Your SlideShare is downloading. ×
2° Etapa_1° Avaliação Substitutiva_Tipo I_3° ano
2° Etapa_1° Avaliação Substitutiva_Tipo I_3° ano
2° Etapa_1° Avaliação Substitutiva_Tipo I_3° ano
2° Etapa_1° Avaliação Substitutiva_Tipo I_3° ano
2° Etapa_1° Avaliação Substitutiva_Tipo I_3° ano
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

2° Etapa_1° Avaliação Substitutiva_Tipo I_3° ano

582

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
582
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. COLÉGIO TIRADENTES DA POLÍCIA MILITAR DE MINAS GERAIS-UBERABA “Juntos na construção de um ensino eficaz ” 1ª Avaliação Substitutiva de FÍSICA – 3°ANO NNNNotaotaotaota Aluno(a):__________________________________________________________________ Turma: ________ Professor(a): Thiago Miranda Data: ____/____/_____ 2º Etapa Valor: 07 pontos (Fatec-1997) Devido à presença das cargas elétricas Q1 e Q2, o vetor campo elétrico resultante no ponto P da figura a seguir é melhor representada pela alternativa: a) b) c) d) (FCMSC-SP) Em um ponto do espaço: I. Uma carga elétrica não sofre ação da força elétrica se o campo nesse local for nulo. II. Pode existir campo elétrico sem que aí exista força elétrica. III. Sempre que uma carga elétrica for colocada num campo elétrico, esta sofrerá a ação da força elétrica Use: (C) certo e (E) errado. a) CCC b) CEE c) ECE d) CCE e) EEE (Mack-2004) A intensidade do vetor campo elétrico gerado por uma carga Q puntiforme, positiva e fixa em um ponto do vácuo, em função da distância (d) em relação a ela, varia conforme o gráfico dado. A intensidade do vetor campo elétrico, no ponto situado a 6m da carga, é: Pessoas que têm cabelos secos observam que, em dias secos, quanto mais tentam assentar seus cabelos, penteando-os, mais eles ficam eriçados. Isso pode ser explicado do seguinte modo: a) Os cabelos ficam eletrizados por atrito. b) Os cabelos ficam eletrizados por indução eletrostática. c) Os cabelos ficam eletrizados por contato. d) Os cabelos adquirem magnetismo. e) Trata-se de um fenômeno puramente biológico. 0,7QUESTÃO 04 0,7QUESTÃO 03 0,7QUESTÃO 02 0,7QUESTÃO 01 0,2 m 1,2 m Q1 Q2P Q1 = 4,0 µC Q2 = 1,0 mC BA
  • 2. Observemos a série triboelétrica ao lado: a) Atritando um pedaço de lã a um disco de ebonite, o que ocorre com cada um dos corpos? _______________________________________________________________________ _______________________________________________________________________ _______________________________________________________________________ b) Atritando um chumaço de algodão a um pedaço de vidro, quais as cargas elétricas que cada um dos corpos adquire? __________________________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________________________ c) Aproximando o chumaço de algodão ao pano de lã, depois dos atritos mencionados, haverá atração ou repulsão elétrica? Justifique. ___________________________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________________________ A força de interação entre as partículas A e B tem intensidade igual a 4,0 10 3 N. Determine a intensidade da força resultante sobre a partícula B. No vácuo,onde ko = 9 . 10 9 Nm 2 /C 2 , são colocadas duas cargas elétricas puntiformes de 2 µC e - 5 nC, distantes 3 cm uma da outra. A força de atração entre essas duas cargas tem intensidade de quantos newtons? Vidro Mica Lã Seda Algodão Ebonite REGRA + – 0,7QUESTÃO 07 0,7QUESTÃO 06 0,7QUESTÃO 05 d 2d +q +3q+2q A B C
  • 3. Na figura abaixo temos um quadrado ABCD. Em cada um de seus vértices colocamos uma carga elétrica positiva + Q, gerando um campo elétrico na região que as envolve. No centro do quadrado, o campo elétrico resultante é mais bem representado pelo vetor: a) b) c) d) e) Ele é nulo. (PUC-SP) Os corpos eletrizados por atrito, contato e indução ficam carregados respectivamente com cargas de sinais: a) iguais, iguais e iguais. d) contrários, iguais e iguais. b) iguais, iguais e contrários. e) contrários, iguais e contrários. c) contrários, contrários e iguais. Uma partícula de carga elétrica q = 3 . 10 -8 C, colocada num ponto P localizado a 3 m de uma carga Q, no vácuo, sofre a ação de uma força de módulo F = 1,5 . 10 -2 N. (Dado: constante eletrostática do vácuo, kO = 9 . 10 9 Nm 2 C - 2 .) a) Qual o módulo do campo elétrico em P? b) Admitindo-se que esse campo elétrico se deve exclusivamente a Q, qual o valor de Q? 0,7QUESTÃO 10 0,7QUESTÃO 09 0,7QUESTÃO 08 A B CD (+Q) (+Q) (+Q) (+Q)
  • 4. GABARITO (1ª avaliação de Física – Tipo I – 3°ano) QUESTÃO 01 OPÇÃO D. E1 = 9 . 10 9 . 4 . 10 -6 = 36 . 10 3 = 9 . 10 5 N/C (2 . 10 -1 ) 2 4 . 10 -2 E2 = 9 . 10 9 . 1 . 10 -3 = 9 . 10 6 = 9 . 10 6 N/C = 90 . 10 5 N/C (1) 2 1 ER = E1 – E2 = 90 . 10 5 - 9 . 10 5 = 81 . 10 5 = 8,1 . 10 6 N/C QUESTÃO 02 OPÇÃO D. QUESTÃO 03 Porque distância e campo elétrico é inversamente proporcionais ao quadrado da distância, assim se a distância aumentou 3 vezes o campo irá diminuir (3) 2 = 9 vezes. E’ = E = 18 . 10 5 = 2 . 10 5 N/C 9 9 QUESTÃO 04 OPÇÃO A. QUESTÃO 05 a) O pedaço de lã doa elétrons para o ebonite ficando eletrizado com carga positiva e o disco de ebonite ganha elétrons ficando eletrizado negativamente. b) O chumaço de algodão adquire carga negativa e o pedaço de vidro adquire carga positiva c) Haverá atração pois cargas elétrica de sinais contrários se atraem. QUESTÃO 06 FAB = 4 . 10 3 N FAB = K.q.2q = 2kq 2 ( I ) d 2 d 2 FBC = K.2q.3q = 6kq 2 = 3 . 2kq 2 ( II ) (2d) 2 4d 2 4 d 2 Podemos observar que o FAB na equação (I) é igual ao termo que separamos em forma de fração na equação (II), assim teremos: FBC = 3 . FAB = 3 . 4 . 10 3 = 3 . 10 3 N 4 4 Assim a resultante na partícula B será: FR = FAB – FBC = 4 . 10 3 – 3 . 10 3 = 1 . 10 3 N QUESTÃO 07 F = 9 . 10 9 . 2 . 10 -6 . 5 . 10 -9 = 90 . 10 -6 = 10 . 10 -2 N ou 1 . 10 -1 N ou 0,1 N (3 . 10 -2 ) 2 9 . 10 -4 QUESTÃO 08 E2 E1 ER 0,2 m 1,2 m Q1 Q2P Q1 = 4,0 µC Q2 = 1,0 mC BA d 2d +q +3q+2q A B C FABFAB FBC FBC FR
  • 5. OPÇÃO E. QUESTÃO 09 OPÇÃO E. QUESTÃO 10 a) E = 1,5 . 10 -2 = 0,5 . 10 6 = 5 . 10 5 N/C 3 . 10 -8 b) 5 . 10 5 = 9 . 10 9 |Q| → |Q| = 5 . 10 5 → |Q| = 5 . 10 -4 C 3 2 10 9 Assim Q = + 5 . 10 -4 C ou Q = - 5 . 10 -4 .

×