documento teste do caraio doido
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

documento teste do caraio doido

on

  • 687 views

Descricao

Descricao

Statistics

Views

Total Views
687
Views on SlideShare
687
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
6
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

documento teste do caraio doido documento teste do caraio doido Presentation Transcript

  • DIDÁTICA NA DINÂMICA DO PEQUENO GRUPO POR PR. MARCELO TORRES
  • OBJETIVOS DO SEMINÁRIO
    • APERFEIÇOAR AS HABILIDADES DE ESTUDO EM GRUPO DO COORDENADORDO PG ATRAVÉS DE:
    • CONSELHOS PRÁTICOS DE TRANSMISSÃO DE CONTEÚDO;
    • TÉCNICAS DE CONDUÇÃO DE DISCUSSÃO;
    • INFORMAÇÕES SOBRE ONDE E COMO PREPARAR-SE PARA TRANSMITIR O CONTEÚDO;
  • O QUE BUSCAM NA IGREJA
    • Confraternização
    • Socialização
    A maioria dos adoradores concentra sua adoração em algumas partes do serviço religioso Amizade, participação. Pouca atenção ao sermão ou doutrina; Mensagem deve ser chamativa e o programa rico
  • O QUE BUSCAM NA IGREJA
    • Não exigentes com o sermão ou doutrina.
    • Mensagem simples, confortadora.
    • Culto devocional
    Bem estar Devoção Sentimento Oração, meditação, ouvir
  • O ADORADOR MADURO
    • Consciência disciplinada consciência de que todas as partes do serviço religioso detêm alguma mensagem divina.
    • Tudo pode ou não ser um canal para o Espírito Santo falar, a depender da disposição do adorador.
  • PG = MINI-IGREJA
    • PESSOAS DESISTEM DO PG POR QUE...
      • MUITO LONGO
      • MONÓTONO
      • FALTA DE PARTICIPAÇÃO
      • ESTUDO MASSANTE
      • ETC
  • CONSCIENTIZAÇÃO E ATENÇÃO
    • Enquanto luta pelo amadurecimento de cada adorador, o coordenador cuida de melhorar:
      • A música, o tempo, a oração, a confraternização, o envolvimento e a transmissão do estudo
    Satisfazer carências dos membros
  • O PROGRAMA
  • CONFRATERNIZAÇÃO
    • COORDENADOR = FACILITADOR
    • Nem todos conseguem ser “informais”
    Inserir dinâmicas. Intermediar conversas a dois
  • DINÂMICAS
  • DEFINIÇÃO
    • Atividades planejadas que incentivam e facilitam a exteriorização de sentimentos e reações.
    Quebra-gelo Debate Apresentação Aplicação
  • TESTEMUNHOS E ORAÇÃO
    • LISTA DE ORAÇÃO DO PG
    • ORGANIZAÇÃO
    • FORMAÇÃO DE DUPLAS
    • INCENTIVO AO TESTEMUNHO
  • ESTUDO ATÉ 35 MINUTOS AS PESSOAS APRENDEM DE 35 A 50 MIN, NÃO APRENDEM APÓS 50 MINUTOS AS PESSOAS COMEÇAM A DESAPRENDER
  • NO ESTUDO COORDENADOR FACILITADOR MODERADOR NÃO UM SIMPLES EXPOSITOR DE LIÇÃO
  • CONSELHOS AO INSTRUTOR BÍBLICO
    • Certeza da Verdade
    • Segurança para analisar diferentes posições
    • Qualificações espirituais
    • Disciplina própria
    • Cultura
  • O USO DA LIÇÃO
    • os membros
    • lêem a lição
    • em casa
    cada um lê um parágrafo na hora da reunião MAIS TEMPO PARA INTERCÂMBIO MAIOR CONSIDERAÇÃO AO TEMA
  • PRIORIDADE DO ESTUDO
    • participação dos membros no assunto, opinando, reagindo e interagindo .
  • UMA NECESSIDADE
    • As pessoas precisam perceber como os outros podem sentir e reagir diferentemente
    entre os discípulos de Cristo existem níveis de conhecimento, comunhão e relacionamento com DEUS muito distintos
  • EVITAR OU NÃO FAZER
        • Exposição da lição, como um sermão;
        • Responder asperamente;
        • Entrar em debates polêmicos;
        • Ler trechos demasiado extensos;
        • Dar a resposta a todas as perguntas;
        • Fazer perguntas para respostas "sim/não".
  • INCREMENTOS
  • 1. PROVOCAÇÃO
    • História
    • Experiência
    • Uma pergunta
    • Um conceito falso
    • Uma gravura
    • Etc.
    É importante que não se entre no estudo antes de provocar a mente das pessoas
  • 2. DEFINIÇÃO
    • Antes de entrar no estudo, deixar claro o tema e sua delimitação;
    “ Hoje nós vamos falar exatamente sobre essas idéias..."
  • 3. INQUIRIÇÃO
        • No estudo em grupo, a pergunta é um instrumento poderoso nas mãos do coordenador.
    ?
  • 3. INQUIRIÇÃO
    • TIPOS DE PERGUNTAS:
    • a. Pergunta retórica, já trás a resposta;
    • b. Pergunta elíptica - Para completar;
    • c. Pergunta de sim ou não, não são boas;
    • d. Pergunta sublinhada - para escolher.
    • e. Pergunta direta, clara, simples.
    • f. Perguntas ‘verdadeiro ou falso’ - com explicação.
  • USO DE PERGUNTAS
    • 1. Faça uma média de 6 a 7 em meia hora;
    • 2.Uma boa pergunta requer resposta de um parágrafo;
    • 3.Não faça perguntas para serem respondidas com apenas sim ou não.
    • 4.Perguntas para esclarecer, como: Explique ..;
    • 5. Modifique a pergunta mal elaborada;
  • USO DE PERGUNTAS
    • 6. Nunca faça perguntas para testar mas para induzir à participação.
    • 7. Valorize as respostas.
    • 8. Trazer de casa;
    • 9. Dirigir perguntas aos introvertidos;
  • 4. POLÊMICAS
    • "caderneta de polêmica”
      • Se não for o objetivo do estudo deve ser anotado naquela caderneta para apreciação posterior
  • 5. LEITURA
    • Divida antes os trechos a serem lidos antes do estudo. Não deixe para decidir isso enquanto as pessoas vão lendo.
  • 6. ESTUDO DE CASO
    • Uma vez ou outra, Entregue um caso, ou o mesmo para cada dupla missionária e peça para que eles, durante 2 ou 3 minutos opinem entre si que métodos de ajuda poderiam ajudar tais pessoas
  • 7. RESUMOS E IDÉIAS
    • PALAVRA-CHAVE
    • GRÁFICOS OU GRAVURAS
    • FRASES DE RESUMO
      • Pedir para que duas ou três pessoas, após o exemplo do coordenador, escolham uma palavra-chave;
  • 8. APELOS E APLICAÇÕES
    • O coordenador precisa ter um apelo pronto para o final;
    • Solicitar que outros também façam uma aplicação ou apelo final.
  • O PREPARO DO COORDENADOR
    • FERRAMENTAS
      • Comentários bíblicos;
      • Livros doutrinários;
      • Livros sobre auto-ajuda;
      • Livros sobre dinâmicas de grupos;
      • ONDE ENCONTRAR: SELS; JUERP;VIDA NOVA; PAULINAS;
  • NOVIDADES
    • AOS POUCOS;
    • UMA NOVIDADE A CADA DUAS SEMANAS OU A CADA MÊS;
    • NÃO ENCHER DE NOVIDADES;
  • O COORDENADOR
    • Não é simplesmente um passador de lição, mas um autêntico líder, um sub-pastor.
    "Aquele que sai chorando, levando a semente para semear, voltará com cânticos de júbilo, trazendo consigo os seus molhos" Salmo 126:6.