Your SlideShare is downloading. ×
44   hipodermóclise - aspectos gerais e indicações
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

44 hipodermóclise - aspectos gerais e indicações

12,430
views

Published on


1 Comment
10 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
12,430
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
170
Comments
1
Likes
10
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide
  • Este modelo pode ser usado como arquivo de partida para apresentar materiais de treinamento em um cenário em grupo.SeçõesClique com o botão direito em um slide para adicionar seções. Seções podem ajudar a organizar slides ou a facilitar a colaboração entre vários autores.AnotaçõesUse a seção Anotações para anotações da apresentação ou para fornecer detalhes adicionais ao público. Exiba essas anotações no Modo de Exibição de Apresentação durante a sua apresentação. Considere o tamanho da fonte (importante para acessibilidade, visibilidade, gravação em vídeo e produção online)Cores coordenadas Preste atenção especial aos gráficos, tabelas e caixas de texto.Leve em consideração que os participantes irão imprimir em preto-e-branco ou escala de cinza. Execute uma impressão de teste para ter certeza de que as suas cores irão funcionar quando forem impressas em preto-e-branco puros e escala de cinza.Elementos gráficos, tabelas e gráficosMantenha a simplicidade: se possível, use estilos e cores consistentes e não confusos.Rotule todos os gráficos e tabelas.
  • Forneça uma breve visão geral da apresentação. Descreva o foco principal da apresentação e por que ela é importante.Introduza cada um dos principais tópicos.Para fornecer um roteiro para o público, você pode repita este slide de Visão Geral por toda a apresentação, realçando o tópico específico que você discutirá em seguida.
  • Forneça uma breve visão geral da apresentação. Descreva o foco principal da apresentação e por que ela é importante.Introduza cada um dos principais tópicos.Para fornecer um roteiro para o público, você pode repita este slide de Visão Geral por toda a apresentação, realçando o tópico específico que você discutirá em seguida.
  • Forneça uma breve visão geral da apresentação. Descreva o foco principal da apresentação e por que ela é importante.Introduza cada um dos principais tópicos.Para fornecer um roteiro para o público, você pode repita este slide de Visão Geral por toda a apresentação, realçando o tópico específico que você discutirá em seguida.
  • Forneça uma breve visão geral da apresentação. Descreva o foco principal da apresentação e por que ela é importante.Introduza cada um dos principais tópicos.Para fornecer um roteiro para o público, você pode repita este slide de Visão Geral por toda a apresentação, realçando o tópico específico que você discutirá em seguida.
  • Esta é outra opção para um slide de Visão Geral usando transições.
  • Use um cabeçalho de seção para cada um dos tópicos, para que a transição seja evidente ao público.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • Esta é outra opção para um slide de Visão Geral usando transições.
  • Trabalhos científicos
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • O Que o público poderá fazer após a conclusão deste treinamento? Descreva brevemente cada objetivo e como o públicose beneficiará apresentação.
  • Este modelo pode ser usado como arquivo de partida para apresentar materiais de treinamento em um cenário em grupo.SeçõesClique com o botão direito em um slide para adicionar seções. Seções podem ajudar a organizar slides ou a facilitar a colaboração entre vários autores.AnotaçõesUse a seção Anotações para anotações da apresentação ou para fornecer detalhes adicionais ao público. Exiba essas anotações no Modo de Exibição de Apresentação durante a sua apresentação. Considere o tamanho da fonte (importante para acessibilidade, visibilidade, gravação em vídeo e produção online)Cores coordenadas Preste atenção especial aos gráficos, tabelas e caixas de texto.Leve em consideração que os participantes irão imprimir em preto-e-branco ou escala de cinza. Execute uma impressão de teste para ter certeza de que as suas cores irão funcionar quando forem impressas em preto-e-branco puros e escala de cinza.Elementos gráficos, tabelas e gráficosMantenha a simplicidade: se possível, use estilos e cores consistentes e não confusos.Rotule todos os gráficos e tabelas.
  • Transcript

    • 1. HIPODERMÓCLISE: ASPECTOS GERAIS E INDICAÇÕES Dr. Otávio Guimarães Favoreto Paliativista
    • 2. Definição• Infusão contínua de fluidos no tecido subcutâneo com o objetivo de reposição hidroeletrolítica e/ou terapia medicamentosa O´Keeffe et al, 1996Mecanismo• Administração lenta de soluções no espaço subcutâneo, sendo o fluido transferido para a circulação sanguínea por ação combinada entre difusão de fluidos e perfusão tecidual. Molloy W, Cunje A (1992)
    • 3. Anatomia da Pele
    • 4. Histórico
    • 5. Indicações1 • Alterações gastrointestinais • Impossibilidade de ingesta oral2 • Alterações do nível de consciência3 • Impossibilidade de acesso venoso4 • Assistência domiciliar Cuidado Paliativo – CREMESP
    • 6. Indicações • Alterações gastrointestinais1 • Impossibilidade de ingestão oral Disfagia grave e odinofagia Lesões na cavidade oral Náuseas e vômitos persistentes e intratáveis Fístula traqueobrônquica e broncoesofágica Oclusão intestinal Intolerância gástrica Má absorção do trato gastrointestinal (ileostomia) Cuidado Paliativo – CREMESP
    • 7. 2 • Alterações do nível de consciência Sonolência Diminuição do nível de consciência AVC’s Síndrome delírio-confusional Coma Cuidado Paliativo – CREMESP
    • 8. 3 • Impossibilidade de acesso venoso Veias finas e frágeis Flebites, trombose venosa e sinais flogísticos Conforto do paciente Ausência de cateter implantável Cuidado Paliativo – CREMESP
    • 9. 4 • Assistência domiciliar HOMECARE Familiares e cuidadores treinados Conforto do paciente Idosos Cuidado Paliativo – CREMESP
    • 10. 02 01 03Cuidados Paliativos
    • 11. Vantagens Administração parenteral Menor Procedimentonecessidade simples/menor de tempo deobservação execução Hipodermóclise Seguro, Custo Eficaz eConfortável reduzido Uso domiciliar Manual de Cuidados Paliativos - ANCP
    • 12. Desvantagens Infusão lentaEdema Volume local reduzido Hipodermóclise Número Velocidade limitado dede fluidos Absorção Ajuste de dose Manual de Cuidados Paliativos - ANCP
    • 13. Contra-indicações• ICC Grave • Hemorragias• SVCS • Hematomas• Cirurgias local punção• Áreas irradiadas• Ascite Distúrbios de Comorbidades Coagulação Emergência Edema• Hipotensão • Anasarca grave• Administração rápida • Edema local • Hipoalbuminemia severa (>1) Manual de Cuidados Paliativos - ANCP
    • 14. Farmacocinética
    • 15. Técnica – Locais de punção Cuidado Paliativo – CREMESP
    • 16. Técnica – Punção Cuidado Paliativo – CREMESP
    • 17. Material Utilizado Ilustração internet
    • 18. Técnica - Punção Ângulo 45º Emagrecido 30 a 35º Bisel daPreencher o agulhacircuito com voltado para fluido o aplicador ConsideraçõesPossibilidade Não aspirar de manter ou salinizado heparinizar Soroma
    • 19. Técnica - Punção Ferreira e Santos, PH – 2009
    • 20. Técnica - Punção Ferreira e Santos, PH – 2009
    • 21. Técnica - Punção Ferreira e Santos, PH – 2009
    • 22. Técnica - Punção Ferreira e Santos, PH – 2009
    • 23. Técnica - Punção Ferreira e Santos, PH – 2009
    • 24. Técnica - Punção Ferreira e Santos, PH – 2009
    • 25. Cuidados com o dispositivo • Tolerância do paciente Imediatamente • Reavaliar a cada 1 hora nas primeiras 4 horas após a punção • Reação local, suspender imediatamente Volume total de infusão contínua em 24horas por • 1500 mL sítio Velocidade • 62 mL/h ou máxima de infusão contínua 21 gotas/min Volume máximo em bollus • 2 mLCuidados Paliativos - CREMESP
    • 26. Medicamentos VolumeDiluição Incompatibilidade (bollus) Forma 2 mL Precipitações líquida Água Tabela de 1:1 IncompatibilidadeDestilada Cuidados Paliativos - CREMESP
    • 27. Medicamentos SF SGF 0,9%SG 5% Cuidado Paliativo – CREMESP Ferreira e Santos, PH – 2009 INCA - 2009
    • 28. Medicamentos Cuidados Paliativos - CREMESP
    • 29. Medicamentos Cuidados Paliativos - CREMESP
    • 30. Medicamentos Cuidados Paliativos - CREMESP
    • 31. Medicamentos INCA
    • 32. Medicamentos Ferreira e Santos, PH - 2009
    • 33. MedicamentosOpióides Morfina, Metadona, Hidromorfona, TramadolAntieméticos Haloperidol, Ciclizina, Metoclopramida, Granisetrona, Ondansetrona,Análogos OctreotídeosomatostatinaSedativos Midazolam, Clonazepam, Fentanil, LevomepromazinaAnti-histamínico Prometazina, HidroxizinaAnticolinérgicos Atropina, Escopolamina/HioscinaCorticoide DexametasonaBloqueador H2 Ranitidina, FamotidinaAINH/Analgésico Ketorolac, Diclofenaco, Naproxeno, DipironaAntibiótico Ampicilina, Cefepime, Cefotaxima, Ceftazidima, Ceftriaxone, TobramicinaDiurético FurosemidaAnticonvulsivante FenobarbitalSoluções SF 0,9% e 0,45%; SRS e SG 5%. Cuidado Paliativo – CREMESP Ferreira e Santos, PH – 2009 INCA - 2009
    • 34. Prescrição 01 Prescrição Aprazamento1. Dieta Ok2. Punção Subcutâneo (Hipodermóclise – HD) Ok3. SF 0,9% 500 mL VHD a 62mL/h em BIC ou 21 14 22 06gotas/min.4. Morfina 10mg (1mL) + 1mL AD VHD de 6/6 12 18 00 06horas5. Plasil 1mL + 1mL AD VHD 6/6 horas 09 15 21 036. Dipirona 40 gts VO caso febre SOS SOS7. SV e CG Ok8. FST motora e respiratória Ok
    • 35. Prescrição 02 Prescrição Aprazamento1. Dieta Ok2. Punção Subcutâneo (Hipodermóclise – HD) Ok3. SF 0,9% 500 mL4. Morfina 20mg VHD em BIC 62mL/h 07 15 22 ou 21 gotas/ min.5. Plasil 10 mg6. Dipirona 40 gts VO caso febre SOS SOS7. SV e CG Ok8. FST motora e respiratória Ok
    • 36. Prescrição 03 Prescrição Aprazamento1. Dieta Ok2. Punção Subcutâneo (Hipodermóclise – HD) Ok3. SF 0,9% 500 mL4. Morfina 20mg VHD em BIC 62mL/h 07 15 22 ou 21 gotas/min5. Midazolan 10mg6. Dexametasona 10 mg 1 mL + 1mL AD VHD 6/6 12 18 00 06horas7. Dipirona 500mg/ml – 1mL + 1 mL AD VHD até de SOS6/6 horas caso febre
    • 37. OBRIGADO