Pagamento por Celular janeiro_2012

603 views
555 views

Published on

O consumidor brasileiro começa a se acostumar com a ideia de pagar as compras pelo celular. Conheça os sistemas disponíveis e as vantagens para o varejo. Matéria publicada na edição de janeiro da revista Supermercado Moderno.

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
603
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
10
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Pagamento por Celular janeiro_2012

  1. 1. tecnologia uma nova Os celulares começam a ser usados no moeda pagamento de compras e isso pode gerar transações adicionais aos supermercados.Avalie essa nova opção. TexTo fernando salles fernando.salles@sm.com.br 90 SM.coM.br | JANEIRO 2012
  2. 2. por que apostar nesse negócio O pagamento por celular vai garantir praticidade e rapidez 231 milhões de celulares existentes no Brasil, segundo a Anatel O brasileiro pode sair de casa sem o cartão, o talão de cheques ou até a carteira, mas do celular poucos se esquecem Os sistemas, em geral, são simples e consistem em levar aos celulares os meios de pagamento já oferecidos pelo varejo Viabiliza compras via SMS, a partir de catálogo de produtos ou tabloides. Ou seja, é venda adicional para o supermercado A partir deste mês, um dos sistemas de compra por celular passa a ser aceito em todo the commons o Brasil nas máquinas da Cielo, as mesmas já presentes no varejoa ceita cheque, cartão e celular. Parece estranho, mas sua equipe poderá Há três meses, essa cena já é pos- em breve oferecer o celular como forma de pagamento. Duvida? Então sível no Nordeste e, a partir de ago- imagine a situação: um executivo está no trabalho, cumprindo sua ro- ra, poderá ocorrer em todo o Bra- tina desgastante. Em outro ponto da cidade, sua esposa também re- sil. É um dos exemplos da aplicação solve tarefas profissionais na companhia em que atua. Enquanto is- do sistema Paggo, desenvolvido pelaso, na residência do casal, a empregada pensa no jantar que deixará preparado. Cielo com a operadora de telefoniaRelaciona os ingredientes da receita e caminha até um supermercado próximo. móvel Oi. As transações são feitas naAo passar no checkout, simplesmente informa o número do celular do patrão, própria máquina da Cielo, presenteque estava avisado. Sem sair da mesa de trabalho, ele recebe em sete segundos em 99% do território nacional. Valeuma mensagem de texto para que aprove a transação. No fim do dia o casal se para clientes da operadora que têmencontra em casa sem a preocupação de preparar a refeição. E o valor da com- o cartão de crédito Oi (parceria compra é cobrado na próxima fatura do cartão de crédito. Simples e rápido assim. o Banco do Brasil) ou Mastercard. JANEIRO 2012 | SM.coM.br 91
  3. 3. celulares tecnologia Supermercados podem lucrar também com recargas de crédito, que podem ser feitas de qualquer lugar, a partir do telefone celularcomo realizar a venda por celular do próprio aparelho. Para o varejista, um dos benefícios é a alta do tíque-Entenda o p rocesso de pagamento na máquina da Cielo1 2 3 te médio dessas transações. “A média de recarga paga com dinheiro nos su- InIcIe a na sequêncIa. concluIndo. permercados é de R$ 10 por cliente/ transação. Digite o número A máquina Selecione “Pagamento do celular do emitirá mensagem mês. Com a ferramenta de crédito, com celular”. cliente e o valor de aprovada esse valor sobe para R$ 36 no tercei- Na próxima tela, da compra. e imprimirá escolha a opção O cliente receberá o comprovante. ro mês”, afirma o executivo. (crédito, débito, um SMS, para No celular, o cliente Além das iniciativas disponíveis etc.) e depois confirmar a recebe um resumo marque se a compra transação digitando do comprovante no Brasil, em setembro passado foi é à vista ou parcelada. a senha no celular. de pagamento. lançado nos EUA o Google Wallet, sistema que permite utilizar smar- tphones no pagamento de compras em lojas cadastradas. A ferramenta dispensa o uso da máquina de car- O sistema opera em fase inicial, po- tui a necessidade da presença física do tão: basta aproximar o celular de umrém, para Rogério Signorini, diretor cartão no ato da compra. Pode ser usa- leitor e escolher, na tela do aparelho,de inovação e produtos emergentes da, por exemplo, pelos portadores do com qual cartão a compra será pa-da Cielo, já se percebe que a utiliza- cartão private label do supermercado. ga. Ainda não tem data para chegarção do celular é uma boa forma de ge- por aqui, mas em um País com maisrar transações adicionais. “Junto do “as redes investem na aprova- telefones móveis do que habitantes,e-commerce, o pagamento por celu- ção de crédito e no envio do cartão alguém duvida que os celulares ain-lar é o pilar dos investimentos futu- aos clientes, mas na hora da compra da se tornarão uma “nova moeda”?ros da Cielo”, garante. eles esquecem de levar”, comenta. Desenvolvedora de tecnologia pa- “Como raramente o brasileiro deixara viabilizar o pagamento por celular, de andar com o celular, basta usá-lo neSta reportageM você viu:a Freedom acredita que o varejo será para comprar”, diz Messiano. como é o pagamento por celularo principal responsável pela popula- Outra ferramenta da Freedom, o as vantagens do sIstemarização do recurso. Guilherme Mes- Top Up@cell permite que o consu- as ferramentas dIsponíveIssiano, gerente de novos negócios, ex- midor pague recargas de celular naplica que a empresa dispõe de uma fatura do cartão private label da rede. Saiba MaiS eM:ferramenta chamada Pay@cell, indi- A vantagem é que as recargas podem www.SM.cOM.brcada para supermercados. Ela substi- ser feitas de qualquer lugar, a partir92 SM.coM.br | JANEIRO 2012

×