Your SlideShare is downloading. ×
0
PREPARAÇÃO ORGÂNICA OU TREINAMENTO CARDIOPULMONAR        Componente da preparação física que visa provocar alteraçõesno si...
CLASSIFICAÇÃO DA VIA ENERGÉTICA CONFORME                     A DURAÇÃO DA ATIVIDADE          ATP                          ...
NÍVEL CALÓRICO (KCAL) EM VALORES ABSOLUTOS E PERCENTUAIS          DE TRABALHO ANAERÓBICO E AERÓBICO EM NÍVEL MÁXIMO E     ...
EFEITOS DO TREINAMENTO CARDIOPULMONARA) Aumento do volume de ejeçãoB) Aumento do nº de glóbulos vermelhos e da taxa de O2t...
1.   ALTERAÇÕES BIOQUÍMICAS1.1 – Aeróbicas     ↑ Conteúdo de Mioglobina (80%)     ↑ Tamanho (40%) e número (120%) das mito...
2. ALTERAÇÕES SISTÊMICAS2.1 – Aumento da capacidade funcional do coraçãoa) Aumento do DÉBITO CARDÍACO (volume de sangue ej...
b) Aumento do VOLUME SISTÓLICO ou de EJEÇÃO       - Volume de sangue ejetado por sístole.       Repouso: Homens Não - trei...
d) AUMENTO DO RETORNO VENOSO           - O coração só consegue bombear o sangue que recebe. Odébito cardíaco depende do sa...
f) TRANSPORTE DE O2 PELO APARELHO CIRCULATÓRIO      ⇒ Melhor eficácia do transporte de O2:              Trabalhos entre 12...
3) OUTRAS ALTERAÇÕES3.1 – Composição corporal = redução do % de gordura e aumento da massamagra.3.2 – Redução do colestero...
Cardiovasculardommanha2
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Cardiovasculardommanha2

1,504

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,504
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Cardiovasculardommanha2"

  1. 1. PREPARAÇÃO ORGÂNICA OU TREINAMENTO CARDIOPULMONAR Componente da preparação física que visa provocar alteraçõesno sistema cardiocirculatório e respiratório (sistema de transporte de O2e mecanismo de equilíbrio ácido-base).FINALIDADES:Profilática = prevenir hipocinesiasTerapêutica = reabilitação cardíaca RESISTÊNCIA AERÓBICAEstabilização = controle de diabetesEstética = programas de emagrecimentoTreinamento = preparação de atletas RESISTÊNCIA AERÓBICA E ANAERÓBICA
  2. 2. CLASSIFICAÇÃO DA VIA ENERGÉTICA CONFORME A DURAÇÃO DA ATIVIDADE ATP FORÇA EXPLOSIVA (Até 4 seg) (Levantamentos de peso, saltos, saques, etc) ATP – CP VELOCIDADE - FORÇA DINÂMICA (Até 10 seg) (Sprints, arrancadas, provas de ginástica artísitca, etc) ATP – CP + ÁCIDO LÁTICO RESISTÊNCIA ANAERÓBICA (até 1:30”) (Corridas de 200 a 400 m, 100m livre, etc)SISTEMAS NÃO OXIDATIVOS RESISTÊNCIA AERÓBICA + (Corridas acima de 800 m) IMEDIATOS E DE CURTA DURAÇÃO + SISTEMA OXIDATIVO (> 3 min)
  3. 3. NÍVEL CALÓRICO (KCAL) EM VALORES ABSOLUTOS E PERCENTUAIS DE TRABALHO ANAERÓBICO E AERÓBICO EM NÍVEL MÁXIMO E DURAÇÕES VARIADAS 10 seg 1 min 2 min 4 min 10 min 30 min 60 min 120 minAnaeróbio 25 40 45 45 35 30 20 15 85 65-70 50 30 10-15 5 2 1Aeróbio 5 20 45 100 250 700 1.300 2.400 15 30-35 50 70 89-90 95 98 99Total Cal. 30 60 90 145 285 730 1.320 2.415 Astrand, 1987.
  4. 4. EFEITOS DO TREINAMENTO CARDIOPULMONARA) Aumento do volume de ejeçãoB) Aumento do nº de glóbulos vermelhos e da taxa de O2transportado no sangue.C) Aumento da capilarização resultando em melhor difusãoD) Redução da massa corporalE) Melhoria na capacidade de absorção de O2F) Redução da FCR e no exercício submáximoG) Redução do tempo de recuperação após o exercícioH) Melhor pré-disposição para para o treinamento anaeróbioI) Aumento da capacidade para suportar maiores volumes detreinamento
  5. 5. 1. ALTERAÇÕES BIOQUÍMICAS1.1 – Aeróbicas ↑ Conteúdo de Mioglobina (80%) ↑ Tamanho (40%) e número (120%) das mitocôndrias ↑ Atividade das enzimas do sistema aeróbio (Ciclo de Krebs e Sistemade Transporte de Elétrons) ↑ Mobilização e oxidação de lipídios1.2 – Anaeróbicas↑ concentração de ATP (25%), CP (60%), creatina (35%) e glicogênio (32%);↑ da atividade enzimática ATPase (30%) = Desintegração do ATPMioquinase (20%) = Ressíntese do ATPCreatinoquinase (36%) = Ressíntese daFosfofrutoquinase (50-80%) = reações iniciais da glicólise
  6. 6. 2. ALTERAÇÕES SISTÊMICAS2.1 – Aumento da capacidade funcional do coraçãoa) Aumento do DÉBITO CARDÍACO (volume de sangue ejetado/min.) Repouso = 5 - 6 litros/min Exercício - Treinado = 30 - 40 l/min Não-treinado = 20 - 25 l/min DC = VS x FC * QUANTO MAIS ALTO FOR O DC MÁXIMO, MAIOR SERÁ O VO2MÁX
  7. 7. b) Aumento do VOLUME SISTÓLICO ou de EJEÇÃO - Volume de sangue ejetado por sístole. Repouso: Homens Não - treinados = 70 - 90 ml/sístole Homens treinados = 100-120 ml/sístole Mulheres Não- treinadas = 50 -70 ml/sístole Mulheres Treinadas = 70 - 90 ml/sístoleC) FREQÜÊNCIA CARDÍACA Repouso = 40 - 90 bpm* Uma freqüência cardíaca mais baixa, associada a um volume sistólico relativamente grande indica um sistema circulatório mais eficiente.
  8. 8. d) AUMENTO DO RETORNO VENOSO - O coração só consegue bombear o sangue que recebe. Odébito cardíaco depende do sangue que retorna ao coração direito.e) AUMENTO DA DIFERENÇA ARTERIOVENOSA (A-VO2-dif) - É a diferença no conteúdo de O2 entre o sangue arterial evenoso. Representa a quantidade de O2 extraído ou consumido pelostecidos. Dentro dos valores normais de pH, PO2 e PCO2: - Sangue arterial = 200 ml de O2/l - Sangue venoso = 150 ml de O2/l A-VO2dif = 50 ml para cada litro de sangue
  9. 9. f) TRANSPORTE DE O2 PELO APARELHO CIRCULATÓRIO ⇒ Melhor eficácia do transporte de O2: Trabalhos entre 120-150 bpm (steady state) ⇒ Aumento da capacidade funcional do coração: Trabalhos entre 170-180 bpm (intervalado)
  10. 10. 3) OUTRAS ALTERAÇÕES3.1 – Composição corporal = redução do % de gordura e aumento da massamagra.3.2 – Redução do colesterol e triglicerídeos3.3 – Tecido conjuntivo = aumento da força dos ligamentos e tendões;hipertrofia óssea.3.4 – Aclimatação ao calor = Melhora a capacidade de dissipação do calor3.5 – Capacidade de tamponamento = Aumento da capacidade dos tampõesbicarbonato (64%), proteínas do plasma (6%) e hemoglobina (29%) demanterem o pH do meio orgânico3.6 – Sistema Neurovegetativo = Grandes volumes provocam umaparassimpaticotomia resultando em bradicardia, bradipnéia e linfocitose.3.7 – Sistema Endócrino = Hipertrofia do córtex adrenal (aumento daprodução de corticóides)3.8 – Aumento do volume sanguíneo (25%), diminuição da viscosidade
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×