• Save
Bioquimica - Aula 2
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Bioquimica - Aula 2

on

  • 3,414 views

 

Statistics

Views

Total Views
3,414
Views on SlideShare
324
Embed Views
3,090

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

10 Embeds 3,090

http://www.lab-bioinfo.com 2971
http://ucb.lab-bioinfo.com 44
http://131.253.14.98 22
http://localhost 17
http://uv10l.local 13
http://131.253.14.66 9
http://10.150.3.54 9
http://bioinfo.pancakeapps.com 3
http://189.57.143.121 1
http://189.57.143.106 1
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Bioquimica - Aula 2 Bioquimica - Aula 2 Presentation Transcript

  • +Bioquímica - Universidade Católica de Brasília Água, pH e sistemas tamponantes Prof. Dr. Gabriel da Rocha Fernandes Universidade Católica de Brasília gabrielf@ucb.br - fernandes.gabriel@gmail.com
  • + 2 O que devo saber ao fim desta aula? n Importânciada estrutura das moléculas de água e dos átomos para as interações. n Comportamento de compostos hidrofóbicos em ambiente aquoso. n Importancia das interações para as macromoléculas celulares. n pH, escala de pH, constanstes de equilíbrio. n Processo de titulação, tamponamento, e importância celular.
  • + 3 Água! n 70% do peso da maioria dos seres vivos. n Forças de atração entre as moléculas. n Menor tendência em ionizar. n Capacidadede formar ligações de hidrogênio com ela mesma e com solutos.
  • + 4 Interações fracas em sistemas aquosos n Moléculas polares dissolvem em água por substituir ligação entre moléculas de água por interação entre água e soluto. n Ligações de hidrogênio, interações iônicas, hidrofóbicas, Van der Waals... n Influência nas estruturas tridimensionais de proteínas, ácidos nucléicos, polissacaraídeos...
  • + 5 Ligações de hidrogênio n Atração entre as moléculas de água adjacentes.
  • + 6 Ligações de hidrogênio n Ângulo de H-O-H é de 104,5 graus. n Núcleo do oxigênio é mais eletronegativo. n Compartilhamentodesigual dos elétrons ao longo da ligação O-H é a formação de um dipolo elétrico. n Hidrogênio com carga positiva, e oxigênio, negativa.
  • + 7 Ligações de hidrogênio
  • + 8 No que a água se liga?
  • + 9 Como dissolve os compostos? n Hidratação dos ions de sais cristalinos. n Carga ionica praticamente neutralizada.
  • + 10 Compostos apolares em água n Restringem as possíveis orientações da molécula de água. n Ordenamento reduz entropia. n Variação de energia livre é desfavorável.
  • + 11 Lipídeos na água
  • + 12 Lipídeos na água
  • + 13 Ionização da água e de ácidos e bases fracas n Constante de equilíbrio da inonização da água. n H2O <=> H+ + OH- n Ácidos fracos contribuem com um H+. n Bases fracas consomem um H+. n Concentração total de H+ é o pH.
  • + 14 A constante de equilíbrio da água n Concentração da água é 55,5M (1000 g/L)/(18,015 g/mol).
  • + 15 Escala de pH n pH = log 1/[H+] = -log [H+] n Escala LOGARÍTMICA!
  • + 16 Ácidos e bases fracas n Ácidos e bases fortes são completamente ionizados. n Ácidos e bases fracas estão nos sistemas biológicos. n Função de regulação. n Doador + Aceptor de proton = par conjugado ácido-base. n Tendência de um ácido (HA) perder um H+ e formar sua base conjudaga (HA-) é dada pela constante de equilíbrio (Keq)
  • + 17 pKA
  • + 18 Curva de titulação n Usada para determinar quantidade de um ácido em uma solução. n Usa-se uma base forte (NaOH) com concentração conhecida. n NaOHé adicionado até o ácido ser neutralizado. n Gráfico pH x Quantidade de NaOH adicionado.
  • + 19 Tamponamento em sistemas biológicos n Processo celular depende de pH ótimo. n Grupos amino e carboxil protonado de aminoácidos agem como ácidos fracos. n Tampões - misturas de ácidos fracos e suas bases conjugadas. n Tendema resistir a mudanças no pH quando pequenas quantidades de ácidos ou bases são adicionadas.
  • + 20 Tamponamento
  • + 21 Equação de Henderson- Hasselbalch n Calcular o pKa, dado o pH e a razão molar de doador e aceptor de protons. n Calcular o pH, dado o pKa e a razão molar de doador e aceptor de protons. n Calcular a razão molar de doador e aceptor de protons, dados pKa e pH.
  • + 22 A água como reagente