Your SlideShare is downloading. ×
Boletim informativo   março 2012
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Boletim informativo março 2012

330
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
330
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. INFORMATIVO DE MARÇO DE 2012 Fundada a 20 de janeiro de 1998 CNPJ 02.802.540 / 0001-14 Vozes do Espírito Reuniões abertas A Natureza é minha Mãe. ao público O Universo é meu Caminho. A Eternidade é meu Reino. 3ªs Feiras A Imortalidade é minha Vida. 19:00h - Estudo do Evangelho, A Mente é meu Lar. Corrente, Passes e Água Fluidi- O Coração é meu Templo. ficada. A Verdade é meu Culto. O Amor é minha Lei. 4ªs Feiras A Forma em sí é minha Manifestação. 19:00h - Estudos Doutrinários. A Consciência é meu Guia. A Paz é meu Abrigo. “Chegaram a Cafarnaum. E estan- A Experiência é minha Escola. do ele em casa, perguntou-lhes: O Obstáculo é minha Lição. Que estáveis discutindo pelo cami- A Dificuldade é meu Estímulo. nho? A Alegria é meu Cântico. Mas eles se calaram, porque pelo A Dor é meu Aviso. caminho haviam discutido entre si A Luz é minha Realização. qual deles era o maior. O Trabalho a minha Benção. E ele, sentando-se, chamou os O Amigo é meu Companheiro. doze e lhes disse: se alguém quiser O Adversário é meu Instrutor. ser o primeiro, será o derradeiro de O Próximo é meu Irmão. todos e o servo de todos. A Luta é minha Oportunidade. Então tomou uma criança, pô-la O Passado a minha Advertência. no meio deles e, abraçando-a, disse O Presente a minha Realidade. -lhes: O Futuro a minha Promessa. Qualquer que em meu nome receber O Equilíbrio é minha Atitude. A Ordem é minha Senha. uma destas crianças, a mim me A Beleza é meu Ideal. recebe; e qualquer que me recebe a A Perfeição é o meu Destino. mim, recebe não a mim mas àquele O ESPÍRITO que me enviou.” Poema psicografado por Chico Xavier Marcos 9:33 a 37E-mail: fespiritacrista@gmail.com Blog: fespiritacrista.blogspot.com 1
  • 2. Dia 05 - 19:00h (1ª segunda-feira) - Prece pelos Desencarnados Dias 06, 13 e 20 (3ªs feiras) - 19:00h - Evangelização Dias 07 e 21 (4ªs feiras) - 19:00h - Consulta com CABOCLOS Dias 14 e 28 (4ªs feiras) - 19:00h - Consulta com PRETOS-VELHOS Dia 27 - 19:00h -Palestra - Defumação, atabaque, tattwas, chacras (introdução) Dia 30 (última sexta-feira do mês) - 19:00h -Descarga do TemploPróximos eventos beneficentes11/03 (domingo) - Chá Fraterno06/05 (domingo) - Almoço Fraterno (Feijoada) QUARESMA !!Para aqueles que não sabem, quaresma é um período de 40 dias que se iniciana quarta-feira de cinzas e termina na semana santa. É nada mais do que arepresentação dos dias de recolhimento de Jesus anteriores ao seu calvário,crucificação e ressurreição.A Quaresma é o tempo litúrgico de conversão, é tempo para nos arrepender-mos de nossos pecados e de mudarmos algo em nós para sermos melhores epoder viver mais próximos de Cristo.A Quaresma é onde nossos Orixás e Guias se recolhem em respeito a Oxalá,Orixá maior.Temos que entender que a quaresma é um período Cristão, e que nesteperíodo os espíritos do baixo astral estão a solta para nos tentar e até teremoportunidade para regenerar.Por isto, entendemos que nesta época os espíritos sem luz soltos,seaproveitam desta situação para perturbar as pessoas e influencia-lás aindamais em suas vidas.É importante compreendermos o significado deste momento e estarmos emum padrão espiritual elevado, mais apurado, mais ativo e vigilante. Nossaresponsabilidade espiritual nesse período é maior, portanto, temos queintensificar nossas orações, melhorar o nosso sentido de fé, e manifestar nossoreal sentido religioso.Muita Luz e proteção para todos nós !! Texto extraído do blogdatesa.blogspot.com 2
  • 3. Desmistificando ExuNa Umbanda, Exu não é Orixá, porque Orixá é energia emanada de Zambi (Deus), representada na terraatravés das Forças da Natureza. Orixá é potencia de Luz.A Umbanda em sua dinâmica básica lida com espíritos dos mais variados graus de evolução. As entida-des, guias e mentores que se apresentam nos terreiros exercem um trabalho incansável contra as forçastrevosas.Na Umbanda a origem de Exu está em função da necessidade de existirem guardiões, encaminhadores ecombatentes das forças trevosas. Por isso se diz que “Sem Exu não se faz nada”. Isso não porque Exunão deixa, porque é vingador, traíra ou voluntarioso como querem fazer pensar algumas lendas sobreExu, mas sim porque não há como combater forças trevosas sem defesa e proteção. Cabe a Exu o pri-meiro combate, o combate direto contra as energias que circulam no Astral Inferior. Esta é a especialida-de de Exu, pois conhece profundamente os caminhos e trilhas desse ambiente energético. É a sua fun-ção primeira, assim como a dos Caboclos e Pretos Velhos é a de nos orientar e aconselhar.Um mito a ser desfeito diz respeito a confiabilidade de Exu. Qual a lógica de Orixá e entidades de luz ocolocar como guardião, defensor se ele fosse “subornável”, se ele não fosse confiável? Não há base alguma em dizer que “Exu tanto faz o mal quanto faz o bem e depende de quem pede.Como Exu, conhecedor de segredos de magia, manipulador de magia, defensor, combatente de forçastrevosas possa ser tão imbecil a ponto de não diferenciar o bem do mal e o que é pior trair a confiançade Caboclo e Pretos Velhos?Aí vem a pergunta: “Mas eu fui num terreiro e disseram que o trabalho contra mim foi feito por um TrancaRuas”. Resposta: o trabalho foi feito por um obsessor se passando por Tranca Ruas. Aliás, obsessor sepassa por tudo, inclusive por enviado de Orixá, como Caboclo e Preto Velho.E isso acontece por causa de médiuns invigilantes. Médiuns pouco compromissados com o Astral Superi-or, médiuns e dirigentes ignorantes. Médiuns e dirigentes que buscam os terreiros de Umbanda parasatisfazer as suas baixas aspirações, como válvulas de escape para fazerem “incorporados” o que nãotem coragem de fazer de “cara limpa”! Médiuns de moral duvidosa que gritam, xingam, bebem, dançamde maneira grotesca para uma casa religiosa e imputam a Exu esses desvarios. Caso estejam realmenteincorporados estão na realidade é sofrendo a incorporação de kiumbas (que são espíritos moralmenteatrofiados ou que buscam apenas tumultuar o ambiente). Nunca um Exu ou Pomba Gira de verdade iráse prestar a um papel desses.Exus são espíritos de luz em busca de evolução. Que estão altamente compromissados com as esferassuperiores, com os guias e protetores do médium e com toda a egrégora de luz da Casa na qual o mé-dium está inserido, auxiliando no combate e encaminhamento dos espíritos que são atraídos pela corren-te de desobsessão do terreiro que fazem parte.O estágio evolutivo de Exu de Trabalho está abaixo de Caboclo e Pretos Velhos, mas isso não significaque não sejam evoluídos apenas encontram-se num estágio abaixo. Sua energia é mais densa. O quenão o impede de trabalhar conjunta e harmoniosamente com entidades mais evoluídas. Todos estãoconscientes de seus papéis e do trabalho que precisa ser realizado, além de trabalharem com um mesmoobjetivo, a Caridade!A palavra de ordem de Exu é “compromisso”! Por tudo isso ele não é e nem nunca foi traidor ou do“mal”.Exu é um grande manipulador de energias, transfigurando-se em formas diferenciadas de acordocom o ambiente em que está. Ele pode assumir sim formas rudes, entretanto ele o faz por estratégia enão por serem deformados, e muito menos eles tem chifres, rabos e pés de bode como são tão mal retra-tados nessas imagens que encontramos em casas de artigos religiosos. Detalhe importantíssimo: Exu não tem necessidade de sacrifícios de animais e despachos em encruzilha- das, porque quem “recebe” tudo isso é kiumba! Lembrando ainda que isso dentro do Ritual de Umbanda! (baseado em texto de Mãe Iassan Ayporê Pery, dirigente do Centro Espiritualista Caboclo Pery, RJ) 3
  • 4. ALCOOL, UM PASSO PARA A MORTE Um dos grandes problemas que vemos infelizmente na socie- dade é o alcoolismoque é a porta de entrada para outras drogas. Inúmeras pessoas acham que por ser uma bebida abu- sam, e quando percebem se deparam com a triste realidade do vício! A bebida alcoólica carrega um detalhe interessante, qual seja, o de ser uma das mais poderosas e destruidoras drogas a infe- licitar o ser humano, mas que, no entanto, tem livre curso oseu uso no seio da sociedade terrena. Ela é uma droga que ataca o sistema nervoso,desequilibrando-o, tal como o fazem o crack, a maconha, o LSD, a cocaína e todasas demais drogas psicoativas. Ela está ao alcance do bolso de qualquer pessoa,pois que se apresenta muito cara ou bem barata. E tudo de forma LEGAL!O organismo começa a absorção de uma pequena parcela de álcool pelo estômagoe a maior parte pelo intestino delgado. O álcool atravessa o fígado e penetra nacorrente sangüínea, alcançando o seu efeito máximo no organismo,e principalmen-te no cérebro, mais ou menos uma hora após a sua ingestão, variando de conformi-dade com os organismos e seus funcionamentos. O efeito estonteante perdura porvárias horas. Os efeitos do álcool provocam sobre o organismo, uma grande carên-cia de vitaminas (a chamada avitaminose), o que gera doenças como o raquitismo,que é carência de vitamina D, a pelagra, carência de vitamina B, e beribéri, carên-cia de vitamina B1.O uso do álcool, pelo ser humano, gera muitos contra-tempos, como: acidentes detrânsito, de trabalho e no lar; faz a pessoa alegre, galhofeira, desinibida, tornando-a digna de escárnio pois que ela não só perde o senso do ridículo mas também olimite de seus atos; faz do homem tímido e fraco um valentão que, invariavelmen-te, costuma partir para a briga, não obstante, em muitas ocasiões, mal se equilibraem pé; o ébrio costuma cair ao tropeçar nas próprias pernas; torna-se inconvenien-te, insensível, apaga-se e... morre para os amigos, porque passa a ser intolerável asua presença. Em suma, o ébrio é digno da nossa compaixão.O tóxico aqui tratado, malgrado se esconda dentro de garrafas, rótulos e de emba-lagens sofisticadas, envenena a criatura humana, provocando-lhe danos físicos ,muitos deles irreversíveis, além dos males morais que, na maioria dos casos, sãomotivos para a desestruturação de famílias, desajustes conjugais, desavenças comos filhos...As conseqüências do alcoolismo são o surgimento de problemas nasáreas familiares, sociais, psicológicas e orgânicas, estas já vistas aqui. No lar, osmembros da família se desagregam em decorrência de situações grotescas provo-cadas pelo alcoolizado. Na área social ocorre o fracasso pela perda do convíviosadio, com reflexos, também, no âmbito profissional. Psicologicamente é costumeaparecer, e de forma acentuada, o complexo de culpa cada vez que o alcoólatra seembriaga. A baixa auto-estima toma proporções alarmantes, desgastando intima-mente o viciado. 4
  • 5. O ser humano bebe porque já traz do passado propensão ao vício de beber, e como semostra, nesta reencarnação, ainda fraco de caráter, desajustado socialmente, sempossuir uma explicação lógica para a vida, busca motivos para o seu alcoolismo emvários fatores que não correspondem à verdade, alegam, por exemplo, os viciados,que bebem por causa de um amor não correspondido, por perda de emprego, pelosdesajustes familiares que enfrentam, pelos problemas financeiros com que se defron-tam, pelos momentos de angústia que se vêem obrigados a passar, etc. Nós, espíri-tas, sabemos que nada disso explica o alcoolismo, e sim o desajuste do espírito reen-carnado que, por ignorância com respeito aos valores morais da vida, buscam umasaída através do alcoolismo. Desejam esconder-se, fugir da vida e se perdem aindamais por não saberem usar a mente racional em vez da emocional.O alcoolismo pode e deve ser prevenido, bastando que se não o comece em casa, quea sociedade se esforce por não justificá-lo com o "beber socialmente", e que se ofere-ça a todos uma vivência religiosa que fale, com logicidade, ao entendimento. Só es-tes fatores quando bem trabalhados, podem curar o alcoolismo da vida terrena. Oalcoólatra necessita de esclarecimento, precisa conhecer as verdadeiras origens desua compulsão ao álcool, as suas limitações e saber que se pode integrar à vida, levaruma existência feliz, ser uma pessoa alegre sem o álcool circulando em suas veias.Sem a busca do auto-conhecimento, sem a compreensão da vida em seu duplo aspec-to - material e espiritual -, fica muito difícil a pessoa deixar o vício. Acima de todainiciativa para que o alcoólatra deixe o vício, necessário trabalhar sua vontade, oquerer livrar-se do vício. A sua participação no processo de cura é fundamental.Como é do conhecimento espírita que nunca estamos sós, há, junto do alcoólatra. umagravante que ele desconhece: a presença de espíritos também viciados em álcoolque o acompanham e o incentivam no vício. Esses desencarnados estão sempre aolado dos "amigos de bar", daqueles que estão sempre dizendo "vamos tomar uma?"São exatamente os mesmos que fogem, que deixam de ser os "amigos" quando oviciado manifesta o desejo de mudar o comportamento, optando por uma condutasóbria.O evangelho é o mais eficiente medicamento para todo e qualquer mal que acometeo ser humano, sendo que o Espiritismo é o recurso que deve ser usado na obtençãoda cura do alcoolismo porque incita fraternalmente, sem imposição, à mudança dehábitos e a uma nova visão da vida.Neste momento temos que além de propiciar o tratamento dessas pessoas que sãodoentes, orientarmos a esses doentes, a terem Fé pois, Jesus assim disse: Vinde amim,todos os que estais cansados e sobrecarregados,eu vos aliviarei. Tomai so-bre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de cora-ção;e acharei descanso para a vossa alma. Texto extraído do blogamigoespirita.blogspot.com 5
  • 6. RessentimentoSim, você recebeu um tratamento péssimo daquele cliente, daquele namora-do, do professor, do seu marido, dos seus pais, dos seus filhos, dos vizinhos,do seu chefe, dos seus colegas, dos amigos, críticos, do cachorro...Você tem toda razão em ter sentido mágoa, tristeza e desapontamento quan-do isso aconteceu.Mas sentir tais coisas só tem lógica se for naquele momento. Nunca mais. Sevocê está, ainda hoje, sentindo essa decepção, essa tristeza, essa mágoacom outra pessoa, então você está ressentido, com ela.Veja com atenção o significado da palavra ressentimento:RE-SENTIMENTO. Sentir novamente; Sentir infinitamente, para alguns.Qual a razão de usar sua mente e seu coração para sentir novamente coisasruins, fragilidades e decepções?Sentir coisas ruins novamente não tem absolutamente nenhuma função, ex-ceto prender você ao passado e tornar você uma eterna vítima de alguémque nem mesmo está tentando prejudicar você mais.Ao guardar qualquer ressentimento você está se acorrentando a alguém quelhe fez mal, mesmo que essa pessoa não queira mais isso. Você está re-sentindo a dor que só existe em sua memória. A outra pessoa, por pior quetenha sido, não será prejudicada por seu ressentimento. Mas você será.Você desperdiçará momentos únicos das suas vinte e quatro horas para pe-gar o punhal que alguém usou contra você há semanas, meses, anos ou dé-cadas atrás e, acredite ou não, você mesmo estará se apunhalando dia-após-dia, com seu re-sentimentoSe o caso for tão grave que tenha que ser resolvido em tribunais, deixe advo-gados cuidando disso e se concentre em sua vida e sua felicidade. Não caiana armadilha do ressentimento.Viva o momento que estiver vivendo. Esqueça as coisas ruins do passado.Ele não existe mais.E, se mesmo com toda a lógica do mundo, você ainda estiver "sentindo re-sentimento" e mágoa de alguém, lembre-se do que disse William Shakespea-re:"Guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outrapessoa morra". 6
  • 7. Chá Fraterno No dia 11 (domingo) deste mês, a partir das 16 horas, não perca o Chá Fraterno que será realizado nas dependências da FEC. Este e- vento tem por finalidade arrecadar fundos para a realização de nossas obras sociais, além de ajudar na manutenção da nossa casa. Quem puder e estiver interessado em colabo- rar e participar, o convite se encontra disponí- vel na secretaria da FEC. Contamos com a presença de todos ! No dia 27 deste mês, teremos na FEC, a palestra de Demóstenes D. Bezerra Júnior com o tema Defumação, atabaque, tattwas, chacras (introdução) Não percam, contamos com a sua presença. Compareça , a entrada é franca.INFORMAÇÕES:O irmão que se interessar em receber o nosso informativo por e-mail, envie-nos os se-guintes dados: Nome, Ano de Nascimento, Sexo, Estado/Município e o e-mail no qualdeseja receber o informativo.É importante saber que a FEC não é mantida por nenhum Órgão Público ou EntidadePrivada. Com isso conta apenas com a colaboração e com as doações de freqüentadores.Quer fazer parte de nossa Fraternidade como Sócio Benemérito? É muito fácil.Então, procure-nos na Secretaria da FEC para maiores esclarecimentos e seja bem-vindo.AGUARDAMOS SUA VISITA! 7
  • 8. ATIVIDADES REALIZADAS: ATENDIMENTO FRATERNALVisita dos irmãos da casa direcionada aos enfermos, impedidos de se locomoverem,convalescentes de cirurgias, acamados, hospitalizados ou que perderam um ente queri-do recentemente, que desejarem receber uma leitura reconfortante do Evangelho, Flui-dificação da água e aplicação de passes magnéticos.Será realizada aos finais de semana - sábados ou domingos - a partir das 15:00h, a seragendado na administração da casa ou pela irmã Angelina, informando nome, endereçoe telefone da residência, com um ponto de referência.Obs: pedimos que somente sejam solicitadas visitas a pessoas que sejam simpatizantesdo Espiritismo, para que não haja nenhum constrangimento por parte das famílias e dosmédiuns visitantes. TRATAMENTO COMPLEMENTAR: REIKI / CROMOTERAPIA / SHIATSUOBS: Somente com autorização da direção espiritual da FEC CONSULTA MÉDICA (Clínica Geral)Realizada todas às terças-feiras às 19:00h pelo Dr. Paulo Cesar CAMPANHA DO AGASALHOAjude ao seu semelhante a não sentir tanto frio. Aceitamos doações de mantas, cober-tores, etc. CAMPANHA DO QUILOSempre que possível, ao fazer-nos uma visita, traga 1 kg de alimento não perecível,pois fazemos entrega de cestas básicas aos necessitados.Caros irmãos, estamos solicitando a ajuda de todos na doação dealimentos não perecíveis, fraldas geriátricas, material de limpeza ehigiene pessoal, maisena ou similar, material para curativos e po-mada Hipoglóss ou similar, que serão enviados ao asilo Mansão daEsperança..“AJUDAR É UM BENEFÍCIO, MAIS PARA SI DO QUE PARA QUEM RECEBE”NOSSOS AGRADECIMENTOSDesde já agradecemos a todos os nossos colaboradores a atenção dispensada.O nosso agradecimento a Loja Maçônica Treze de Maio e ao seu Departamento Femi-nino “Musas”, que têm contribuído para aquisição de mantimentos para compor acesta básica das famílias carentes de nossa comunidade e assistidas pela FEC .QUERIDOS IRMÃOS / IRMÃSPor favor, NÃO VENHAM de bermuda, camiseta, short, vestido curto, saia curta oublusa decotada.Av. Estácio de Sá, L32 - Q17 - Pq. Novo Rio - São João de Meriti / RJ CEP: 25585-000 - Tel.: (021) 2652-4863 8

×