• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
GESTÃO DE ATIVOS DE ENERGIA
 

GESTÃO DE ATIVOS DE ENERGIA

on

  • 408 views

 

Statistics

Views

Total Views
408
Views on SlideShare
408
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
2
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    GESTÃO DE ATIVOS DE ENERGIA GESTÃO DE ATIVOS DE ENERGIA Presentation Transcript

    • www.hiria.com.br • 11 5093 7847 Gestão de Ativos de Energia 20 de março de 2013 Hotel Blue Tree Faria Lima – São Paulo Alinhamento da gestão de ativos fixos com as diretrizes estratégicas do negócio • Alcance de melhores resultados e lucratividade pelo uso de ativos • Gestão integrada de ativos e sua relação com as diretrizes da empresa • A gestão de ativos elétricos x ativos de Telecom: o paradigma do Smart Grid • Como investir corretamente em ativos com base em aspectos técnicos e regulatórios • Gestão de patrimônio com foco na tarifa para retorno de investimentos • Principais práticas em gestão de ativos na América Latina Temas de Destaque • Especificações e Aplicação da Resolução 367/2009 da Aneel e do MCPSE • Certificação Internacional: Critérios e Implementação da PAS 55 • Reforma de ativos x compra de equipamentos novos • Gestão da manutenção considerando novas taxas de depreciação regulatória • Práticas em gestão de ativos e estratégias para aumentar a eficiência das operações Palestrantes confirmados Apoiadores - Case AES sobre a Certificação Internacional em Gestão de Ativos - Divulgação do Manual de Gestão de Ativos Elaborado pelo Procobre da Internacional Copper Association Apoio de Mídia ALUPARRELIASOFTLMDM CONSULTORIA EMPRESARIALPRAGMA BRASIL ELEKTRO LMDM CONSULTORIA EMPRESARIAL AES TIETÊ CONTROLCONSULTINGTREETECH SISTEMAS DIGITAIS INTERNATIONAL COPPER ASSOCIATION MHM – SOCIEDADE de ADVOGADOS CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO Dilcemar de PaivaCid Augusto CostaCarlos Werlang LebeleinAntonio de Pádua Teixeira Adriano Cabrino Diogo de Faria Ítalo Freitas Filho Marcelo F. CarmoGilberto Amorim Marisa Zampolli Rodrigo Machado Wantuil Teixeira
    • www.hiria.com.br • 11 5093 7847 Os funcionários, colaboradores e apoiadores da Hiria acreditam que este encontro pode contribuir de forma decisiva para que as concessionárias repensem a gestão de ativos e a percebam como uma maneira de melhorar o desempenho das concessionárias e a lucratividade do negócio. No que acreditamos O encontro promoverá a troca de conhecimento, o benchmark e possibilidade de reunir aqueles que buscam novas oportunidades de negócios e novas formas de pensar a gestão de ativos em energia. PORQUE NOS REUNIREMOS EM MARÇO O investimento adequado, manutenção e o planejamento de ações para uma gestão de ativos alinhada as estratégias do negócio e redução de custos. Resultado Em setembro de 2012, o Governo anunciou a medida Provisória 579 que estabelece as condições para renovação das concessões do setor elétrico com vencimento até 2017. • A medida trouxe novas regras e reduziu a remuneração dos ativos de geração e transmissão de energia que foram prorrogados. • Agora, as concessionárias precisarão adotar ações eficientes para adequar sua estrutura de custos a esta nova realidade. Macro cenário de oportunidades Nosso Papel Gabriela Silva Especialista da Hiria gabriela.silva@hiria.com.br + 55 11 98265.9741
    • www.hiria.com.br • 11 5093 7847 Recentemente, a remuneração dos ativos de geração e transmissão de energia tornou-se tema de grandes discussões e questionamentos. As novas regras foram definidas pela MP 579, medida que estabelece as condições para renovação das concessões do setor elétrico com vencimento até 2017. A medida também reduziu a remuneração dos ativos de geração e transmissão de energia que foram prorrogados. Agora, as concessionárias precisarão adotar ações eficientes para adequar sua estrutura deO Desafio custos a esta nova realidade. O grande desafio é pensar em uma gestão de ativos adequada e de acordo com a estratégia da empresa para alcançar melhores resultados e aumentar a lucratividade da empresa. O tema deste encontro será abordado através da visão estratégica e de negócios e o encontro reunirá especialistas, técnicos e acadêmicos para tratarem de investimentos, eficiência das operações, competitividade das empresas de energia, normas internacionais e a experiência da gestão de ativos na América Latina.
    • Programação do Evento São Paulo | 20 de março de 2013 08h30| Recepção e Credenciamento 08h55| Abertura da Conferência pelo Presidente de Mesa Gestão de Ativos no Brasil 09h00| Gestão de ativos alinhada às estratégias do negócio • Conceito e gestão de ativos e compreensão no contexto brasileiro • Alinhamento de ativos físicos da empresa e diretrizes estratégicas do negócio • Alcance de melhores resultados e lucratividade pelo uso de ativos • Gestão integrada de ativos e sua relação com as diretrizes da empresa • GA para melhoria do desempenho e da eficiência • A gestão de ativos elétricos x ativos de Telecom: o paradigma do Smart Grid • Gestão da manutenção e as novas taxas de depreciação regulatória • Reforma de ativos X compra de equipamentos novos Palestrantes confirmados: Ítalo Freitas Filho Certified Maintenance and Reliability Professional Diretor de Operações e Manutenção - AES Tietê S.A./ Uruguaiana - Empresas AES Dilcemar de Paiva Mendes Regulação e Comercialização – ALUPAR Rodrigo Machado Associado - MHM – Sociedade de Advogados 10h00| Intervalo para café e troca de cartões Investimentos com foco regulatório e a Base de Remuneração 10h30| Análise dos Investimentos sob a ótica regulatória para uma remuneração adequada • Retorno do investimento e quota de reintegração • Gestão de ativos com foco em perdas e qualidade • Revisão Tarifária e a relação CAPEX x OPEX Palestrantes confirmados: Carlos Werlang Lebelein Sócio - LMDM – Consultoria Empresarial Professor do MBA do Setor Elétrico da FGV Diogo de Faria Sócio - LMDM Consultoria Empresarial Coordenador do MBA do Setor Elétrico da FGV Experiências na América Latina 12h00| Principais práticas em gestão de ativos no setor de energia da América Latina: uma visão global • Posição do Brasil frente aos demais países da América Latina • Entendimento e aplicação dos conceitos de gestão de ativos • Posição dos demais países: Peru, Chile, Argentina, México, Colômbia • Apresentação do guia de gestão de ativos para concessionárias de energia Palestrante confirmada Marisa Zampolli Engenheira - ICA – INTERNATIONAL COPPER ASSOCIATION 12h45| Intervalo para almoço Esta programação está sujeita a alteração sem prévio aviso. © HIRIA 2013 Todos direitos reservados. O formato, diagramação e conteúdo deste folheto constituem uma marca registrada da Hiria. Resolução 367 e MCP 14h30| Especificações e Aplicação das Resoluções 367/09 e 474/12 da ANEEL e entrega do RCP (Relatório de Controle Patrimonial) • Aplicabilidade da REN 367/09, REN 474/12 e do RCP • Procedimentos relacionados ao Controle do Ativo Imobilizado • A implantação das Instruções Gerais de Controle Patrimonial • ICAD - Instruções de Cadastro Patrimonial • Adequação à REN474/12 • Entrega do RCP – Relatório de Controle Patrimonia Palestrante confirmado Marcelo F. Carmo Diretor- CONTROLCONSULTING Normas e Certificação 15h30| Critérios e Implementação da PAS 55: Padrões Internacionais de controle de ativos para empresas reguladas • Detalhamento da PAS 55 • OquedeveincluirumsistemadeGestãodeAtivosFísicos • Sustentabilidade e desempenho eficaz dos Ativos • Certificação dos processos de manutenção • Gestão dos ativos alinhada com o planejamento estratégico • Performance, riscos e custos ao longo do ciclo de vida Palestrantes confirmados Cid Augusto Costa Diretor de Projetos – RELIASOFT Antonio de Pádua Teixeira Executive Director - PRAGMA BRASIL 16h30| Intervalo para café e troca de cartões 17h00| Estratégias para aumentar a eficiência das operações e a lucratividade do negócio • Integração para fornecimento de energia sustentável, econômica e segura • Possibilidade de criação de um centro de operações para gestão integrada de ativos • Estratégias para otimizar a gestão dos ativos de transmissão • Aquisição de equipamentos eficientes • Softwares para gestão integrada e de monitoramento de usinas • Indicadores e soluções para análise de riscos Palestrantes confirmados Wantuil Teixeira Coordenação Executiva para Reforma e Modernização de Usinas - CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO Adriano Cabrino Engenharia de Manutenção - ELEKTRO Gilberto Amorim Moura Business Executive - Treetech Sistemas Digitais 18h00| Encerramento da Conferência Um dos diferenciais deste encontro é a possibilidade de aproveitar a sua participação para realizar reuniões privativas com outros participantes e palestrantes. Temos um processo e uma estrutura preparada para isso e para potencializar os resultados de sua participação. Ao se inscrever, você receberá as instruções de agendamento.
    • www.hiria.com.br • 11 5093 7847 • Concessionárias de Geração de Energia • Distribuidoras e Transmissoras • Autoprodutores e Produtores Independentes • Fornecedores de Soluções e Softwares • Empresas de Serviços Especializados • Pesquisadores e Acadêmicos • Governo e Associações de Classe • Consultorias especializadas APINE- ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS PRODUTORES INDEPENDENTES DE ENERGIA ELÉTRICA http://www.apine.com.br/ ABRATE - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS GRANDES EMPRESAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA http://www.abrate.org.br/ ABRAMAN- ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE MANUTENÇÃO DE GESTÃO DE ATIVOS http://www.abraman.org.br/ ABRAGE- Associação Brasileira das Empresas Geradoras de Energia Elétrica http://www.abrage.com.br/ Brasil Energia http://brasilenergia.editorabrasilenergia.com/ ABEE-SP- Associação Brasileira de Engenheiros Eletricistas de São Paulo http://www.abee-sp.org.br/ ApoiosQuem estará presente CERPCH - CENTRO NACIONAL DE REFERENCIA EM PEQUENAS CENTRAIS HIDRELÉTRICAS http://www.cerpch.unifei.edu.br/ Copper Alliance www.copperalliance.org Rede Brasileira de Manutenção http://manutencao.net/ Apoio de Mídia
    • www.hiria.com.br • 11 5093 7847 Setor de energia elétrica adere à gestão de ativos para otimizar a operação Zampolli, consultora da ICA e responsável pelo estudo. “Empresas brasileiras que já praticam muitos conceitos de gerenciamento de ativos constataram os benefícios como a melhoria dos indicadores operativos, melhor rentabilidade e otimização de custos”, complementa. Segundo Marisa, há uma grande diferença entre os estágios de processos de gerenciamento de ativos nos seis países consultados comparados aos padrões internacionais. Entre as empresas entrevistadas, nenhuma havia implantado o sistema de gestão de ativos em sua totalidade e apenas 16% delas estão em fase de preparação para atender aos requisitos e buscar a certificação internacional na PAS-55 – única norma existente sobre o assunto, da British Standards Institution. O estudo revela ainda que 41% das empresas entrevistadas já adotaram ou estão em fase de implementação de alguns dos principais conceitos de gerenciamento de ativos. O estudo destaca que as empresas têm geralmente um entendimento simplificado sobre a gestão de ativos. “Há falta de conhecimento dos investimentos e custos ao longo do ciclo de vida dos equipamentos críticos e a ausência de uma gestão de risco apropriada, fazendo com que investimentos importantes sejam postergados ou até mesmo ignorados. É preciso uma mudança na cultura empresarial”, destaca Marisa. As análises de riscos, ciclo de vida e análise econômica dos ativos críticos são Melhor gestão de ativos, aliada à eficiência energética, pode contribuir para redução de perdas de energia; estudo do ICA revela o nível atual de gestão em países da América Latina – A International Copper Association (ICA), representada no Brasil pelo Instituto Brasileiro do Cobre (Procobre), elaborou um estudo para diagnosticar o status atual da gestão de ativos e suas perspectivas na América Latina. A pesquisa foi realizada em 2011 e consultou oito empresas de geração de energia, nove de transmissão, 13 empresas de distribuição, seis agências reguladoras e quatro empresas de tecnologia da informação de seis países – Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México e Peru. A amostra representa 56% do consumo e 70% da capacidade instalada na América Latina. Entre as soluções atuais para melhoria da operação do setor elétrico, a gestão integrada de ativos destaca-se por atender a todos os segmentos: para os clientes é a forma de obter uma energia de qualidade por um preço justo, para os órgãos reguladores é a garantia de que a empresa está investindo corretamente e sem desperdícios na melhoria de seu desempenho, e para os acionistas é a certeza de que seus ativos são operados e mantidos de acordo com os objetivos estratégicos. “O Brasil e o Peru apresentam avanços significativos para uma gestão eficiente de ativos, mas ainda estão aquém dos primeiros no ranking mundial, como Inglaterra, Canadá e Estados Unidos”, comenta a engenheira Marisa praticadas por somente 45% das empresas consultadas. A pesquisa mostra que a busca por equipamentos de alta eficiência é uma forte tendência no setor, pois reduz custos de manutenção e interrupção durante o ciclo de vida e maximiza os investimentos iniciais. “Futuramente, a gestão de ativos do setor elétrico deverá unificar todo o planejamento de investimentos, operação e manutenção com as informações contábeis, financeiras, regulatórias e administrativas. Hoje, as empresas de energia elétrica utilizam sistemas distintos para cada processo. O desafio é que os sistemas informatizados estejam integrados para que as decisões da gestão de ativos sejam completas e assertivas”, conclui Marisa. O setor de energia na América Latina registra crescimento constante desde a década de 70, com taxa média de 5,9% ao ano. Na região da pesquisa, o Brasil é o maior produtor de eletricidade (36%), seguido por México (21%) e Argentina (9%). Fonte: SmartGrid News, 21 de junho de 2012
    • www.hiria.com.br • 11 5093 7847 Eventos Anteriores Em novembro de 2012, reunimos mais de 200 execu- tivos em dois importantes encontros: Energy Waste Bras- il 2012 e Cenários para os Preços de Energia 2013/2015. O primeiro , mais focado em discutir o aproveitamento energético de residuos e o segundo, nas recentes me- didas anunciadas pelo Governo e e seus reflexos para o custo da energia no Brasil. Conheça alguns dos prin- cipais momentos registrados durante os três dias de conferência. Para receber o report especial dos encon- tros com o resumo das palestras, entre em contato com gabriela.silva@hiria.com.br Hiria Club® O Hiria Club® foi concebido e formatado para propiciar aos associados o acesso a uma selecionada rede de especialistas através de eventos exclusivos que poderão auxiliá-lo(a) a atingir os seus objetivos profissionais. Oferecemos aceleradores de negócios por meio da participação em executive roundtables exclusivos para convidados, acesso a relatórios de inteligência de mercado restritos e a participação em visitas guiadas as mais representativas feiras de negócios no Brasil e no mundo. Além dos encontros de negócios, os membros do Hiria Club® participarão de eventos como campeonatos de golfe e jantares com renomados chefs de cozinha, com a premissa de reunir interesses convergentes em ambientes informais. Dessa forma, cada participação em nossos encontros de negócios torna-se uma experiência eficiente e única. Informe-se como se inscrever e participar do Hiria Club® através do hiriaclub@hiria.com.br
    • www.hiria.com.br • 11 5093 7847 Ideias multiplicadas Futuro inteligente. Hiria®, palavra originária do idioma basco, que significa reunião de povos, espaço de troca de conhecimento ou o que, atualmente, entendemos por cidade, local que favorece, por excelência, a comunicação, a conexão e o intercâmbio de ideias entre pessoas, grupos e organizações. Por meio de conteúdos informativos na forma de conferências, a Hiria® proporciona um ambiente ideal para a entrega e transferência de conceitos sobre a construção e a gestão da infraestrutura no Brasil e na América Latina. Potencializamos as oportunidades de encontros de negócios entre as lideranças da iniciativa privada, poder público e do meio acadêmico, para a formatação e execução de decisões eficientes e sustentáveis. Nossa missão é criar e multiplicar um acervo de conhecimento para soluções em cidades, energia, água e resíduos, na direção da construção de um amanhã mais inteligente.