados ouempurra a manete para a frente. com gretas.Alinhe a seta (3) da manete do travão coma marca de referência (4) do afinador.Accione os travões várias vezes everifique se a roda gira livremente depoisde soltar a manete do travão.(1) Manete do travão (3) Seta(2) Regulador (4) Marca de referência44 PO
  • Nível de líquido do travão traseiro: Outras verificações:O depósito de reserva está situado Certifique-se de que não existem fugasdebaixo do assento. de líquido. Verifique que tubagens eRetire o assento (página 69). uniões não se encontram deteriorados ou com gretas.Com a moto na posição vertical, verifiqueo nível do líquido.Deve estar entre as marcas de nívelsuperior (UPPER) (1) e inferior (LOWER)(2). Se o nível de líquido se situar namarca inferior ou abaixo desta, verifique odesgaste das pastilhas de travões (página128).Se as pastilhas estiverem gastas, deverãoser substituídas. Se não estiverem gastas,solicite uma inspecção do sistema detravões para verificar se existe algumafuga.O líquido de travões recomendado é o (1) Marca de nível superior (UPPER )Honda DOT 4 ou equivalente; use sempre (2) Marca de nível inferior (LOWER)uma embalagem nova e selada. PO 45
  • EMBRAIAGEM 1. Puxe para trás a protecção guarda-póA embraiagem deve ser afinada se, ao de borracha (2).engrenar uma mudança, a moto parar ou 2. Afrouxe a contra-porca (3) e gire o reguladorentrar em movimento lento; ou se a do cabo da embraiagem. Aperte novamenteembraiagem patinar, provocando uma a contra-porca e verifique a afinação.aceleração inferior ao regime do motor. 3. Se o regulador se encontrar desapertadoAs pequenas afinações podem ser quase até ao limite ou não for possível obter a folga correcta, desaperte aefectuadas com o regulador do cabo da contra-porca e aperte completamenteembraiagem (4) na manete (1). o regulador do cabo da embraiagem.A folga normal da manete da embraiagem Aperte novamente a contra-porca eé de: 10 — 20 mm coloque a protecção guarda-pó. (2) Protecção guarda-pó de borracha (A) Aumentar a folga(1) Manete da embraiagem (3) Contra-porca (B) Reduzir a folga (4) Regulador do cabo da embraiagem46 PO
  • 4. Retire a carenagem lateral direita (pág. 74). Se não for possível conseguir uma afinação5. Desaperte a contra-porca (5) situada na adequada ou se a embraiagem não funcionar extremidade inferior do cabo. Rode a porca de correctamente, dirija-se ao seu concessionário ajuste (6) para obter a folga especificada. Honda. Aperte novamente a contra-porca e verifique a afinação. Outras verificações:6. Ponha o motor em funcionamento, accione a Verifique se o cabo da embraiagem não está manete da embraiagem e engrene uma torcido ou apresenta sinais de desgaste, o que mudança. Certifique-se de que o motor não poderia fazer com que este se “prendesse” ou pára e que a moto responde correctamente. falhasse. Solte gradualmente a manete da embraiagem Lubrifique o cabo da embraiagem com um e acelere. A moto deve arrancar de forma suave e lubrificante de cabos à venda no mercado para aumentar gradualmente de velocidade. evitar o desgaste e a corrosão prematuros.(5) Contra-porca (A) Aumentar a folga(6) Porca de ajuste (B) Reduzir a folga PO 47
  • LÍQUIDO DE REFRIGERAÇÃO A moto vem de fábrica com uma solução deRecomendações sobre o líquido de 50/50 de anticongelante e água destilada. Estarefrigeração solução anticongelante é recomendada para aO proprietário deve manter o nível correcto do maioria das temperaturas de operação e oferecelíquido de refrigeração para evitar a congelação, uma protecção eficaz contra a corrosão. Umao sobreaquecimento e a corrosão. Utilize concentração elevada de anticongelante diminuisomente um anticongelante de etileno glicol de o rendimento do sistema de refrigeração, e só éalta qualidade, que contenha inibidores de recomendável quando for necessária uma maiorcorrosão especificamente recomendados para o protecção contra a congelação. Umauso em motores de alumínio. (CONSULTE A concentração inferior a 40/60 (40% deETIQUETA DO RECIPIENTE DO ANTICONGELANTE). anticongelante) não oferecerá uma protecção adequada contra a corrosão. Em condições deUtilize apenas água potável de baixo teor mineral temperaturas de congelação, verifiqueou água destilada como parte da solução frequentemente o sistema de refrigeração eanticongelante. A água com alto teor mineral ou acrescente maiores concentrações desal pode danificar o motor de alumínio. anticongelante (até 60% de anticongelante, no máximo), se necessário.A utilização de líquidos de refrigeração cominibidores contendo silicatos pode provocar odesgaste prematuro dos vedantes da bomba deágua ou bloquear as passagens do radiador.A utilização de água da torneira pode provocardanos no motor.48 PO
  • InspecçãoO depósito de reserva está situado na parteinferior direita do depósito de combustível.Verifique o nível do líquido de refrigeração dodepósito de reserva (1) com o motor àtemperatura normal de funcionamento e a motona posição vertical. Se o nível de líquido derefrigeração se situar abaixo da marca de nívelinferior (LOWER) (2), retire o suporte do tampão(3) desenroscando o parafuso (4) e retire otampão do depósito de reserva (5).Adicione a mistura de líquido de refrigeração atéatingir a marca de nível superior (UPPER) (6).Acrescente sempre líquido de refrigeração aodepósito de reserva.Não tente acrescentar líquido de refrigeraçãoretirando a tampa do radiador. (1) Depósito de reservaSe o depósito de reserva estiver vazio ou a perda (2) Marca de nível inferior (LOWER)do líquido de refrigeração for grande, verifique se (3) Suporte do tampão (4) Parafusoexistem fugas e dirija-se ao seu concessionário (5) Tampão do depósito de reservaHonda para proceder à sua reparação. (6) Marca de nível superior (UPPER) PO 49
  • COMBUSTIVELDepósito de combustívelA capacidade do depósito de combustível,incluindo a reserva, é de: 17,0 lPara abrir o tampão de enchimento de combustível(1), introduza a chave de ignição (2) e rode-a nosentido dos ponteiros do relógio. O tampão temuma dobradiça, e abrir-se-á.Não encha excessivamente o depósito. Não deveexistir combustível no orifício de enchimento (3).Para fechar o tampão depois do reabastecimento,empurre-o para dentro do orifício de enchimentoaté ouvir um estalido e o tampão ficardevidamente bloqueado. Retire a chave. n ATENÇÃO A gasolina é extremamente inflamável e explosiva. Ao manusear combustível existe o risco de queimaduras ou outras lesões graves. • Desligue o motor e mantenha-se afastado de fontes de calor, faíscas ou chamas. (1) Tampão de enchimento de combustível • O reabastecimento deverá ser sempre (2) Chave de ignição efectuado ao ar livre. (3) Orifício de enchimento • Limpe imediatamente qualquer derrame de combustível.50 PO
  • Utilize gasolina sem chumbo, com um AVISOíndice de octano de 91 ou superior.O uso de gasolina com chumbo Se se detecta um “crepitar das velas” ouprovocará a deterioração prematura dos ruídos anómalos a uma velocidadeconversores catalíticos. estável do motor em condições normais de carga, mude de marca de combustível. Se estes ruídos persistirem, consulte o seu concessionário Honda. A não observância destas indicações é considerada como utilização incorrecta do veículo, e os danos resultantes da utilização inadequada não estão cobertos pela Garantia Limitada Honda. PO 51
  • Combustível com álcoolSe decidir usar um combustível que Os danos do circuito de alimentação decontenha álcool, certifique-se de que o combustível ou problemas de rendimentoseu índice de octano é, pelo menos, tão do motor resultantes da utilização deelevado como o recomendado pela carburantes contendo álcool não seHONDA. Existem dois tipos de “mistura”: encontram cobertos pela garantia. Ao primeiro contém etanol, e o segundo Honda não recomenda a utilização demetanol. Não utilize combustível que combustíveis com metanol, uma vez quecontenha mais de 10% de etanol. Não ainda não existem provas conclusivas deutilize combustível contendo metanol que são adequados.(álcool metílico) sem inibidores de Antes de se abastecer de combustívelcorrosão ou co-solventes para o metanol. numa estação de serviço desconhecida,Nunca utilize um combustível com mais procure averiguar se o combustívelde 5% de metanol, mesmo que contenha contém álcool. Se for o caso, verifique oinibidores de corrosão e co-solventes. tipo e a percentagem de álcool utilizado. Se constatar alguma anomalia no funcionamento depois de ter utilizado um combustível com álcool - ou que suspeite que contenha álcool - mude para um combustível que saiba que não contém álcool.52 PO
  • ÓLEO DO MOTOR 5. Volte a colocar o tampão/vareta no local.Verificação do nível de óleo do motor Verifique se existem fugas de óleo.Verifique diariamente o nível do óleo do motorantes de conduzir a sua moto. AVISOO nível de óleo deverá manter-se sempre entre Fazer o motor trabalhar com uma pressão deas marcas de nível superior (Upper) (1) e inferior óleo insuficiente pode danificar seriamente o(Lower) (2) do tampão/vareta de enchimento do motor.óleo (3).1. Ligue o motor e deixe-o trabalhar ao ralenti durante 3 — 5 minutos. Assegure-se de que a luz de aviso da pressão do óleo se apaga. Se a luz do indicador se mantiver acesa, desligue imediatamente o motor.2. Pare o motor e mantenha a moto na posição vertical sobre um piso firme e nivelado.3. Depois de 2-3 minutos, retire o tampão/vareta de enchimento do óleo (3), limpe-o e volte a introduzi-lo sem enroscar. Retire o tampão/ vareta de enchimento do óleo. O nível do óleo deve estar entre as marcas de nível superior (Upper) e inferior (Lower) do tampão/vareta do óleo. (1) Marca de nível superior (Upper)4. Se necessário, adicione o óleo que faltar até (2) Marca de nível inferior (Lower) ao nível máximo (página 100). Não encha (3) Tampão/vareta de enchimento do óleo demasiado. PO 53
  • PNEUS Pressão do arPara utilizar com segurança a sua moto, Os pneus com a pressão de ar correctaos pneus da mesma devem ser do proporcionam a melhor combinação detamanho e do tipo apropriados, e estar facilidade de manuseamento, duraçãosempre em boas condições e com o piso do piso e conforto de condução.adequado e a pressão de ar correcta. Geralmente, os pneus pouco cheios gastam-se de forma desigual, afectam n ATENÇÃO desfavoravelmente a condução e têm maior probabilidade de falhar como A utilização de pneus excessivamente consequência do aquecimento excessivo. gastos ou com uma pressão Os pneus com uma pressão de ar inadequada pode causar acidentes insuficiente podem também causar danos com lesões graves ou até mesmo a às rodas ao conduzir em terrenos morte. irregulares. Os pneus excessivamente cheios tornam Siga atentamente todas as instruções a condução mais brusca, aumentam as deste manual do proprietário possibilidades de danos causados pelos relativas à manutenção dos pneus e perigos da estrada e experimentam um à pressão de ar dos mesmos. desgaste desigual. Certifique-se de que as tampas das válvulas de enchimento se encontram bem apertadas. Se necessário, coloque tampas novas.54 PO
  • Verifique sempre a pressão do ar com os Inspecçãopneus frios — depois de deixar a moto Quando verificar a pressão dos pneus,parada durante pelo menos três horas. Se deve também examinar os pisos e asverificar a pressão do ar com os pneus paredes laterais dos pneus relativamente“quentes” depois de conduzir a moto ao desgaste, a danos ou à presença dedurante alguns quilómetros, as leituras objectos estranhos.serão superiores às obtidas com ospneus frios. Este resultado é normal. Não Verifique se existem:deve, portanto, eliminar ar dos pneus • Elevações ou abaulamentos na partepara alcançar as pressões de ar abaixo lateral do pneu ou no piso. Se for orecomendadas para os pneus frios. Se o caso, substitua o pneu afectado.fizer, os pneus ficarão pouco cheios. • Cortes, fissuras ou rasgões no pneu. Substitua o pneu se o entramado ou asAs pressões recomendadas com os telas do mesmo estiverem à vista.pneus frios são: • Desgaste excessivo do piso. kPa (kgf/cm2) Se passar por algum buraco na estrada Apenas condutor Dianteiro 200 (2,00) ou um objecto duro, saia da estrada da Traseiro 200 (2,00) forma mais rápida e segura possível e inspeccione detalhadamente os pneus Condutor e um Dianteiro 200 (2,00) para verificar se estes se encontram passageiro Traseiro 280 (2,80) danificados. PO 55
  • Desgaste do piso do pneuSubstitua os pneus antes que aprofundidade do piso da banda derodagem do pneu, situado no centro domesmo, chegue ao seguinte limite: Profundidade mínima do pisoDianteiro: 1,5 mmTraseiro: 2,0 mm<Para a Alemanha>A legislação da Alemanha proíbe o uso depneus cuja profundidade do piso dabanda de rodagem seja inferior a 1,6 mm. (1) Indicador de desgaste (2) Marca da localização do indicador de desgaste56 PO
  • Reparação e substituição da câmarade arSe a câmara estiver furada ou danificada,deverá ser substituída o mais rapidamentepossível. Uma câmara de ar reparada nãooferece a mesma segurança de umanova, e poderá falhar novamente durantea condução da moto.Se for necessário proceder a umareparação provisória da câmara com umremendo ou com um vedante em spray,conduza com cuidado e a uma velocidadereduzida, e proceda à substituição dacâmara de ar antes de prosseguir aviagem.Cada vez que proceda à substituição deuma câmara de ar, deverá proceder auma inspecção detalhada do pneu, talcomo se descreve na página 56. PO 57
  • Substituição de pneus Os pneus recomendados para sua moto são:Os pneus que vêm com a sua moto foram Dianteiro: 100/90 — 19M/C 57Hconcebidos para satisfazer as BRIDGESTONEcapacidades de performance da sua moto TRAIL WING 101e proporcionam a melhor combinação de METZELERfacilidade de manobra, travagem, TOURANCE FRONT Udurabilidade e comodidade. Tipo: bias-ply, câmara Traseiro: 130/80R17M/C 65H n ATENÇÃO BRIDGESTONE A montagem de pneus inadequados TRAIL WING 152 RADIAL pode afectar a capacidade de METZELER manobra e a estabilidade da sua TOURANCE U moto. Este facto pode provocar Tipo: radial-ply, câmara acidentes com lesões graves ou até Substitua os pneus unicamente por mesmo a morte. outros equivalentes aos originais. Certifique-se de que a roda se encontra Utilize sempre pneus da dimensão e correctamente equilibrada depois de do tipo recomendados neste manual colocar o pneu novo. do proprietário. Não se esqueça de proceder à substituição da câmara de ar sempre que mude de pneus. A câmara velha estará provavelmente gasta e poderia falhar se fosse colocada num pneu novo.58 PO
  • COMPONENTES INDIVIDUAIS ESSENCIAISINTERRUPTOR DE IGNIÇÃOO interruptor de ignição (1) encontra-se situadopor baixo do painel de indicadores luminosos.O farol dianteiro, a luz de posição, o farol traseiroe a luz da placa de matrícula acender-se-ão cadavez que colocar o interruptor de ignição naposição “ON”. Se a moto ficar parada com ointerruptor de ignição na posição “ON” e o motornão estiver em funcionamento, o farol dianteiro, aluz de posição, o farol traseiro e a luz da placa dematrícula permanecerão acesos, o que provocaráuma descarga da bateria. (1) Interruptor de ignição Posição da Chave Função Remoção da Chave LOCK (bloqueio A direcção está bloqueada. Não é possível A chave pode ser da direcção) operar o motor e as luzes. retirada A chave pode ser OFF O motor e as luzes não funcionam. retirada A chave não pode ser ON O motor e as luzes funcionam. retirada PO 59
  • CHAVESEsta moto possui duas chaves da ignição(1) e uma placa com o número deidentificação da chave (2).(1) Chave da ignição(2) Placa com o número de identificação da chave60 PO
  • Se precisar de substituir uma chave, Em caso de perda da totalidade dasnecessitará da placa numerada. Guarde a chaves, será necessário proceder àplaca num local seguro. substituição da unidade PGM-FI/módulo de controlo da ignição. Para evitar estaPara reproduzir uma chave, leve todas as possibilidade, recomendamos que,chaves, a placa numerada e a sua moto quando apenas tiver uma chave, façaao seu concessionário Honda. imediatamente uma cópia da mesma. Dessa forma, terá sempre uma cópia dePode registar até quatro chaves no reserva disponível.sistema imobilizador (HISS), incluindo as Estas chaves possuem um circuitoque já possui. electrónico que é activado pelo sistema imobilizador (HISS). Se os circuitos das chaves estiverem danificados, não será possível fazer funcionar o motor. • Não deixe cair as chaves nem coloque objectos pesados sobre as mesmas. • Não fure, lime ou modifique a forma das chaves. • Mantenha as chaves longe de campos magnéticos. PO 61
  • SISTEMA IMOBILIZADOR (HISS) Ao colocar o interruptor de ignição naHISS é a abreviatura de Sistema de posição ON com o interruptor deSegurança de Ignição da Honda. paragem do motor em “ “ (RUN), o indicador do sistema imobilizador (HISS)O sistema imobilizador (HISS) protege a acende-se durante alguns segundos,sua moto contra possíveis roubos. Para fazer apagando-se em seguida. Se o indicadorfuncionar o motor deverá utilizar uma chave permanecer aceso, tal significa que ode ignição correctamente codificada. Ao sistema não reconhece a codificação datentar arrancar o motor com uma chave chave. Coloque o interruptor da igniçãocujo código seja errado (ou com qualquer na posição OFF e retire a chave.outro tipo de instrumento), desactiva-se o Introduza-a novamente e volte a pôr ocircuito de arranque do motor. interruptor na posição ON.62 PO
  • O sistema imobilizador tem uma funçãoque mantém o indicador do sistemaimobilizador (HISS) aceso de formaintermitente com intervalos de 2segundos, durante 24 horas. Estafuncionalidade pode ser ligada oudesligada.Para modificar a função de intermitência:1. Rode o interruptor de ignição para a posição ON.2. Coloque o interruptor da ignição em OFF, e mantenha pressionado o botão de reposição a zero (1) durante mais de 2 segundos. O indicador do sistema imobilizador (HISS) (2) permanece intermitente durante um momento, e a função está activada. (1) Botão de reposição a zero (2) Indicador do sistema imobilizador (HISS) PO 63
  • Se o sistema de bloqueio do motor Directivas da CEcontinuar a não reconhecer o código da Este sistema imobilizador cumpre com aschave, contacte o seu concessionário Directivas R & TTE (equipamento de rádio eHonda. equipamento terminal de telecomuni-• O sistema poderá não reconhecer o cações e reconhecimento mútuo de código da chave se outra chave conformidade). codificada se encontrar perto do interruptor de ignição. Para se assegurar de que o sistema reconhece o código da chave, guarde cada uma das chaves em porta- chaves separados.• Não tente alterar o sistema imobilizador (HISS) nem acrescente qualquer A declaração de conformidade com a componente ao sistema. Directiva R & TTE é proporcionada ao Se o fizer poderão ocorrer problemas proprietário no momento da compra. A eléctricos, tornando impossível o declaração de conformidade deve ser arranque do motor. mantida num lugar seguro.• Em caso de perda da totalidade das Se perder ou não lhe for fornecida a chaves, será necessário substituir a declaração de conformidade, entre em unidade PGM-FI/módulo de controlo da contacto com o seu concessionário ignição. Honda.64 PO
  • COMANDOS DO PUNHO DIREITO DO Botão de arranqueGUIADOR O botão de arranque (2) situa-se abaixo do interruptor de paragem do motor.Interruptor de paragem do motor O botão de arranque é usado para pôr oO interruptor de paragem do motor (1) motor em funcionamento. O motorestá próximo do punho do acelerador. arranca ao pressionar o botão. Consulte oO motor funciona quando o interruptor Procedimento de Arranque, na página 79.se encontrar na posição (RUN). Ao premir o botão de arranque, o motor deQuando o interruptor está na posição arranque porá o motor em funcionamento; o (OFF), o motor não entra em farol dianteiro apagar-se-á automaticamente,funcionamento. Este interruptor serve mas o farol traseiro, as luzes de posição eprincipalmente como interruptor de a luz da placa de matrícula permanecerãosegurança ou emergência e, normalmente, acesos.deve permanecer na posição (RUN).Se parar a moto com o interruptor deignição na posição ON e o interruptor deparagem do motor em OFF, o faroldianteiro, a luz de posição, o farol traseiro e aluz da placa de matrícula permanecerãoacesos, o que provocará a descarga dabateria. (1) Interruptor de paragem do motor (2) Botão de arranque PO 65
  • COMANDOS DO PUNHO ESQUERDODO GUIADORInterruptor de intensidade da luz dofarol dianteiro (1)Colocá-lo em (HI) para máximos e (LO) para médios.Interruptor de controlo da luz depassagem (2)Ao pressionar este interruptor, o farolpiscará para assinalar a posição da motoaos veículos que se aproximam ou pararealizar uma ultrapassagem.Interruptor do indicador de mudançade direcção (3)Coloque-o na posição ⇐ para indicaruma viragem à esquerda e ⇒ para indicaruma viragem à direita. Para o desligar, (1) Interruptor de intensidade da luz do farol dianteiropressione o interruptor. (2) Interruptor de controlo da luz de passagem (3) Interruptor do indicador de mudança de direcçãoBotão da buzina (4) (4) Botão da buzinaPrima o botão para accionar a buzina.66 PO
  • Interruptor das luzes de emergência (5) Assegure-se de que desliga o interruptor quandoAs luzes de emergência só devem utilizar-se se a indicação de perigo deixar de ser necessária;tiver de deter a moto em situações de caso contrário, os indicadores de direcção nãoemergência ou de dificuldade. Para ligar o funcionarão correctamente, podendo confundirsistema, coloque a chave de ignição na posição os outros condutores.ON e, em seguida, prima o interruptor assinalado . Os indicadores de mudança de direcção Se todos os indicadores de direcção foremfrontais e traseiros acender-se-ão simultaneamente. deixados a piscar com o motor parado, a bateria descarregar-se-á.Todos os indicadores piscam sem a chave deignição introduzida.Para operar esta função, proceder da seguintemaneira:1. Gire a chave de ignição para a posição ON e prima o interruptor das luzes de emergência.2. Todos os indicadores de direcção se acenderão intermitentemente mesmo depois de girar a chave de ignição para a posição OFF ou LOCK.3. Para desligar as luzes de emergência, prima o interruptor das luzes de emergência colocando-o (5) Interruptor das luzes de emergência na posição OFF. PO 67
  • CARACTERÍSTICAS(Não necessárias ao funcionamentodo veículo) Para bloquearBLOQUEIO DA DIRECÇÃOPara bloquear a direcção, vire o guiadorcompletamente para a esquerda, rode achave de ignição (1) para a posição LOCKenquanto a empurra para dentro. Retire achave.Para desbloquear a direcção, rode achave para a posição OFF, pressionandoa fundo.Não rode a chave para a posição LOCKenquanto conduz a moto, pois poderesultar na perda de controlo. Para desbloquear (1) Chave de ignição (A) Pressionar (B) Rodar para LOCK (C) Rodar para OFF68 PO
  • ASSENTOPara retirar o assento (1), introduza achave de ignição (2) na fechadura doassento (3) girando-a no sentidos dosponteiros do relógio. Puxe o assento paratrás e para cima.Para evitar possíveis danos no assento,não o arraste nem o golpeie.1. Para instalar o assento, alinhe as ranhuras de posicionamento (4) situadas na parte frontal do assento com os pinos (5) situados em ambos os lados do depósito de combustível e os pinos de posicionamento (6) da parte inferior do assento com os encaixes (7) do chassis, e introduza o pino (8) na reentrância (9).2. Deslize o assento para a sua posição correcta, e pressione para baixo a parte traseira do assento. (1) Assento (6) Pinos (2) Chave de ignição (7) EncaixesCertifique-se de que o assento está bem (3) Fechadura do assento (8) Pinoseguro na posição correcta, após a sua (4) Ranhuras (9) Reentrânciamontagem. (5) Pinos PO 69
  • PORTA-CAPACETEOs porta-capacetes encontram-sesituados debaixo do assento.Retire o assento (página 69).Suspenda os capacetes no gancho (1).Coloque o assento e feche-o com firmeza. n ATENÇÃO Conduzir com um capacete preso ao porta-capacetes pode interferir com a roda traseira ou a suspensão, podendo causar acidentes com a possibilidade de lesões graves ou até mesmo a morte. Utilize o porta-capacetes apenas com a moto estacionada. Não conduza com um capacete preso ao porta-capacetes. (1) Gancho do porta-capacetes70 PO
  • COMPARTIMENTO CENTRAL(XL700V)O compartimento central (1) está situadodebaixo do assento.Este compartimento foi concebido paraobjectos leves.Nunca exceda a capacidade docompartimento de carga: 2,0 kgNunca exceda o limite de peso máximo;tal poderia afectar seriamente o controlo ea estabilidade do veículo.O compartimento central pode aquecerpor estar situado sob o motor. Não guardealimentos ou outros artigos inflamáveis oususceptíveis de provocar danos nocompartimento pela acção do calor. (1) Compartimento centralNão direccione água sob pressão contra ocompartimento central, uma vez que estapoderia penetrar no compartimento. PO 71
  • BOLSA PARA DOCUMENTOS COMPARTIMENTO PARA CADEADOA bolsa para documentos (1) está situada EM “U” ANTI-ROUBOno compartimento para documentos (2) O guarda-lamas traseiro tem umdebaixo do assento (pág. 69). compartimento para guardar um cadeadoGuarde o manual do proprietário e os em “U”, por baixo do assento. Quandooutros documentos na bolsa para guardar, assegure-se de que o cadeadodocumentos. ficou firmemente preso com a banda deQuando lavar a moto, tenha cuidado para borracha (1).não inundar esta zona com água. Alguns cadeados em “U” não se podem guardar no compartimento devido à sua forma ou tamanho.(1) Bolsa para documentos(2) Compartimento de documentos (1) Banda de borracha72 PO
  • TAMPA LATERALA tampa do lado direito deve ser retiradapara a manutenção da bateria. A tampado lado esquerdo deve ser retirada paraa manutenção dos fusíveis.Remoção:1. Retire o assento (página 69).2. Extraia os parafusos (1).3. Retire o clipe (2).4. Retire os pinos (3) das borrachas (4).Instalação:• A montagem faz-se seguindo a ordem inversa à da desmontagem. (1) Parafusos (3) Pino (2) Clipe (4) Borrachas PO 73
  • CARENAGEM LATERAL DIREITARemover a carenagem lateral direita paraa manutenção da vela de ignição.A carenagem lateral direita e esquerdaretiram-se seguindo o mesmo procedimento.Remoção:1. Puxe os clipes (1).2. Remova o parafuso (2) e a anilha (3).3. Retire o parafuso (4) .4. Retire a carenagem lateral direita (5).Instalação:• A montagem faz-se seguindo a ordem inversa à da desmontagem. (1) Clipes (4) Parafuso (2) Parafuso (5) Carenagem lateral direita (3) Anilha74 PO
  • CARENAGEM INFERIORDesmontagem:1. Remova os parafusos (1) e as anilhas (2).2. Retire os parafusos (3).3. Retire a carenagem inferior (4).Montagem:• A montagem faz-se seguindo a ordem inversa à da desmontagem. (1) Parafusos (3) Parafusos (2) Anilhas (4) Carenagem inferior PO 75
  • REGULAÇÃO VERTICAL DO ALCANCEDO FAROLA regulação vertical do farol pode serfeita rodando o botão de regulação (1) paradentro ou para fora, conforme necessário.Cumpra sempre as leis e os regulamentoslocais.(1) Botão de regulação (A) Para cima (B) Para baixo76 PO
  • FUNCIONAMENTO 1. Nível do óleo do motor — acrescenteINSPECÇÃO PRÉ-CONDUÇÃO óleo, se necessário (página 53).Para a sua segurança, é muito importante Verifique se existem fugas.dedicar um certo tempo a inspeccionar a 2. Nível de combustível — encha osua moto e a verificar o seu estado antes depósito de combustível se necessáriode cada viagem. Se detectar algum (página 50). Verifique se existem fugas.problema, corrija-o imediatamente ou leve 3. Nível do líquido de refrigeração —a moto ao seu concessionário Honda. acrescente, se necessário. Verifique se existem fugas (páginas 48- n ATENÇÃO 49). 4. Travões dianteiro e traseiro — verifique o A manutenção incorrecta desta moto funcionamento; assegure-se de que não ou a não correcção de um problema existem fugas de líquido (páginas 43- antes da condução pode provocar 45). acidentes com lesões graves ou até mesmo a morte. Faça sempre uma inspecção pré- condução antes de sair e corrija qualquer problema que encontrar. PO 77
  • 5. Pneus — verifique o estado e a pressão dos mesmos (páginas 54-57).6. Correia de transmissão — verifique o estado e a tensão da corrente de transmissão (página 113). Ajuste e lubrifique, se necessário.7. Acelerador — verifique a sua abertura suave e o seu fecho em todas as posições da direcção (pág. 111).8. Luzes e buzina — verifique que tanto o farol dianteiro, a luz traseira/de travagem, a luz de posição, a luz da placa de matrícula, as luzes de mudança de direcção, indicadores e buzina funcionam adequadamente.9. Interruptor de paragem do motor — verifique o funcionamento correcto (página 65).10. Sistema de corte de ignição do descanso lateral — verifique o seu funcionamento correcto (página 121).78 PO
  • ARRANQUE DO MOTOR Os gases do escape da sua moto contêmSiga sempre o procedimento de arranque monóxido de carbono, um gás tóxico. Emcorrecto abaixo descrito. locais fechados, como garagens, podem-se concentrar rapidamente níveis elevadosEsta moto está equipada com um sistema de monóxido de carbono.de corte de ignição associado ao Não ponha o motor a funcionar com adescanso lateral. O motor não pode ser porta da garagem fechada. Mesmo com aposto em funcionamento se o descanso porta aberta, mantenha o motor alateral estiver baixado, a menos que a trabalhar apenas o tempo suficiente paracaixa de velocidades se encontre em retirar a moto da garagem.ponto morto. Se o descanso lateralestiver recolhido, o motor pode ser posto Não utilize o arranque eléctrico duranteem funcionamento com a caixa de mais de 5 segundos seguidos. Solte ovelocidades engrenada em qualquer botão de arranque durante aproximadamentemudança, apertando a manete da 10 segundos antes de voltar a premi-lo.embraiagem. Se o motor estiver emfuncionamento e com o descanso lateralem baixo, o motor desligar-se-á aoengrenar qualquer mudança antes derecolher o descanso lateral.Para proteger o conversor catalítico dosistema de escape da sua moto, eviteestar muito tempo ao ralenti e não usegasolina com chumbo. PO 79
  • Preparação Procedimento de ArranqueAntes de arrancar, introduza a chave, rode a Esta moto está equipada com um sistema deignição para a posição ON e confirme o seguinte: injecção de combustível com injecção de ar• A transmissão está em ponto morto automática. Siga o procedimento abaixo (luz indicadora de ponto morto na posição ON). indicado.• O interruptor de paragem do motor está na posição (RUN). Qualquer temperatura do ar:• O indicador de baixa pressão do óleo está • Com o acelerador completamente fechado, aceso (ON). pressione o botão de arranque.• O indicador luminoso do sistema imobilizador (HISS) está apagado (OFF). O motor não arrancará com o acelerador• O indicador luminoso de avaria do PGM-FI totalmente aberto (uma vez que o módulo de (MIL) está apagado (OFF). controlo electrónico corta a alimentação de combustível).O indicador de baixa pressão do óleo deveapagar-se alguns segundos após o arranque do Abrir e fechar consecutivamente o acelerador oumotor. Se o indicador de baixa pressão do óleo a utilização de um ralenti elevado por mais de 5se acender durante o funcionamento, desligue minutos pode provocar a descoloração dosimediatamente o motor e verifique o nível de tubos de escape.óleo. AVISOO funcionamento do motor com uma pressão deóleo insuficiente pode causar danos graves aomotor.80 PO
  • Motor afogado Corte da igniçãoSe o motor não arrancar depois de várias A moto foi concebida para parartentativas, é possível que esteja afogado. automaticamente o motor e a bomba de1. Deixe o interruptor de paragem do combustível em caso de queda (um motor na posição (RUN). sensor de inclinação corta o sistema de2. Abra completamente o acelerador. ignição). Antes de arrancar novamente o3. Pressione o botão de arranque durante motor, coloque o interruptor de ignição na 5 segundos. posição OFF e, em seguida, na posição4. Em seguida, continue o procedimento ON. de arranque normal. Se o motor arrancar, mas apresentar um ralenti instável, abra ligeiramente o acelerador. Se o motor não arrancar, aguarde 10 segundos e repita novamente os passos de 1 a 4. PO 81
  • RODAGEMPara assegurar a fiabilidade e o rendimentofuturos da moto, recomendamos que presteespecial atenção à condução durante osprimeiros 500 km.Durante este período, evite arranquescom o acelerador a fundo e aceleraçõesrápidas.82 PO
  • CONDUÇÃO 1. Depois do motor aquecer, poderáAntes de conduzir, releia as indicações iniciar a condução da sua moto.relativas à “Segurança da moto” (página 2. Com o motor ao ralenti, carregue na1-9). manete da embraiagem e engrene a primeira mudança carregando no pedalCertifique-se de que compreende o das mudanças.funcionamento do mecanismo do 3. Solte gradualmente a manete dadescanso lateral. (Ver o CALENDÁRIO DE embraiagem, aumentando ao mesmoMANUTENÇÃO, na página 94, e a tempo o regime do motor acelerando.explicação sobre o DESCANSO LATERAL, Uma boa coordenação da manete dana página 121). embraiagem e do acelerador assegurará um arranque suave.Assegure-se de que materiais inflamáveis 4. Assim que a moto atingir uma velocidade(como ervas ou folhas secas) não entram moderada, desacelere, aperte a maneteem contacto com o sistema de escape da embraiagem e engrene a segundadurante a condução, o ralenti ou o mudança levantando o pedal dasestacionamento. mudanças. Repita esta sequência para engrenar a 3ª, 4ª e 5ª mudanças. PO 83
  • 5. Coordene o acelerador e os travões • Não seleccione uma mudança inferior ao para uma desaceleração suave. conduzir a uma velocidade que possa6. Ambos os travões dianteiro e traseiro forçar o motor a entrar em rotação devem ser usados simultaneamente e excessiva na mudança de transmissão nunca com força suficiente para mais baixa; a roda traseira poderia perder bloquear a roda, ou a eficácia da tracção, resultando numa possível perda travagem diminuirá e o controlo do de controlo do veículo. veículo tornar-se-á difícil. • Não engrene qualquer mudança sem soltar a embraiagem e desacelerar. O motor e o conjunto de transmissão poderiam sofrer danos por excesso de velocidade e choque brusco. • Não reboque nem arraste a sua moto longas distâncias com o motor desligado. A transmissão não seria correctamente lubrificada, podendo sofrer danos. • Não faça o motor trabalhar a rotações elevadas com a transmissão em ponto morto ou a manete da embraiagem accionada. Poderia causar danos importantes no motor.84 PO
  • TRAVAGEM acelerador e accione firmemente o pedal e aEste motociclo está equipado com um novo alavanca. Puxe a alavanca da embraiagem antessistema de travagem. Ao apertar a alavanca do de parar completamente, para evitar que o motortravão dianteiro, acciona-se o travão dianteiro. se apagueAo apertar o pedal do travão traseiro acciona-seo travão traseiro e uma parte do travão dianteiro. Advertências de segurança importantes:Para obter uma eficácia completa de travagem, • O accionamento independente do pedal doutilize simultaneamente a alavanca e o pedal, travão ou da alavanca do travão reduz acomo faria com o sistema de travagem eficácia de travagem do veículo.convencional de qualquer motociclo. • A aplicação extrema dos controlos de travagem pode causar o bloqueio das rodas,Modelo não equipado com ABS: reduzindo o seu controlo sobre o veículo.Da mesma forma que com um sistema de • Sempre que possível, reduza a velocidade outravagem convencional de qualquer motociclo, trave antes de fazer uma curva. Desaceleraraccionar excessivamente os comandos de ou travar na curva provoca o risco detravagem pode provocar o bloqueio das rodas, derrapar e perder o controle do motociclo.reduzindo o controlo sobre o motociclo. Uma derrapagem reduz o seu controlo sobre a moto.Para conseguir uma travagem normal, accionesimultaneamente o pedal e a alavanca do travão.Ao mesmo tempo, passe a uma marcha inferior,adaptando-se à velocidade da estrada. Paraobter a máxima eficácia de travagem, feche o PO 85
  • • Ao conduzir em condições de chuva, sobre superfícies molhadas ou pouco firmes, a capacidade de manobra e de travagem será reduzida. Nestas condições, as manobras não devem ser bruscas. As acelerações, as travagens e as mudanças de direcção bruscas podem fazer perder o controlo da moto. Para sua segurança tenha o máximo cuidado ao travar, acelerar ou mudar de direcção.• Nas descidas íngremes, use a travagem por compressão do motor engrenando mudanças sucessivamente mais baixas, alternando a utilização de ambos os travões. Uma travagem contínua pode aquecer os travões e reduzir a sua eficácia.• Enquanto conduz, não ponha o pé no pedal do travão nem mantenha a mão sobre a manete do travão. Tal provocaria o accionamento intermitente da luz de stop e poderia confundir os outros condutores. Este comportamento pode também provocar o sobreaquecimento dos travões, reduzindo a sua eficácia.86 PO
  • Indicador do sistema de travagem anti-bloqueio • O ABS pode ser activado ao conduzir numa(ABS) (XL700VA) estrada com subidas e descidas pronunciadas.Este modelo também está equipado com um É importante seguir as recomendações sobreSistema de Travagem Anti-bloqueio (ABS) pneus (página 54). O computador do ABSconcebido para prevenir o bloqueio das rodas em funciona comparando a velocidade das rodas.condições de travagem brusca, ou em superfícies A utilização de pneus não recomendadosirregulares, ao conduzir em linha recta. Embora a poderia afectar a velocidade das rodas,roda possa não ficar bloqueada — ao travar a originando leituras erradas por parte dofundo numa curva, a moto pode perder tracção, computador do sistema ABS.provocando a perda de controlo do veículo. • O sistema ABS não funciona a baixas velocidades (aproximadamente 10 km/h ouEm algumas situações, uma moto com ABS pode inferiores).necessitar de uma distância de travagem superior • O sistema ABS não funciona com a bateriaem superfícies de revestimento solto ou irregular descarregada.à requerida por uma moto sem ABS.O sistema ABS não pode compensar as máscondições da estrada, maus julgamentos, nem autilização errada dos travões. Continua a ser dasua inteira responsabilidade conduzir a umavelocidade adequada às condições de clima, dasuperfície da estrada e do trânsito, respeitandosempre uma margem de segurança.O sistema ABS é automático e está permanentementeactivado. PO 87
  • Indicador luminoso do ABS travagem normal. No entanto, deverá(XL700VA) verificar o funcionamento do sistema deEste indicador ilumina-se normalmente ao travagem no seu concessionário Honda, oligar a ignição (ON), apagando-se ao mais rapidamente possível.conduzir a moto a uma velocidade superiora 10 km/h. Caso se detecte algum problema O indicador luminoso do ABS acender-se-com o ABS, o indicador luminoso á intermitentemente ao fazer girar a rodaacender-se-á e permanecerá aceso. O traseira com a moto apoiada no descanso.sistema ABS não funciona com o indicador Esta situação é normal. Desligue a igniçãoluminoso de ABS aceso. (OFF), e ligue-a novamente (ON). O indicador deverá acender-se, apagando-se aoSe o indicador luminoso de ABS se acender conduzir a moto a uma velocidadedurante a condução, pare a sua moto num superior a 10 km/h.lugar seguro, e desligue o motor.Ligue novamente a ignição (ON). Oindicador deverá acender-se, apagando-se ao conduzir a moto a uma velocidadesuperior a 10 km/h. Se o indicadorluminoso não se apagar, tal indica que osistema ABS não está a funcionar, mas ostravões continuam a funcionar com oSistema de Travagem Combinada (CBS)proporcionando uma capacidade de88 PO
  • ESTACIONAMENTO Assegure-se de que materiais inflamáveis,1. Depois de parar a moto, coloque a como erva ou folhas secas, não entram transmissão em ponto morto, gire o em contacto com o sistema de escape ao guiador completamente para a estacionar a moto. esquerda, rode o interruptor de ignição para a posição OFF e retire a chave.2. Utilize o descanso lateral para imobilizar a moto quando esta se encontrar estacionada.Estacione a moto num piso nivelado eestável para evitar que esta caia.Se tiver que estacionar num pisoligeiramente inclinado, aponte a frente damoto para a subida, reduzindo apossibilidade do descanso lateral recolhercausando a queda da moto.3. Bloqueie a direcção para evitar o roubo do veículo (página 68). PO 89
  • SUGESTÕES ANTI-ROUBO1. Bloqueie sempre a direcção e nunca deixe a chave na ignição. Esta é uma medida aparentemente simples mas NOME: muitas pessoas esquecem-se de o MORADA: fazer.2. Assegure-se de que toda a informação relativa ao registo e matrícula da sua moto se encontra actualizada. TELEFONE:3. Estacione a sua moto numa garagem fechada, sempre que possível.4. Utilize um dispositivo anti-roubo adicional de boa qualidade.5. Escreva o seu nome, morada e número de telefone neste Manual do Proprietário e conserve-o sempre na sua moto. Muitas vezes, as motos roubadas são identificadas graças à informação contida nos Manuais do Proprietário.90 PO
  • MANUTENÇÃO frequente do que a especificada no CalendárioA IMPORTÂNCIA DA MANUTENÇÃO de Manutenção. Consulte o seu ConcessionárioA manutenção correcta da moto é necessária Honda para qualquer informação ou recomendaçãopara uma condução segura, económica e sem relativamente às suas necessidades e uso.problemas.Além disso, contribui para reduzir a contaminação Se a sua moto cair ou se envolver em algumatmosférica. acidente, leve-a ao seu concessionário Honda para que todas as peças importantes sejamUma vez que esta moto foi concebida para a inspeccionadas, mesmo que possa procedercondução em estrada e fora dela (todo-o- você mesmo a algumas das reparações.terreno), em terrenos difíceis, uma inspecçãopré-condução e uma manutenção cuidada sãoespecialmente importantes. n ATENÇÃOPara o ajudar a cuidar devidamente da sua moto,nas páginas seguintes incluímos um Calendário A manutenção incorrecta desta moto oude Manutenção e um Registo de Manutenção, não corrigir um problema antes de conduzirpara que possa proceder a uma manutenção pode provocar acidentes, com lesõesregular e programada. graves ou até mesmo a morte.Estas instruções baseiam-se no pressuposto deque a moto é exclusivamente utilizada para os Siga sempre as recomendações efins para os quais foi concebida. programas de inspecção e manutençãoUma condução contínua a grandes velocidades deste manual do proprietário.ou em condições anormalmente húmidas oupoeirentas obrigará a uma manutenção mais PO 91
  • SEGURANÇA NA MANUTENÇÃO n ATENÇÃOEsta secção inclui instruções sobrealguns trabalhos de manutenção Se não se respeitarem as instruções eimportantes. Poderá desempenhar algumas as precauções de manutenção que adestas tarefas com as ferramentas seguir se indicam, poderiam ocorrerfornecidas — se possuir conhecimentos lesões graves, ou mesmo a morte.básicos de mecânica.Outras tarefas mais difíceis requerem Siga sempre os procedimentos e asferramentas especiais e devem ser precauções deste manual do proprietário.deixadas ao cuidado de profissionais.Normalmente, a desmontagem das rodassó deve ser feita por um técnico daHonda ou outro mecânico qualificado. Asinstruções contidas neste manualpretendem apenas servir de auxílio emcaso de emergência.A seguir, apresentamos algumas dasprecauções de segurança mais importantes.No entanto, não é possível alertá-lo paratodos os perigos possíveis durante umprocedimento de manutenção. Se deveou não realizar determinado trabalho éuma decisão exclusivamente sua.92 PO
  • PRECAUÇÕES DE SEGURANÇA • Para evitar que a moto caia, estacione-a• Certifique-se de que o motor está numa superfície plana e firme e use o desligado antes de iniciar qualquer descanso lateral ou um suporte de trabalho de manutenção ou reparação. manutenção para servir de apoio. Esta medida contribuirá para eliminar • Para reduzir a possibilidade de um vários perigos eventuais: incêndio ou explosão, tenha cuidado ao • Intoxicação por monóxido de carbono trabalhar junto de gasolina ou baterias. procedente do escape do motor. Utilize apenas solventes não Certifique-se da existência de uma inflamáveis, e não petróleo, para limpar ventilação adequada sempre que as peças. Não fume e evite faíscas e puser o motor a trabalhar. chamas nas proximidades da bateria e • Queimaduras causadas por peças de todas as peças relacionadas com o quentes. combustível. Deixe arrefecer o motor e o sistema de escape antes de lhes tocar. Lembre-se de que o seu concessionário • Lesões provocadas por peças Honda é quem melhor conhece a sua móveis. moto e está totalmente equipado para a Não ponha o motor a trabalhar, a sua manutenção e reparação. menos que lhe seja dada essa instrução.• Leia as instruções antes de começar e Para assegurar a melhor qualidade e certifique-se de que tem as ferramentas fiabilidade, utilize apenas peças Honda e os conhecimentos necessários. originais ou equivalentes em reparações e substituições. PO 93
  • CALENDÁRIO DE MANUTENÇÃORealize a Inspecção pré-condução (página 77) em cada um dos períodos de manutenção programados.I: INSPECCIONAR E LIMPAR, AFINAR, LUBRIFICAR OU SUBSTITUIR, SE NECESSÁRIO.C: LIMPAR R: SUBSTITUIR A: AFINAR L: LUBRIFICAROs seguintes componentes requerem alguns conhecimentos de mecânica. Alguns componentes(especialmente os assinalados com * e **) podem requerer mais informações técnicas eferramentas adicionais. Consulte o seu concessionário Honda.* Esta tarefa deverá ser realizada pelo seu concessionário Honda, a menos que o proprietário possua as ferramentas necessárias e os dados de manutenção, e esteja devidamente qualificado. Consulte um Manual Oficial Honda.** Para sua maior segurança é aconselhável que estas tarefas de manutenção sejam executadas pelo seu Concessionário Honda.A Honda recomenda que o seu concessionário Honda realize um teste de condução em estradadepois da realização de cada manutenção periódica.NOTAS: (1) Para leituras superiores às indicadas, repita em intervalos de tempo iguais. (2) Inspeccionar com maior frequência se conduzir em áreas anormalmente húmidas ou poeirentas. (3) Inspeccionar com mais frequência ao conduzir à chuva ou a grande velocidade. (4) Substituir de 2 em 2 anos, ou de acordo com o intervalo indicado no conta- quilómetros, conforme o que acontecer primeiro. A substituição requer conhecimentos de mecânica. (5) Inspeccionar com maior frequência se conduzir fora da estrada.94 PO
  • O QUE SE QUILOMETRAGEM [NOTA (1)] FREQUÊNCIA VERIFICAR PRIMEIRO x 1.000 km 1 6 12 18 24 30 36 Consulte x 1.000 mi 0,6 4 8 12 16 20 24 a ITEM NOTA MÊS 6 12 18 24 30 36 página* TUBAGEM DO COMBUSTÍVEL I I I —* ACELERADOR I I I 111* FILTRO DE AR (NOTA 2) R R — RESPIRADOR DO CÁRTER (NOTA 3) C C C C C C 106 VELAS DE IGNIÇÃO I R I R I R 107* FOLGA DAS VÁLVULAS I I I I — ÓLEO DO MOTOR R R R R 100 FILTRO DE ÓLEO R R R R 102 LÍQUIDO DE REFRIGERAÇÃO DO RADIADOR (NOTA 4) I I R 48* SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO I I I —* SISTEMA DE AR SECUNDÁRIO I I I —PO 95
  • O QUE SE QUILOMETRAGEM [NOTA (1)] FREQUÊNCIA VERIFICAR PRIMEIRO x 1.000 km 1 6 12 18 24 30 36 Consulte x 1.000 mi 0,6 4 8 12 16 20 24 a ITEM NOTA MÊS 6 12 18 24 30 36 página CORRENTE DE TRANSMISSÃO (NOTA 5) CADA 1.000 km (600 mi) I, L 113 GUIA DA CORRENTE DE TRANSMISSÃO I I I I I I 119 LÍQUIDO DOS TRAVÕES (NOTA 4) I I R I I R 43 DESGASTE DAS PASTILHAS DOS TRAVÕES I I I I I I 128-129 SISTEMA DE TRAVÕES I I I I 43-45, 128-129* INTERRUPTOR DAS LUZES DE TRAVÃO I I I 135* REGULAÇÃO DO FAROL I I I 76 SISTEMA DE EMBRAIAGEM I I I I I I I 46 DESCANSO LATERAL I I I 121 * SUSPENSÃO I I I 41 * PORCAS, PARAFUSOS, ELEMENTOS DE APERTO (NOTA 5) I I I I —** RODAS/PNEUS (NOTA 5) I I I I I I I —** ROLAMENTOS DA DIRECÇÃO I I I I —96 PO
  • JOGO DE FERRAMENTASO jogo de ferramentas (1) está situadodebaixo do assento (página 69).Com estas ferramentas poderá efectuaralgumas reparações de emergência,pequenos ajustes e substituição depeças.• Cabo do porta-capacetes• Chave de velas de ignição• Chave de luneta de 10 x 12 mm• Chave de bocas de 8 x 12 mm• Chave de bocas de 14 x 17 mm• Alicate• Chave Phillips Nº. 2• Chave de fendas Nº. 2• Cabo da chave de fendas• Barra de prolongamento• Chave sextavada de 6 mm• Chave sextavada de 5 mm (1) Jogo de ferramentas• Chave de luneta de 17 mm• Chave de luneta de 24 mm• Bolsa de ferramentas PO 97
  • NÚMEROS DE SÉRIEOs números do quadro e de série do O número de chassis (1) está gravado nomotor são necessários quando proceder ao lado direito da coluna de direcção.registo da sua moto.Estes dados podem também ser pedidos O número do motor (2) está impresso nopelo seu concessionário quando lado direito do cilindro.encomendar peças sobresselentes.Registe aqui os números para suareferência. Nº. DO MOTORNº. DO CHASSIS(1) Número do chassis (2) Número do motor98 PO
  • ETIQUETA DE CORA etiqueta de cor (1) está colocada natravessa do lado direito do chassis,debaixo do assento (pág. 69).Esta etiqueta é útil quando encomendarpeças sobresselentes. Registe aqui a core o código da etiqueta para sua referência.CORCÓDIGO(1) Etiqueta de cor PO 99
  • ÓLEO DO MOTOR A sua moto não requer o uso de aditivosConsulte as Precauções de segurança, na para óleo.página 93. Use sempre o óleo recomendado. Não utilize óleos que contenham grafiteRecomendações sobre o óleo ou aditivos à base de molibdénio. Estes poderiam afectar negativamente o SG ou superior, excepto funcionamento da embraiagem. Classificação óleos com a classificação Não use óleos API SH ou superiores que API “energy conserving” no contenham o símbolo de serviço API símbolo de serviço API “energy conserving” no recipiente. Estes produtos poderiam afectar negativamente Viscosidade SAE 10W-30 a lubrificação e o desempenho da embraiagem. JASO T 903 MA standard Óleo Recomendado Honda “4-STROKE MOTORCYCLE OIL” ou NÃO RECOMENDADO OK equivalente. Não utilize óleos não-detergentes, vegetais ou à base de rícino.100 PO
  • Viscosidade: JASO T 903 standardO grau de viscosidade do óleo deve O JASO T 903 standard é um índice parabasear-se na temperatura atmosférica óleos de motor para motores de motos a 4média do local de utilização. O quadro tempos.seguinte indica qual deve ser a escolha Existem dois tipos de óleo: MA e MB.do grau ou da viscosidade do óleo a A conformidade do óleo com os standardsutilizar em função das diferentes vigentes é indicada no recipiente do óleo.temperaturas atmosféricas. Por exemplo, a seguinte etiqueta indica a classificação MA. PRODUTO EM CONFORMIDADE COM JASO T 903 A COMPANHIA GARANTE A SEGUINTE PERFORMANCE MA: (1) Número de código da companhia vendedora do óleo (2) Classificação do óleo PO 101
  • Óleo do Motor e Filtro recomendamos que lave cuidadosamenteA qualidade do óleo do motor é o factor as mãos com água e sabão o mais brevedeterminante para a duração do motor. possível depois de manusear óleo usado.Mude o óleo do motor nos intervalos A substituição do filtro de óleo requerindicados no calendário de manutenção uma ferramenta especial para filtro de(página 95). óleo e uma chave dinamométrica. Se não tiverMude o óleo em intervalos mais frequentes estas ferramentas nem os conhecimentosdo que os recomendados no calendário de necessários, recomendamos que se dirijamanutenção se conduzir em condições ao seu concessionário Honda paramuito poeirentas. realizar este trabalho.Elimine o óleo de motor usado Se não tiver utilizado uma chaverespeitando sempre o meio ambiente. dinamométrica para realizar a instalação,Sugerimos que leve o óleo usado, num consulte o seu concessionário Honda orecipiente fechado, à sua estação de mais rapidamente possível para verificarserviço ou centro de reciclagem local se a montagem está correcta.para a sua recuperação. Não o deite nolixo, na terra ou na rede de saneamento. Mude o óleo do motor com o motor àO óleo de motor usado pode provocar temperatura de funcionamento normal ecancro de pele se permanecer em com a moto apoiada no descanso lateral,contacto com a mesma durante períodos para assegurar uma drenagem completade tempo prolongados. Embora isso seja e rápida.pouco provável, a menos que tenha umcontacto diário com óleo usado,102 PO
  • 1. Para drenar o óleo, retire o tampão de 3. Retire o filtro de óleo (3) com uma enchimento, o bujão de drenagem (1) e chave de filtros e deixe sair o óleo a anilha de vedação (2). existente.2. Retire a carenagem inferior (pág. 75). Elimine o filtro de óleo usado.(1) Bujão de drenagem do óleo(2) Anilha de vedação (3) Filtro de óleo PO 103
  • 4. Aplique uma ligeira camada de óleo do 6. Verifique se a anilha de vedação do motor no novo anel de vedação do filtro bujão de drenagem está em boas de óleo (4). condições e coloque o bujão. Substitua a5. Utilizando uma ferramenta especial e anilha de vedação sempre que mudar uma chave dinamométrica, instale o o óleo, ou quando for necessário. novo filtro de óleo e aperte-o a: Binário de aperto do bujão de 26 N·m (2,7 kgf·m) drenagem do óleo do motor:Use sempre um filtro de óleo HONDA ou 30 N·m (3,1 kgf·m)outro de qualidade equivalente específico 7. Encha o cárter com óleo da graduaçãopara o modelo da sua moto. O uso de um recomendada; aproximadamente:filtro Honda não apropriado ou de um 2,3 litrosfiltro de outro fabricante que não seja de 8. Instale o tampão de enchimento do óleo.qualidade equivalente poderá causar 9. Monte a carenagem inferior.danos no motor. 10. Ligue o motor e deixe-o trabalhar ao ralenti durante 3 — 5 minutos. 11. 2-3 minutos depois de parar o motor, verifique se o nível do óleo alcança a marca superior da janela de inspecção, com a moto na posição vertical e numa superfície plana e firme. Assegure-se de que não existem fugas de óleo.(4) Anel de vedação do filtro de óleo104 PO
  • POSIÇÃO DE MANUTENÇÃO DODEPÓSITO DO COMBUSTÍVELA parte frontal do depósito de combustível podelevantar-se para facilitar os trabalhos demanutenção.O depósito de combustível não necessita dedrenagem.Para levantar o depósito:1. Retire o assento (página 69).2. Retire a carenagem lateral esquerda e direita (pág. 74).3. Remova o parafuso (1) situado na parte traseira do depósito de combustível (2).4. Gire o guiador (3) completamente para a esquerda e bloqueie a direcção (página 68). Coloque o depósito de combustível sobre o punho esquerdo do guiador e prenda-o com o cabo do porta-capacetes (4), tal como se indica na figura. (1) ParafusoPara evitar possíveis danos, coloque um pouco (2) Depósito de combustível (3) Guiadorde desperdício (5) entre o guiador e o depósito (4) Cabo do porta-capacetesde combustível. (5) DesperdícioNão levante o depósito de combustível mais doque permita o cabo. PO 105
  • RESPIRADOR DO CÁRTERConsulte as Precauções de segurança, na página 93.1. Levante o depósito de combustível (página 105).2. Retire o tubo do respirador do cárter (1) e purgue os depósitos que possa conter para um recipiente adequado.3. Coloque um recipiente de drenagem debaixo da tampa do tubo de drenagem do alojamento do filtro de ar (2). Retire a tampa para esvaziar os depósitos do tubo.4. Volte a colocar o tubo do respirador do cárter e a tampa do tubo de drenagem do alojamento do filtro de ar.Leve a cabo a manutenção da sua moto commais frequência se conduzir com chuva, máximaaceleração, ou depois de a moto ter sido lavadaou ter caído. Se o nível de sujidade pode ver-sena secção transparente da tampa e do tubo de (1) Tubo do respirador do cárterdrenagem é conveniente realizar os trabalhos de (2) Tampa do tubo de drenagem do alojamento do filtro de armanutenção indicados.106 PO
  • VELAS DE IGNIÇÃOConsulte as Precauções de segurança, napágina 93.Velas recomendadas: Standard: CPR8EA-9 (NGK) ou U24EPR9 (DENSO) AVISONunca utilize velas de ignição com umagama térmica incorrecta. O motor poderiasofrer danos graves. PO 107
  • 1. Para retirar a vela de ignição do cilindro 6. Retire o cachimbo da vela de ignição (8) da frente, retire o parafuso (1) e a anilha da vela, e retire a vela utilizando a (2) da carenagem lateral direita (3). chave de velas (9) incluída no kit de2. Retire a carenagem lateral direita para ferramentas. fora, com cuidado.3. Remova os clipes (4) .4. Retire a tampa cobertura da cablagem (5).5. Prenda uma guia do ar direita (6) no suporte (7). (7) Suporte (8) Cachimbo da vela de ignição (9) Chave de velas(1) Parafuso (4) Clipes(2) Anilha (5) Cobertura da cablagem(3) Carenagem lateral direita (6) Guia do ar direita108 PO
  • 7. Para retirar a vela do cilindro traseiro, retire o cachimbo da vela de ignição (8) da vela, e retire a vela com a ajuda da chave de velas (9) incluída no kit de ferramentas.(8) Cachimbo da vela de ignição(9) Chave de velas PO 109
  • 8. Verifique a folga dos eléctrodos (10) utilizando 9. Com a anilha colocada, aperte a vela à mão um apalpa-folgas. Se for necessário algum para não danificar a rosca. ajuste, dobre cuidadosamente o eléctrodo 10. Aperte cada uma das velas de ignição: lateral (11). • Se a vela velha estiver em bom estado: A folga deve ser: 1/8 de volta depois de instalada. 0,8 — 0,9 mm • Se instalar uma vela nova, aperte duas vezes para evitar que se solte: a) Primeiro, aperte a vela: NGK: 1/2 de volta depois de instalada. DENSO: 3/4 volta depois do seu assento. b) Depois, desaperte a vela. c) A seguir, aperte novamente a vela: 1/8 de volta depois de instalada. AVISO Uma vela de ignição mal apertada pode danificar o motor. Se uma vela estiver demasiado solta, poderá danificar um pistão. Se uma vela estiver demasiado apertada, as roscas poderão danificar-se. 11. Volte a instalar os cachimbos da vela.(10) Folga dos eléctrodos 12. Instale os restantes elementos pela ordem(11) Eléctrodo lateral inversa à seguida para a desmontagem.110 PO
  • ACELERADORConsulte as Precauções de segurança, napágina 93.1. Verifique se a rotação do punho do acelerador desde a sua máxima abertura até à posição totalmente fechada é suave em todas as posições da direcção.2. Meça a folga do punho do acelerador na flange do punho do acelerador. A folga normal deve ser de aproximadamente: 2 — 4 mmPara ajustar a folga, desaperte a contra-porca (1) e rode o regulador (2). (1) Contra-porca (2) Regulador PO 111
  • LÍQUIDO DE REFRIGERAÇÃO n ATENÇÃOConsulte as Precauções de segurança, napágina 93. Não remova a tampa do radiador quando o motor estiver quente. OSubstituição do líquido de refrigeração líquido de refrigeração está sobO líquido de refrigeração deverá ser pressão e o líquido quente poder-lhe-substituído num concessionário Honda, a ia causar queimaduras graves.menos que o proprietário possua asferramentas e os dados de manutenção Deixe sempre o motor e o radiadorcorrectos, bem como a qualificação arrefecerem antes de abrir a tampamecânica necessária. Consulte um do radiador.Manual Honda oficial.Acrescente sempre líquido derefrigeração ao depósito de reserva. Nãotente acrescentar líquido de refrigeraçãoretirando a tampa do radiador.112 PO
  • CORRENTE DE TRANSMISSÃO 3. Empurre a moto para a frente. Pare. VerifiqueConsulte as Precauções de segurança, na página novamente a tensão da corrente. Repita este93. procedimento várias vezes. A tensão da corrente de transmissão deve permanecer constante.A vida útil da corrente de transmissão (1) Se algumas secções da corrente estiveremdepende de uma lubrificação e afinação mais soltas do que outras, isso significa quecorrectas. Uma má manutenção pode causar um alguns dos elos estão presos ou dobrados.desgaste prematuro ou danos na corrente de Estas deficiências podem frequentemente sertransmissão e nos respectivos elos. eliminadas com a lubrificação.A afinação e lubrificação da corrente detransmissão fazem parte da Inspecção pré-condução (página 77). Em caso de utilizaçãomuito frequente, ou quando utilizar a moto emáreas poeirentas ou lamacentas, será necessáriauma manutenção mais frequente.Inspecção:1. Pare o motor, coloque a moto apoiada no descanso e coloque a transmissão em ponto morto.2. Verifique a tensão da corrente inferior a meio da mesma entre os elos. A tensão da corrente deve ser regulada de (1) Corrente de transmissão modo que o movimento vertical efectuado à mão seja: 35 — 45 mm PO 113
  • 4. Empurre a moto para a frente. Pare e apoie-a Dentes da roda Dentes da roda no descanso lateral. Inspeccione a corrente de danificados gastos transmissão e as rodas dentadas para detectar qualquer um dos seguintes problemas: Substituir Substituir CORRENTE DE TRANSMISSÃO • Roletes danificados • Pinos frouxos • Elos secos ou oxidados • Elos retorcidos ou apertados • Desgaste excessivo • Afinação incorrecta • O’ rings danificados ou ausentes RODAS DENTADAS • Dentes excessivamente gastos • Dentes partidos ou danificadosSubstitua a corrente de transmissão se esta tiver Dentes normais da rodaroletes danificados, passadores frouxos ou sefaltarem o’ rings. Se a corrente parecer seca ou EM BOM ESTADOapresentar sinais de oxidação, necessitará delubrificação adicional.Os elos retorcidos ou apertados devem sermeticulosamente lubrificados. Se não for possívellibertar os elos, substitua a corrente.114 PO
  • Afinação: Para afinar a corrente de transmissão,A tensão da corrente de transmissão deve proceda do seguinte modo:ser verificada e afinada, se necessário, cada 1. Apoie a moto no descanso lateral com1.000 km. Em caso de utilização a transmissão em ponto morto e aprolongada a grandes velocidades ou ignição desligada.com grandes acelerações, a corrente 2. Afrouxe a porca do eixo traseiro (1).necessitará de ajustes mais frequentes. 3. Afrouxe as contra-porcas (2) de ambos os lados do braço oscilante. 4. Rode as porcas de ajuste (3) o mesmo número de voltas até obter a folga correcta da corrente de transmissão. Rode-as para a direita para apertar a corrente ou para a esquerda para a afrouxar. Ajuste a tensão da corrente num ponto central entre o pinhão de ataque e a cremalheira da roda traseira. Gire a roda traseira e volte a verificar a folga da corrente de transmissão. A tensão da corrente deve ser de: 35 — 45 mm(1) Porca do eixo traseiro (4) Marca de referência(2) Contra-porca (5) Extremidade traseira da(3) Porca de ajuste ranhura de ajuste da corrente de transmissão PO 115
  • 5. Verifique o alinhamento do eixo traseiro 7. Aperte ligeiramente as porcas de ajuste certificando-se de que as marcas de e, em seguida, as contra-porcas, referência (4) estão alinhadas com a segurando as porcas de ajuste com extremidade traseira das ranhuras de uma chave. ajuste (5). 8. Verifique novamente a tensão da As marcas esquerda e direita devem corrente de transmissão. coincidir. Se o eixo está mal alinhado, rode a porca de ajuste para a direita ou esquerda até que as marcas correspondam com a extremidade traseira das ranhuras de afinação e reverifique a folga da corrente.6. Aperte a porca do eixo da roda a: Binário de aperto: 88 N·m (9,0 kgf·m)Se não tiver utilizado uma chavedinamométrica para realizar a instalação,consulte o seu concessionário Honda omais rapidamente possível para verificarse a montagem está correcta.116 PO
  • Afinação: Esta moto dispõe de uma corrente deVerifique a etiqueta de desgaste da transmissão com um elo principalcorrente ao realizar o ajuste da mesma. cravado que necessita de uma ferramentaSe a zona vermelha (6) da etiqueta está especial para o seu corte e cravamento.alinhada com a ponta da seta (7) depois Não utilize um elo principal normal comde corrente ter sido afinada à com a folga esta corrente. Contacte o seucorrecta, isso quer dizer que a corrente concessionário Honda.está excessivamente gasta e deve sersubstituída. A folga correcta é: 35 — 45 mmDanos na parte inferior do chassis podemdever-se a uma folga excessiva dacorrente superior a: 60 mmCorrente de substituição: DID525V8 ou RK525 SMOZ5 (6) Zona vermelha (7) Seta PO 117
  • Lubrificação e limpeza:Lubrifique a cada 1.000 km, ou maiscedo, se a corrente estiver seca.A corrente de transmissão desta motoencontra-se equipada com pequenos o’ringsentre as placas de união. Estes o’ringsretêm massa lubrificante no interior dacorrente para melhorar a sua durabilidade.Os o’rings desta corrente podemdanificar-se com uma limpeza a vapor,lavagens a alta pressão e certossolventes. Limpe as superfícies laterais dacorrente com um pano seco. Não escoveos o’ rings de borracha. Poderia danificaros mesmos. Limpe a seco e lubrifiquesomente com óleo para engrenagens SAE80 ou 90. Os lubrificantes para correntesà venda no mercado podem contersolventes que poderiam danificar oso’rings de borracha.118 PO
  • GUIA DA CORRENTE DE TRANSMISSÃOConsulte as Precauções de segurança, napágina 93.Verifique a guia da corrente (1) comrespeito a desgaste.A guia da corrente deverá ser substituídose estiver gasta até à linha de limite dedesgaste (2). Para obter uma peça dereposição, contacte o seu concessionárioHonda. (1) Guia da corrente (2) Linha de limite de desgaste PO 119
  • INSPECÇÃO DAS SUSPENSÕESDIANTEIRA E TRASEIRAConsulte as Precauções de segurança, napágina 93.1. Verifique o conjunto da forqueta bloqueando o travão dianteiro e comprimindo a forqueta com força para cima e para baixo. O movimento da suspensão deve ser suave e não devem existir fugas de óleo.2. Verifique os rolamentos do braço oscilante, empurrando com força sobre um lado da roda traseira com a moto situada sobre um bloco de suporte. Uma folga indica rolamentos gastos.3. Verifique cuidadosamente a tensão de todos os elementos de aperto das suspensões dianteira e traseira.120 PO
  • DESCANSO LATERAL Se o descanso lateral não funcionar talConsulte as Precauções de segurança, na como se descreve, contacte o seupágina 93. concessionário Honda.Leve a cabo a seguinte manutenção, deacordo com o calendário de manutenção.Verificação de funcionamento:• Verifique se a mola do descanso lateral (1) não se encontra danificada ou frouxa, e se o conjunto do descanso lateral se move livremente.• Verifique o sistema de corte da ignição do descanso lateral: 1. Sente-se na moto; levante o descanso lateral e ponha a caixa de velocidades em ponto morto. 2. Ponha o motor em funcionamento e engrene a primeira mudança. 3. Baixe o descanso lateral. O motor (1) Mola do descanso lateral deve parar assim que o descanso estiver baixado. PO 121
  • DESMONTAGEM DAS RODASConsulte as Precauções de segurança, napágina 93.Esta moto está equipada apenas com umdescanso lateral. Por este motivo, se fornecessário desmontar uma roda, terá deutilizar um macaco hidráulico ou outroequipamento semelhante para levantar aparte central da moto. Se não tiver ummacaco com estas características, dirija-se ao seu concessionário Honda para arealização deste serviço.Desmontagem da roda da frente1. Levante a roda dianteira do solo, colocando um bloco de suporte debaixo do motor.2. Retire os conjuntos das maxilas direita e esquerda (1) do amortecedor da forquilha removendo os parafusos de fixação (2).Para evitar danificar o tubo do travão,apoie o conjunto das maxilas de maneira aque este não esteja suspenso pelo tubo. (1) Conjunto da maxila do travãoNão torça o tubo do travão. (2) Parafusos de fixação122 PO
  • 3. Retire as porcas de fixação do suporte do eixo dianteiro (3) e o suporte do eixo dianteiro (4).Não pressione a manete do travão se oconjunto da maxila não estiver montadona moto. O êmbolo da maxila seriaexpulso dos cilindros, com a consequenteperda de líquido de travões. Nesse caso,será necessário reparar o sistema detravões. Dirija-se ao seu concessionárioHonda para realizar este trabalho.4. Afrouxe as porcas de fixação do suporte do eixo dianteiro (3).5. Retire o veio do eixo dianteiro (5), a roda da frente e as flanges laterais. (3) Porcas de fixação do suporte do eixo dianteiro (4) Suporte do eixo dianteiro (5) Veio do eixo dianteiro PO 123
  • Montagem da roda da frente 5. Para evitar danificar as pastilhas do travão ao1. Coloque os casquilhos laterais dos lados instalar o conjunto da maxila, coloque esquerdo e direito do cubo da roda. cuidadosamente ambos os discos do travão Posicione a roda da frente entre os entre as pastilhas. amortecedores da forquilha e introduza o 6. Accione o travão dianteiro e bombeie a parafuso do eixo da frente do lado direito, forquilha várias vezes. Certifique-se de que a através do amortecedor direito da forquilha e roda dianteira gira livremente quando solta o do cubo da roda. travão.2. Instale o suporte do eixo com a marca UP (1) Volte a verificar a roda se o travão roçar ou se voltada para cima, apertando primeiro as a roda não girar livremente. porcas de fixação do suporte do eixo superiores até que este assente ligeiramente, apertando depois as porcas inferiores até que o eixo assente correctamente.3. Aperte o parafuso do eixo dianteiro com o binário de aperto especificado: Binário de aperto parafuso do eixo dianteiro: 64 N·m (6,5 kgf·m)4. Instale o conjunto das maxilas direita e esquerda nos amortecedores da forquilha e aperte os parafusos de sujeição com o binário de aperto especificado: (1) Marca "UP" 30 N·m (3,1 kgf·m)124 PO
  • 7. Aperte as porcas de fixação do suporte do eixo dianteiro do amortecedor direito da forquilha com o binário de aperto especificado: 12 N·m (1,2 kgf·m)8. Verifique visualmente se os espaços entre cada uma das superfícies do disco do travão (1) e o suporte da os casquilhos do travão (2) (e não os calços dos travões) são simétricos.Se não tiver utilizado uma chavedinamométrica na instalação, dirija-se aoseu concessionário Honda o maisrapidamente possível para verificar se amontagem está correcta.Uma montagem incorrecta pode conduzirà perda de capacidade de travagem. (1) Disco de travão (2) Suporte da os casquilhos do travão PO 125
  • Desmontagem da roda traseira 6. Retire o eixo traseiro (5), os casquilhos1. Levante a roda traseira do solo laterais e a roda traseira do braço colocando um bloco de suporte debaixo oscilante. do motor.2. Afrouxe a porca do eixo traseiro (1). Não pressione o pedal do travão com a3. Afrouxe a contra-porca (2) e gire a roda fora da moto. O êmbolo da maxila porca de ajuste (3). seria expulso dos cilindros, com a4. Retire a porca do eixo traseiro. consequente perda de líquido de travões.5. Retire a corrente de transmissão (4) da Nesse caso, será necessário reparar o sistema cremalheira empurrando a roda de traseira de travões. Dirija-se ao seu concessionário para a frente. Honda para realizar este trabalho.(1) Porca do eixo traseiro (3) Porca de ajuste (4) Corrente de transmissão(2) Contra-porca (5) Eixo126 PO
  • Notas relativas à montagem: Se não tiver utilizado uma chave• Para montar a roda traseira, proceda da dinamométrica na instalação, dirija-se maneira inversa à seguida para a ao seu concessionário Honda o mais desmontagem. brevemente possível para verificar se a• Certifique-se de que a calha (8) do montagem está correcta. braço oscilante (7) está situada na Uma montagem incorrecta pode conduzir ranhura (6) do painel dos travões. à perda de capacidade de travagem.• Aperte a porca do eixo da roda com o binário de aperto indicado. 88 N·m (9,0 kgf·m)• Ajuste a corrente de transmissão.Quando colocar a roda, coloquecuidadosamente o disco do travão entreas pastilhas do travão para evitar danificá-las.Depois de montar a roda, accione váriasvezes os travões e verifique se a roda giralivremente. Volte a verificar a roda se otravão roçar ou se a roda não girarlivremente. (6) Ranhura (8) Calha (7) Braço oscilante PO 127
  • DESGASTE DAS PASTILHAS DOS TRAVÕES <TRAVÃO DIANTEIRO>Consulte as Precauções de segurança, na A ilustração representa o lado direito; opágina 93. lado esquerdo é idêntico.O desgaste das pastilhas dos travõesdepende do grau de utilização, do tipo decondução e das condições do pavimento.(Regra geral, as pastilhas gastam-se maisrapidamente em terrenos poeirentos emolhados).Inspeccione visualmente as pastilhas emcada intervalo de manutenção (página 96).Travão dianteiroInspeccione sempre as pastilhas emambas as maxilas do travão (esquerda edireita).Verifique o indicador de desgaste (1) emcada pastilha.Se alguma da pastilhas estiver gasta paraalém do corte, substitua ambas aspastilhas. Dirija-se ao seu concessionárioHonda para realizar este trabalho. (1) Indicador de desgaste128 PO
  • Travão traseiro <TRAVÃO TRASEIRO>Verifique os recortes (2) em cada pastilha.Se alguma das pastilhas estiver gasta atéo recorte, substitua ambas as pastilhascomo um conjunto. Dirija-se ao seuconcessionário Honda para realizar estetrabalho. (2) Recortes PO 129
  • BATERIA n ATENÇÃOConsulte as Precauções de segurança, napágina 93. A bateria liberta hidrogénio explosivo durante o seu funcionamento normal.Não é necessário verificar o nível doelectrólito da bateria ou adicionar água Uma faísca ou uma chama podemdestilada pois a bateria não precisa de causar uma explosão da bateriamanutenção (é selada). suficientemente forte para provocar aSe a sua bateria parece fraca e/ou perde morte ou lesões graves.electrólito (causando dificuldade paraarrancar o motor ou outros problemas Use roupa protectora e protecçãoeléctricos), dirija-se ao seu Concessionário facial ou deixe que um mecânicoHonda. qualificado realize a manutenção da bateria. AVISOA bateria da sua moto não necessita demanutenção e pode sofrer danosirreparáveis se a tira da tampa forretirada.130 PO
  • Desmontagem:A bateria (1) está na caixa da baterialocalizada por trás da cobertura lateralesquerda.1. Verificar que o interruptor da ignição se encontra na posição OFF.2. Retire a carenagem lateral direita (pág. 74).3. Remova a porca (2) e o suporte da bateria (3).4. Desligue o terminal negativo (-) (4) em primeiro lugar, e a seguir o terminal positivo (+) (5).5. Retire a bateria para fora do seu alojamento.Instalação:1. Volte a montar seguindo a ordem inversa da desmontagem. (1) Bateria Certifique-se de que liga primeiro o (2) Porcas (3) Suporte da bateria terminal positivo (+) e depois o negativo (-). (4) Terminal negativo (-)2. Verifique a correcta fixação de todos os (5) Terminal positivo (+) parafusos e elementos de aperto. PO 131
  • SUBSTITUIÇÃO DOS FUSÍVEISConsulte as Precauções de segurança, napágina 93. Fusível fundidoQuando um fusível funde com frequência,normalmente é sinal de que existe umcurto-circuito ou uma sobrecarga nosistema eléctrico da moto. Contacte oseu concessionário Honda para procederàs reparações necessárias. AVISONunca use um fusível com umaamperagem diferente da indicada. Se ofizesse, poderia causar danos graves nosistema eléctrico da sua moto ou mesmoprovocar um incêndio, causando a perdade luzes ou a falha do motor.132 PO
  • Caixa de fusíveis:A caixa dos fusíveis está situada debaixodo assento.Os fusíveis especificados são: 10, 20 A ...XL700V 10, 20, 30 A ...XL700VA1. Retire o assento (página 69).2. Retire a cobertura lateral esquerda (pág. 73).3. Abra a tampa da caixa de fusíveis (1).4. Retire o fusível velho e instale o fusível novo. Os fusíveis sobressalentes (2) estão localizados na caixa dos fusíveis.5. Feche a tampa da caixa de fusíveis e volte a instalar o assento. (1) Tampa da caixa de fusíveis (2) Fusíveis sobressalentes PO 133
  • Fusível principal:O fusível principal (1) está localizado portrás da cobertura lateral esquerda.A amperagem do fusível especificado é: 30 A1. Retire o assento (página 69).2. Retire a cobertura lateral esquerda (página 73).3. Desligue a ficha (2) do relé do motor de arranque.4. Retire o fusível velho e instale o fusível novo. O fusível principal sobressalente (3) está localizado debaixo do interruptor magnético do motor de arranque.5. Volte a ligar a ficha e instale a cobertura lateral esquerda. (1) Fusível principal6. Instale o assento. (2) Ficha (3) Fusível principal sobressalente134 PO
  • REGULAÇÃO DO INTERRUPTOR DASLUZES DE TRAVÃOConsulte as Precauções de segurança, napágina 93.Verifique em intervalos regulares ofuncionamento do interruptor das luzesde travão (1), situado do lado direito atrásdo motor.A regulação é feita rodando a porca (2) deajuste. Rode-a na direcção (A), se a luzacender com atraso, e na direcção (B), sea luz acender cedo demais. (1) Interruptor das luzes de travão (2) Porca de ajuste PO 135
  • SUBSTITUIÇÃO DAS LÂMPADAS • Certifique-se de que o interruptor deConsulte as Precauções de segurança, na ignição se encontra na posição OFFpágina 93. antes de substituir a lâmpada. • Use apenas as lâmpadas especificadas.A lâmpada aquece muito enquanto o farol • Depois de instalar uma lâmpada nova,se encontrar na posição ON e permanece verifique a luz funciona correctamente.quente algum tempo depois de este tersido desligado (OFF). Deixe a lâmpadaarrefecer completamente antes de realizarqualquer trabalho de manutenção damesma.Não deixe impressões digitais nalâmpada do farol, porque estas poderiamdar origem a pontos quentes na lâmpada,e fazer com que esta se parta.Quando substituir uma lâmpada, useluvas limpas.Se tocar na lâmpada com as mãos,limpe-a com um pano humedecido emálcool para evitar que a lâmpada sefunda.136 PO
  • Lâmpada do farol1. Retire o casquilho da lâmpada (1) girando-o no sentido contrário ao dos ponteiros do relógio.2. Sem a rodar, retire a lâmpada (2).3. Instale uma lâmpada nova seguindo a ordem inversa da remoção. (1) Casquilho (2) Lâmpada PO 137
  • Lâmpada da luz de posição1. Retire o casquilho (1).2. Sem a rodar, retire a lâmpada (2).3. Instale uma lâmpada nova seguindo a ordem inversa da remoção. (1) Casquilho (2) Lâmpada138 PO
  • Lâmpada do farol traseiro/luz do travão1. Retire o assento (página 69).2. Rode o casquilho (1) 90° no sentido contrário ao dos ponteiros do relógio, puxando-o para si em seguida.3. Pressione ligeiramente a lâmpada (2) e rode-a para a esquerda.4. Instale uma lâmpada nova seguindo a ordem inversa da remoção. (1) Casquilho (2) Lâmpada PO 139
  • Lâmpada dos indicadores de direcçãodianteiros/traseiros1. Retire a lente do indicador de mudança de direcção (1) extraindo o parafuso (2).2. Pressione ligeiramente a lâmpada (3) e rode-a para a esquerda.3. Instale uma lâmpada nova seguindo a ordem inversa da remoção. • Utilize apenas a lâmpada âmbar. (1) Lente do indicador de mudança de direcção (2) Parafuso (3) Lâmpada140 PO
  • Lâmpada da placa de matrícula1. Retire a lente da luz da placa de matrícula (1) extraindo os parafusos (2).2. Sem a rodar, retire a lâmpada (3).3. Instale uma lâmpada nova seguindo a ordem inversa da remoção. (1) Lente da luz da placa de matrícula (2) Parafuso (3) Lâmpada PO 141
  • LIMPEZA Como lavar a motoLimpe a sua moto regularmente para proteger os 1. Lave bem a moto com um jacto de água friaacabamentos das superfícies, e verifique a para eliminar a sujidade solta.existência de estragos, desgastes ou fugas de 2. Limpe a moto com uma esponja ou um panoóleo. suave, utilizando água fria. Evite dirigir a água às saídas do silenciador deEvite a utilização de produtos de limpeza que escape e às peças eléctricas.não sejam concebidos especificamente para 3. Limpe as peças de plástico com um pano ousuperfícies de motos ou automóveis. uma esponja humedecidos numa solução deEstes podem conter detergentes fortes ou detergente suave e água. Esfregue a parte sujasolventes químicos que poderiam danificar o com cuidado, enxaguando frequentementemetal, a pintura ou os materiais plásticos da sua com água doce.moto. Evite que o líquido dos travões ou os solventesSe a moto ainda estiver quente devido à químicos se derramem na moto.utilização recente, aguarde algum tempo para Estes poderiam danificar as superfíciesdeixar arrefecer o motor e o sistema de escape. plásticas e de pintura.Evite pulverizar água sob alta pressão O interior da lente do farol pode ficar embaciado(geralmente as máquinas de lavagem de imediatamente após a lavagem da sua moto. Aautomóveis que funcionam com moedas). condensação de humidade do interior do farol desaparecerá gradualmente acendendo o farol AVISO nos máximos. Ligue o motor enquanto mantém oA água (ou ar) sob alta pressão pode causar farol aceso.danos em determinadas peças da moto.142 PO
  • 4. Depois de limpar, lave bem a moto com Retoques finais água limpa abundante. Depois de lavar a moto, considere usar Os restos de detergente podem corroer um produto de limpeza/massa de polir as peças compostas de ligas metálicas. em spray, cera líquida ou em pasta,5. Seque a moto, arranque o motor e disponível no mercado para terminar a deixe-o trabalhar durante alguns minutos. tarefa. Use apenas massa ou cera não6. Teste os travões antes de conduzir a abrasivos, especialmente fabricados para moto. Talvez seja necessário accionar motos ou automóveis. Aplique o várias vezes os travões para restabelecer abrilhantador ou a cera de acordo com as a sua eficácia normal de travagem. instruções do seu fabricante.7. Lubrifique a corrente de transmissão imediatamente após a lavagem e a secagem da moto.A eficácia de travagem pode sertemporariamente reduzida imediatamentea seguir à lavagem da moto.Para evitar possíveis acidentes, prevejauma distância de travagem maior. PO 143
  • Como eliminar o sal da estrada Limpe o pára-brisasO sal que se espalha nas estradas no Inverno Limpe o pára-brisas com água em abundância,para evitar a congelação, bem como a água do utilizando um pano suave ou uma esponja. (Evitemar, provocam a oxidação de algumas partes da utilizar detergentes ou qualquer tipo de produtomoto. de limpeza químico para limpar o pára-brisas).Quando a moto for exposta a esses elementos, Seque com um pano suave e limpo.lave-a de acordo com o seguinte procedimento: AVISO1. Limpe a moto com água fria (página 142). Para evitar possíveis riscos ou outros danos, utilize apenas água e um pano ou uma esponjaNão use água quente: macia para limpar o pára-brisas.Tal agravaria o efeito do sal. Se o pára-brisas se encontrar muito sujo, empregue um detergente neutro com uma esponja e água2. Seque a moto e proteja a superfície metálica abundante. Certifique-se que remove todo o com cera. detergente. (Os resíduos de detergente poderiam causar brechas no pára-brisas). Se os riscos não podem ser eliminados e obstruem a visão clara da estrada, substitua o pára-brisas Mantenha o electrólito da bateria, líquido dos travões e outros produtos químicos afastados do pára-brisas e da carenagem da moto. Estes produtos poderiam danificar o plástico da moto.144 PO
  • GUIA DE ARMAZENAGEM n ATENÇÃOParagens prolongadas, como porexemplo no Inverno, requerem a tomada A gasolina é extremamente inflamávelde certas medidas de modo a reduzir os e explosiva. Ao manusear combustívelefeitos de deterioração pela não utilização existe o risco de queimaduras oudo veículo. Adicionalmente, todas as outras lesões graves.reparações necessárias devem ser feitasANTES de guardar a moto, pois podem • Desligue o motor e mantenha as fontesser esquecidas quando a tornar a pôr em de calor, faíscas, e chamas afastadas.funcionamento. • O reabastecimento deverá ser sempre efectuado ao ar livre.ARMAZENAGEM • Limpe imediatamente qualquer derrame1. Mude óleo do motor e o filtro. de combustível.2. Certifique-se de que o sistema de refrigeração está cheio com solução anticongelante 50/50%.3. Esvazie o depósito de combustível para um contentor apropriado utilizando um sifão manual ou um método equivalente disponível no mercado. Vaporize o interior do depósito com um spray antiferrugem. Volte a colocar o tampão de enchimento de combustível no depósito. PO 145
  • 4. Para evitar a oxidação dos cilindros, 5. Retire a bateria. Guarde-a numa área realize a seguinte operação: protegida do frio e da luz solar directa. • Retire os cachimbos das velas de Leve a cabo uma carga lenta da bateria ignição. Para os manter afastados uma vez por mês. das velas de ignição, prenda-os com 6. Lave e seque a moto. Encere todas as fita adesiva ou fio a qualquer parte superfícies pintadas. Cubra as superfícies plástica adequada. cromadas com óleo antiferrugem. • Retire as velas de ignição do motor. 7. Lubrifique a corrente de transmissão Não coloque as velas nos cachimbos. (página 118). • Deite uma colher (15 a 20 cm3) de 8. Encha os pneus com a pressão óleo de motor limpo em cada recomendada. Coloque a moto sob cilindro e tape os orifícios das velas blocos, de modo a que os pneus não de ignição com um pedaço de pano. fiquem em contacto com o solo. • Faça o motor rodar várias vezes para 9. Cubra a moto (não use plásticos ou distribuir o óleo. materiais encerados) e guarde-a num • Volte a colocar as velas e os cachimbos. local não aquecido, sem humidade e onde as variações de temperatura sejam mínimas. Não guarde o veículo exposto à luz solar directa.146 PO
  • REUTILIZAÇÃO APÓS UM LONGOPERÍODO DE ARMAZENAGEM1. Destape e limpe a moto.2. Mude o óleo do motor se a moto tiver estado parada mais de quatro meses.3. Carregue a bateria conforme necessário. Coloque a bateria.4. Retire o excesso de spray antiferrugem do depósito de combustível. Encha o depósito com combustível novo.5. Execute as operações descritas na secção “Inspecção pré-condução” (página 77). Teste o veículo a baixa velocidade num local seguro e sem trânsito. PO 147
  • ESPECIFICAÇÕESDIMENSÕESComprimento total 2.255 mmLargura total 905 mmAltura total 1.305 mmDistância entre eixos 1.515 mmCAPACIDADESÓleo de motor Após drenagem 2,1 litros Depois da drenagem e da mudança do filtro de óleo 2,3 litros Após a desmontagem 2,9 litrosDepósito de combustível 17,0 lCapacidade do sistema de refrigeração 2,40 lLotação Condutor e um passageiroCapacidade de peso máxima 200 kg148 PO
  • MOTORDiâmetro x curso 81,0 x 66,0 mmTaxa de compressão 10,0 : 1Cilindrada 680,2 cm3Velas de ignição CPR8EA-9 (NGK) ou U24EPR9 (DENSO)Ralenti 1.200 ± 100 min-1 (rpm)Folga das válvulas (motor frio) Admissão 0,15 mm Escape 0,20 mm PO 149
  • CHASSIS E SUSPENSÃOCaster 28° 04’Trail 105,5 mmDimensão pneu dianteiro 100/90— 19M/C 57H BRIDGESTONE TRIAL WING 101 METZELER TOURANCE FRONT UTipo de pneu bias-ply, câmaraDimensão pneu traseiro 130/80R17M/C 65H BRIDGESTONE TRIAL WING 152 RADIAL METZELER TOURANCE UTipo de pneu radial-ply, câmaraTRANSMISSÃORedução primária 1,763Relação, 1ª mudança 2,500 2ª mudança 1,722 3ª mudança 1,333 4ª mudança 1,111 5ª mudança 0,961Redução final 3,133150 PO
  • PARTE ELÉCTRICABateria 12V-11.2 AhAlternador 0,396 kW/5.000 min-1 (rpm)LUZESFarol 12V 55W x 2Luz de Travagem/Posição 12V 21/5WLâmpada do indicador de Dianteira 12V 21W x 2mudança de direcção Traseira 12V 21W x 2Luz da placa de matrícula 12V 5WLuz de posição 12V 5WFUSÍVELPrincipal 30 AOutros fusíveis 10, 20 A ...XL700V 10, 20, 30 A ...XL700VA PO 151
  • CONVERSOR CATALÍTICO Um catalisador defeituoso aumenta aEsta moto encontra-se equipada com um poluição atmosférica e pode prejudicar oconversor catalítico. rendimento da moto. Siga estas instruçõesO conversor catalítico contém metais para proteger os conversores catalíticospreciosos que actuam como catalisadores, da moto.provocando reacções químicas para • Utilize sempre gasolina sem chumbo.transformar os gases de escape sem Mesmo uma pequena quantidade deafectar os metais. gasolina com chumbo pode contaminarO conversor catalítico actua sobre o HC, os metais do catalisador, fazendo comCO e NOx. A unidade sobressalente deve que o conversor catalítico não seja eficaz.ser uma peça original Honda ou outraequivalente. • Mantenha o motor em boas condições de funcionamento.O conversor catalítico deve funcionar a • Um motor em más condições deuma temperatura elevada para que as funcionamento poderia provocar oreacções químicas ocorram. Qualquer sobreaquecimento do conversor catalítico,material combustível que estiver próximo danificando o conversor da moto.pode-se incendiar. Por este motivo, evite • Se a combustão do motor é defeituosa,estacionar nas proximidades de moitas ou se este emite estampidos, se pára, ouou ervas, folhas secas e outros materiais apresenta quaisquer outros indícios de uminflamáveis. funcionamento incorrecto, pare e desligue o motor da sua moto. Dirija-se com a sua moto a um concessionário Honda o mais rapidamente possível.152 PO
  • XL 700 V - 8HONDA PORTUGAL, S.A. ABRUNHEIRA 2714-506 SINTRATelf: 21 915 53 00 Fax: 21 915 10 19