Pacientes Especiais: Biossegurança e Anamnese

  • 6,400 views
Uploaded on

 

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
6,400
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
4

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Considerações no atendimento
    a Pacientes com Necessidades
    Especiais
  • 2.
  • 3. Dr.º Flávio
    A sua professora de pós de pne ligou e disse que vai mandar um artista (Pedrinho) pra você fazer a entrevista pois vai ele vai viajar!
  • 4.
  • 5.
  • 6. Pacientes
  • 7. Medidas Universais
    Vacinação
  • 8. As especialidades mais afetados pela hepatite b, antes da introdução da vacina eram os cirurgiões bucomaxilofacial, os periodontistas e ortodontistas. (Teixeira e Santos, 1999)
  • 9. Vias de Transmissão
  • 10. Origem Bacteriana
    Treponema pallidum, período de incubação de 3 semanas. Apresenta vida extracorpórea de segundos a 25ºC.
  • 11. Origem Bacteriana
    NeisseriaGonorrhoeae, transmissão por lesões bucais. Vida extracorpórea de poucas horas.
  • 12. Origem Bacteriana
    Corynebacteriumdiphtheriase, transmissão pela pele lesionada ou pelo ar. Vida extracorpórea de 13 a 16 horas
  • 13. Origem Bacteriana
    Mycobacteriumtuberculosishominis, via nasofaríngea. Bacilo tem vida superior a 15 dias em ambiente seco a 25°C.
  • 14. Origem Virótica
  • 15. Definições
    Assepsia
    Anti-sepsia
    Anti-séptico
    Asséptico
  • 16. Definições
    Área crítica
    Área semi-crítica
    Área não crítica
  • 17. Definições
    Instrumental
  • 18. Definições
  • 19. Autoclave
    Estufa
    Meio Físico
  • 20. Esterilização
  • 21. Químico
    Formaldeído 18h
    Glutaraldeído 10h
    Formaldeído 30min.
    Glutaraldeído 30min.
    Álcool
    Hipoclorito 30mim.
    Iodo
  • 22.
  • 23. Limpeza do instrumental
    Imersão por 30 minutos:
    Glutaraldeído a 2%
    Formaldeído a 4%
    Hipoclorito de sódio a 0,5%
    Polivinilpirrolidona a 2,5%
    Alcool Etílico e isopropílico 70%
    Cloramina 2%
    Peroxido de hidrogênio a 6%
    Autoclave
    Estufa
  • 24. Desinfecção de Superfície
  • 25.
  • 26. Barreiras
  • 27. Desinfecção
    Esterilização
    EPI
    Barreiras
  • 28. Equipamento de proteção Individual
  • 29. Equipamento de proteção Individual
    www.proteshop.com.br
  • 30. KIT EPI Opcional
  • 31. Anti-sepsia do Paciente
    Barreiras
  • 32. Anti-sepsia do Paciente
  • 33.
  • 34. Anamnese
    Barreiras
  • 35. Anamnese
  • 36. Anamnese
    Busca pela cura
    Pesquisas e descobertas
    Especialidades
    Odontologia
  • 37. Anamnese
    Quem é o
    nosso paciente?
  • 38. Anamnese
    Em algum momento da evolução, perdeu-se a noção do todo.
    O indivíduo não pode ser dividido.
  • 39. Anamnese
    Paciente
    Com
    Necessidades
    Especiais
  • Anamnese
  • 45. Anamnese
  • 46. Anamnese
    É necessário conhecer todos os dados que constituem sua história.
    Gestação / Nascimento / 1º ano de vida / Infância / Internações / Cirurgias / Medicamentos / Tratamentos / Terapias / Equipe Médica / 1ª visita ao dentista / outros ...
  • 47. Anamnese
    Anamnese tem a função de descobrir todas as lembranças que esse indivíduo ou seu acompanhante tem acerca de sua vida.
    O conjunto de dados é o que identifica o indivíduo, assim como os cuidados que ele requer.
  • 48. Anamnese
    História médica
    Condições em que nasceu
    Desenvol. Neuropsicomotor
    Problemas psiquiátricos
    Medicamentos
    Internações
    DST
    Hábitos e vícios
    Aspectos Psicológicos
    Doenças Infância
    Doenças fase adulta
    Tudo Deve Ser Pesquisado
  • 49. Anamnese
  • 50. Anamnese
    Ao cardiologista
    Paciente apresenta quadro de hipertensão 150 x 100 e necessita de tratamento odontológico. Necessito saber qual anestésico devo utilizar.
    Atenciosamente,
    O dentista
  • 51. Anamnese
    Estágios
    Pendleton (1984)
  • 52. Anamnese
    Seqüência de atuação
  • 53. Anamnese
    O exame clínico é dividido em duas partes: Anamnese e exame físico (Boraks, 1996)
    O exame físico colhe os dados relativos aos sinais da doenças, deve incluir: sinais vitais e exame completo da cabeça e pescoço ( Sonis, 1996)
    Pressão arterial sanguínea / pulso / freqüência respiratória / Temperatura / inspeção /
    palpação / percussão / auscultação
  • 54. Anamnese
    O CD tem uma grande responsabilidade no atendimento odontológico, inclusive respeitando as normas éticas e legais. Dentre estas, o preenchimento da ficha clínica requer um cuidado especial, em virtude dos aspectos clínicos, administrativos e legal (Silva, 2000)
  • 55. Anamnese
  • 56. Anamnese
    Consentimento
    esclarecido
    O planejamento odontológico compreende um conjunto de conhecimentos praticos e teóricos ordenados de modo a possibilitar e interagir com a realidade, programas as estratégias e ações necessárias e tudo o mais que seja delas decorrente. (Tancrediet al., 1998)
    Ficha Clínica Viva
    Anamnese
    Direcionada
  • 57. Anamnese Distúrbios Neuropsicomotores
    Gestação
    Foi planejada? Aceitação ?
    Pré natal?
    Doença infecciosa?
    Hpta? Em que mês ?
    Medicamentos ? Quais ?
    Sangramento anormal? Por volta de que mês?
  • 58. Anamnese Distúrbios Neuropsicomotores
    Condição do Parto
    Tipo
    Tipo de anestesia
    Prematuridade ? __ meses? Chorou logo ao nascer?
    Cianose? Icterícia?
    Peso ______ Estatura _____ Per Cef_____Apgar______
    Parecer Pediatra:_______________
    Tempo do bebê no hospital
    Cabeça normal? Simetria facial?
    Outros:
  • 59. Anamnese Distúrbios Neuropsicomotores
    Desenvolvimento
    Sugou com 24 horas?
    Sustentou a cabeça (2 e 3 meses)
    Sentou(4 a 5 meses)
    Engatinhou (8 e 9 meses)
    Andou (1ano 1,2)
    Primeiras palavras (1 ano a 1,2)
    Educação Uretral / Anal
  • 60. Anamnese Distúrbios Neuropsicomotores
    Doenças da Infância
    ( ) Sim ( ) Não
    Sarampo ( )
    Rubéola ( )
    Catapora ( )
    Outras ( )
    Outras Alterações
    Problemas Neurológicos : ( ) Sim ( ) Não
    PC ( ) Convulsão ( ) Disritimia cerebral ( ) Meningite ( )
    Desnutrição: : ( ) Sim ( ) Não
    Hipotireoidismo
    Fenilcetonúria
  • 61. Anamnese Distúrbios Neuropsicomotores
    História da doença atual
    Alteração coordenação motora
    Alteração locomoção
    Membros superiores normais?
    Membros inferiores normais?
    Uso de aparelho (prótese, colete, muletas)? tempo ?
    AVD________________________________________
  • 62. Anamnese Psicológica
    Idade dos pais quando do nascimento da criança: pai _____ mãe _____
    Relacionamentos:
    Pai x Paciente
    Mãe x Paciente
    Paciente x Irmãos
    Paciente x Familiares
  • 63. Anamnese Psicológica
    Quem cuida do paciente?
    O que o paciente gosta que façam ?
    O que o deixa mais irritado?
    O que o deixa mais tranqüilo?
    Como reage diante de estranhos?
    Como reage diante de novas situações?
    Diante de profissionais de saúde, como reage?
  • 64. Anamnese Psicológica
    Vai a escola ?
    Consegue contar fatos?
    Tem memória?
    É uma pessoa atenta?
    Brinca com pessoas de sua idade?
    Sono? (Calmo ou agitado)
    Insônia?
    Horário de maior agitação
  • 65. AnamneseFonoaudiológica
    Aleitamento Materno: Diurno ( ) Noturno ( )
    Até quando?
    Mamadeira? Horários ? Ingredientes?
    Furo do bico ? Grande ? Pequeno?
    Iniciou papinha com dificuldade?
    Iniciou solido com dificuldade?
    Sabe engolir? Mastigar? Come sozinho?
    Vômito constante? Sabe cuspir?
    Chupa canudo? Engasga com facilidade?
  • 66. AnamneseFonoaudiológica
    Sucção digital?
    Chupeta?
    Dorme de boca aberta?
    Molha travesseiro?
    Ronca?
    Baba?
    Apnéia?
    Tem alteração de fala?
    Tem alteração de voz?
  • 67. PNE