Your SlideShare is downloading. ×
Tecnologia - Varejo
Tecnologia - Varejo
Tecnologia - Varejo
Tecnologia - Varejo
Tecnologia - Varejo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Tecnologia - Varejo

2,915

Published on

Matéria sobre novas tecnologias que auxiliam a operação das empresas de varejo. Publicada em março de 2010 na revista Supermercado Moderno.

Matéria sobre novas tecnologias que auxiliam a operação das empresas de varejo. Publicada em março de 2010 na revista Supermercado Moderno.

Published in: Business, Technology
2 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
2,915
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
114
Comments
2
Likes
3
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. 79 Loja SUPERMERCADO MODERNO • MARÇO 2010 Por Fernando Salles | salles@lund.com.br | Tecnologia O futuro começa hoje Conheça o que há de novo em hardwares e softwares que melhoram a experiência de compra, elevam a produtividade e ajudam a decifrar os segredos do comportamento do consumidor O varejo está cada vez mais convencido de que tecno- logia signi ca elevar a pro- dutividade, reduzir custos e melhorar o atendimento. Alejandro Padrón, líder de nas possibilidades que celulares e consultoria para varejo da iPods oferecem na comunicação IBM Brasil, enxerga duas vertentes nos novos in- com os clientes. vestimentos do autosserviço. A primeira tem a ver Alceu Costa Júnior, diretor da com melhorias no processo de compras, eliminação Take 5, empresa de cursos online de rupturas e redução dos níveis de estoque. “Outra para o varejo, também participou tendência é usar os recursos tecnológicos na hora de da NRF. Para ele, foi notável ob- atender o cliente e de se comunicar com ele”, a rma. servar o impacto da internet no O principal palco mundial dessas tendências é a consumo. “Hoje, a maioria das convenção NRF (National Retail Federation), que pessoas consulta sites antes de sair acontece todo início de ano em Nova York. Alexan- para as compras”, acredita. dre Horta, consultor da GS&MD Gouvêa de Souza, A partir das próximas páginas, esteve lá neste ano e percebeu um grande interesse você conhecerá algumas das mais por soluções como câmeras de monitoramento, que, importantes novidades. Elas aten- além de inibir furtos, são integradas a so wares para dem as novas necessidades do va- analisar o comportamento do consumidor na loja. rejo e de seu cliente. E mostram Ele viu também varejistas ainda mais interessados que o futuro acaba de chegar.
  • 2. 80 | Loja | SUPERMERCADO MODERNO • MARÇO 2010 TECNOLOGIA Soluções para cada necessidade O QUE A WEB rando a curva ABC. Com base nos U ma das mais importantes relatórios de vendas, mostra as pre- DIZ SOBRE A LOJA empresas de tecnologia do ferências dos clientes e indica quais planeta, a IBM recebeu a equipe A in uência da internet na decisão itens devem ter a exposição reforça- de reportagem de Supermerca- de compra é enorme. Mesmo quem da e quais podem car fora do sorti- do Moderno em seu Solution está decidido a se dirigir a lojas fí- mento. Analisa também o desem- sicas dá uma espiadinha na web penho de uma promoção, o que Center, em São Paulo. No espa- para comparar preços, veri car a permite saber quando vale a pena ço, disponível para os clientes localização das lojas e saber sobre reduzir preços de cada item. testarem as soluções antes de serviços e produtos. A pesquisa adquiri-las, SM pôde analisar costuma levar o cliente até blogs e GESTÃO DO COMÉRCIO equipamentos e sistemas que redes sociais como Twitter e Orkut, ELETRÔNICO auxiliam o varejo a elevar produ- nas quais o consumidor expressa tividade e reduzir custos. Ao livremente suas opiniões. Saber o Já a solução Websphere é indicada lado, você começa a desvendar que é dito sobre sua empresa nes- para a venda online de produtos ses espaços é fundamental. É o que ou serviços, pois pode ser integra- esse admirável mundo novo. faz o Cobra, (Corporate Brand and da aos aplicativos de negócio já Reputation Analysis) da IBM. Em operados pela empresa. Com isso, projeto-piloto, em uma rede bra- é possível, por exemplo, utilizar sileira, o Cobra emite relatórios apenas uma plataforma para o co- sobre o que foi dito sobre mércio online das diferentes divi- lojas ou produtos. “Torna sões de uma empresa. O so ware possível avaliar, por exem- permite ainda personalizar a ofer- plo, a aceitação de um deli- ta de produtos com base nas pre- very”, diz Rogério Aversa, ferências dos clientes, além de en- do setor de distribuição da viar informação para celulares. IBM. “E contribui para a de nição de estratégias e correção de erros.” O software Cobra emite relatórios sobre o que foi dito a ANÁLISE DE respeito da loja e dos produtos LUCRATIVIDADE CRÉDITOS DAS FOTOS: DIVULGAÇÃO em redes como Twitter e Orkut Outro so ware, o Retail Performan- ce Analytics traz informações sobre Utilizado em sites como o da Sears, o M A I S I N FO R MAÇÕES a lucratividade de cada categoria de Websphere permite planejar ofertas IBM: www.ibm.com/br produto vendida na loja, conside- com base na preferência do cliente
  • 3. 82 | Loja | SUPERMERCADO MODERNO • MARÇO 2010 TECNOLOGIA Mais agilidade para loja e retaguarda COLETOR ENCONTRA TERMINAL DE PULSO A Motorola pesquisou a neces- PRODUTOS PERDIDOS sidade de seus clientes antes de implantar avanços em sua A linha de leitores de tecnologia móvel para a área de mão MC3090-Z RFID, vendas e a retaguarda das lojas. da Symbol/Motorola, “Oferecemos equipamentos que traz a possibilidade de leitura por código de ajudam a melhorar a experiência barras e também por O WT 4090 deve ser colocado no de compra e também a eficiência RFID. Conta com mais pulso do funcionário responsá- de processos como inventários e espaço no campo de leitura, o que vel pelo manuseio de caixas em controle de estoque”, afirma Van- torna mais rápida e precisa a cap- depósitos. Com o “relógio”, que derlei Ferreira, diretor-geral de tura de dados. Dispõe ainda de um inclui fone de ouvido, o colabora- canais no Brasil. Parte dos lança- recurso que permite localizar um dor recebe instruções sobre proce- mentos foi apresentada no item perdido. Essa função pode ser dimentos de armazenagem ou re- congresso NRF, realizado em ja- aplicada, por exemplo, para encon- tirada de mercadorias. E ca com trar produtos deixados por clientes as mãos livres para trabalhar. neiro nos EUA. A previsão é de fora da gôndola. A comunicação que os equipamentos estejam de dados pode ser feita de várias RÁDIO SIMPLES E LEVE disponíveis no Brasil ainda no pri- formas, como radiofrequência, meiro trimestre. Confira ao lado. bath, voip e bluetooth. Compacto, o rádio bidirecional CLP permite comunicação ins- LEITOR MELHORA A tantânea entre funcionários de O coletor de dados registra o produto, EXPERIÊNCIA DE COMPRA loja e retaguarda. Pode ser usado que não precisa ser colocado no para solicitar reposição de gôndo- carrinho. É entregue em casa, enquanto O coletor de dados MC17, da Mo- la, troca de produtos, veri cação a conta é paga na loja. torola, com tecnologia desenvolvi- de preço ou qualquer outro tipo da pela Seal, foi fundamental para o de comunicação instantânea. Pão de Açúcar implantar o sistema Personal Shop em sua loja do shop- ping Iguatemi, em São Paulo. O cliente utiliza o leitor para registrar CRÉDITOS DAS FOTOS: DIVULGAÇÃO os produtos que pretende levar, sem necessidade de colocá-los no carrinho. Basta, ao m da compra, solicitar a entrega em casa. Na tela, MAIS INFORMAÇÕES aparecem receitas e promoções. Motorola: www.motorola.com
  • 4. 84 | Loja | SUPERMERCADO MODERNO • MARÇO 2010 TECNOLOGIA Impressoras fiscais E quipamento fundamental a ACESSO REMOTO AOS pode ser alocado em qualquer lu- todos os super e hipermer- DADOS FISCAIS gar, pois funciona com bateria que permite a utilização ininterrupta cados, a impressora fiscal vem por 12 horas – sem necessidade sendo ajustada às novas exigên- de conexão com a rede de energia cias do Fisco e também às mu- elétrica. Pode agilizar, por exem- danças no comportamento do plo, as vendas de cerveja na entra- consumidor. Annibal Abreu, ge- da da loja ou no estacionamento rente de marketing da empresa durante o verão, ou ainda o aten- Bematech, lembra, por exemplo, dimento a quem deseja levar ape- que as informações fiscais já po- nas ovos de chocolate nos dias que antecedem a Páscoa. dem ser acessadas remotamen- te. O executivo destaca também que há poucos anos todas as im- Para evitar fraudes, a impressora é O PDV pode ser alocado em qualquer acessada remotamente pelo Fisco. área que exija atendimento rápido pressoras saíam de fábrica com Adapta-se a Windows e Linux. uma estação destinada à emis- são de recibos e outra para o Com as impressoras MP4000, as preenchimento automático de informações scais são transmiti- cheques. Com o avanço das tran- das diretamente para um servidor de dados que pode ser acessado sações por meio de cartões, a remotamente pelo Fisco, o que segunda funcionalidade vem evita fraudes. Compatível com di- tornando-se obsoleta. “O baixo versos so wares de PDV – novos volume de cheques recebidos e antigos – adapta-se tanto ao sis- atualmente não justifica o inves- tema operacional Windows quan- timento em impressoras com to ao Linux. Permite ainda troca duas estações, cujo custo pode rápida de bobina, a partir de um chegar ao dobro”, afirma. Essa e sistema que ajusta o encaixe. outras novidades aparecem ao lado. Saiba os detalhes da nova CAIXA EXTRA EM geração de impressoras da Be- QUALQUER PONTO DO SUPERMERCADO CRÉDITOS DAS FOTOS: DIVULGAÇÃO matech e conheça uma solução para reduzir as filas nos caixas . Outra solução da Bematech pro- mete agilizar o pagamento de M A I S I N FO R MAÇÕES compras pequenas, sobretudo em Bematech: www.bematech.com.br datas sazonais. O PDV móvel
  • 5. 86 | Loja | SUPERMERCADO MODERNO • MARÇO 2010 TECNOLOGIA Exemplos do mundo FLUXO DO CONSUMIDOR D uas soluções atraíram a curiosidade dos visitantes O varejo começa a perceber o va- da última edição do NRF (Natio- lor adicional das imagens lmadas nal Retail Federation). Elas mos- em supermercados. Além de evitar tram características comuns a furtos, elas indicam para onde os soluções de tecnologia, sobre as clientes se deslocam, em que seção quais você ouvirá falar constan- passam mais tempo, quais pontos extras despertam sua atenção. Tal- temente nos próximos anos. E vez por isso o Shopper Gauge este- apresentam duas vertentes: a de ja despertando a atenção de vare- melhorar a experiência de com- jistas. A solução capta as imagens pras e mostrar o que os consu- por meio de câmeras e sensores, midores querem dizer com seu mede o uxo de consumidores e, comportamento na hora de com a ajuda de um so ware, pro- Acoplado ao iPod Touch, esse produto duz relatórios sobre o comporta- se transforma em um eficiente e comprar. Veja ao lado. rápido terminal de pagamento mento dos clientes. Trabalhar com tais dados traz uma visão clara do A solução produz relatórios sobre que fazer. A FILA ANDA o comportamento do cliente na loja, o que permite oferecer melhor atendimento ATENDIMENTO Outra novidade é o Línea-Pro, PESSOAL para ser acoplado ao iPod Touch. Ele transforma o player de mídia A IBM conta com outra solução portátil em terminal de paga- que permite analisar o caminho mento. Basta um funcionário percorrido pelo cliente. Com as abordar o cliente, somar o valor imagens coletadas por câmeras, das compras e passar o cartão de é possível saber, por exemplo, crédito/débito e liberá-lo. Há quais são as zonas frias e soluções mais so sticadas, como quentes para as vendas e, assim, a inserção de QR Codes nas gôn- de nir o melhor layout para a dolas, para ser scaneados pelos loja. A solução dispõe ainda de clientes. Quem faz isso acessa na tecnologia de reconhecimento tela do Smartphone dados adi- CRÉDITOS DAS FOTOS: DIVULGAÇÃO facial, capaz de reconhecer rostos cionais sobre o produto. lmados, o que torna possível identi car clientes habituais e oferecer a eles atendimento MAIS INFORMAÇÕES Línea-Pro: www.ipcprint.com personalizado. Shopper Gauge: www.shoppergauge.com SM Veja mais informações em www.sm.com.br, na editoria Loja.

×