Your SlideShare is downloading. ×
Florespi - Eventos e Resumo Notícias - 03 a 09 abril
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Florespi - Eventos e Resumo Notícias - 03 a 09 abril

756
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
756
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Calendário de Eventos* ABRIL 2012 Resumo SEMANAL de Notícias* 03 a 09 de abril de 2012*Observação: Aqui você encontra os principais EVENTOS e NOTÍCIAS relacionadas aos temas ÁGUA, FLORESTAS e RESÍDUOS no município de Piracicaba (SP), interior de SP e Brasil.
  • 2. Mural de Eventos e Notícias Clique no link e vá diretamente ao item escolhido 04/04 -158 04/04 - Bacia PCJ municípios recebem registra, de novo,Calendário de 04/04 - Piracicaba prêmio Município maior índice de Eventos SEM o Selo Verde Azul mortandade de peixes 08/04 - Moradores pedem desocupação 08/04 - Código 08/04 - Água do Florestal ainda gera de Área de Corumbataí é Preservação impasse considerada ruim Permanente 08/04 - Expedição desbrava o Corumbataí
  • 3. Calendário de Eventos - Abril 2012Data: 11/04 Data: 17/04Local: Campinas (SP) Local: Piracicaba (SP)Evento: Programa de extensão em AGROECOLOGIA Evento: Night Bikers Piracicabada UNICAMP - Fóruns Permanentes + info: www.ecoativa.com.br/index.php/dias-e-+ info: locaishttp://foruns.bc.unicamp.br/extensao/exten38.php ----------------------- ----------------------- Data: 17 à 27 de abrilData: 14/04 Local: Piracicaba (SP)Local: Piracicaba (SP) Evento: Mostra “Guardiões do Rio Piracicaba”Evento: MESA REDONDA: ECONOMIA SOLIDÁRIA – + info: www.florespi.org.br/convite-guardioes-do-ALIMENTOS SAUDÁVEIS, GERAÇÃO DE RENDA E rio/CIDADANIA+ info: http://terramater.org.br/guandu/?p=310 ----------------------- Data: 17/04 ----------------------- Local: São Paulo (SP)Data: 16/04 Evento: Comunidade de Aprendizagem emLocal: Piracicaba (SP) Pagamento por Serviços Ambientais (PSA)Evento: Projeto Leituras Públicas Ciclo VII: Teatro, + info:Verdade e Justiça http://vitaecivilis.org/home/index.php?option=com+ info: www.florespi.org.br/convite-teatro/ _content&view=article&id=241 Continua na próxima página...
  • 4. Calendário de Eventos - Abril 2012Data: 24/04Local: Piracicaba (SP)Evento: Seminários Técnicos: Planos das Bacias PCJ2010 a 2020+ info: www.florespi.org.br/seminario-plano-bacias-pcj/ -----------------------Data: 14/04Local: Piracicaba (SP)Evento: 2º Encontro Paulista de Juventudes e MeioAmbiente (EPAJUMA 2012)+ info: http://epajuma.org.br -----------------------Data: 24/04Local: Piracicaba (SP)Evento: Night Bikers Piracicaba+ info: www.ecoativa.com.br/index.php/dias-e-locais voltar
  • 5. Notícias - Abril 2012 Data: 04/04/2012 - Veículo: Secretaria do Meio Ambiente do Estado de SPTítulo: 158 municípios recebem prêmio Município Verde Azul agenda ambiental”, afirmou. O certificado de Município Verde Azul garante à Ao todo, 410 projetos de coleta seletiva foram administração municipal a prioridade na implantados, 109 planos de gestão de resíduos captação de recursos junto à Secretaria de sólidos, 257 programas de educação ambiental e Estado do Meio Ambiente, por meio do Fundo 280 fundos de meio ambiente foram criados. E Estadual de Prevenção e Controle da Poluição – os avanços não pararam por aí. São 335 FECOP. municípios com centros de educação ambiental, A SMA entregou o Prêmio Franco Montoro, para 261 com ciclovias, 276 com planos de os 19 municípios melhores colocados em suas arborização urbana e 361 com viveiros de bacias hidrográficas. mudas, e 205 com parcerias ambientais com Veja aqui os premiados pessoas físicas e jurídicas. A parceria entre estado e municípios por meio da Operação Corta Avaliação Fogo resultou, ainda, no treinamento de Os municípios recebem uma nota ambiental, queO Município Verde Azul chegou a sua quarta brigadas anti-fogo em 373 municípios. avalia o seu desempenho em dez diretivas queedição fortalecendo o planejamento ambiental e Dos 645 municípios do estado que participam do regem o Programa Município Verde Azul. Foramincentivando a participação da sociedade civil na Programa, delas 485 enviaram informações e avaliadas ações nas áreas: esgoto tratado, lixo,agenda ambiental. Em 2011, 158 municípios foram avaliadas pela equipe do Município Verde recuperação da mata ciliar, arborização urbana,receberam o certificado Município Verde Azul. O Azul. Ao todo 158 foram certificados. Significa educação ambiental, habitação sustentável, usosecretário estadual do Meio Ambiente, Bruno que mais de 20% das cidades do estado da água, poluição do ar, estrutura ambiental eCovas, com o governador Geraldo Alckmin, alcançaram médias acima de 80 – em uma conselho de meio ambiente.divulgaram nesta segunda-feira, 2 de abril, em avaliação que varia de zero a 100 – e serãocerimônia no Palácio dos Bandeirantes, o ranking reconhecidas pelo exemplo ambiental. Município Verde Azulambiental dos municípios paulistas de 2011. O município de Santa Fé do Sul, no extremo Lançado em junho de 2007, o Município VerdeOs avanços na gestão ambiental foram noroeste paulista, foi a campeã paulista entre as Azul tem como principal proposta descentralizarcomemorados pelo secretário Bruno Covas. “Em cidades. Este é o tricampeonato do município, a agenda ambiental paulista, considerando que aquatro anos de Programa observamos uma que também liderou em 2008 e 2009. Em 2010, base da sociedade está nos municípios. Em 2008,organização estrutural no Estado, com a criação a cidade de Santa Rosa do Viterbo ficou com a na divulgação do primeiro ranking, 44 municípiosde secretarias, diretorias e implantação de taça. alcançaram nota igual ou superior a 80. Emconselhos municipais. A partir de 2011, “Temos grandes avanços e inúmeros desafios. O 2009, foram 168. Já, em 2010, 144 municípiospassamos para uma próxima fase com o melhor trabalho é a ação local com visão global”, receberam a certificação.fortalecimento do planejamento ambiental e do destacou o governador.incentivo a participação da sociedade civil na Veja aqui o ranking voltar
  • 6. Notícias - Abril 2012Data: 04/04/2012Veículo: jornal Gazeta de Piracicaba voltar
  • 7. Notícias - Abril 2012Data: 04/04/2012 - Veículo: Jornal de Piracicaba voltar
  • 8. Notícias - Abril 2012 Data: 08/04/2012 Veículo: Jornal de Piracicabavoltar
  • 9. Notícias - Abril 2012Data: 08/04/2012Veículo: Jornal de Piracicaba voltar
  • 10. Notícias - Abril 2012 Data: 08/04/2012 Veículo: Jornal de Piracicabavoltar
  • 11. Notícias - Abril 2012 Data: 08/04/2012 - Veículo: Jornal de PiracicabaTítulo: Expedição desbrava o CorumbataíIuri Botão e Eleni DestroO rio mais famoso de Piracicaba é aquele que dá onome à cidade. Ele enfeita, inspira os piracicabanos eé até tema de música. Mas é de outro curso d’água,menos lembrado pela população, o Corumbataí, quevem a água que abastece o município. Paradesbravar esse “ilustre desconhecido”, o Jornal dePiracicaba organizou uma expedição que, na manhãde 28 de março, partiu em dois barcos no trecho dorioonde é feita a captação pela Estação de Tratamentode Água do Capim Fino, na margem oposta à UsinaCosta Pinto.A equipe de reportagem foi auxiliada pelosnavegadores Eduardo Duarte Novaes, 68, e MarceloAlves, 42. Para analisar as condições da água, foiconvidado José Ferreira Assis, engenheiro da Cetesb(Companhia de Tecnologia de SaneamentoAmbiental). A avaliação da mata ciliar ficou a cargodo engenheiro agrônomo e presidente da Oscip(Organização da Sociedade Sociedade Civil deInteresse Público) Florespi (Associação deRecuperação Florestal da Bacia do Rio Piracicaba e Os rios são classificados de 1 a 4, sendo 1 antes de a legislação não permitir a ocupaçãoRegião), Ricardo Schmidt. para a melhor qualidade - caso de nascentes desta área a menos de 50 metros comoForam percorridos 11 quilômetros, até a foz no rio isentas de poluição - e 4 para a pior, como diversos outros engenhos desativados.Piracicaba, na fábrica de papel Klabin. Os dados Tietê ou Pinheiros, na Grande São Paulo, por “Quando foram instalados, em 1965, nãopreliminares dão conta de que o rio é, pela exemplo. Logo no início do trecho, uma havia exigência para licenciamento”, afirmouclassificação estadual, de classe 2, o que significa, irregularidade que seria frequente ao longo Assis.entre outras coisas, que a qualidade e a quantidade do percurso: construções muito próximas da Ao longo do manancial, bastante assoreadode água disponíveis caracterizam sua vocação para calha do rio, que não respeitam a mata ciliar. em alguns pontos, existem cachoeiras:abastecimento público e piscicultura. É o caso da Usina Costa Pinto, construída trechos com muitas pedras em que (continua)
  • 12. Notícias - Abril 2012 Data: 08/04/2012 - Veículo: Jornal de PiracicabaTítulo: Expedição desbrava o Corumbataí hoje tratam 100% do esgoto produzido. A cidade que mais polui o rio antes de Piracicaba é Rio Claro, que trata mais de 50% de seus efluentes. Isso faz com que o rio consiga se recuperar por conta própria antes de chegar ao ponto da captação. A bacia do rio Corumbataí é formada ainda pelas cidades de Corumbataí, Itirapina, Ipeúna e Charqueada. O contraste na qualidade da água, que até então não tinha turbidez ou odor desagradável, é muito claro. Se na área das indústrias os despejos no rio são fiscalizados e o manancial tem bom aspecto, quando se chega à área urbana, na região dos bairros Santa Teresinha e...a corrente d’água é mais forte, exigindo IAA, o volume de esgoto in natura despejado deexperiência dos condutores dos barcos. forma legal ou clandestina faz com que a águaNuma das diversas paradas para “desenroscar” o ganhe tom cinzento, turbidez e forte odor.barco, um cágado foi avistado na margem. Vez “Aqui eu não me arrisco a colocar água na boca”,ou outra, dourados “pulavam” para enfrentar as disse Novaes. A garantia de uma boa água para ocorredeiras. “A presença de vida aquática é um futuro depende de que se persiga o binômioindicador de que a qualidade da água é boa. A quantidade e qualidade. “É importante que anatureza reage muito rapidamente quando há sociedade cobre e colabore nesse sentido. Estácontaminação”, relatou o engenheiro da Cetesb. provado que o reflorestamento de matas ciliaresO piloto Eduardo Novaes concordou. “Não é um é um motor de preservação e aumento derio, é uma carteira: quando preciso de dinheiro, quantidade e qualidade de água”, afirmou ojogo a tarrafa e pesco. Desde a minha infância foi engenheiro da Cetesb. “A colaboração deveassim. Mas na década de 80 era brincadeira, não acontecer individualmente. O lixo que vemos nastinha um peixe! De 90 para cá, o rio se renovou, matas ciliares não vem do poder público ou dasarou”, afirmou o barqueiro. A “cura” tem a ver indústria, mas de um cidadão que jogou ali”,com as cidades por onde o Corumbataí passa criticou Assis. (continua...)passa antes de Piracicaba: Analândia e SantaGertrudes, ao contrário das décadas anteriores,
  • 13. Notícias - Abril 2012 Data: 08/04/2012 - Veículo: Jornal de PiracicabaTítulo: Expedição desbrava o Corumbataí A cobrança das autoridades é feita pelo Mas, apesar do avanços, nem sempre as espécies Ministério Público, que tem um TAC (Termo de que ocupam as margens são as ideais. Na margem Ajustamento de Conduta) assinado com a do rio ao longo da Usina Costa Pinto, por Prefeitura de Piracicaba que obriga o município a exemplo, a faixa de terra é de cerca de 10 metros tratar 100% do esgoto até o final deste ano. O apenas. Nesse espaço, a espécie que se termo, no entanto, não deve ser cumprido. desenvolve é a leucena. “Ela não cumpre funções Atualmente, Piracicaba trata 36% do esgoto. Com de diversidade, não beneficia a fauna. Seu fruto a entrega da ETE (Estação de Tratamento de não é apreciado por aves e outros animais”, Esgoto) Ponte do Caixão, ainda este ano, o índice esclareceu Schmidt. A leucena é uma espécie chegará a 66%. A região da cidade que despeja invasora e suas sementes se espalham com esgoto no Corumbataí, no entanto, faz parte da facilidade, por isso é comum no Corumbataí. No última etapa, que será tratada pela ETE Bela Vista, rio Piracicaba, uma faixa extensa de leucenas ainda em fase de licitação, para chegar aos 100%. pode ser vista nas margens na Estrada do Bongue. Ao longo da viagem, é possível observar que vilas, PROTETORA chácaras, ranchos, bairros e empresas têm o Dados mostram mudanças na mata ciliar da bacia Corumbataí como “quintal”. E nesse quintal, do rio, como indicou Ricardo Schmidt no início da infelizmente, são despejados resíduos orgânicos e expedição. Segundo ele, houve substituição das lixo, entre outros materiais. (continua...) pastagens (47% em 1990 e 28% em 2008) por cana-de-açúcar (32% em 1990 e 40% em 2008). “A cana tem cultivo mais intensivo em relação às pastagens, portanto, o impacto ambiental é negativo”, apontou. Houve também um leve crescimento da fruticultura na bacia: 2% em 1990 para 3% em 2008, com impacto ambiental positivo. Schmidt atentou ainda para um aumento da vegetação nativa, que era de 6% em 1990 e passou para 17% em 2008. Entre os fatores que contribuíram para os números positivos estão o maior rigor no cumprimento da legislação ambiental e programas de incentivo à recuperação de matas ciliares.
  • 14. Notícias - Abril 2012 Data: 08/04/2012 - Veículo: Jornal de PiracicabaTítulo: Expedição desbrava o CorumbataíApós a passagem pela Usina Costa Pinto, onde Durante o percurso, muitos pescadores nasnão há despejo de nenhum resíduo no rio, a margens do Corumbataí. Entre eles Terezinha doexpedição observa uma área agrícola, sem Santos Gomes, moradora do Bosques doárvores. Do lado oposto, ficaram para trás a Vila Lenheiro. “Hoje a pescaria está boa”, disse,Breda e a Vila Belém, antigas colônias de exibindo tilápias e piaus na cesta. Donatrabalhadores da usina. Terezinha pesca todo dia para alimentar aO dourado que salta nas corredeiras anuncia que família. A esperança dela, de outros pescadores,ali a natureza está equilibrada. Mas a paisagem de ambientalistas e de todos que têm algumaque poderia ser mais bela fica comprometida por ligação com o rio - nem que o elo seja apenas ogigantescos eucaliptos secos caídos na beira e fornecimento de água, caso da maioria dadentro do rio. Schmidt contou que a espécie era população piracicabana – é encontrar, em umplantada para lenha e para reflorestamento, futuro próximo, um manancial bem mais limpo efunção para a qual não é adequado. Alguns com margens mais verdes.medem mais de 50 metros e, caídos, seguramdetritos e areia, colaborando para oassoreamento do leito, sentido na pele pelosnavegadores, que tiveram de descer do barcodurante parte do percurso para passar em meioàs pedras.Um ficus, espécie nativa à beira do rio, dáesperança. “As principais espécies de mata ciliarindicadas são as que existiam originalmente nolocal. Cedros, jacarandás, canelas, jequitibás,guapuruvus, ingás, paineiras e jerivás são as maisconhecidas. São recomendadas no mínimo 80espécies para exercer a sua função ecológica”,informou Schmidt, que também é coordenadorda Plenária de Entidades do Consórcio PCJ.
  • 15. Você possui uma boa sugestão de EVENTO ou NOTÍCIA? Então, envie sua sugestão para o e-mail florespi@florespi.org.br e ela poderá aparecer no nosso próximo Calendário ou Resumo Semanal.
  • 16. O que é a Florespi? É uma ONG (Organização Não Governamental), fundada em 1988 e com qualificações de OSCIP e Utilidade Pública Municipal. Sua sede é em Piracicaba, mas sua atuação ocorre em todo Estado de SP.Por que a Florespi existe?Para contribuir com o desenvolvimento de sociedades sustentáveis, por meio da proteção, recuperação eampliação das florestas e dos recursos hídricos.Para alcançar esta missão, a Florespi atua nos seguintes 7 temas/programas: Recuperação de Áreas Degradadas Arborização Urbana e Áreas Verdes Licenciamento Geração de Renda Cursos, Oficinas e Eventos Políticas Públicas Gestão de ResíduosQuer saber mais sobre a Florespi?Acesse nosso site: www.florespi.org.brAcompanhe-nos no Facebook: http://www.facebook.com/florespiAcompanhe-nos no Twitter: http://twitter.com/florespi_oscip voltar

×