• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Vii sezoo
 

Vii sezoo

on

  • 843 views

 

Statistics

Views

Total Views
843
Views on SlideShare
219
Embed Views
624

Actions

Likes
0
Downloads
5
Comments
0

5 Embeds 624

http://aquiculturanoceara.blogspot.com.br 594
http://aquiculturanoceara.blogspot.com 26
http://aquiculturanoceara.blogspot.fr 2
http://aquiculturanoceara.blogspot.com.es 1
http://aquiculturanoceara.blogspot.in 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Vii sezoo Vii sezoo Presentation Transcript

    • Aquicultura no Ceará: cenário atual e oportunidades para zootecnistas Prof. Thiago Andrade, CRMV-CE 0176 ZP Zootecnista, Professor de Aquicultura CENTEC/SEDUC, EEEP J. I. Nocrato - Guaiúba-CE aquiculturanoceara.blogspot.com
    • Programação 1.Produção atual   Volume e valor da produção Polos de produção 2.Cadeia produtiva     Reprodução/larvicultura Engorda Insumos Processamento/Comercialização 3.Mercados promissores     Camarão em água doce Piscicultura marinha Pirarucu e outras espécies Peixes ornamentais 4.Atuação profissional    Responsabilidade técnica Representação comercial Sanidade 2
    • Objetivos: - Situar a aquicultura no Estado do Ceará; - Dar noções da atuação profissional e possibilidades em aquicultura; - Apontar perspectivas da aquicultura no Ceará; e - Desmitificar “peixe não é animal” 3
    • MPA, 2011 4
    • Sidonio, 2011 5
    • PRODUÇÃO DE TILÁPIA (2011) Porto do Pecém Pólo 1º produtor e exportador do Brasil 7 pólos em 55 municípios Pentecoste Porto do Mucuripe Pólo Sobral Pólo Fortaleza 60 açudes produtores 25 projetos comunitários 676 Produtores 21,3 mil toneladas Produzidas Potencial de produção: 200 mil toneladas/ano Potencial de exportação: U$ 100 milhões Fonte: Adece Pólo Anabuiú Pólo Castanhão Pólo Orós 6
    • Produção de pescado (t) da aquicultura continental por Unidade da Federação - 2011 BRASIL 544.490,0 NORDESTE 134.292,6 Ceará 36.066,3 24,66% 6,62% MPA, 2013 7
    • “A criação de tilápia feita no Açude Castanhão responde por 50% de toda a produção do tipo de pescado no Estado. Os piscicultores atuam em apenas 40% do parque aquícola do local” Diário do Nordeste, 13.09.2013 SEMANA DO PEIXE: Tilápia é fonte de renda em Jaguaribara 8
    • PRODUÇÃO DE CAMARÃO (2011) Pólo Coreaú Pólo Acaraú Pólo Mundaú Curú Porto do Pecém Porto do Mucuripe 2º produtor nacional Pólos: 5 em 24 municípios Fortaleza Pólo Aracati Produtores: 180 Área: 5,7 mil hectares Produção: 31,7 mil toneladas/ano Área/produtor (média): 36,31 ha Produtividade média: 5,5 t/ha/ano Ciclos: 2,6/ano Pólo Baixo Jaguaribe Fonte: Adece 9
    • Produção de pescado (t) da aquicultura marinha por Unidades da Federação - 2011 BRASIL 84.214,3 Camarões 65.670,6 77,98% Moluscos 18.541,7 22,02% NORDESTE 65.211,4 77,44% Ceará 29.095,4 34,55% MPA, 2013 10
    • "Em 2013, praticamente 50% de toda a produção nacional será oriunda do território cearense" Diário do Nordeste, 20.07.2013 Em 2013 camarão deve gerar R$ 600 mi no CE 11
    • 2. Cadeia Produtiva Pereira e Gameiro, 2007 12
    • 2. Cadeia Produtiva ● Reprodução de tilápias     Protocolos de acasalamento Coletas de ovos, larvas e pós-larvas Classificação Masculinização 13
    • 2. Cadeia Produtiva ● Larvicultura de camarões marinhos    Sistemas fechados Incubação Alimentação 14
    • 2. Cadeia Produtiva ● GENÉTICA – Resende, 2010 ● ● Os recursos humanos disponíveis são mínimos A metodologia é a mesma utilizada para outras espécies animais e logicamente com adaptações aos organismos aquáticos – Há possibilidade de inclusão imediata de profissionais oriundos do cursos de zootecnia 15
    • 2. Cadeia Produtiva ● Os peixes são modelos excelentes para programas de melhoramento genético. – Hilsdorf, 2013 ● ● ● ● Fertilização externa: permite a manipulação dos gametas para realizar sistemas de acasalamento dirigido e manipulação cromossômica; Alta fecundidade: número grande de descendentes que permite programas de seleção mais intensa e a realização de testes de desempenho com diferentes grupos genéticos; Possibilitam a produção de híbridos: metodologia utilizada desde os anos 1970 com tilápias e, atualmente, com diferentes espécies de peixes nativos no Brasil. A variabilidade genética possibilita ganhos genéticos de até 17% por geração 16
    • 2. Cadeia Produtiva ● Engorda ● ● ● ● Planejamento produtivo Gerenciamento Preparação do ambiente Acompanhamento do cultivo – – – ● Biometrias Intervenções Classificações Programação de saídas 17
    • 2. Cadeia Produtiva ● Insumos ● ● ● ● ● Fertilizantes/Corretivos; Oxigênio; Telas; Cordas, etc. RAÇÃO – Conversão alimentar 18
    • 2. Cadeia Produtiva ● Processamento e Comercialização    Captação de clientes Controle de qualidade Conservação/Processamento 19
    • 3. Mercados promissores ● ● ● ● Camarão em água doce Piscicultura marinha Pirarucu e outras espécies Peixes ornamentais 20
    • 3. Mercados promissores ● Camarão em água doce   Litopenaeus vannamei Macrobrachrium rosembergii 21
    • 3. Mercados promissores ● Piscicultura marinha  Beijupirá/Cobia 22
    • 3. Mercados promissores ● Piscicultura marinha  Garoupa 23
    • 24
    • 3. Mercados Promissores ● Peixes nativos ● ● ● Pirarucu Estabelecimento da cadeia produtiva Protocolo de reprodução/ Requerimentos nutricionais 25
    • 3. Mercados Promissores ● Peixes nativos ● ● Pintado/Cachara (surubim) Há mercado internacional 26
    • 3. Mercados Promissores ● Peixes Nativos ● Tambaqui/Pacu/Pirapitinga 27
    • 3. Mercados Promissores ● Peixes ornamentais ● ● ● Diversas espécies nativas e exóticas Mercado crescente: desenvolvimento econômico Desenvolvimento de novas linhagens: melhoramento genético 28
    • 4. Atuação Profissional ● ● Zootecnia: começo e fim (graduação) Possibilidades ● ● ● ● Responsabilidade técnica Representação comercial Consultorias: sanidade, planejamento/gerenciamento Empreendedorismo 29
    • 30
    • aquiculturanoceara.blogspot.com.br thiagoandrade@zootecnista.com.br facebook.com/fishfarmer.fisher (Thiago Silva) 31